Estado.com.br
Quinta-feira, 30 de Outubro de 2014
Cidade
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Na Rua 25 de Março, o Natal chegou antes

Categoria: Comportamento

JULIANA TAMDJIAN

Os consumidores que desejam escapar do tumulto característico do final de ano na região da Rua 25 de Março, centro da capital, podem incrementar a decoração natalina agora em julho. Localizada há 5 anos no número 115 da Rua Barão de Duprat, a loja JJ Decorações vende renas e papais-noéis desde o começo do mês.

O estabelecimento chama a atenção de quem passa, pois é o único que expõe os produtos natalinos 5 meses antes da data oficial. O estudante de engenharia Rodrigo Peixoto, 21 anos, se sentiu perdido no tempo. “Isso não faz sentido, Natal para mim é igual às férias de dezembro, não às de julho”, riu ele abismado.

Segundo a gerente Juliana Silva, 25, as novidades chegam em agosto. “Por enquanto temos apenas a linha do ano passado”, disse. Juliana afirma que muitos atacadistas vão à JJ pelos descontos e que a loja conseguiu fidelizar uma clientela. Mesmo com o Natal como carro-chefe, a loja vende produtos de outras datas como Páscoa e Halloween, além de vasos e porta-retratos.

Na lista dos mais procurados estão papais-noéis e presépios. A vendedora Kaiane Olegario, 20 anos, disse que os consumidores querem algo que fuja do tradicional como o papai-noel praiano. Uma rena de pano pode custar R$ 29, já um presépio de resina chega ao valor R$300.

Para a professora de português Evelise Ferraresso, 62 anos, a venda antecipada das peças não tira a “magia” do Natal. “Sempre compro algumas coisas para a coleção”, falou. Evelise comprou um presépio por R$ 50, mas, com o desconto, o valor foi para R$ 35. “Comprei porque preciso de reis magos novos e também um camelo.”
Outras lojas da região começarão a vender os produtos natalinos entre setembro e outubro.