1. Usuário
Assine o Estadão
assine
quarta-feira 14/08/13

Maioria dos brasileiros acha que país está no rumo errado

Pela primeira vez em seis anos, mais brasileiros acham que o país está no rumo errado (58%) do que no rumo certo (42%). A inversão da opinião pública aconteceu em junho, após a série de manifestações de rua, e se manteve em julho, segundo histórico de pesquisas nacionais do instituto Ipsos. Foi uma reversão abrupta,

Ler post
segunda-feira 24/06/13

O pós-protesto

Mesmo antes de o gás lacrimôgenio baixar, algumas consequências da onda de manifestações são visíveis. A saber: 1) Dilma Rousseff está pagando o pato. A presidente não era o alvo das manifestações tempestivas, mas virou seu para-raios. Sua popularidade caiu e continua caindo. No IndiPop do Estadão Dados, que faz uma média de pesquisas de

Ler post
quarta-feira 16/01/13

O escárnio adjunto

O que separa um aviso bem intencionado do escárnio, às vezes, é uma só palavra, um adjunto em excesso. Tome-se o caso da Linha 4 do Metrô paulistano. Segundo reportagem do Estadão.com.br, dizem os auto-falantes dos trens nos horários de pico: “Se não conseguir desembarcar na estação de destino, siga até a próxima estação e

Ler post
domingo 06/01/13

Chavismo, lulismo e El Cid

Eles foram populistas populares na mesma época e, de tanto poder, intitularam livros que juntaram um “ismo” ao final de seus nomes. O sufixo implica um líder acima dos partidos conduzindo multidões anos a fio. Ambos lideraram movimentos populares, mas quão duradouros? Por vias diversas, os legados de Hugo Chávez e Luiz Inácio Lula da

Ler post
quarta-feira 16/05/12

Da Leinfo ao Basômetro

Muito antes que alguém formulasse o chavão -informação é poder-, o poder já controlava a informação. Desde sempre e o quanto fosse possível. Para perpetuar-se, esse controle foi se adequando às mudanças sociais e às novas tecnologias. Enquanto ninguém sabia ler e não havia meios de comunicação de massa, perdurou o monopólio da informação, por

Ler post
domingo 13/05/12

“Caudismo”

Captura de Tela 2012-05-13 às 20.07.18

A maioria dos partidos brasileiros sofre de “caudismo” crônico. A divergência entre seus deputados é tão grande que a cauda formada pelos dissonantes é mais pesada do que o corpo partidário. Se fossem répteis, essas siglas seriam serpentes. A dispersão dos votos dos deputados de um mesmo partido começa no mais desapegado governismo e termina

Ler post
segunda-feira 26/03/12

Afogando em dados

A partir de maio, os governos federal, estadual e municipal, além do Legislativo e do Judiciário, estarão sujeitos à nova Lei de Acesso à Informação Pública. Nada que não for classificado oficialmente como segredo de Estado poderá ser ocultado da população. Ao mesmo tempo, pululam sites oficiais com os chamados “dados abertos”, em cópia a

Ler post
quinta-feira 01/03/12

Vara curta – Crivella não pesca votos que o governo pretende

Há no Brasil uma instituição ainda mais -digamos- diversificada do que os partidos políticos: as igrejas evangélicas. Elas se multiplicam à razão dos seus seguidores, o que já é uma vantagem comparativa em relação às agremiações partidárias, onde abundam cardeais e faltam fiéis. Num bairro de uma grande cidade brasileiras cabem centenas de igrejas. No

Ler post
quarta-feira 29/02/12

Popularidade presidencial segue confiança do consumidor

Na falta de uma pesquisa mensal e pública sobre a quantas anda a popularidade presidencial, o melhor proxy -indicador por aproximação- disponível é o Índice de Confiança do Consumidor (Inec) da CNI/Ibope. Ele guarda uma forte correlação estatística com a aprovação do presidente de plantão. Assim, a leve queda do Inec de fevereiro é má

Ler post
sábado 17/12/11

Consumidor confiante ainda explica popularidade de Dilma

Enquanto a confiança do consumidor estiver em alta, é improvável que a popularidade do governo mova-se no sentido contrário. Antes de a aprovação de Dilma Rousseff subir, cresceu o Índice de Expectativa do Consumidor (Inec) medido pela mesma dupla CNI/Ibope que aferiu a popularidade presidencial. Quando o bolso está cheio, outros problemas, como notícias de

Ler post