1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Da outra margem do rio

Margarida Vaqueiro Lopes

23 agosto 2014 | 10:18

Vir a Lisboa passar férias passa também por conhecer alguns dos restaurantes da cidade. Hoje quero falar para vocês de dois restaurantes super legais, que podem não ter a melhor comida – depois indicarei outros para esse efeito – mas de onde poderãoaproveitar a melhor vista para a cidade de Lisboa. Aqui fica a minha  sugestão para um final de tarde que vai valer algumas das suas melhores memórias em Lisboa, com direito a jantar e passeio de barco.

Confira a hora do pôr do sol e marque o início do seu passeio para uma hora antes disso. Pegue o metrô (linha verde) e saia na estação ‘Cais do Sodré’. Aí, você irá pegar o barco (cacilheiro) em direção a Cacilhas. Esse barco existe todo o ano, e é utilizado por muitas pessoas que vivem em Almada (a cidade que fica na outra margem) e trabalham em Lisboa. A viagem  dura cerca de 10 minutos e oferece uma vista bem bonita das janelas da embarcação.

Quando chegar no cais, vire à direita e comece o passeio. Nessa hora o sol já deverá começar a descer no horizonte e você poderá observar Lisboa e a ponte 25 de Abril com uma luz absolutamente estonteante.

fotografia_1_1_.JPG

A ponte 25 de Abril ao longe.

 

A caminhada vai levar  uns vinte minutos e é feito bem na beira do rio Tejo, pelo que aconselho que use uns sapatos confortáveis e leve uma blusa para o caso de estar aquele ventinho. No final do caminho, você vai encontrar dois restaurantes: o ‘Atira-te ao Rio‘, com peixe fresco, pratos típicos portugueses e uma interessante carta de vinhos, e o ‘Ponto Final, com petiscos portugueses como salada de polvo, bacalhau assado na brasa e sobremesas bem típicas. Em qualquer um dos restaurantes você deve jantar na rua, se ainda houver luz. Vale a experiência.

fotografia_3.JPG

Vista do restaurante ‘Atira-te ao Rio’

 

Aproveite para beber uma margarita ou um mojito com um preço bem justo tendo em conta a localização – cada bebida custa cerca de 7,50 euros (22 reais ao câmbio atual). Nos dois restaurantes você vai conseguir fazer uma boa refeição por 30 a 40 euros por pessoa (100 a 120 reais), já com bebidas e sobremesa incluídas. Não é super barato, mas quando olhar para o rio e para Lisboa, do outro lado, vai entender que está pagando muito mais do que apenas a comida.

No final do jantar regresse a Lisboa de barco, novamente – o último faz a travessia à 1h20, e antes disso tem cacilheiros de 20 em 20 minutos – e ainda chegará a tempo para curtir alguma das baladas ou dos barzinhos da capital portuguesa. Aliás, chegando no Cais do Sodré você está no lugar ideal para conhecer alguns dos lugares mais na moda de Lisboa. Mas isso fica para um  outro texto.

 

Quanto custa: Para além da refeição, chegar nesses restaurantes é super barato. Cada viagem de barco custa apenas 1,20 euros.