1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Confira o que abre e o que fecha no País durante a Copa

Seleção Universitária

quinta-feira 12/06/14

Na estreia do Brasil na Copa, dozes cidades devem parar para ver o jogo

Na estreia do Brasil na Copa, dozes cidades devem parar para ver o jogo

Centro Histórico de Salvador, no Pelourinho, está enfeitado para Copa do Mundo (Luiz Fernando Teixeira/Seleção Universitária)

 

Adilson Chinna, Alexandre Senechal, Bruna Chagas, Emanuel Leite Jr, Gabriel Gama, Jorge Macedo, Lara Monsores, Luan Xavier, Lucas Oliveira, Luiz Fernando Teixeira, Lyvia Rocha e Pedro Hallack – especial para o Estado de S. Paulo

BRASÍLIA, BELO HORIZINTE, CUIABÁ, CURITIBA,  FORTALEZA, MANAUS, NATAL, PORTO ALEGRE, RECIFE, RIO DE JANEIRO, SALVADOR, SÃO PAULO – A 20ª Copa do Mundo começa nesta quinta-feira, 12, em 12 capitais brasileiras. Cada cidade-sede definiu o que abre e o que fecha durante os 32 dias do torneio. Confira.

Brasília

Sede de sete jogos do mundial, diversos serviços em Brasília funcionarão em regime especial durante a Copa. O governo do Distrito Federal decretou ponto facultativo para cerca de 210 mil funcionários do quadro da administração local em 23, 26 e 30 de junho, dias úteis em que o estádio Mané Garrincha receberá partidas do torneio.

Na abertura da Copa, em 12 de junho, quando o Brasil enfrenta a Croácia, e na partida da seleção no dia 17 contra o México, em Fortaleza, o expediente de quem trabalha no governo se encerrará ao meio-dia. Os setores de atendimento à comunidade seguirão escalas de plantão para garantir a prestação dos serviços.

Já o comércio da capital federal fechará suas portas uma hora antes do início das partidas quando a seleção brasileira estiver em campo. A medida vale para todos os estabelecimentos em ruas e shoppings. Durante os demais jogos, as lojas funcionarão em horário normal, das 9h às 22h, mesmo quando a cidade sediar algum confronto.

Quem também poderá acompanhar o Brasil em campo serão os alunos da rede pública de ensino. As aulas dos 472 mil estudantes tiveram o início antecipado para 5 de fevereiro. Os jovens entrarão de férias amanhã, 12, e retomam as atividades em 14 de julho, um dia após a final da Copa.

Belo Horizonte

Serviços e locais públicos administrados pela prefeitura de Belo Horizonte terão alguns horários alterados.

Nos jogos da seleção brasileira na primeira fase, que acontecem nos dias 12, 17 e 23 de junho, o trabalho dos servidores públicos da capital mineira se encerra três horas antes dos jogos. Nos dias de jogos no Mineirão e que não envolvem a seleção, o horário será normal. A cidade só volta a ter ponto facultativo no dia 8 de julho, quando a cidade recebe uma das semifinais do torneio. Caso o Brasil jogue esta fase, o expediente se encerra cinco horas antes.

Os serviços e locais públicos que terão que cumprir esta escala de horário são a Superintendência de Limpeza Urbana (SLU), os museus, os parques municipais e os zoológicos. Quanto ao comércio de rua e shoppings centers, os estabelecimentos funcionarão normalmente durante a Copa. Já as unidades dos bancos, nos dias de jogos da seleção, funcionarão das 8h30 às 12h30. Nos dias de outras partidas, o funcionamento será normal.

Cuiabá

Os comércio de Cuiabá será fechado apenas uma hora antes do jogo da seleção brasileira, reabrindo uma hora depois. “Entendemos que ponto facultativo aplica-se aos órgãos públicos, não aos comerciantes que podem optar por dispensar ou não seus funcionários”, afirmou o advogado da Câmara de Dirigentes Lojistas da capital, Otacílio Peron.

Já os órgãos públicos no Estado funcionarão entre as 7h30 às 13h30 (horário local) durante os jogos da seleção brasileira. Nos dias dos jogos das outras seleções, o ponto será facultativo em Cuiabá e Várzea Grande. Os órgãos com serviços considerados essenciais como segurança e saúde.

Curitiba

Na capital paranaense, não haverá nenhum feriado durante a Copa do Mundo. Nas quatro datas em que a Arena da Baixada recebe jogos, (16, 20, 23 e 26 de junho), a Câmara dos Vereadores estabeleceu ponto facultativo no período da tarde. Portanto, empresas podem decidir se vão ou não liberar os funcionários no horário das partidas.

As escolas municipais tiveram a oportunidade de alterar o calendário acadêmico e muitas delas estabeleceram o período de férias de inverno durante o Mundial. Já nas repartições estaduais, o Governo do Estado decidiu que nos dias de jogos do Brasil o horário de funcionamento acontece apenas até à uma hora da tarde.

Os bancos funcionam normalmente nos dias de jogos na cidade e até às 12h30 em dia de jogos da seleção.

Fortaleza

O comércio da capital cearense terá o funcionamento normal nesta quinta-feira, 12. O decreto foi da Prefeitura Municipal de Fortaleza, que não decidiu pelo feriado nos dias de jogos da seleção brasileira. O único feriado na cidade será no dia 17, quando o Brasil joga na Arena Castelão. Nos jogos da seleção brasileira em outras cidades-sede, o município optou pelo ponto facultativo a partir do meio-dia.

Os bancos não funcionarão nos dias de jogos durante a semana, quando realizados na Arena. Os supermercados abrirão normalmente em dias de jogos. Somente nos horários das partidas do Brasil o funcionamento será facultativo, de acordo com a Associação Cearense de Supermercados (Acesu). Por outro lado, os postos de saúde não irão funcionar em dias dos jogos da Seleção Brasileira, independente da cidade.

Manaus

A capital do Amazonas decretou ponto facultativo em dias de jogos na Arena Amazônia (14, 18, 22 e 25 de junho) e em dias de jogos da seleção brasileira. Quando o Brasil entrar em campo (12, 17 e 23 de junho) o expediente nos órgãos públicos estaduais e municipais será suspenso a partir das 12h. O mesmo decreto determina que não haverá expediente no dia 19 de junho, uma quinta-feira, em razão do feriado religioso de Corpus Christi.

Em dias de jogos do Brasil, os supermercados e lojas nos shoppings fecham uma hora antes dos jogos e reabrem uma hora após o fim da partida. Os comerciantes das lojas centrais e dos bairros optaram pela escala de seis horas em dias de jogo da seleção brasileira. Em dias de jogos na capital amazonense supermercados e os Shoppings funcionam em horário normal.

Os bancos devem funcionar de 8h30 até as 12h30, de acordo com a Federação Brasileira de Bancos.

Natal

As repartições públicas municipais decretaram que nos jogos da seleção brasileira o expediente será encerrado às 13h. As repartições estaduais terão expediente até as 12h. Em dias de jogos na cidade, o poder público determinou ponto facultativo nas repartições municipais e estaduais.

Todos os supermercados e hipermercados da capital do Rio Grande do Norte manterão as atividades durante os jogos na Arena das Dunas. As portas só serão fechadas 30 minutos antes e reabrirão 30 minutos após os jogos do Brasil. Alguns shoppings também resolveram mudar o funcionamento apenas durante jogos do selecionado canarinho: fecham uma hora antes e reabrem uma hora depois da partida. Bancos funcionarão durante quatro horas (8h30 às 12h30).

Recife

O governo de Pernambuco decretou ponto facultativo nas repartições públicas nas datas dos jogos na Arena Pernambuco em dias úteis (20, 23 e 26 de junho). Tal medida foi estendida para os dias de partidas do Brasil. Além dos órgãos públicos e das entidades da administração direta estadual, os bancos também vão funcionar em horário diferenciado, bem como o comércio de rua e os shoppings.

No Centro do Recife e nos bairros da cidade, a maioria das lojas devem fechar uma hora hora antes do jogo e não reabrirão após a partida. Os seis shoppings da cidade fecharão 30 minutos antes do jogo e voltam a funcionar normalmente 30 minutos após o término da partida. Quem precisar ir a alguma agência bancária, terá que se apressar. De acordo com recomendação do Banco Central, os bancos estarão abertos das 8h30 às 12h30.

A prefeitura do Recife informou que os mercados públicos devem funcionar normalmente. A ideia é fazer com que os mercados se tornem espaços de convivência e confraternização. Entretanto, o horário de fechamento e encerramento das atividades fica a critério dos responsáveis pelos boxes.

Rio de Janeiro

Os serviços essenciais, como postos de saúde e hospitais públicos e privados, e também o transporte público terão funcionamento normal nesta quinta-feira, 12, dia da abertura da Copa do Mundo. Apesar de não ser feriado nesta data, alguns estabelecimentos terão abertura parcial, como os bancos e órgãos públicos, que funcionarão das 8h30 às 12h30.

No comércio em geral, será facultativo o fechamento das lojas durante o jogo. A maioria dos shoppings centers fecharão as portas, pelo menos, uma hora antes do início da partida e reabrirão até uma hora depois do término do jogo.

O calendário escolar também foi alterado e os alunos das escolas municipais estarão de férias a partir desta quinta e só retornarão às aulas no dia 27 de junho. O mesmo vale para as escolas estaduais, que manterão o recesso escolar até o dia 11 de julho.

Salvador

A rotina dos soteropolitanos deve mudar nos dias de jogos da seleção brasileira ou partidas disputadas na Arena Fonte Nova. Serviços da prefeitura terão funcionamento das 8h às 14h em dias de jogos do Brasil, e das 8h às 12h nos dias de jogos na Fonte Nova, sendo completamente suspensos nos dias 16 e 25 de junho.

Os shopping centers abrirão normalmente em dias de jogos em Salvador, mas terão horários diferenciados quando o Brasil entrar em campo: as lojas fecharão meia hora antes do início das partidas e abrirão meia hora depois. As exceções são os shoppings Piedade e Lapa, que vão fechar meia hora antes e não reabrirão após os jogos do Brasil. O comércio do centro da cidade fechará duas horas antes dos jogos em Salvador e das partidas da seleção.

Outra opção de lazer em Salvador, o zoológico vai manter seu horário normal: aberto de terça a domingo e feriados, das 8h30 às 17h.

São Paulo


Como a Prefeitura decretou feriado no dia de abertura do mundial, apenas os serviços mais essenciais funcionarão normalmente. Delegacias, hospitais e transporte público estão nessa categoria. Agências bancárias são um exemplo do que não estará aberto na capital.

Nos outros jogos da seleção brasileira não haverá feriado na capital paulista. Porém, alguns serviços funcionarão em horários alternativos. A orientação da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) é que as agências bancárias estão abram entre das 8:30 às 12:30. Funcionários da prefeitura serão liberados três horas antes do início de cada partida. Já os do Governo do Estado terão o expediente encerrado às 14:30 no dia de cada partida.

Uma mudança que já estava prevista há alguns meses é a do calendário escolar. As escolas públicas entram de férias nesta quinta-feira, 12, e vão até o dia 13 de julho, o último da Copa. No mais, o transporte público não terá o horário modificado nos dias de partidas em São Paulo.