Direto da Fonte | Sonia Racy
  1. Usuário
Blogs

Sonia Racy

Assine o Estadão
assine

Nova fase

05.agosto.2015 | 12:10

Semana que vem, a placa do Centro de Cultura Judaica, na Oscar Freire, dará lugar à da Unibes Cultural. Cuja primeira exposição, Diálogo no Escuro, que abre dia 17, já foi vista por mais de 8 milhões de pessoas em 32 países.

 

Sem Comentários | Comente

RIO VERDE EM 2016?

05.agosto.2015 | 12:01

Faltando exatamente um ano para abertura da Olimpíada do Rio, Tânia Braga, gerente-geral de Sustentabilidade dos Jogos, tem, hoje, o que comemorar: “Os resultados já estão aparecendo e estamos felizes com a reação dos empresários”. Responsável pelo tema no Comitê Organizador desde 2012, a economista e ambientalista falou à coluna e destacou que é possível, sim, “inspirar mudanças e uma visão sustentável” desse evento. “Só atuamos com quem dá condições dignas de trabalho”, resumiu sobre a tarefa que comanda com uma equipe de 12 pessoas.

Como vocês estão lidando com a sustentabilidade na Rio 2016?

Organizar a primeira Olimpíada na América do Sul não é fácil – mas está sendo desafiador e estimulante. Vamos aproveitar a paixão pelo esporte para provocar transformações no comportamento das pessoas. A responsabilidade social e ambiental estará presente em todas as etapas.

De que maneira?

Planejando com cuidado, evitando desperdícios, só comprando de fornecedores responsáveis, usando ações inteligentes na construção civil, por exemplo. Na área ambiental, cuidamos para que as estruturas temporárias (tendas, containers, arquibancadas, palcos) que colocamos nos locais de competição não prejudiquem a flora e a fauna.

De que forma os empresários estão reagindo?

Notamos que o incentivo à sustentabilidade no processo de compras tem um efeito em cascata. Ainda que seja complicado capacitar tantos fornecedores, o resultado está aparecendo. Estamos satisfeitos com esse comportamento e o envolvimento dos empresários.

Quanta gente trabalha nisso? Vocês utilizam experiências de outras Olimpíadas?

Temos 12 pessoas no grupo. Uma delas trabalhou nos Jogos de Londres, outra em uma fundação internacional que forma gestores esportivos. Os demais têm grande experiência no setor privado.

Quais os critérios negociados com os fornecedores?

Nossos fornecedores devem unir os fatores preço, qualidade e sustentabilidade. Queremos incentivá-los a participar das concorrências e garantir a competitividade. Só trabalhamos com quem dá condições dignas de trabalho. Analisamos o histórico de cada um. Fazemos visitas e auditorias quando necessário.

Há uma meta mínima?

De modo geral, os Jogos podem ser um start para novos comportamentos sustentáveis. Nada disso faria sentido se não pensássemos na mudança que a Olimpíada pode provocar nas pessoas./ GABRIEL MANZANO

Sem Comentários | Comente

Na Frente

04.agosto.2015 | 11:57

É hoje a inauguração da Leica Gallery, com a mostra Del Mondo – de Andy Summers, e curadoria de Karin Rehn-Kaufmann. Em Higienópolis.

Também será inaugurado hoje o Espaço Bossa. No Shopping Cidade Jardim.

Giovanna Antonelli arma seu tradicional bazar, de hoje até sábado, no Hotel Tivoli.

Iraí Campos abre as portas da TH Hall, nova casa de eventos. Amanhã, no Itaim.

Correção: Ivan Ramalho nega que esteja saindo do Ministério do Desenvolvimento ou que se desentendeu com o ministro. O secretário está de licença médica, segundo ele.

Sem Comentários | Comente

Limpeza em alta

04.agosto.2015 | 1:03

 Surpresa, no governo Alckmin, com o relatório final das 18 audiências públicas sobre o Plano Plurianual 2016-2019 e a Lei Orçamentária, apresentado ontem. O item “Gestão pública eficiente e combate à corrupção” superou, na avaliação dos paulistas, outros de peso como “Acesso à água potável” e “Geração de emprego e renda”.

Limpeza 2

Na pesquisa, de que participaram mais de 21 mil pessoas, entre maio e julho, a boa gestão e o combate aos corruptos foram a terceira maior prioridade, só atrás de educação e saúde. Para o ouvidor-geral Gustavo Ungaro, “é uma importante mudança na forma de avaliar a administração”.

 

Sem Comentários | Comente

Voo cancelado

04.agosto.2015 | 12:48

A defesa de José Dirceu esperava para a semana que vem, e não para ontem, a prisão do ex-ministro. Roberto Podval teve de cancelar viagem à Europa, onde ficaria três dias.

 

Sem Comentários | Comente