Notícias de Tecnologia

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

25 de junho de 2014 14h47

Acompanhe ao vivo o Google I/O

Conferência anual de desenvolvedores do Google tem início da Califórnia e mostrará novidades da empresa

Por Ligia Aguilhar

SÃO PAULO – A conferência anual de desenvolvedores do Google, o Google I/O, teve início hoje nos Estados Unidos.

Pela primeira vez a conferência também terá uma versão brasileira: o Google I/O Extended. São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, entre outras cidades, vão sediar versões ampliadas da conferência, que além da transmissão de palestras do evento principal, terá atividades focadas no ecossistema local de desenvolvedores de cada cidade.

Confira a abertura do evento com os principais anúncios ao vivo:

 

O QUE JÁ FOI ANUNCIADO

Android One, linha de smartphones baratos
O Google anunciou o programa Android One, por meio do qual desenvolverá smartphones mais baratos, em torno de US$ 100, em parceria com fabricantes, com o objetivo de atingir mercados emergentes como a Índia, onde a iniciativa será lançada entre setembro e dezembro deste ano, mas também deve se expandir para outros países como o Brasil.

Os aparelhos da linha Android One terão que obedecer a algumas diretrizes do Google que ainda não foram detalhadas. Os primeiros parceiros do Android One são Cromax, Karbonn e Spice.

Nova versão do sistema Android
O Google anunciou que vai liberar nesta quarta-feira uma versão preliminar da próxima atualização do Android para desenvolvedores cadastrados. A próxima versão é chamada pela empresa até agora pela letra “L”. Seguindo a lógica do Google, que sempre batiza seus sistemas com nome de doces (a última se chama Kit Kat), especula-se que o nome da nova versão será Lollipop.

O sistema operacional da empresa já é usado mensalmente por 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo, afirmou Sundar Pichai, diretor do Android, durante a conferência. Segundo ele, os tablets com sistema Android hoje ocupam uma fatia de 62% do mercado global.

Relógios Android
O Google anunciou o lançamento de dois relógios inteligentes com o sistema operacional Android: o G Watch, da LG, e o Galaxy Gear Live, da Samsung. Esses são os primeiros modelos a usar o sistema Android Wear, para aparelhos vestíveis. Os dois modelos começarão a ser vendidos hoje nos Estados Unidos, mas o preço ainda não foi divulgado.

Outro modelo, o Moto 360, com mostrador redondom chegará ao mercado até setembro, segundo o Google.

Android Auto
O sistema operacional Android ganhou uma versão para carros, que tem como destaques música, navegação de comunicação. O demonstrador do carro com o sistema sincroniza com o celular do usuário, de modo que ele possa acessar o aparelho a partir do painel do carro. A tela inicial mostra destinos, lembretes e outros informações a partir do Google Now.

O Android Auto aceita comandos de voz para que o usuário procure um destino no Maps, por exemplo. Também será possível ditar mensagens de texto para que sejam enviadas a um dos contatos da agenda do telefone.

Aplicativos de streaming de música como Pandora, Songza, Spotify terão versões para o Android Auto e mais de 40 marcas e montadoras fazem parte da Aliança Aberta criada pelo Google para utilização do Android Auto. Os primeiros modelos com o sistema chegarão ao mercado antes do fim deste ano e incluem marcas como Fiat, Ford, Honda e Volskwagen.

Android TV
Segundo o Google, essa é uma nova forma de dar mais atenção à TV. A plataforma estará instalada em aparelhos da Sony, Sharp e TPVision, além de vir em set-top boxes que serão lançadas até o fim do ano.

A tela é semelhante a do Netflix e o usuário pode navegar pelo conteúdo enquanto a assiste a um conteúdo. Há filmes, séries, programas de TV e jogos. O usuário poderá detalhes sobre o programa que está assistindo, ver sinopses, lista do elenco e vídeos no YouTube.

A função de busca pode ser ativada por voz e é capaz de entender perguntas mais complexas. Como exemplo, Dave Burke, do Google, que apresentou a novidade, perguntou quais os ”nominados do Oscar”? O Google interpretou a  frase e ofereceu uma lista de filmes relacionados com o assunto. O sistema também é integrado com o Android Wear e  pode ser controlado pelo relógio inteligente.

ChromeCast
O aparelho tem um novo modo de visualização chamado Backdrop, que transforma a TV em uma espécie de porta-retratos virtual, no qual o usuário pode colocar fotos como papel de parede, exibir imagens dos seus álbuns de fotografia na rede social Google Plus, entre outras coisas.

Outra novidade é que agora o usuário não precisa mais estar na mesma rede de internet do Chromecast para controlá-lo. A conexão será direta entre o  smartphone e o aparelho. Também será possível espelhar o conteúdo do celular na tela da TV e o usuário poderá, por exemplo, transmitir as imagens capturadas pela câmera do celular na TV.

Google drive
O Google Drive teve mais de 190 milhões de usuários ativos nos últimos 30 dias, um crescimento de 85% se comparado ao ano passado. A empresa anunciou o Google Slides, para exibir apresentações no estilo Power Point dentro do Drive, como já faz com arquivos no estilo Word dentro do Docs.

O Quick Office virá embutido no Docs para abrir nativamente arquivos gerados pelo Microsoft Office para que não seja mais necessário converter o arquivo para um formato compatível. Tudo pode ser editado e salvo em seu formato original. O Drive também terá um sistema com armazenamento de arquivos ilimitador, o O Drive for Work, com custo a partir de US$ 10 ao mês.

Chromebook
Os Chromebooks agora podem ser destravados pelo celular e se integram ao aparelho, e faz login automático nos sites e aplicativos favoritos do usuário favoritos do usuário. Ao receber uma chamada no celular ou mensagem de texto, notificações serão exibidas na tela do computador. O Google também afirmou estar trabalhando para rodas aplicativos do Android no Chromebook e exibiu uma simulação com o aplicativo Evernote.

Google Fit
É um conjunto integrado de sensores, APIs e aplicativos compatíveis com dispositivos vestíveis para controle de informações de saúde e de atividades físicas. Adidas, Nike, Basis, Asus e LG são alguns dos parceiros que vão utilizar a plataforma.

Google Play Games
O Google Play Games é a rede de jogos com crescimento mais rápido do mundo, segundo a empresa.. São mais de 100 milhões de usuários. Entre as novidades está um perfil personalizado do usuário que muda de acordo com os jogos preferidos e resultados.

Também serão lançadas  missões e desafios contextuais nos jogos, como coletar itens em um dia, matar um oponente específico, etc.