Estado.com.br
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
Trágico e Cômico
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

As mudanças cosméticas de Haddad e o cinismo de Kassab

Categoria: Eleições 2012

Antes de fazer meu comentário político do dia, todos já devem ter visto que o JT vai fechar e, por consequência, este blog terá o mesmo destino. Esta é, portanto, a última charge sobre política, mas este não será o último post. Amanhã farei aqui a despedida que todos merecem. Foram 5 anos de humor e críticas no jornal, dos quais metade pude compartilhar com vocês aqui no blog. Durante esse período, tentei pegar o maior número de políticos para colocá-los no mesmo saco de gatos. Serra, Lula, Sarney, Alckmin, Maluf, Dirceu, todos foram contemplados. Mas nenhum sofreu tanto na minha mão quanto Gilberto Kassab. De 2011 para cá, dirigi a ele críticas pesadas, mas justas, no meu modo de entender — tanto que a população confirmou esse sentimento, reprovando-o nas urnas. Com o agravamento dos problemas da cidade se somando à fundação dessa anomalia chamada PSD, aos incentivos fiscais e todas as politicagens do Itaquerão e às constantes proibições por toda a cidade. Em seus dois últimos anos de governo, Kassab mostrou exatamente o que ele é e espero que a população não se esqueça disso em futuros pleitos.

Sobre a pauta do dia, me perguntaram pelo Twitter sobre eventuais mudanças na cidade de São Paulo, agora que Haddad foi eleito. Bom, dá pra contar com algumas, pois são promessas de campanha relativamente fáceis de cumprir, como o fim da taxa de inspeção veicular, o bilhete único mensal, a desmilitarização das sub-prefeituras e o fim dessas proibições absurdas do Kassab. Mas, como resultado prático, teremos apenas uma maquiagem de uma cidade um pouco mais tolerante, com mudanças pontuais e cosméticas. De resto, não esperem por uma revolução, pois o que prevalecerá será a mesma incompetência, burocracia e fisiologismo de sempre. Sem falar da violência e dos incontornáveis problemas na saúde, educação, transporte e moradia.

Mas, falando em fisiologismo, além do Maluf mordendo cargos, assistiremos também ao nosso atual prefeito pulando a trincheira partidária (já que a ideológica não existe mais). Agora que ele ficará sem mandato — e com Serra fora da jogada —, comenta-se que Kassab assumirá um ministério ainda em 2013. Nada mais previsível, vindo de uma figura desprezível como essa, que joga na política de acordo com a conveniência.

Bom, é isso. Não estarei aqui para criticar a próxima gestão, portanto conto com o senso crítico de vocês. Amanhã temos o nosso último encontro, com um post especial sobre o nosso querido Dotô Paulo Maluf. Até lá.

6 Comentários Comente também
  1. Enviado por: Paulo Silva

    Puxa que pena Diogo.
    Minhas manhas ficarao orfas, ja que leio seu blog diariamente.

    Voce ja tem outro lugar que fará charges ? tem blog pessoal ?

    Voce critica diretamente ambas coalizoes, nao havendo influencia partidária. Isso é muito bom, pois nós que acompanhamos politica indiretamente, nao sabemos muitas vezes o que acontece nos meandros dessas alianças.

    Acredito que seu grande ponto forte alem da analise é que voce é um grande defensor do Correto em relacao a maquina burocrática, e voce luta por ela, e se revolta pela bandalheira.

    Se cada um de nós (povo) agissemos como voce, o pais estaria em melhor situação sem duvida.

    Um abraço,

    • Enviado por: Diogo Salles

      Paulo, obrigado pelo comentário e pelas visitas diárias.

      Não tenho como te dizer sobre o futuro, porque nem eu mesmo sei qual será.

      Quanto ao blog, pretendo fazer a migração do conteúdo e deixá-lo online, pois além de ser meu portifolio, pode servir para futuras consultas.

      Forte abraço
      Diogo

  2. Enviado por: Marcos Bonilha

    Pena que vai acabar, amanhã a despedida…

    Diogão, se puder, não diariamente, mas, quem sabe semanalmente, continuar com esse espaço. Não sei se “Trágico e Cômico” pertence ao Estadão, mas podia continuar com o blog.

    Sério, das melhores coisas daqui.

    Abs e aguardo a despedida.

    • Enviado por: Diogo Salles

      Bonilha, a migração é algo que quero mesmo fazer, mas não estou a fim de continuar, não.

      Acho que é hora de deixar o trabalho “descansar” um pouco na web.

      abs
      Diogo

  3. Enviado por: Daiane

    Poxa vida fiquei triste de verdade adoro seu blog Diogo a sua forma de criticar e única vc nos diverti expondo a verdade.Desejo boa sorte em tudo o que for fazer daqui pra frente vc tem talento e verdade em tudo que escreve e merece ser reconhecido sempre. Abraço

    • Enviado por: Diogo Salles

      Daiane, obrigado por acompanhar a saga tragicômica!

      abs
      Diogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*


Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>