Ainda não sou cadastrado

Você está em: Paladar > Blogs > Blog do Paladar
Paladar
SEÇÕES
ARQUIVO
TAMANHO DO TEXTO

Paladar
  • Twitter
  • DIGG
  • Share
BUSCA NO BLOG

Salve o especial de ovos de Páscoa no seu celular e vá às compras

  • 25 de março de 2015
  • 19h08
  • Por Redação Paladar

Você pode salvar o Especial de Ovos de Páscoa 2015 do Paladar na tela de início do seu celular ou tablet e levá-lo às compras com você. Para acessá-lo, é necessário estar conectado à internet, por 3G ou Wi-Fi, mesmo depois de o atalho ter sido salvo. O processo é bem simples, basta seguir os passos a seguir:

1. Abra o Especial de Ovos de Páscoa no navegador do seu celular ou tablet. É só clicar aqui.

2. Salve a página em sua tela de início. (Nos aparelhos iOS, aperte o botão com uma seta para cima. Uma nova tela vai se abrir com cinco opções. Você deve escolher “Adicionar à Tela de Início”.)

3. Uma nova tela se abrirá e você pode renomeá-la ou simplesmente deixar o nome como está. Basta apertar o botão “Adicionar” no alto da tela, e o ícone do especial aparecerá na tela do seu celular.

Tópicos relacionados

Uísque de Taiwan é eleito o melhor single malt do mundo

  • 25 de março de 2015
  • 17h27
  • Por Redação Paladar

Por Guilherme Athaíde
Especial para o Estado

O melhor uísque single malt do mundo vem de Taiwan. Isso segundo o World Whiskies Awards, que deu ao Kavalan Solist Vinho Barrique a condecoração.

Produzido pela King Car, o Kavalan Solist Vinho Barrique tem teor alcoólico de 58,6% e é envelhecido em barricas americanas que já foram utilizadas na maturação de vinhos brancos e tintos. Segundo o júri da premiação, o álcool é muito presente no sabor. Mesmo assim é “surpreendentemente suave ao paladar. É como Bourbon infundido em leite com chocolate”.

FOTO: Degustação

O World Whiskies Awards é organizado pelo portal inglês Drinks Report desde 2007. Ele faz parte do World Drinks Awards, programação que conta também com premiação para as melhores cervejas do mundo. Cada rótulo inscrito é provado às cegas e o júri leva em consideração critérios como equilíbrio, complexidade e qualidade. Qualquer bebida do mundo pode se inscrever.

Não é a primeira vez que um Whisky asiático destrona os concorrentes escoceses. Como você viu aqui no Paladar, em novembro, o japonês Single Malt Sherry Cask 2013, da marca Yamazaki, venceu a principal categoria da premiação concedida pela World Whisky Bible. Na ocasião, Jim Murray, especialista responsável pelo prêmio, declarou que a bebida era “próxima da genialidade” e que nenhum malte escocês poderia alcançar a qualidade do japonês naquele momento.

Tópicos relacionados

Site mapeia feiras orgânicas por todo o Brasil

  • 25 de março de 2015
  • 15h48
  • Por Redação Paladar

Por Estevão Taiar
Especial para o Estado 

Os consumidores de alimentos orgânicos têm uma nova ferramenta para encontrarem produtos criados de maneira ecologicamente responsável. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) lançou na última terça-feira, dia 24, o novo site do Mapa de Feiras Orgânicas.

FOTO: Fernando Sciarra/Estadão

O endereço já existia, mas foi remodelado para acompanhar o interesse pelo comércio de alimentos desse tipo. Segundo o Idec, o número de feiras cadastradas no site cresceu 340% em dois anos – de 119 no final de 2012 para 413 em dezembro do ano passado, espalhadas por 130 cidades brasileiras.

O site funciona de maneira simples e intuitiva. Estão listados ali uma série de informações não só sobre feiras, mas também produtores independentes, cooperativas e grupos de consumos. Data, horário de funcionamento, avaliação de outros visitantes e produtos vendidos por estação são alguns dos dados disponíveis.

Além disso, o usuário também pode se cadastrar e informar quando e como vende os seus produtos. Tudo isso com o objetivo de facilitar o encontro entre os atuais 10 mil visitantes mensais do site.

FOTO: Reprodução

Tópicos relacionados

Os bastidores de uma grande degustação de ovos de Páscoa

  • 25 de março de 2015
  • 13h28
  • Por Carla Peralva

Um time de jurados provou 60 ovos de Páscoa selecionados pelo Paladar. O resultado com os 12 melhores sai amanhã, quinta-feira, dia 26, em uma edição especial no caderno e aqui no site. Não perca.

+ VEJA O RESULTADO DA MEGADEGUSTAÇÃO

Até lá, veja os bastidores dessa megadegustação:

Tópicos relacionados

Ceagesp faz venda especial de peixes para a Semana Santa

  • 25 de março de 2015
  • 11h00
  • Por Marilia Miragaia

Será realizada entre os dias 30 de março e 2 de abril, no Ceagesp, a 10ª Santa Feira do Peixe, que faz venda especial de pescados e frutos do mar para a Semana Santa. Além desses produtos haverá também legumes e temperos. O objetivo do evento é incentivar o consumo de pescados.

Feira do Peixe, da Ceagesp. FOTO: Lilian Uyema/Divulgação

Neste ano, a feira ganhou uma área de alimentação onde serão vendidos itens como espetinho de meca, caldinho de sururu, sopa de mandioquinha e bolinho de bacalhau. Há estacionamento no local para visitantes.

SERVIÇO – 10ª Santa Feira do Peixe
Onde: Ceagesp – Pátio do Pescado
Portão 15 – R. Xavier Kraus esquina com a Avenida Nações Unidas
Quando: de 30 de março a 2 de abril, das 13h às 21h

Tópicos relacionados

Nenhum brasileiro leva três estrelas Michelin

  • 20 de março de 2015
  • 20h26
  • Por Patrícia Ferraz

A primeira edição brasileira do Guia Michelin nem foi apresentada oficialmente, mas já está causando polêmica.

Para os brasileiros, o que interessa é que o guia não considerou nenhum restaurante do Rio e de São Paulo à altura de sua cotação máxima de três estrelas. E conferiu duas estrelas a apenas uma casa, o paulistano D.O.M., desprezando restaurantes importantes como Maní, Fasano, Attimo, Lasaí, Roberta Sudbrack e Olympe.

Os inspetores espanhóis e franceses que visitaram as duas capitais brasileiras no ano passado cometeram também grandes enganos na categoria classificada com uma estrela. Para começar, cadê o Esquina Mocotó? No caso dos japoneses de São Paulo, fica evidente que o Michelin mudou o discurso quando anunciou que o que conta é apenas a comida, mas continua valorizando o entorno. Só pode ser esta a razão para igualar os moderninhos e descolados Huto e Kosushi, com seus rolls de cream-cheese, ao Jun Sakamoto e ao Kinoshita. E onde está o Kan, do mestre Egashira Keisuke?

+ VEJA A LISTA COMPLETA DO GUIA MICHELIN BRASILEIRO

 

FOTO: Divulgação

A lista com a classificação dos restaurantes do Rio e de São Paulo foi postada no site oficial do Michelin nesta madrugada e a repórter Miriam Castro, do Paladar, publicou em primeira mão, às 4h21.

A apresentação do guia vermelho estava marcada para uma entrevista coletiva na quarta-feira 8 de abril, mas o próprio Michelin furou. E a notícia correu. O vazamento da classificação, aliás, é frequente, especialmente na França, onde o crítico François Simon acaba sempre antecipando os resultados. 

Vaza a lista de restaurantes estrelados do Guia Michelin brasileiro

  • 20 de março de 2015
  • 4h21
  • Por Míriam Castro

Com lançamento previsto para abril, a primeira edição brasileira do Guia Michelin teve o conteúdo divulgado antes da hora. Na madrugada de hoje, 20, já era possível acessar normalmente o site do guia, pesquisar restaurantes e conferir quem recebeu estrelas dos avaliadores.

Nenhum restaurante brasileiro recebeu as três estrelas – cotação máxima do guia – nesta edição. O D.O.M., de Alex Atala, foi o mais bem avaliado, com duas estrelas. E outras 16 casas levaram uma estrela, como Maní, Lasai e Fasano. Para consultar a lista completa, clique aqui (o link pode ser tirado do ar em breve). A imagem abaixo mostra como a lista apareceu no site oficial do guia.

+ ANÁLISE: Nenhum brasileiro leva três estrelas Michelin

FOTO: Reprodução

Confira a lista de estrelados e Bib Gourmand (restaurantes que oferecem boa relação de qualidade e preço) 2015:

DUAS ESTRELAS

São Paulo

D.O.M. (Alex Atala)

UMA ESTRELA

São Paulo

Attimo (Jefferson Rueda)
Epice (Alberto Landgraf)
Tuju (Ivan Ralston)
Maní (Helena Rizzo, Daniel Redondo)
Fasano (Luca Gozzani)
Huto (Fábio Honda)
Jun Sakamoto (Jun Sakamoto)
Dalva e Dito (Alex Atala, Luiz Gustavo Galvão)
Kinoshita (Tsuyoshi Murakami)
Kosushi (George Koshoji)


Rio de Janeiro

Oro (Felipe Bronze)
Le Pré Catelan (Roland Villard)
Roberta Sudbrack (Roberta Sudbrack)
Olympe (Claude Troisgros, Thomas Troisgros)
Mee (Rafael Hidaka)
Lasai (Rafael Costa e Silva)

BIB GOURMAND

São Paulo
Mocotó
Esquina Mocotó
L’Entrecôte de Paris
Tian
Brasserie Victória
Sal Gastronomia
Antonietta Empório
Jiquitaia
Mimo
Ecully
Zena Caffè
Miya
Tartar & Co
Arturito
Casa Santo Antônio
Marcel
La Cocotte

Rio de Janeiro
Lima Restobar
Miam Miam
Entretapas
Oui Oui
Restô
Artigiano
Pomodorino
Cais

FOTO: Divulgação

O Michelin tradicionalmente divide os restaurantes em três categorias: os listados, os Bib gourmands  - restaurantes que oferecem boa relação de qualidade e preço – e os estrelados, que são avaliados com uma estrela, duas ou com a cotação máxima de três estrelas (são apenas 111 pelo mundo).

No Guia, receber três estrelas significa que o restaurante possui “cozinha excepcional e merece uma visita especial”. Os lugares com duas estrelas são os com excelente cozinha. Já os premiados com uma estrela são restaurantes que se destacam em sua categoria.

Vou pra Porto Alegre, tchau (edição 19/03/2015)

  • 18 de março de 2015
  • 17h49
  • Por Míriam Castro

O momento é da cerveja na capital gaúcha. As cervejarias da cidade conquistaram os principais prêmios no Festival Brasileiro da Cerveja. Mérito dos sujeitos da foto, os cervejeiros da Tupiniquim e da Seasons, que acabam de ser eleitas as melhores do Brasil. Os gaúchos desbancaram os curitibanos, campeões no ano passado. Conheça as cervejas premiadas e as os temas em alta no festival.

CAPA
Os gaúchos roubaram a cena
Como foi o Festival Brasileiro da Cerveja

EU SÓ QUERIA JANTAR
Sem tex-mex, sem folclores

RESTAURANTES NOVOS
A melhor sala de espera da cidade
Ici Brasserie abre na rua
Parisiense no figurino, carioca no balanço
La Reina Deli Bar, nova casa de Renata Braune, abre na sexta

ARTIGO
Na prática, o ‘from farm to table’ falhou – por Roberto Smeraldi 

NA ESTANTE
De tão nonsense, falsas receitas viram livro cult

PRATO DO DIA
Arroz com lentilha

DOCE
Hoje é dia de zeppola
Receita de zeppola

VINHOS
O vinho verde começa a amadurecer

AGENDA
Chefs realizam jantar francês 

Tópicos relacionados

Ici Brasserie abre na rua

  • 18 de março de 2015
  • 17h48
  • Por Redação Paladar

A Ici Brasserie Jardins abre no dia 2/4. Com a inauguração, lança dois rótulos de cerveja, servidas apenas ali. São elas a ICI 00, export com dry-hopping de lúpulo francês, e a Ici Celebris, saison com ervas da Provença.

IMAGEM: Divulgação

A primeira unidade de rua da Ici Brasserie terá novidades no menu, caso do tournedo rossini, filé mignon com foie gras, espinafre, trufa negra, cogumelo e batata (R$ 88). A carta de cerveja é assinada pela sommelière Carolina Oda e a de drinques por Fábio La Pietra, do SubAstor.

SERVIÇO – Ici Brasserie Jardins
Onde: Rua Bela Cintra, 2.203, Jd. Paulista

>>Veja a íntegra da edição do Paladar de 19/3/2015

Tópicos relacionados

La Reina Deli Bar, nova casa de Renata Braune, abre na sexta

  • 18 de março de 2015
  • 17h45
  • Por Redação Paladar

Depois de 17 anos na cozinha do Chef Rouge, era de se esperar que a nova casa da chef Renata Braune fosse de inspiração francesa. Pois não é. “Decidi fazer algo com a minha cara, uma cozinha mais despojada e afetiva”, conta.

Espaguete com ovos revueltos. FOTO: Divulgação

No La Reina Deli Bar, que abre amanhã, porções e sanduíches com influência ibérica são o carro-chefe, como o bolinho de carne com paio e tomilho (R$ 23) ou o sanduíche de carne louca (R$ 24,50). Entre os principais, espaguete com ovos revueltos (R$ 38, foto). No quintal, uma horta e um forno a lenha de onde saem os pães.

SERVIÇO | La Reina Deli Bar
Onde: R. Joaquim Antunes, 621, Pinheiros
Tel.: tel. 2366-0216
Tel.: 12h/17h30 e 18h30/23h30 (6ª e sábado até 0h. Dom., 13h/17h; fecha 2ª)

>>Veja a íntegra da edição do Paladar de 19/3/2015

Tópicos relacionados