1
Start

Site Itaro recebe nova rodada de investimento e vai expandir para o México

Jan Riehle, da Ítaro, foi atrás de fundos internacionais para nova rodada de investimento. FOTO: Divulgação

O e-commerce de pneus, acessórios e peças automotivas Itaro recebeu um aporte de investimento  Série A (entre R$ 3 milhões e R$ 5 milhões), em rodada  liderada pelo fundo brasileiro Astella Investimentos e com participação de fundos estrangeiros: o russo Simile, o ucrâniano TA Ventures, o mexicano VARIV e o argentino IG Angels.

:::Siga o Start no Twitter: @StartEstadao:::

Com o capital, a empresa pretende ampliar sua atuação no cenário brasileiro –  são 500 oficinas parceiras em todo o País e a meta é duplicar esse número até o final do ano –, aumentar as opções de produtos nas categorias acessórios e peças para carros e lançar novos serviços. “Pretendemos oferecer informação e consultoria, produtos como pneus, acessórios e peças automotivas, e serviço de instalação em oficinas conveniadas, além de serviços de emergência, reparos e seguro”, me contou Jan Riehle, CEO da Ítaro.

A startup também está investindo em novas tecnologias, na aquisição de um concorrente e na abertura de um escritório no México. Riehle disse que a nova operação é o começo de uma expansão para o mercado latino-americano, mas que a chegada para outros países não deve ser tão rápida. “Por enquanto, vemos bastante potencial no Brasil e estamos animados em sermos o primeiro player desse segmento”, afirmou.

A Itaro não é o principal investidor da filial no México e a maior parte do capital para a nova operação é dos investidores da empresa, segundo Riehle. Mas se for para escolher um potencial  próximo destino para uma futura expansão, o empreendedor cita a Colômbia,  um mercado “interessante”, nas palavras dele.

Na parte tecnológica, a Itaro desenvolveu um novo portal e agora trabalha na criação de uma solução que permita a busca de oficinas por meio de geolocalização e a combinação automática entre produtos e carros.

Me chamou a atenção o fato dos fundos participantes da rodada serem de países tão diferentes. Riehle explica dizendo que o mercado de investimento em startups de e-commerce no Brasil está muito imaturo. “De fato, só existem 2 ou 3 fundos no mercado que entendem algo sobre e-commerce. Especialmente nos últimos dois anos, quase ninguém no mercado nacional quis investir em e-commerce porque outros investidores que investiram em empresas fracas em 2011 não viram resultados”, diz. “Assim, uma empresa que quer trabalhar com investidores profissionais não tem muita escolha, ela também precisa atrair investidores de fora do País”, diz.

Fundada em 2012, a Itaro tem 35 funcionários e faturou R$ 10 milhões no ano passado. A meta é fechar 2014 com um faturamento de R$ 30 milhões.

________

Mais aportes.
A semana foi cheia de notícias de novos investimentos. Quem também recebeu um aporte foi a plataforma brasileira que intermedeia o contato entre designers e pequenas e médias empresas Logovia. A rodada foi liderada pela Initial Capital junto a Rising Ventures e Beberibe Ventures. Um novo investidor-anjo entrou para o negócio: Helmut Harz, CEO do ClickON na Argentina. A rodada tem o objetivo de auxiliar no ganho de escala da Logovia.

A plataforma SitePX de criação de sites também recebeu um investimento de R$ 3 milhões da Sul! Internet. O valor será destinado a melhorar a plataforma com novos recursos de design, loja virtual própria e iniciar ainda este ano a expansão da atuação da empresa para a América Latina.