ir para o conteúdo
 • 

Estadinho

cata2.jpg

O Catavento Cultural e Educacional é um espaço tão legal que não precisaria ter nenhuma atividade extra para ser um ótimo programa com a família. Mas, para nossa alegria ficar ainda maior, ele tem! Agora, nas férias de janeiro, o espaço está com a agenda lotada de eventos, como teatro, mágica, oficinas e contação de histórias. Confira:

 

12 e 13/1: Oficinas de origami,  no Salão Azul, às 14 h e às 15h30.

19 e 20/1: Espetáculo Big Big Bang Boom. Como numa escola de samba, seis minicarros alegóricos vão contar um momento especial da astronomia. Será Auditório do Catavento, às 15 h.

22, 23 e 24/1: James Misse conta histórias com músicas populares e cantigas, no Auditório, às 16 h.

25, 26 e 27/1: Show da Mad Science, com experiências científicas malucas ao vivo, no Auditório, às 14 h e às 15h30.

De 22 a 30/1: Oficinas de artesanato de colagem Cola Pritt, no Salão Azul, com várias sessões de 30 minutos ao longo do dia.

Até 20/1, vários horários: Minishows de mágica (20 minutos),  na sala da Arte Cinética, piso superior.

Até 30/1: No roteiro de férias do Estúdio de TV, uma viagem interativa para conhecer as “7 Maravilhas do Mundo Moderno”.

 

Catavento Cultural e Educacional. Palácio das Indústrias – Praça Cívica Ulisses Guimarães, s/no (Av. Mercúrio), Parque Dom Pedro II, Centro, São Paulo. De terça a domingo, das 9 h às 17 h (bilheteria fecha às 16 h). Entrada: R$ 6. 

 

 

 

sem comentários | comente

  • A + A -
27.dezembro.2012 07:00:29

Vamos ao circo?

(Por Natália Mazzoni)

Você já foi ao circo? A experiência é mágica e fazia a felicidade das crianças na época do seus pais e avós. Os espetáculos mudaram, não apresentam mais animais no picadeiro, mas os show continuam sendo encantadores.

O Circo Tiahny Spetacular, fundado no Brasil na década de 1950 por um ilusionista húngaro, trouxe seu novo espetáculo Abrakadrabra a São Paulo. O Estadinho viu uma das apresentações da trupe e se divertiu muito.

Tem números de equilibristas, malabares, dança e mágica, que faz até aparecer um helicóptero no picadeiro! É a parte mais divertida do show. Entre uma apresentação e outra, um palhaço mudo e muito engraçado diverte a plateia. Seus números são simples, mas a interação com o público garante muitas gargalhadas.

O Tiahny Spetacular fica em São Paulo até o dia 27 de janeiro e é um bom passeio para as férias. Ao chegar, tente não dar bola para os brinquedos com luzes coloridas. Eles custam caro, e vão durar pouco, muito menos dos que as imagens que ficarão na sua cabeça depois que você sair de lá.

Parque Villa-Lobos (Av. Queiroz Filho, 1.557, Vila Leopoldina).
Apresentações: 3ª a 5ª, 21 h; 6ª e sábado, 17 h e 21 h; domingo, 11h30, 15h30 e 19 h.
Ingressos custam de R$ 25 a R$ 170.

Veja a nossa galeria com fotos do espetáculo.

sem comentários | comente

  • A + A -
16.julho.2011 07:05:55

Nem parece que é museu

01_16_07.jpg

Escolhemos dez lugares em diferentes Estados do Brasil para você brincar. É férias e, quem sabe você não tem a sorte de estar por alguma dessas cidades? São museus ou centros culturais. Mas, diferente do que você está acostumando a ouvir, neles você pode falar alto (na maioria dos espaços), correr, brincar, explorar cada cantinho.

Para ler reportagem completa, clique nas páginas abaixo. Em seguida, saiba mais sobre que organizam atividades especiais nas férias.

Página 1
Página 2
Página 3

Museu do Futebol: Em São Paulo, oficinas de origami, espaço de leitura e contação de histórias, todas as quintas-feiras e sábados, até o dia 30 de julho. Aliás, nesse dia, às 15 h, Hélio Ziskind vai fazer um show de lançamento do álbum O Elefante e a Joaninha.

Catavento: Quer entender mais de química? O pessoal do Mad Science vai fazer uma série de experiências nas férias do Catavento, em São Paulo. Mas se você preferir brincar com papéis, tudo bem! Vai ter oficinas de origami e pinturas todos os dias, onde a história do papel também será contada.

Museu da Língua Portuguesa: o primeiro andar, feito para exposições temporárias, está vazio. Portanto, a única novidade é que agora nas férias há visitas guiadas pelos outros espaços em três horários: 12 h, 14 h  e 16 h. No segundo andar, um painel de 106 metros reúne vídeos para apresentar o nosso idioma. Objetos e textos nas paredes contam como a língua portuguesa surgiu, e como o latim se misturou com a língua dos povos tupis e africanos. No terceiro andar, não perca os filminhos. Em meia hora, é possível entender melhor as palavras e até se emocionar com as poesias feitas em áudio e projetadas na parede. Se quiser ouvir, apenas, feche os olhos e deixe que as mensagens entrem na imaginação. E claro: o museu fica junto à Estação da Luz e em frente à Pinacoteca do Estado de São Paulo. Com tempo, um passeio vira três.

Museu Imperial: Em Petrópolis, no Rio de Janeiro, a programação mais bacana é feita com agendamento escolar. Mas o visitante que desembarcar ali só com os pais pode participar do Sarau Imperial, uma contação de história que aocntece todas as sextas-feiras e sábados, às 18h30. Nele, atores interpretam a princesa Maria Isabel e seus amigos para contar como era a rotina da cidade no século 19. Outra dica da Regina Resende, responsável pelo setor de Educação, é o jogo Travessia (feito pelos especialistas que trabalham no museu e vendido na lojinha do local). “É um jogo de tabuleiro com perguntas e respostas de geografia, história e outros assuntos, que ensina de uma maneira divertida como foi a travessia feita pela corte portuguesa até o Brasil”, diz.

Inhotim: Em Minas Gerais, na cidade de Brumadinho, é que está o maior museu a céu aberto do País. O espaço reúne obras de arte espalhadas pelo jardim, que também pode ser considerado uma obra de arte. É porque só de espéciles cultivas há mais de 4 mil. E então, o pessoal de lá aproveita para falar de natureza aproveitando o próprio acervo botânico do local. Tem contação de história, cujo personagem principal é uma borboletinha e oficina de origami. E ainda, cineminha e um show musical, realizado no pé de uma árvore gigantesca. “A apresentação do coral é no dia 23. E o Curta Pipoca Ambiental vai apresentar animações e curtas sobre a Mata Atlântica, do dia 26 ao 31 de julho, das 10h30 às 16h30, e com direito a pipoquinha”, diz Laura Neres, supervisora de educação ambiental do Inhotim.

E afora, voltando ao começo desse post, temos de admitir: não foi nada fácil selecionar quais entrariam no Estadinho de papel. A ideia era apresentar museus de diferentes assuntos e que tivessem alguma interatividade. Ainda assim, para não sermos injustos, resolvemos incluir aqui no blog outros programas que não foram comentados. Clique nos links abaixo e descubra mais sobre os outros passeios de férias.

Fortaleza de São José da Ponta Grossa, em Florianópolis.

Museu Casa do Pontal, no Rio de Janeiro.

Museu do Homem do Nordeste, no Recife.

Para os pais:
Antes de escrever a matéria, pedimos algumas dicas para a especialista em museus e educação Maria Isabel Leite, editora do blog Repensando Museus. Ela ajudou a gente a escrever o Manual dos Pais, que está na página 3. Mas vale entrar também no blog para acompanhar tudo o que ela vê e escreve sobre o assunto.

sem comentários | comente

  • A + A -

As férias estão aí! Se você está sem ideia do que fazer, veja algumas dicas da repórter Fernanda Araújo, do Divirta-se, o guia de cultura e lazer que sai toda sexta-feira no Estadão. Para elaborar este roteiro, ela recebeu ajuda de três repórteres mirins, especialmente convidados para esta matéria.

reporter.jpg

Clique aqui para ver

Tem dicas de acampamentos, bichos, brincadeiras, cinema, esportes, museu, música, oficinas e teatro. Não perca!

sem comentários | comente

  • A + A -
16.dezembro.2010 20:19:41

Nossas férias

Três repórter mirins contaram para o Divirta-se, guia de cultura e lazer que sai toda sexta-feira no Estadão, quais são os melhores programas da cidade para fazer nas férias. Dê só uma olhada neste vídeo, produzido por Fernanda Araújo, da equipe do Divirta-se.

sem comentários | comente

  • A + A -

2.JPG

Foto: Evelson de Freitas/AE

Quer viajar? Então corra para o Circuito Estadinho de hoje (dia 11), na Livraria Cultura do Shopping Villa-Lobos. E nem precisa arrumar a mala! É que a ilustradora Mariana Zanetti vai fazer isso para você. Como? Numa atividade criada com papéis coloridos e muita imaginação. Você vai receber uma mala preta de papel com dois objetos, também de papel, que têm formas de lâmpada, escada ou qualquer outra coisa. A partir deles, monta um personagem. A lâmpada, por exemplo, pode virar uma barriga. E a escada?
O próximo passo é trocar a mala com quem estiver sentado ao lado e fazer o inverso: tentar adivinhar quais objetos a pessoa usou para criar o personagem. Embarque nessa!

Circuito Estadinho. Hoje (dia 11), às 15 horas, na Livraria Cultura do Shopping Villa-Lobos (Av. Nações Unidas, 4.777). Grátis.

Prepare-se: no dia 18, o último Circuito Estadinho terá uma contação de história na Livraria Cultura do Bourbon Shopping. Fique ligado no blog para ter mais informações e apareça!

sem comentários | comente

  • A + A -

1_1.JPG

Foto: Evelson de Freitas/AE

Esqueça este papo de arrumar as malas para viajar. No Circuito Estadinho que acontece amanhã (dia 11), na Livraria Cultura do Shopping Villa-Lobos, é só chegar. Nossa viagem imaginária vai ser comandada pela ilustradora Mariana Zanetti, mas você vai ter de ajudar. Como? Criando personagens e objetos a partir de uma mala de papel.

Depois de dar vida a outros papéis, vai ser a vez de trocar tudo com quem estiver sentado ao lado. Vai ser uma grande excursão, isso sim!

Circuito Estadinho. Amanhã (dia 11), às 15 horas, na Livraria Cultura do Shopping Villa-Lobos (Av. Nações Unidas, 4.777). Grátis.

***Prepare-se: no dia 18, o último Circuito Estadinho terá uma contação de história na Livraria Cultura do Bourbon Shopping. Fique ligado no blog para ter mais informações e apareça!

sem comentários | comente

  • A + A -
04.dezembro.2010 07:00:15

Diversão pelo mundo

Há vários lugares feitos especialmente para as crianças. E isso vale para parques, museus, zoológico e muito mais. O Estadinho escolheu cinco atrações bem divertidas de outros países só para você ter uma ideia do que existe por aí. E, se quiser compartilhar com a gente algum lugar incrível que você conheceu, é só comentar aqui mesmo.

De índio a caubói
São quatro espetáculos diários e você escolhe se quer ficar do lado dos índios ou se quer ser um caubói do velho-oeste. Sem muita tecnologia, e a fim de presevar as brincadeiras ao ar livre, o La Mer de Sable é toda dedicado às paisagens desérticas. Além das superproduções teatrais, tem carrossel, trenzinho e monta-russa de montão. Pertinho de Paris, na França, o parque existe desde 1963 e sempre com a mesma proposta: explorar aventuras simples de se ver, mas incrivelmente legais.
Clique aqui para ver todas as atrações.

Terra quadrada
Na Legolândia, todo mundo da família pode se tornar um herói. Pelo menos é assim que o pessoal descreve o parque. A Legolândia é um parque feito com os brinquedos lego e existe em quatro países: Estados Unidos, Inglaterra, Dinamarca e Alemanha. Para construir cada parque, foram usadas cerca de 20 milhões de peças. E o legal é que mesmo estando nos Estados Unidos, por exemplo, você pode sentir como se estivesse na França. É que na miniland do Lego, há réplicas de vários monumentos conhecidos, como a Torre Eiffel (de Paris), a Ópera House (de Sydney) e a Estátua da Liberdade (de Nova York). Pensa que é só isso? Não é, não! Dá para fazer passeios na água e na terra e ainda ver bonecos em tamanho natural de dinossauros e dragões.
Gostou? Clique aqui e saiba tudo sobre a Terra do Lego.

Um museu barulhento
O melhor jeito de aprender é brincando. É nisso que acredita o Children’s Manhattan Museum. Em quatro andares, tudo que está ali foi criado com a consultoria de educadores e psicólogos que entendem o que criança gosta. Quer ser governador de Nova York? Suba ao quarto andar e ajude a adminstrar a cidade. Dá até para pegar (numa espécie de simulação) metrô e o famoso táxi amarelo. Além do mais incrível: vestir roupa de bombeiro e apagar um incêndio (de mentirinha). Fazer experiências científicas na água, na espuma e na areia também são atraçoes bem divertidas ali.
Faça uma visita virtual ao museu clicando aqui.

Mundo animal
No Zoo Aquarium Madrid, você pode escolher  quatro espaços diferentes: o zoológico, o aquário, o aquário de golfinhos e o aviário. Só para você ter uma ideia do tamanho da coisa, o zoológico cuida de mais de 6 mil espécies de animais de todas as partes do mundo. Além dos bichos, há um espaço dedicado para mostrar a a flora dos mares tropicais e ainda observar as mais de 200 espécies marinhas que vivem em quase 2 milhões de litros de água (distribuídos entre 35 aquários).
Veja aqui o que mais tem por lá (e tem, viu?).

Casamento de príncipe (e não estamos falando da Disney)
Fica a uma hora de londres e é vem fácil de chegar. Na corte do Rei Henrique Oitavo, mais conhecida como Hampton Court Palace, você pode dar a sorte de ver uma encenação em que o rei se casa com uma de suas esposas. E pode até ajudar a escolher o vestido da noiva. No palácio, todos andam com traje de castelo, como se o tempo tivesse parado ali. E fica fácil de imaginar situações e até criar histórias em que você é o ator principal.
Dá só uma olhadinha aqui.

sem comentários | comente

  • A + A -

raspadinha

Marininha e Tamara mostram com orgulho a bebida de gelo
inventada durante a viagem para o lugar mais frio do mundo

Nas cinco expedições que fizeram à Antártica, as irmãs Klink adoravam inventar comidinhas. Uma delas foi bem fácil: bastou preparar um suco de laranja e aproveitar um pouco do gelo local, facinho de encontrar do lado de fora do barco.

Ingredientes
1 lata de leite condensado
1 medida igual (lata) de suco de laranja (pode ser industrializado)
1 colher de chá de raspas de laranja
1 bandeja de gelo picado

Modo de preparo
Colocar o leite condensado no copo do liquidificador.
Juntar o suco de laranja.
Acrescentar as raspas de laranja.
Bater bem até ficar um creme consistente.
Encher seis copos altos com o gelo picado.
Despejar o creme de laranja sobre o gelo.
Colocar canudinhos e servir a seguir.

(Esta receita está no livro Férias na Antártica, da Editora Grão, escrito por Laura, Tamara e Marininha Klink).

sem comentários | comente

  • A + A -

SAM_0423_500

Você já deve ter visto algum filme que tinha insetos gigantes invadindo as casas. No parque Cidade das Abelhas acontece parecido, mas não precisa ter medo. As abelhas gigantes dali são de mentirinha, e servem para ensinar um monte de coisas.

Lá tem a Casa do Mel, onde há degustação de três tipos de mel (grátis), pães de mel (de R$ 1,50 a R$ 3,50, cada) e até sorvete de mel (R$ 2,50, a bola).

No Museu, há desde réplicas gigantes de abelha, explicando onde fica cada órgão no corpo dela, até objetos do tempo dos faraós, mostrando que o homem mexe com mel há milhares de anos. Tem até um binóculo que mostra como é a visão das abelhas.

SAM_0458_500

Na Colmeia Gigante, as pessoas descobrem como é dividida a vida desses insetos, quem é a rainha, quem é o zangão e o que cada um faz.

No Observatório Apícola, dá para ver as abelhas produzindo mel ao vivo, através de vidros.

Além disso, há vários brinquedos, como pula-pula, tobogã e a abelha gigante, com quase três metros de altura, que serve para mostrar como é o inseto por dentro.

 

Cidade das Abelhas. Estrada da Ressaca, Km 7, Embu das Artes, SP. 4703-6460. Preço: R$ 15.

sem comentários | comente

  • A + A -
  • Galeria Estadinho

Comentários recentes

  • olivio jekupe: hoje em dia os autores indígenas estão cada vez mais publicando seus trabalhos, aqui na nossa aldeia...
  • kellynha: adorei só algumas que é meio sem sentido !!!
  • loana de campos: Adorei a sua ideia, vou tentar fazer
  • Liane: Olha, isso da própria criança gerenciar sua leitura é bem interessante, assim como vários outros aspectos...
  • giovanna: nãão , gosteei muito ;[[

Enquete

Desculpe, não há enquetes disponíveis no momento.

Arquivo

Blogs do Estadão