1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Quem Faz

JOÃO BOSCO RABELLO está no jornalismo político desde 1977, em Brasília, onde participou da cobertura do período que vai da abertura do regime militar à Assembléia Nacional Constituinte de 88, passando pela redemocratização, com a eleição e morte de Tancredo Neves, o primeiro governo civil, de José Sarney e os que o sucederam.

Iniciou sua carreira em 1974, no extinto Diário de Notícias, no Rio de Janeiro (RJ). Transferiu-se para Brasília (DF), em 1977, onde alternou as funções de repórter político,coordenador, editor e diretor de sucursal, no Correio Braziliense, Empresa Brasileira de Notícias, O Globo, Jornal do Brasil e o Estado de S.Paulo (1990/2013), nessa ordem.

É responsável também pelo conteúdo de análise política do serviço em tempo real Broadcast, da Agência Estado.

quarta-feira 23/07/14

Cláudio: desgaste evitável

A campanha emite os primeiros sinais de que predominará, em boa parte, a guerra de denúncias entre os candidatos, da qual parece que o menos atingido será Eduardo Campos, do PSB,  com notórias dificuldades de firmar a terceira via que se propôs representar. A motivação para denúncias é proporcional ao êxito das candidaturas. Aquela que

Ler post
quinta-feira 03/07/14

Pesquisa pouco acrescenta ao cenário eleitoral

A mais nova pesquisa Datafolha que registra uma leve melhora nos índices da presidente Dilma Rousseff pouco acrescenta ao cenário eleitoral, a não ser pela suposta indicação de que o êxito da Copa do Mundo, como evento, melhorou o humor do eleitorado. É um dado duvidoso, mas ainda que se admita a hipótese, certamente efêmero,

Ler post
domingo 11/05/14

Reguffe se decide pelo Senado com Rollemberg no DF

Deputado federal proporcionalmente mais votado do país em 2010,  Antonio Reguffe (PDT) decidiu disputar a vaga única ao Senado nas eleições de outubro. Desta forma, a aliança com o PSB no Distrito Federal deve ser oficializada nos próximos dias, depois de lançadas as bases do programa de governo pelo PSB. O lançamento do programa de

Ler post
quinta-feira 08/05/14

Candidatos tentam dar mais nitidez às diferenças

Os últimos dias indicaram um novo desenho da pré-campanha presidencial com os candidatos estabelecendo as diferenças com as quais pretendem se distinguir junto ao eleitor. Ainda que não em conteúdo, na forma já é possível perceber uma linha a definir melhor as visões de cada um. Antes que a presidente Dilma Rousseff rompesse, por conveniência

Ler post
sábado 12/04/14

Rede formaliza apoio a Miro para governo do Rio

A Executiva da Rede está redigindo nesse momento a nota de apoio à candidatura do deputado federal, Miro Teixeira (Pros) ao governo do Rio de Janeiro. A nota reflete a decisão da futura legenda da ex-senadora Marina Silva, tomada pela manhã. O anúncio , a ser feito nas próximas horas, consolida Miro como o candidato

Ler post
segunda-feira 17/02/14

PT ainda faz de Aécio alvo principal

O acúmulo de notícias negativas se não abalou o favoritismo eleitoral da presidente Dilma Rousseff,  já faz o governo e o PT raciocinarem realisticamente com a inevitabilidade de um segundo turno em 2014. A dissimulação desse diagnóstico já foi mais intensa e, hoje, os atores da candidatura oficial consideram mais que possível, provável, uma disputa

Ler post
quinta-feira 13/02/14

PSB/Rede e as alianças realistas

A confirmação da candidatura do deputado Márcio França ao governo de São Paulo, e as decisões de apoio aos candidatos Pimenta da Veiga e Miro Teixeira, em Minas e Rio, respectivamente, indicam que prevalece uma linha realista nas negociações entre o PSB e Rede na definição das alianças estaduais. O PSB sai com um candidato

Ler post
sexta-feira 24/01/14

A Rede fora da meta

A nota em que Marina Silva desautoriza a secção mineira da Rede pelo ataque à aliança PSB/PSDB no Estado, não esgota o conflito por não se tratar o episódio de um simples ruído de comunicação. Mais que isso, revela a dificuldade de composição interna entre os dois grupos na coligação. Não é de se imaginar

Ler post