1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Peemedebista “anti-Skaf” lança pré-candidatura em cima de um ‘tanque de guerra’

Redação

quinta-feira 10/04/14

O empresário Fernando Fantauzzi, que pretende concorrer ao posto de candidato do PMDB ao governo de SP, disse que queria chamar atenção para a insegurança no Estado Ricardo Chapola e Pedro Venceslau Ex-secretário municipal de Planejamento de São Paulo, o empresário Fernando Fantauzzi (PMDB) chegou ao evento de lançamento de sua pré-candidatura ao governo de [...]

O empresário Fernando Fantauzzi, que pretende concorrer ao posto de candidato do PMDB ao governo de SP, disse que queria chamar atenção para a insegurança no Estado

Ricardo Chapola e Pedro Venceslau

Ex-secretário municipal de Planejamento de São Paulo, o empresário Fernando Fantauzzi (PMDB) chegou ao evento de lançamento de sua pré-candidatura ao governo de São Paulo em cima de um tanque de guerra. Fantauzzi pretende disputar a vaga com o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, que tem apoio da maior parte do PMDB. Ele protocolou sua pré-candidatura no PMDB nesta quarta-feira.

Questionado pelo Estado o que significava a chegada ao lançamento de sua pré-candidatura montado em um tanque de guerra, Fantauzzi disse que representa a falta de segurança vivida pela população de São Paulo.

“Você só tem segurança hoje dentro de um tanque de guerra. Hoje as pessoas estão enjauladas e os bandidos estão na rua. Isso tem que acabar. Por isso o movimento ‘Nós ou eles’”, afirmou o empresário se referindo à disputa interna com Skaf. Antes de chegar ao local do evento, Fantauzzi desfilou sobre o tanque pela Avenida Paulista, no centro da capital, durante uma hora e meia.

Ainda alvejando Skaf, Fantauzzi criticou o presidente da Fiesp pelo fato de ele nunca ter ocupado um cargo público.

“Estou muito preparado para dar uma satisfação à população. Muito maior do que o outro candidato que sequer trabalhou na administração pública até hoje”, disse após descer do tanque assim que chegou ao evento num hotel do centro de São Paulo.

O evento contou com a presença de cerca de 350 pessoas. Para recepcionar Fantauzzi, a equipe contratada pelo empresário mobilizou 11 pessoas que empunharam bandeiras que anunciavam Fantauzzi como pré-candidato do partido pelo PMDB. Houve também distribuição de panfletos e de adesivos.

Dirigentes do PMDB avaliam que o lançamento da pré-candidatura de Fantauzzi é um “factoide” criado para enfraquecer a imagem de Skaf, um dos principais adversários do governador Geraldo Alckmin (PSDB) da disputa estadual. Ainda segundo líderes do partido, o ex-secretário participou de reuniões com auxiliares de Alckmin no Palácio dos Bandeirantes na semana passada.

No levantamento mais recente realizado pelo Datafolha, o empresário apareceu com 19% das intenções de voto, atrás apenas de Alckmin, que tem 43%.