1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Sissi pede que egípcios usem bicicleta para economizar combustível

Redação Internacional

13 junho 2014 | 12:12

Presidente quer reduzir gastos do governo com o subsídio energético


Sissi (de branco no centro) pede que egípcios usem a bicicleta – Foto: Reuters

CAIRO – Vestindo roupas esportivas e luvas de ciclismo, o presidente do Egito, Abdel Fatah al-Sissi, pediu à população nesta sexta-feira, 13, que caminhe e use mais as bicicletas para ajudar o governo a economizar dezenas de bilhões de dólares por ano em subsídios ao combustível.

O ex-líder militar fez um dos primeiros discursos desde sua posse para centenas de egípcios em bicicletas em uma faculdade militar na capital, Cairo, antes de participar de uma maratona de ciclismo. Ciclistas são raramente vistos no Cairo, onde há um trânsito caótico na maior parte da cidade.

O Egito gastou cerca de 170 bilhões de libras egípcias (US$ 24 bilhões), um quinto de seu orçamento, em subsídios energéticos no ano fiscal que terminará em 30 de junho, de acordo com dados do governo repassados à mídia estatal.

Sissi quer cortar os gastos para 104 bilhões de libras egípcias no próximo ano. Os preços de energia no Egito estão entre os mais baixos do mundo e, embora sucessivos governos tenham pedido uma reforma nos subsídios, nenhum impôs grandes aumentos nos preços por medo de revoltas.

“Se você utilizar seu carro, você paga cerca de 4 libras a cada 20 ou 25 quilômetros rodados e o Egito paga 8 libras para esses 20 quilômetros”, disse Sisi em um discurso transmitido pela mídia estatal. “Se 3 mil pessoas fizerem isso (andar de bicicleta) comigo, quanto isso economizaria por ano?”, disse ele. / REUTERS

Posts relacionados