1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Hotel que hospedará seleção canarinho recebeu investimento de R$ 9 milhões

Seleção Universitária

quinta-feira 26/06/14

Ouro Minas ‘abrasileirou’ fachada e quartos; delegações da Costa Rica, Bélgica e Colômbia estiveram no estabelecimento nesta Copa

Ouro Minas ‘abrasileirou’ fachada e quartos; delegações da Costa Rica, Bélgica e Colômbia estiveram no estabelecimento nesta Copa

 

Gabriel Gama – especial para O Estado de S. Paulo

BELO HORIZONTE – A delegação brasileira ficará apenas duas noites hospedada no Hotel Ouro Minas para o jogo contra o Chile, que acontecerá no sábado, 28, às 13h, no Mineirão. Apesar do pouco tempo de estadia, o estabelecimento terminou no início do mês duas obras de revitalização com o intuito de tornar o local com a cara da seleção canarinho. A primeira foi a iluminação da fachada principal com as cores verde e amarelo e a segunda foi uma decoração estilo mineira de 133 dos 301 quartos disponíveis.

O investimento total custou R$ 9 milhões e ainda inclui outras melhorias nas áreas de lazer, restaurante e no espaço multiuso.

A sete quilômetros do Mineirão, o Ouro Minas, localizado no bairro Ipiranga, região nordeste da cidade, foi o mesmo hotel que a seleção brasileira ficou um ano atrás quando veio a BH disputar a semifinal da Copa das Confederações, contra o Uruguai. Neste Mundial, o local abrigou as delegações da Costa Rica, da Bélgica e da Colômbia, seleções mandantes de seus jogos.

Em contato com a Seleção Universitária, a gerência do hotel não revelou detalhes da preparação para a receber a delegação, alegando que as informações são confidenciais.

Programação. O voo da seleção brasileira sai do aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira, 26, às 19h30, e tem chegada prevista à capital mineira para as 21h. Na sexta-feira, 27, a programação prevê uma coletiva no Mineirão, às 11h30, e depois, às 13h, um único treino antes da partida decisiva de sábado, no campo do Sesc Venda Nova.

A Fifa proibiu o reconhecimento do gramado do Mineirão. No dia do jogo, a delegação deve sair do hotel rumo ao estádio por volta das 11h. Logo após a partida, a delegação retorna para o Rio de Janeiro. O voo de volta está marcado para as 17h30.

Escolta. Integrantes do Batalhão Copa da Polícia Militar de Minas Gerais ficarão responsáveis pela segurança da delegação no aeroporto de Confins. Já no trajeto até o hotel, a escolta será feita por agentes da polícia federal com viaturas ostensivas e auxiliados por batedores da polícia militar e da polícia rodoviária federal. Segundo balanço parcial divulgado pela PM, a corporação já realizou 34 auxílios no deslocamento de delegações, 25 de transporte de materiais, 16 para o traslado de árbitros e outros 15 deslocamentos de autoridades da Fifa.