1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Quem Faz

MARCELO DE MORAES participa da cobertura de política e economia em Brasília desde 1993. Atualmente é o diretor da sucursal de O Estado de S.Paulo na capital, tendo trabalhado em outros importantes veículos de comunicação do País, como O Globo, Veja, Jornal do Brasil, Valor Econômico, Correio Braziliense, entre outros.
sexta-feira 14/03/14

Governistas apresentam quadro otimista para agência de risco

O governo tem apresentado uma visão otimista sobre o cenário econômico e político para os integrantes da missão da agência de classificação de risco Standard & Poor’s. Além das questões ligadas à macroeconomia, os analistas da S&P perguntaram sobre diversos outros assuntos abrangendo a turbulência política no Congresso, as perspectivas para as eleições deste ano,

Ler post
segunda-feira 24/02/14

“As pessoas apóiam as manifestações mas são contra violência e quebra-quebras”, diz ministro Paulo Bernardo

As pesquisas divulgadas no fim de semana acabaram sendo parecidas, apontando uma ligeira queda na aprovação da presidente Dilma Rousseff e indicando a parada da recuperação da avaliação do seu governo. Uma novidade importante, porém, foi a queda significativa no apoio aos protestos, que tiveram novos episódios de choque entre policiais e manifestantes no fim

Ler post
quarta-feira 12/02/14

Eunicio Oliveira será relator do projeto de terrorismo no Senado e ganha vitrine para disputar governo do Ceará

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), escolheu ontem o líder da bancada do seu partido, Eunício Oliveira (CE), como relator do projeto que tipificará os crimes de terrorismo no Brasil. O tema, hoje, é o centro de todas as atenções no Senado, especialmente porque, dependendo do seu conteúdo, poderá praticamente impedir a existência de

Ler post
segunda-feira 10/02/14

Depois da morte de cinegrafista, Senado pode votar urgência de projeto que tipifica terrorismo

O senador Jorge Viana (PT-AC) ocupou nessa tarde a tribuna do plenário para defender a aprovação do regime de urgência para o projeto que tipifica o ato de terrorismo no Brasil. Para o senador, a morte do cinegrafista Santiago Andrade, da Band, foi exatamente isso: consequência de um ato terrorista. O projeto de lei 499/2013

Ler post
domingo 09/02/14

Protestos contra a Copa, em Natal, colocaram em risco presidente da Câmara e dois ministros

Pouca gente soube, mas os protestos contra a Copa do Mundo, feitos em Natal, no Rio Grande do Norte, durante a inauguração da Arena de Dunas, puseram em risco a segurança do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), do ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves, e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel. No

Ler post
sexta-feira 31/01/14

“Um partido como o PT não pode ter medo de protestos”, diz Paulo Bernardo

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo

  A perspectiva da repetição em 2014 dos protestos de junho do ano passado não impressiona o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo. Embora as manifestações tenham, na ocasião, causado queda expressiva na popularidade da presidente Dilma Rousseff e abalado também a imagem dos governadores, o ministro acha que o PT não pode temer o enfrentamento

Ler post
segunda-feira 20/01/14

Governo prepara regras para atuação da Polícia na Copa

Depois dos excessos cometidos pela Polícia Militar durante os protestos de junho em todo o País, o governo federal tenta se prevenir para evitar o pior durante a Copa do Mundo. A Secretaria Extraordinária de Grandes Eventos já prepara um protocolo de comportamento das polícias para a competição. Durante os protestos de junho, a atuação policial não

Ler post
segunda-feira 20/01/14

Gilberto Carvalho: “Precisamos criar algum tipo de convivência com os rolezinhos”.

Nos últimos dias, o ministro chefe da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, tem acompanhado atentamente a evolução das ações pelo País envolvendo os chamados “rolezinhos”. Em entrevista a este blog, o ministro diz que que é preciso criar uma convivência pacífica entre os meninos que partipam dos rolezinhos com a sociedade. Mas, ao mesmo tempo,

Ler post