Notícias de Tecnologia

Sábado, 20 de Dezembro de 2014

25 de agosto de 2014 18h11

Amazon compra serviço de streaming de games Twitch

Plataforma permite transmissão de partidas de videogame; valor da transação é de US$ 970 milhões

Por Bruno Capelas

SÃO PAULO – A Amazon acaba de adquirir o Twitch por US$ 970 milhões, plataforma que permite a qualquer pessoa transmitir em vídeo as suas partidas de videogame pela internet, em um acordo anunciado pelo CEO do Twitch, Emmett Shear, no próprio site da empresa.

O serviço também interessava ao Google – em maio, vários veículos de imprensas publicaram que a gigante de buscas havia selado um acordo para comprar o Twitch por US$ 1 bilhão, mas nada foi confirmado.

O Twitch, site que tem hoje mais de 55 milhões de usuários ativos mensalmente, é um dos principais pólos da rede para vídeos sobre videogames na web — uma das principais categorias do YouTube, site de vídeos do Google.

Em julho, o site, que foi criado em 2011, tinha em seu acervo mais de 15 bilhões de minutos de conteúdo, e seus usuários gastavam mais de 100 minutos assistindo o site, na média. Ele se tornou uma parte importante da internet, e é responsável por cerca de 2% de todo o tráfego de internet em horários de pico nos EUA, segundo o Wall Street Journal. Além disso, o Twitch é responsável por 43,6% das transmissões ao vivo de vídeo nos EUA, segundo gráfico do Business Insider (veja abaixo).

“Assistir a pessoas jogando e transmitir jogos é um fenômeno global, e o Twitch é responsável por isso. O mais impressionante é que uma empresa de apenas três anos”, disse Jeff Bezos, no comunicado oficial à imprensa. “Como o Twitch, somos obcecados por nossos consumidores e por pensar diferente, e queremos ajudá-los a fazer serviços melhores para a comunidade de jogadores”.

A compra do Twitch pela Amazon é vista por analistas como mais um movimento de Bezos para ampliar a área de atuação de sua empresa, buscando rivalizar com o Google em um setor importante como o vídeo. Os US$ 970 milhões envolvidos na transação serão todos pagos em dinheiro aos donos do Twitch.

Escolha
Na carta, assinada para a comunidade do Twitch, Emmett Shear comenta que parece inacreditável que o serviço não existisse há cerca de três anos, e ressaltou a importância de seus fãs para o crescimento do serviço. “Seu talento, sua paixão, dedicação aos jogos, brilhantismo e os memes – isso é o que fez o Twitch até hoje”.

Para ele, o que o site fez até agora fez foi um bom começo, e que a parceria com a Amazon deve levar o serviço ainda mais além, “porque a Amazon acredita na nossa comunidade, nos nossos valores e na nossa visão a longo prazo, e eles querem nos levar adiante mais rápido”.

No texto, o CEO do Twitch afirma ainda que a empresa se manterá independente, com marcas, funcionários e escritórios próprios.