ir para o conteúdo
 • 

Estadinho

28.fevereiro.2013 14:45:31

Últimos dias!

APROVEITE!

ÚLTIMOS DIAS!!!

est.jpg

A exposição Estadinho – 25 anos está quase acabando. Sábado, dia 2 de março, é o último dia da mostra no Museu Belas Artes de São Paulo (muBA). Há muitas razões para você não perder essa oportunidade:
- Se você gosta do Estadinho ou tem curiosidade para saber como ele é feito e qual sua história
- Se você acha legal ver a história das crianças nos últimos 25 anos, estampada em capas marcantes do suplemento
- Se adora ver desenhos de grandes autores e ilustradores de livros infantis, como Mauricio de Sousa, Ziraldo, Angela Lago…
- Se você é curioso sobre jornalismo infantil.

Vá ver!

Museu Belas Artes de São Paulo (muBA): Rua José Antonio Coelho, 879, Vila Mariana, São Paulo.
Sábado, das 10 h às 16 h. Grátis.
Informações: (11) 55765771 

sem comentários | comente

  • A + A -

monica.jpg

Quer ver uma exposição muito legal sobre o Estadinho e aproveitar para tirar uma foto ao lado do boneco da Mônica? Então, seu destino é o Museu Belas Artes de São Paulo (muBA). A mostra Estadinho – 25 Anos conta um pouco de nossa história, mostra como o mundo mudou nesse tempo, com capas que marcaram cada ano, e tem ilustrações incríveis de grandes ilustradores infantis (aqueles que você está acostumado a ver nos livros). Aproveite as férias para conhecer!

 

Museu Belas Artes de São Paulo (muBA). Rua José Antonio Coelho, 879, Vila Mariana, São Paulo. De 2ª a 6ª, das 10 h às 20 h; sábados, das 10 h às 16 h. Grátis. Informações: (11) 5576-5771. Até 2/3.

sem comentários | comente

  • A + A -

Você já visitou a Exposição Estadinho – 25 Anos? Aproveite as férias para conhecer! A mostra, em cartaz no muBA, tem muita coisa bacana da nossa história (que acaba sendo da sua também). Convide seus pais e os coleguinhas para este passeio! Veja o que tem:

 

Exposição Estadinho – 25 anos:
Museu Belas Artes de São Paulo (muBA): Rua José Antonio Coelho, 879, Vila Mariana, São Paulo, (11) 5576-5771. De 2ª a 6ª, das 10 h às 20 h; e sábados, das 10 h às 16 h. Grátis.  Até 2/3/2013.

sem comentários | comente

  • A + A -

convite_blog.jpg

Vamos comemorar os 25 anos do Estadinho? A festa é hoje, em forma de exposição lá no muBA (Museu Belas Artes) Vai ter contações de histórias, fotos dos bastidores do Estadinho, varal de desenhos para você colaborar com o seu e ilustrações de muita gente boa que já coloriu as nossas páginas.

A programação de abertura é bem legal, olha só:

11 h – Contações de história com Andi Rubenstein

14 h – Contação de história com Kiara Terra

15h30 – Oficina artística de jornal com Lu Motta e Ana Basaglia

17 h – Bate-pop com o ilustrador Mauricio de Sousa, a editora do Estadinho, Aryane Cararo, e a gerente de sistema de bibliotecas Belas Artes, Leila Rabello, sobre o desafio e o prazer de escrever para crianças.

Museu Belas Artes de São Paulo (muBA) – Rua José Antonio Coelho, 879, Vila Mariana, São Paulo. Grátis.
Telefone:  (11) 5576-5771

A exposição está em cartaz até o dia 2 de março. Esperamos você lá.

 

 

sem comentários | comente

  • A + A -

convite_blog.jpg

Todo aniversário merece ser comemorado, certo? É por isso que o Estadinho vai fazer uma grande festa amanhã (dia 24) para comemorar os seus 25 anos!

A exposição Estadinho – 25 anos abre amanhã no MuBA (Museu Belas Artes), em São Paulo, com contações de histórias, oficinas, bate-papo com o ilustrador Mauricio de Sousa, varal de desenhos (você pode deixar o seu lá!), fotos do nosso parque gráfico, capas antigas e exposição de ilustrações exclusivas feitas por convidados. Tem Ziraldo, Suppa, Mariana Zanetti, Gonzálo Cárcamo, muita gente bacana que já fez arte nas páginas do Estadinho!

A exposição fica em cartaz até o dia 2 de março. Você não vai perder, não é? Clique aqui para ver o nosso convite.

Programação de abertura:

11 h – Contações de história com Andi Rubenstein

14 h – Contação de história com Kiara Terra

15h30 – Oficina artística de jornal com Lu Motta e Ana Basaglia

17 h – Bate-pop com o ilustrador Mauricio de Sousa, a editora do Estadinho, Aryane Cararo, e a gerente de sistema de bibliotecas Belas Artes, Leila Rabello, sobre o desafio e o prazer de escrever para crianças.

Museu Belas Artes de São Paulo (muBA) – Rua José Antonio Coelho, 879, Vila Mariana, São Paulo. Grátis.
Telefone:  (11) 5576-5771

 

sem comentários | comente

  • A + A -
23.março.2012 22:03:32

O melhor do Estadinho

Perguntamos às crianças qual é sua parte ou matéria preferida no caderno. Veja só o que elas responderam e conte você também o que mais gosta (mande para estadinho@grupoestado.com.br)

 

comentários (3) | comente

  • A + A -
23.março.2012 22:00:46

Os bastidores da notícia

(Por Aryane Cararo)

Você sabe todo o caminho que a notícia percorre até o Estadinho chegar sábado na sua casa? Dez fãs descobriram isso no dia 8 de março (clique aqui para ler), quando vieram participar da escolha da reportagem que estaria na capa do Estadinho de hoje (dia 24). Quer saber como foi? Você pode ver o vídeo que a Andrea Masagão Moufarrege, mãe do Fabio e da Isabel (de 8 e 6 anos), fez da visita. E seguir a leitura por aqui, para descobrir você também como é feito o Estadinho.

 

 

COMO É FEITO O ESTADINHO:

1) Tudo começa com uma reunião para discutir que assunto vai ser o tema principal do próximo Estadinho. Em jornalismo, chamamos isso de “reunião de pauta”. O editor (que é o responsável pelo caderno), o repórter (que vai escrever o texto desse tema escolhido) e o diagramador ou designer (que vai desenhar o Estadinho no computador) discutem sobre o assunto, que perguntas o repórter deve fazer, se vai ter foto ou ilustração. Ou seja, planejam a reportagem (que também chamamos de matéria). No vídeo da Andrea, nós fizemos a reunião de pauta com as crianças numa área cheia de mesas no Estadão.

2) Então, o repórter começa a pesquisar as informações de que precisa para este assunto. Ele pode ler livros e artigos no computador ou consultar a sala de arquivo, que guarda todos os jornais antigos. No vídeo: é a parte que as crianças estão em volta de uma mesa com jornais encadernados (é o lugar que tem prateleiras nos fundos).

3) O repórter também entrevista profissionais que conheçam o assunto e outras pessoas que vão participar da reportagem (nós chamamos, em jornalismo, de “personagens”). No vídeo: você pode ver um pouco da redação, que é o lugar onde editor, repórter e diagramador ficam.Vocês viram aquelas mesas cheias de livros infantis e um balãozinho de papelão? É lá que o Estadinho fica!

4) Se a matéria vai ter fotos, nós pedimos para um fotógrafo do Estadão acompanhar a entrevista e fazer os cliques. Se for uma ilustração, solicitamos que os ilustradores do jornal façam o desenho. No vídeo: deu para ver um pouco da sala da fotografia, que concentra os pedidos de fotos para o jornal inteiro (é na parte que as crianças ficam em volta de uma mulher loira no computador).

5) Se a matéria for sair em vídeo, nós pedimos para a TV Estadão gravar. Há um estúdio de TV dentro da redação do Estadão. No vídeo: é a salinha de vidro com as câmeras dentro.

6) Quando todas as entrevistas estão feitas e as fotos ou ilustrações estão prontas, o editor conversa com o diagramador para encontrar a melhor forma de apresentar textos e imagens nas páginas do Estadinho. Com base nisso, o diagramador vai desenhar o jornal no computador.

7) O repórter vai escrever sua matéria naquela página desenhada no computador e o editor vai ler tudo, revisar o texto e ajeitar o que for preciso. Então, essas páginas que estão no nosso computador são enviadas para o computador da gráfica. No vídeo: quando você ler numa porta “Pré-impressão”, saiba que já está “entrando” na área do parque industrial, em outras palavras, da gráfica.

8 ) O Estadinho está pronto para ser impresso. A impressão funciona como um grande carimbo, que transfere tinta da máquina para o papel. Assim, tudo o que a gente via só no computador começa a passar para o papel. No vídeo: as máquinas que parecem um rolo compressor é que fazem esse carimbo.

9) Assim que o jornal começa a ganhar tinta, uma equipe de funcionários fica só checando a qualidade das cores, da impressão, de tudo! No vídeo: são os homens com uniforme azul. Nessa hora, você pode ver os jornais presos na máquina, por uma espécie de pinça, que percorrem um caminho enorme (e sem amassar!).

bastidores1b.jpg

Olhe só o desenho que o Eduardo Peres Cunha, de 9 anos, fez da visita ao Estadão. É da parte da gráfica.

10) O jornal é cortado, para ficar no tamanho do Estadinho, grampeado e colocado em montes (dá para ver as pilhas de jornais no vídeo). Depois, eles serão postos dentro de cada Estadão e viajam, de caminhão, avião ou automóvel, até chegar nas casas ou nas bancas.

Ah, você também pode ver duas pessoas que fazem o Estadinho nas fotos: a de vestido cinza com bolinhas sou eu (Aryane Cararo, editora) e a de vestido rosa é a Natália Mazzoni (repórter). E tudo isso é o que a gente chama de “os bastidores da notícia”.

 

 AGORA VEJA O QUE O PESSOAL DISSE SOBRE A VISITA:

Eduardo Peres Cunha, 9 anos: “Gostei muito da gráfica porque, quando você compra o Estadinho, imagina que ele teve que passar por tudo aquilo que vi na gráfica. Foi bem legal ver a coisa que fica rodando os jornais. Queria que o Estadinho ficasse maior, porque é só uma vez por semana. Então, para você ler a semana inteira, quanto mais páginas tiver, melhor é. Assim, lemos um pouco por dia. Também gostei de conhecer o estúdio onde foi tirada a foto da capa do sábado (10/3/2012) é bem legal. Gostei bastante de conhecer a rádio do Estadão ESPN. A visita foi bem legal e compensou muito.”

Arianne Lopes, 11 anos: “Eu fui conhecer a fábrica do Estadinho no dia 8/3, quinta-feira, e gostei mais da penúltima parte, que é onde ele é revisto para ver se pode ser levado para imprimir.”

Luiza Noriega Muller, 7 anos: “Eu achei muito legal que nós visitamos o estúdio de TV do Estadão e  fizemos perguntas sobre tudo. Eu adorei  conversar  sobre o Estadinho que as crianças ajudaram a  fazer.”

Laura e Raquel Arakak Mahfuz, 9 anos cada:

Feliz Aniversário Estadinho

Nós gostamos muito de participar da pauta para a edição comemorativa do Estadinho, porque somos suas fãs. Fomos recebidas no último dia 8 de março pela jornalista Natália Mazzoni, pela editora Aryane Cararo e equipe junto com outras oito crianças na sede do jornal O Estado de S.Paulo. Elas nos explicaram como surgiu o Estadão e o Estadinho. Tomamos lanchinho e conversamos, demos ideias sobre o que gostaríamos que saísse na capa, reportagens, estórias da Turma da Mônica, perguntas para a seção Quero Saber e outros assuntos que fazem parte do Estadinho.

A seguir, conhecemos onde fica a diretoria do jornal, a redação onde as jornalistas trabalham (Natália e Aryane), a sala de arquivos onde ficam todas as edições publicadas de O Estado de S.Paulo, aonde pudemos ver a primeira edição publicada do Estadinho. Que emoção!

Passamos depois para visitar a gráfica, onde são impressos o jornal O Estado de S.Paulo  e as edições do Estadinho. Vimos a placa de metal e as tintas usadas para a impressão do jornal: amarelo, azul, preto e vermelho. O branco já é o papel.

Vimos as máquinas que imprimem o jornal, pessoas separando , fazendo controle de qualidade e colocando-os em ordem para serem distribuídos.

Cada criança ganhou um exemplar da edição do Estadinho saído naquele dia da visita (8/3) que seria distribuído no sabado (10/3). Ainda ganhamos a capa do Estadão que foi publicada no dia de nosso nascimento e a capa da primeira edição do Estadinho. Ah! Tiramos várias fotos.

Pena que o dia passou rápido, jamais esqueceremos a nossa visita ao Estadinho e o carinho que a equipe teve conosco. Obrigada, porque esse dia e o Estadinho fazem parte da nossa história.”

 

 

 

sem comentários | comente

  • A + A -
19.março.2012 18:29:59

Mande sua careta

careta2.jpg

O Estadinho está convidando todas as crianças a participarem da nossa “caretada”. O que é isso? É a galeria de fotos para comemorar os dois anos da seção “Eu faço careta…”. Para isso, basta que os pais ou responsáveis enviem uma foto do filho fazendo careta porque gosta do Estadinho. Ele pode ficar vesgo, franzir as sobrancelhas, puxar as orelhas ou mostrar a língua, do jeitinho que Felipe Benotti Carbonell, de 6 anos, está fazendo na foto acima.

Para participar, é preciso enviar até o dia 21 de março uma foto com, no mínimo, 700 px de largura e as seguintes informações:

- Nome do pai, mãe ou responsável
- Nome completo da criança
- Idade da criança
- Cidade onde mora

Os e-mails devem ser enviados para infograficos@estadao.com.br

As fotos serão publicadas no dia 24 de março. Participe!

comentários (2) | comente

  • A + A -

careta.jpg

O Estadinho vai formar uma grande galeria de caretas e todas as crianças estão convidadas a participar. É que a seção “Eu faço careta…” está completando dois anos e queremos fazer uma grande “caretada”. Vale ficar vesgo, mostrar a língua, apertar o nariz, puxar as orelhas (como fez o Mateus Villaça Napolitano, de 4 anos, na foto acima). Só não vale ficar de fora! Convide os amiguinhos, os primos e os coleguinhas de escola para fazer careta porque gosta do Estadinho.

Para participar, é preciso enviar até o dia 21 de março uma foto com, no mínimo, 700 px de largura e as seguintes informações:

- Nome do pai, mãe ou responsável
- Nome completo da criança
- Idade da criança
- Cidade onde mora

Os e-mails devem ser enviados para infograficos@estadao.com.br

As fotos serão publicadas no dia 24 de março. Participe!

1 Comentário | comente

  • A + A -

A2.jpg

Dos quadrinhos da Turma da Mônica? Dos desenhos do Varal? Dos textos dos Pequenos Contadores? Ou das matérias? Algum assunto que apareceu na capa do Estadinho foi inesquecível? Conte para a gente! Mande um e-mail dizendo o que você mais gosta, com uma foto sua. Você pode aparecer no Estadinho!

E-mail: estadinho@grupoestado.com.br

comentários (2) | comente

  • A + A -
  • Galeria Estadinho

Comentários recentes

  • olivio jekupe: hoje em dia os autores indígenas estão cada vez mais publicando seus trabalhos, aqui na nossa aldeia...
  • kellynha: adorei só algumas que é meio sem sentido !!!
  • loana de campos: Adorei a sua ideia, vou tentar fazer
  • Liane: Olha, isso da própria criança gerenciar sua leitura é bem interessante, assim como vários outros aspectos...
  • giovanna: nãão , gosteei muito ;[[

Enquete

Desculpe, não há enquetes disponíveis no momento.

Arquivo

Blogs do Estadão