ir para o conteúdo
 • 

Estadão Urgente

20.junho.2013 15:42:49

Protestos reúnem mais de 1 milhão nas ruas pelo País; grupo invade e depreda o Itamaraty; em Ribeirão, um morre atropelado

No Rio, a maior parte dos manifestantes se concentra na Avenida  Presidente Vargas, no centro. Foto: Marcos de Paula/Estadão

23h00 – O New York Times publicou, nesta quinta-feira, 20, uma charge sobre os protestos no Brasil, que mostra a presidente Dilma Rousseff (PT), de dentro do Palácio do Planalto, observando uma multidão que protesta do lado de fora, com fogo, fumaça, carro virado, em meio a cartazes e objetos arremessados. “Isto nos faz parecer um país de terceiro mundo”, diz a Dilma retratada com uma espécie de faixa presidencial. Ao lado ela, uma pessoa não identificada emenda: “Pior: (parecer) a Europa”. O autor da charge é Patrick Chappatte, cartunista editorial do International Herald Tribune. Veja:

22h52 – FORTALEZA – Um grupo de 200 manifestantes tentou agora há pouco invadir o Palácio da Abolição (sede do Governo do Ceará), em Fortaleza. Os manifestantes do Movimento Passe Livre (MPL) foram reprimidos pela Batalhão de Choque e pela Cavalaria da Polícia Militar. Pelo menos quatro manifestantes foram presos. A dispersão do movimento aconteceu através de bombas de gás e balas de borracha. A manifestação que começou com 5 mil, na Praça Portugal, terminou com 200 que quiseram invadir o Palácio, antes três horas de passeata. (Lauriberto Braga)

22h50BRASÍLIA – A presidente Dilma Rousseff convocou para a manhã desta sexta-feira, 20, uma reunião com ministros mais próximos, entre eles o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, da Justiça, para fazer uma avaliação das manifestações realizadas no País. A invasão ao Palácio do Itamaraty deixou as autoridades palacianas “assustadas” e chocadas”. Elas consideraram este fato “muito grave”. Na pauta, o mapeamento da extensão das manifestações e medidas emergenciais que podem ser tomadas para arrefecer o movimento.

22h48 MANAUS – O universitário e ex-líder do Movimento Passe Livre (MPL) em Manaus, Getúlio Cordeiro, disse na noite desta quinta-feira que não foi à manifestação que reuniu quase 100 mil pessoas, segundo a Polícia Militar, na capital amazonense devido ao racha que aconteceu no MPL nessa quarta. Ele disse ainda que enquanto o prefeito Arthur Virgílio Neto não reduzir pela segunda vez a tarifa de ônibus na cidade haverá manifestação todas as quintas-feiras.

21h24 – Em São Paulo, manifestantes seguem na Avenida 23 de Maio em direção à Assembleia Legislativa. A Avenida está bloqueada em ambos os sentidos.

21h19 – CURITIBA – A chuva que caiu durante toda a quinta-feira em Curitiba (PR) e o anúncio da redução em 15 centavos na tarifa de ônibus, feito pelo prefeito Gustavo Fruet (PDT), não evitaram que um grupo de aproximadamente três mil manifestantes realizasse uma passeata pelas ruas centrais da cidade.

Eles protestaram contra corrupção política, a PEC 37, as tarifas do transporte público, que passou de R$ 2,85 para R$ 2,70, e a falta de transparência da URBS, autarquia que gerencia o transporte em Curitiba. Os grupos caminharam em direção à Prefeitura. A tendência é de que o número de manifestantes, divulgado em balanço das 19h15, aumente ainda mais.

21h14 - O MetrôRio – empresa que opera o metrô carioca – informa que as estações Presidente Vargas, Uruguaiana e Cidade Nova estão fechadas “por motivos de segurança” dos usuários. Estações Cinelândia e Carioca também estão fechadas temporariamente, “devido a insegurança externa”. Já as estações Praça Onze e Central, que chegaram a ser fechadas, foram reabertas com o reforço de segurança da PM.

21h12 PORTO ALEGRE – Um grupo de participantes da manifestação pela redução das tarifas do transporte urbano entrou em conflito com um pelotão da Brigada Militar na noite desta quinta-feira. A marcha, iniciada no centro da cidade, passava pelo bairro Azenha quando alguns ativistas teriam apedrejado os policiais que bloqueavam a passagem por uma das pistas da Avenida Ipiranga. A Brigada Militar formou uma linha para fazer os manifestantes recuarem e passou a detonar bombas de efeito moral.

Enquanto grande parte da multidão, estimada em 15 mil pessoas, tomava o caminho de volta para o centro pela Avenida João Pessoa e Rua Lima e Silva, um grupo menor enfrentou a polícia e, ao recuar, seguiu para a Avenida Azenha, onde passou a quebrar grades de lojas comerciais. Pelo menos uma loja de baterias foi saqueada.

21h09 – BELO HORIZONTE – Cerca de 15 mil pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar (PM), tomaram novamente algumas das principais vias de Belo Horizonte no fim da tarde e noite desta quinta-feira, 20. Os manifestantes ocuparam a entrada da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), passaram pelo Palácio da Liberdade, histórica sede do Executivo estadual e, no início da noite, planejavam seguir em direção à Assembleia Legislativa, que já teve sua escadaria ocupada no dia anterior. Até pouco depois das 19h a PM não havia registrado problemas no protesto.

21h07 - MANAUS – Cerca de 60 mil pessoas foram às ruas do centro rumo à zona centro-sul, em frente à Arena da Amazônia, na Avenida Djalma Batista, de acordo com a PM. Os manifestantes pediam em cartazes melhorias na qualidade do transporte público, saúde, além da redução da tarifa de ônibus, que desencadeou os protestos em todo o País. Entre os manifestantes estão estudantes e trabalhadores liberais. Houve apedrejamento de ônibus por volta das 17h. Quatro pessoas foram detidas por porte de facas, segundo a PM.

21h06 FORTALEZA – Cinco mil manifestantes do Movimento Passe Livre saíram em passeata na noite desta quinta-feira em Fortaleza. O protesto composto por estudantes saiu da Praça Portugal, passou pela Assembleia Legislativa e terminou no Palácio da Abolição (sede do Governo do Estado do Ceará). Os estudantes, com a manifestação, cobram a redução da passagem de ônibus de R$:2,20 para R$:2,00. Ao longo da passeata os manifestantes foram acompanhados por policiais militares. O momento mais tenso aconteceu quando os estudantes chegaram na Assembleia Legislativa e foram recebidos pelos policiais com bombas de gás. (Lauriberto Braga)

21h04 – Clientes do Shopping Paulista tiveram que sair às pressas durante a passagem de manifestantes na região. As lojas foram fechadas e os seguranças conduziram as pessoas pelas portas do fundo. O designer Rodrigo Sanches, de 29 anos, diz que a situação já está normalizada e o shopping permanece de portas fechadas. A passeata foi em direção a Avenida 23 de Maio. Segundo ele, o grupo tem intenção de ir até o edifício da Assembleia  Legislativa, no Parque Ibirapuera. (Luciano Bottini)

20h54 – Passa de 1 milhão a quantidade de manifestantes nas ruas de todo o país. A quantidade é mais de três vezes maior do que se viu na última terça-feira, quando 230 mil pessoas participaram.

20h52 – SÃO PAULO – Veja o vídeo da jovem Marina, que chorava e lamentava a intolerância vista na Avenida Paulista, com a queima de bandeiras. “Vivemos em um país democrático e isso não deveria acontecer. Queimar uma bandeira é queimar um ideal de uma pessoa”, disse a jovem, que aparentava ter 20 anos.

Uma integrante do Movimento Passe Livre, Nívea, também criticava a intolerância. Veja vídeo:

20h48 – Atualização das estradas em São Paulo:

Via Dutra – Bloqueio no sentido Rio de Janeiro na altura de Lorena (SP)

Raposo Tavares – Bloqueio no sentido São Paulo, na chegada, no Butantã

Via Anchieta – Bloqueio na região do planalto, nos dois sentidos: a interdição no sentido litoral fica no km 10 e no sentido capital fica no km 40. Na região de serra, acaba de haver a liberação no sentido litoral. No Trevo de Cubatão, na baixada, tráfego parado devido à manifestação.

Imigrantes – Bloqueio nos dois sentidos na região de serra.

Anhanguera – Bloqueio na região de Jundiaí nos dois sentidos e na Região de Perus nos dois sentidos devido manifestação.

Cônego Domênico Rangoni – Bloqueio em Cubatão no km 268.

Castelo Branco está interditada na altura do km 22 (Barueri), na pista Expressa e na pista Marginal, nos dois sentidos.

20h40 – Em Porto Alegre, onde também ocorrem manifestações,  um grupo tenta saquear lojas.

20h38 BRASÍLIA – Um grupo de manifestantes conseguiu há pouco furar o bloqueio policial e invadiu o prédio do Palácio do Itamaraty, na Esplanada dos Ministérios. O pequeno grupo conseguiu chegar ao segundo andar do edifício  e outros manifestantes ocupam o espelho d’água em frente ao Itamaraty. Alguns se posicionaram em cima da escultura denominada Meteoro que fica no local. Os manifestantes correram na direção do Itamaraty logo após a Polícia Militar soltar bombas de gás lacrimogêneo para dispersar a multidão. (Leonencio Nossa, para o Broadcast Político)

20h30 – Os protestos em ao menos 75 cidades do Brasil reúnem cerca de 900 mil pessoas nas ruas do País. A maior concentração ocorre no Rio de Janeiro, onde 300 mil pessoas tomaram a Avenida Rio Branco, no centro da cidade. Em São Paulo, 100 mil estão na Avenida Paulista, segundo estimativa da Polícia Militar. Trata-se do maiores públicos registrados nas duas capitais desde o início das manifestações pela redução da tarifa de ônibus no País, há duas semanas.

20h25 – MANAUS – Um grupo com cerca de mil manifestantes,segundo a PM, que seguiram para a Prefeitura de Manaus tentou invadir o estacionamento do prédio. O grupo permanece no local e há dezenas de Policiais Militares dentro do estacionamento.

A manifestação em Manaus começou às 17h e o grupo com cerca de 60 mil manifestantes se dividiu no Centro da cidade. Parte seguiu para a prefeitura e outra segue para a Arena da Amazônia, na Zona Centro-Sul.

20h12 – Em Brasília, manifestantes invadiram o Palácio do Imaraty, onde funciona o Ministério das Relações Exteriores. Eles romperam um cordão e chegaram ao espelho d´água e quebraram vidraças, mas não conseguiram entrar no prédio.

20h05 - Por causa da manifestação na capital federal, a presidente Dilma Rousseff despacha com aproteção do Exército no Palácio do Planalto: 200 homens das Forças Armadas e da polícia fazem uma espécie de escudo humano para proteger o prédio.

19h56 – Em Brasília, policiais fazem um cordão de isolamento para impedir a invasão do largo e da cúpula do Congresso. Policiais impedem a aproximação usando spray de pimenta:

Policiais atacam spray de pimenta em manifestante no Congresso Nacional. Foto: Dida Sampaio/Estadão

 

19h53 – No Rio, manifestantes atearam fogo em um carro do SBT. Um repórter da Globo News, Pedro Vedova, levou um tiro de bala de borracha na testa.

19h48 – Em Recife, manifestação reúne 52 mil pessoas. No momento, a multidão se concentra no centro histórico da cidade.

19h36 SOROCABA – Vinte mil pessoas, segundo a Polícia Militar, participavam no início da noite desta quinta-feira (20) de uma manifestação por melhorias no transporte coletivo, tarifa zero e contra a corrupção dos políticos. O protesto foi convocado por lideranças estudantis e movimentos sociais – os organizadores contabilizavam 30 mil participantes. Guardas municipais disseram ser a maior manifestação já ocorrida na cidade desde a criação da corporação, no início dos anos 90. Até as 19 horas, o movimento seguia pacífico.

19h34 – A Marginal Tietê, em São Paulo, foi totalmente interdita no sentido Castelo Branco por manifestantes.

19h33 – SÃO PAULO – Chorando bastante, uma jovem que se identificou apenas como Marina lamentava o que chamou de intolerância – o ato de as pessoas queimarem bandeiras de partidos. “Vivemos em um país democrático e isso não deveria acontecer. Queimar uma bandeira é queimar um ideal de uma pessoa”, disse a jovem, que aparentava ter 20 anos.

19h31 - No Rio, uma pessoa ferida é carregada por um grupo de manifestantes.

19h26 – A Avenida 23 de Maio, bloqueada mais cedo devido à manifestação na Avenida Paulista,  foi liberada nos dois sentidos. Acompanhe a situação do trânsito na capital e nas estradas paulistas.

19h19 – Um grupo de cerca de 150 manifestantes do PT desistiu de permanecer na passeatadepois por causa da crescente hostilidade por parte dos manifestantes que não querem a presença de partidos no ato. A passeata ainda se concentra na frente da TV Gazeta, na Avenida Paulista. Os manifestantes estão impedindo emissoras de televisão de transmitir imagens ao vivo do local.

19h12 – Um grupos também protagoniza corre-corre e confronto com policiais no Rio, onde blocos de manifestantes e policiais da cavalaria entram em confronto, em frente à prefeitura. A Tropa de Choque atua para dispersar os radiciais.

Manifestantes em frente à prefeitura do Rio: Foto: @felipebastista/Reprodução

 

No Rio, maioria dos manifestantes está na Avenida Presidente Vargas, onde ato é pacífico. Foto: Marcos de Paula/Estadão

 

19h08 –  SÃO PAULO – Novo tumulto na Avenida Paulista por causa da presença de integrantes do PT na passeata. Uma bandeira do PT foi queimada. Os manifestantes ocupam toda a Avenida e pararam em frente ao prédio da TV Gazeta, na altura do número 900. Anteriormente eles soltaram rojões e disseram que “a luta não acaba aqui”.

19h06 Veja as vias interditadas por conta de manifestações em São Paulo:

Cônego Domênico Rangoni tem interdição na altura do km 268 na pista sentido Guarujá

Rodovia Anhanguera, na altura da cidade de Jundiaí (SP), está fechada nos dois sentidos. A orientação para os usuários é usar a Rodovia dos Bandeirantes.

Dutra está bloqueada na altura do Km 149, em São José dos Campos.

Rodovia Castelo Branco também está bloqueada nos dois sentidos na altura de Barueri

Anchieta também tem bloqueio devido a manifestações: no sentido litoral, há interdição no km 10 devido a manifestação no km 18. No sentido São Paulo, a pista esta bloqueada no km 40.

 

19h02SALVADOR - A Polícia Militar reprime a manifestação em Salvador com bombas de efeito moral e balas de borracha em diversos pontos do entorno da Arena Fonte Nova, onde daqui a pouco (19 horas) começa a partida entre Nigéria e Uruguai, válida pela Copa das Confederações.

A manifestação começou pacífica, ainda antes das 14 horas – horário marcado para a concentração, na Praça do Campo Grande. A caminhada rumo à arena começou às 15h30, reunindo cerca de 15 mil pessoas.

Tudo corria em clima tranquilo até que o grupo que liderava a manifestação encontrou uma barreira policial, que marcava o perímetro de segurança para a realização da partida, nas proximidades do Colégio Central, no bairro de Nazaré, no centro da cidade.

18h49 – CAMPINAS – Manifestantes em frente ao Paço Municipal de Campinas atiraram pedras e rojões contra a sede da Prefeitura e quebraram os  vidros da fachada. A  guarda reage com bombas de efeito moral, de gás lacrimogêneo e com spray de pimenta. Ao menos dois guardas e um jornalista estão feridos. Manifestantes ameaçam invadir a Prefeitura.

18h42 – Protesto em São Paulo já causa bloqueios nos dois sentidos da Avenida Paulista e da Avenida 23 de Maio, perto do acesso para a Ligação Leste-Oeste.  Rodovia Castelo Branco também estábloqueada nos dois sentidos na altura de Barueri por conta de protestos. Veja a situação do trânsito na cidade e nas estradas nesta quinta-feira.

18h34 – O presidente do Senado Federal, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o primeiro vice-presidente da Câmara dos Deputados, André Vargas (PT-PR), estão reunidos neste momento no gabinete da Presidência do Senado para discutir a maneira de lidar com as manifestações que tomam conta da frente do Congresso Nacional, no final da tarde desta quinta-feira.

Manifestantes estão na frente do Congresso. Polícia faz cerco para impedir invasão. Foto:@gilguimares/Reprodução

Os dois se comprometeram a receber representantes de manifestantes para ouvir as reivindicações do grupo. Há pouco, sem se identificar, três pessoas entraram no gabinete de Renan Calheiros, ciceroneados pelo diretor da Polícia Legislativa do Senado, Pedro Ricardo. Seria um dos cinco grupos que devem ser recebidos. (Ricardo Brito )

18h32 CAMPINAS – Manifestantes jogaram pedras e rojões contra o prédio da Prefeitura e o clima esquenta. Um adolescente que estava com uma bomba foi preso e conduzido ao 1º DP da cidade. Ele já foi liberado.

A tropa de choque da guarda municipal reagiu jogando bombas de gás lacrimogêneo, e a frente da Prefeitura se esvazia agora.

18h27 - “É uma tentativa tardia de participar de um processo do qual não se legitimaram. É um movimento de oposição aos partidos que estão no poder, o PSDB e o PT”, disse Ivan Valente, deputado federal pelo PSOL, sobre a presença de um grupo de militantes petistas na sétima marcha organizada pelo Movimento Passe Livre em São Paulo. Ele acompanha a manifestação na Paulista.

18h23- Na manifestação no Recife, houve arrastões e brigas em um tumulto gerado por um grupo de pessoas vestindo camisas de torcidas organizadas. A Polícia Militar entrou em ação com bombas de gás lacrimogêneo e bombas de efeito moral. Houve corre-corre e muita gente ficou apreensiva. Ainda não há informação de feridos.

18h20 – BRASÍLIA – Milhares de pessoas cercam o Congresso Nacional. A PM faz um cordão de  isolamento para evitar que as cúpulas e o espelho d´água sejam novamente invadidos, como na segunda-feira.

18h14RIO – Militantes de partidos políticos que levavam bandeiras à concentração para a passeata que acaba de começar no centro do Rio foram recebidos com vaias e palavras de ordem. “O povo unido não precisa de partido”, gritaram os manifestantes apartidários para um grupo que levava bandeiras do PSTU, do PCB e do PC do B e descia a Rua Uruguaiana em direção à Avenida Presidente Vargas, onde uma multidão está reunida. “Sem partido”, repetiam os manifestantes contrários à partidarização. “Sem fascismo”, respondiam os militantes partidários. (Luciana Nunes Leal e Heloisa Aruth Sturm, O Estado de S. Paulo)

18h08 – O secretário nacional da Juventude do PT, Jeferson Lima, de 26 anos, reagiu às vaias dos manifestantes na Avenida Paulista afirmando que o discurso apartidário é uma estratégia de pessoas ultraconservadoras para desgastar o partido. Na avaliação dele, Haddad realmente demorou para abaixar a tarifa, mas o papel do PT foi fundamental para pressionar Haddad e, no final, a decisão certa acabou sendo tomada. “Não seria esse discurso antipartidário que convenceria o Haddad a baixar a tarifa”, disse. Veja a situação na Paulista:


18h03 - CAMPINAS – O principal grupo de manifestantes chegou à Prefeitura da cidade, que está cercada com cordas e protegida por guardas municipais. A preocupação com vandalismo é reforçada pelo fato de que a fachada do Paço Municipal é toda de vidro. Os manifestantes vaiam a presença da guarda.

17h55 – SÃO PAULO – Seguem as hostilidades entre militantes do PT e o restante dos manifestante na Avenida Paulista. Já houve ao menos dois princípios de  tumulto e agressões: os que não querem a presença de partidos na marcha, jogam garrafas d´água e puxam bandeiras de um grupo de cerca de 200 pessoas do PT. Acuados, eles seguiram no sentido Paraíso da Paulista, mas foram seguidos por um bloco ainda maior, sob gritos como “mensaleiros” e “sem partido”.

Militantes do PT tiveram que formar uma corrente humana ao redor das bandeiras do partido por causa das provocações vindas dos manifestantes contrários à presença da sigla na manifestação, na Avenida Paulista, nas proximidades da Rua Pamplona. Uma série de pequenos tumultos se formam ao redor do grupo petista, com troca de empurrões e muitos gritos e, eventualmente, socos entre militantes e pessoas contrárias ao PT. As agressões no entanto tem sido controladas até o momento em poucos segundos. Mas o clima segue tenso na Avenida Paulista.

17h52 - Vejas os tweets postados nos locais de concentração das manifestações em São Paulo, Rio e Brasília, no raio de 1km:

RIO – Igreja da Candelária

SÃO PAULO – Praça do Ciclista

BRASÍLIA – Museu da República

 

17h49 – Aracaju – A tarifa de transporte coletivo de Aracaju terá uma redução de R$ 0,10. A garantia foi dada pelo prefeito da capital, João Alves Filho, DEM, que assinará um projeto de lei assim que retornar de São Paulo, o que deve acontecer ainda hoje. Ele foi a capital paulista se submeter a uma cirurgia no Hospital Sírio Libanês, onde também está internado o governador de Sergipe, Marcelo Déda, PT, para tratamento de um câncer no estômago.

Com a redução, a passagem que custa R$ 2,45 passará para R$ 2,35. A justificativa do prefeito é que, como o governo federal anunciou uma Medida Provisória que passaria a valer em 1º de junho, desonerando o PIS Confins, reduzindo a zero as alíquotas dos impostos para empresas de transporte coletivo em todo território nacional, então a administração municipal decidiu pela redução. O anúncio feito na quarta-feira, antes do  movimentos populares pelas ruas de Aracaju e de todo país.

 

17h46 – CAMPINAS –  A passeata reúne agora 15 mil pessoas, segundo a PM. Os manifestantes inciaram a caminhada na Avenida Francisco Glicério, passaram pela Avenida Dr. Moraes Salles, no centro, e se dividiram em três grupos. A intenção do público é seguir para a Prefeitura.

17h35 - Militantes do PT e da CUT foram agredidos e vaiados pelos manifestantes que estavam na Avenida Paulista, próximo à Rua Haddock Lobo. Vestidos com roupas vermelhas e carregando bandeiras, os petistas respondiam às agressões gritando: “Democracia”. Já os outros manifestantes, que não querem a presença de partidos políticos no local, gritavam: “oportunistas”. Apesar da agressão, os militantes do PT e da CUT continuam seguindo a passeata, sentido Paraíso.

Momento em que militantes do PT são cercados pelos demais manifestantes na passeata. Foto: Diego Zanchetta/Estadão

17h28 – SÃO PAULO – Um grupo se dividiu na concentração do sétimo protesto do MPL em São Paulo e começou a marchar no sentido Paraíso e está na altura do Conjunto Nacional. Há cartazes pedindofim da corrupção, a redução da maioridade penal, criticando os partidos políticos.

Na Praça do Ciclista, permaneceram grupos ligados à causa original da redução da passagem, com bandeiras de movimentos ligados a partidos, como, por exemplo, o “Juntos”, braço jovem do PSol.

A foto foi publicada no perfil de hevi_silveira no Instagram:

Manifestantes se concentram próximo à Praça do Ciclista, na Avenida Paulista.

 

17h27- Em Campinas, onde a marcha partiu por volta das 17h, cerca de 8 mil pessoas estão no protesto. Os manifestantes estão concentrados no centro da cidade e seguem para a Prefeitura. O tom geral do ato é pacífico, mas um grupo saqueou um posto quando passava pelo estabelecimento. O incidente foi contido pelos próprios manifestantes, que pregam a não violência, mas algumas pessoas fugiram levando bebidas alcoólicas (Ricardo Brandt).

17h20 – Manifestantes também se reúnem em Brasília e Belém.

17h17 – A concentração aumenta e há bloqueio total na Paulista desde a Rua da Consolação até a Rua Augusta. Lojas, bancos, prédios empresariais encerram funcionamento. A presença da Polícia é maior do que no protesto de terça-feira, quando diversas lojas foram saqueadas no centro de São Paulo. Veja galeria de fotos da destruição de terça-feiram 18, o sexto organizado pelo Passe Livre em São Paulo desde o início dos protestos, no dia 6.

 

 

16h59 – Mesmo com a redução da tarifa do transporte público em São Paulo, de R$ 3,20  para R$ 3,00, o Movimento Passe Livre diz que pode continuar com protestos por passagem mais barata.

 

16h50 –  O presidente do PT, Rui Falcão, retirou a hashtag “ondavermelha” do seu perfil do microblog Twitter, na qual apoiava a iniciativas de militantes do partido, de centrais sindicais e movimentos sociais de fazer um ato juntamente com a grande manifestação marcada para hoje do Movimento Passe Livre. Segundo assessoria de Falcão, a decisão ocorreu porque ele não está convocando o ato, organizado pela militância e ainda porque foi um “retuite” (reprodução de outra mensagem) errado.

A decisão de Falcão ocorre, no entanto, após o nome do presidente do PT ocupar o quinto posto entre os “trend topics” (mais citados) do Twitter no Brasil. Apesar de muitos defenderem o presidente nacional do PT, a maioria dos tópicos tem xingamentos e ameaças a Falcão e ao partido. (Gustavo Porto, O Estado de S. Paulo).

16h44 – Veja os desdobramentos das manifestações pelo País:

 

Sede do Governo tem segurança reforçada no Rio de Janeiro

Abin monitora Twitter, Facebook e WhatsApp para seguir protestos

 Pichadores foram protagonistas no quebra-quebra do centro

VÍDEO: Movimento comemora revogação do aumento

VÍDEO: alunos do Mackenzie estão entre os presos

 

16h41 – RECIFE- O PSTU e a juventude do PT , além da Central Sindical Conlutas, foram rechaçados pela multidão que começou a caminhar pelas ruas centrais de Recife, às 15h45. Alguns manifestantes do PSTU chegaram a gritar “Censura é ditadura”. Houve um início de confronto e logo o início do confronto foi dissipado, com gritos da multidão “Sem violência, Sem VIOLÊNCIA”. Ai as bandeiras sairam de cena. Segundo a PM, a passeata já reúne 36 mil pessoas.

 

Presidente se reuniu com o prefeito Fernando Haddad na terça-feira, quando manifestantes depredaram a Prefeitura de São Paulo em protesto. Foto: André Dusek/Estadão

 

A concentração ocorreu na Praça do Derbi, que ficou lotada. Agora a caminhada já está na Avenida Conde da Boa vista, no número 1183, e o violinista tocou o hino do Brasil, arrancou aplausos e gritos. Quase todos os caminhantes mostram um cartaz contra corrupção, PEC 37, contra violência e pede um serviço público de qualidade. Um jargão dizia “Entre outras mil é s tu Brasil o mais roubado”. Outros slogans movimentaram a passeata pela cidade. Grande parte dos manifestantes está com a mascara de V de vingança. (Angela Lacerda)

A foto abaixo foi posta na conta de Fernandabarich no Instagram:

No Recife, manifestação se espalha pelo centro da cidade.

 

16h28 CURITIBA- O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT) anunciou a redução na tarifa de ônibus, que passará de R$ 2,85 para R$ 2,70.  Lembrando que antes de chegar a R$ 2,85, a passagem era de R$ 2,60. A decisão foi comunicada pelo próprio prefeito de Curitiba na tarde de hoje.  O ajuste começa a ser praticado a partir do dia 1º de julho.

16h27 – No Rio de Janeiro a concentração também já começou e bloqueia a Avenida Rio Branco, no centro da cidade, nos dois sentidos.

16h26 – Já há bastante gente na concentração do sétimo ato do Movimento Passe Livre na Avenida Paulista e a via já está interditada nos dois sentidos no trecho entre a Rua da Consolação e a Bela Cintra. Quem vem da Rebouças não consegue entrar na Paulista.

16h23 - BRASÍLIA – O clima de apreensão gerado pela onda de manifestações em todo o País levou a presidente Dilma Rousseff a cancelar a agenda de viagens dos próximos dias. Ela iria amanhã a Salvador, capital baiana, para lançar o Plano Safra para o Semiárido, e na semana que vem faria uma viagem ao Japão.

A presidente avaliou que a missão ao Japão seria muito longa e que não seria o momento de ela ficar afastada uma semana do País. Em relação a Salvador, o cancelamento foi acertado com o governo Jaques Wagner (PT). A viagem à capital baiana deverá ser feita na próxima semana. (Tânia Monteiro ,  O Estado de S. Paulo).

16h20 – Apesar das declarações do presidente nacional do PT, Rui Falcão, no Twitter,  conclamando membros do partido a ir para a passeata desta quinta-feira em São Paulo, só 15 pessoas  compareceram até o momento ao ato paralelo, na praça que fica na esquina da Avenida Paulista com a Avenida Angélica. A assessoria de imprensa do PT informou que a manifestação é organizada por militantes, não pela direção nacional da legenda. (Diego Zanchetta, O Estado de S. Paulo).

16h08 - CAMPINAS – O protesto marcado para as 17h em Campinas foi antecipado em uma hora e meia e neste momento cerca de mil manifestantes já fecham a Avenida Francisco Glicério, um dos principais corredores viários e comerciais do centro da cidade.

A manifestação, que deve reunir 10 mil pessoas, segundo a PM, é pacífica, e ocorre um dia depois de a tarifa de ônibus ser reduzida no município: de R$ 3,30 para R$ 3,0. A concentração para a passeata está sendo feita no Largo do Rosário, também no centro. (Ricardo Brandt, O Estado de S. Paulo)

15h42 – À espera da série de manifestações marcadas para esta quinta-feira em ao menos 75 cidades do País, comerciantes, bancos e instituições oficiais já reforçam a segurança. Funcionários serão liberados mais cedo.

Em São Paulo, a concentração será às 17 horas, na Praça do Ciclista, na região da Avenida Paulista. Em seu sétimo ato desde o dia 6 de junho, o Movimento Passe Livre vai comemorara redução da tarifa do transporte coletivo, anunciada nessa quarta-feira, 19.

 

15h40 Nove cidades da Grande São Paulo resolveram baixar para R$ 3 a passagem de ônibus, seguindo o anúncio feito nessa quarta-feira, 19, pelo prefeito da capital, Fernando Haddad (PT), e o governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB) após protestos que levaram milhares de pessoas para as ruas.

A nova tarifa passará a valer à zero hora de segunda-feira, 24, em seis municípios do Oeste paulista: Barueri, Carapicuíba, Itapevi, Jandira, Osasco e Santana de Parnaíba. A decisão foi divulgada após reunião do Consórcio Intermunicipal na tarde desta quinta-feira, 20.

No Rio, o Palácio Guanabara, em Laranjeiras, sede do governo estadual, já amanheceu cercado de grades para evitar depredação e a Polícia Militar vai distribuir panfletos pedindo que os manifestantes não se envolvam em atos de vandalismo e depredações.

 

Concentração do sexto protesto em São Paulo, na Praça da Sé, terça-feira. Epitácio Pessoa/Estadão

 

Em Brasília, a polícia bloqueou o acesso ao Congresso. Os servidores do Senado receberam orientações especiais, por e-mail, sobre acesso à Casa. A Polícia Legislativa pediu aos funcionários que não estacionassem ao longo do Eixo Monumental, como de costume, e avisou que a entrada pela chapelaria e pela rampa do prédio ficará restrita a pessoas autorizadas pela Secretaria de Polícia Legislativa a partir de 15 horas.

Há duas manifestações previstas para esta quinta-feira em Brasília: uma com concentração às 16 horas, na Rodoviária do Plano Piloto, e outra que vai reunir manifestantes a partir de 17 horas, no Museu da República. O movimento promete reunir mais do que as 10 mil pessoas que invadiram o gramado e a área de cobertura do Congresso Nacional, onde ficam as cúpulas da Câmara e do Senado, na segunda-feira, 17.

Líder do PT na Casa, o senador Wellington Dias (PT-PI) destacou que a medida é apenas preventiva e visa a evitar danos ao patrimônio público e garantir o funcionamento do Congresso. Ele defendeu o protesto pacífico. “O que for crime deve ser tratado como crime, mas a manifestação deve ser recebida como algo próprio da democracia. É legítima a manifestação, mas também necessário ao País que as instituições funcionem.”

Em Goiânia, o clima é de tensão. O Tribunal de Justiça e a Justiça Federal vão fechar às 15 horas por causa da manifestação marcada para o centro. A PM disse que vai agir com balas de borracha e gás se houver depredação. Os bares foram orientados a nem abrir e escolas centrais estão dispensando os alunos. Tudo indica que a PM vai tentar evitar a chegada dos manifestantes até o Palácio das Esmeraldas, sede do governo. O trajeto da passeata está sendo omitido pelos organizadores.

Em Campinas, interior de São Paulo, escolas e o comércio vão fechar as portas mais cedo por causa do primeiro protesto na cidade, marcado para as 17h, que conta com a confirmação de mais de 70 mil pessoas via internet. Todo efetivo da Guarda Municipal foi convocado e a Polícia Militar reforçou seu efetivo e montou uma operação especial para acompanhar os manifestantes, que sairão do Largo do Rosário, no centro da cidade.

Na região de Ribeirão Preto, mais de 50 mil pessoas já confirmaram presença, via internet, nos protestos que acontecem nesta quinta. Ruas serão interditadas e comerciantes já informaram que vão baixar as portas mais cedo com medo do vandalismo. A Polícia Militar informou que acompanhará os protestos e que intervirá se presenciar a ação de vândalos.

 

Veja as cidade que terão protestos nesta quinta-feira:

 

Clique para ver o mapa em tamanho maior

 

Em Sorocaba, alegando questões de segurança em razão da manifestação marcada para as 18 horas desta quinta-feira na cidade, o juiz diretor do Fórum de Sorocaba, Jayme Walmer de Freitas, teve autorização do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) para encerrar o expediente mais cedo. Conforme comunicado divulgado pela subsecção local da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), o expediente será encerrado às 15h30, ao invés de seguir funcionando até as 19 horas – o horário normal.

A concentração para o protesto começa às 17 horas, na Praça Arthur Fajardo (Largo do Canhão), região central da cidade. Líderes dos movimentos que organizam a manifestação decidiram anunciar apenas na hora da saída qual será o destino das marchas. A expectativa é de que um grupo se dirija ao centro administrativo, no Alto da Boa Vista.

O Sindicato dos Condutores de Ônibus informou em nota que as frotas serão recolhidas caso haja agressão ou vandalismo que coloque em risco a integridade de trabalhadores e usuários do transporte público. A direção da Urbes Trânsito e Transportes, órgão municipal de trânsito, desmentiu em nota informações veiculadas em redes sociais de que os terminais de passageiros da cidade seriam fechados durante a manifestação.

comentários (69) | comente

  • A + A -
69 Comentários Comente também
  • 20/06/2013 - 16:25
    Enviado por: Carlos Roberto de Souza SIlva

    Você está assistindo ao despertar de uma Nação. Lidere, siga ou saia da frente.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 16:30
    Enviado por: André Brito

    No Recife ja tem 60 mil pessoas e vocês não dizem nada?!?!?!?!?!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 16:41
    Enviado por: Paraná

    Sou profissional liberal, mas na sexta e dia 26 estarei nas ruas protestando contra esse desgoverno que ocorre no Brasil. Fora PT e Dilma. Cadia para mensaleiros, lula e sua tropa.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 16:52
    Enviado por: marcio

    Interessante em Goiania nao se acha nunhum politico nesses dias, nem o covarde LULA que estava agenda para vir no encontro do PTco desistiu da viagem

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 16:53
    Enviado por: José Moniz

    Lula, Dilma e os políticos precisam entender que o povo brasileiro não é gado. Estamos cansados desse desgoverno,dessa corrupção, da arrogância da presidente Dima.
    Fora o PT e toda sua corja

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 16:55
    Enviado por: Arnaldo

    A conclamação de Rui Falcão, presidente nacional do PT, no sentido de que a militância do partido participasse da passeata desta quinta feira em São Paulo, sob o argumento ridículo de que “a luta do povo é a luta do PT” mostra às escâncaras o quão oportunista e cara de pau ele e a maioria dos políticos de seu partido – e de muitos outros, devo dizer – é.
    O MPL, pela voz de seus jovens integrantes, já havia ecoado aos quatro cantos dizendo que partidos políticos não eram bem-vindos. As reivindicações do MPL são resultado da atuação ridícula, interesseira e corrupta de um grande número de políticos de todos os partidos e da sujeira que assola a máquina pública. Não obstante tenhamos funcionários públicos e políticos que atuem dentro da maior lisura e no interesse do povo, o mesmo não podemos dizer de muitos outros… E o MPL está aí para clamar contra a corrupção, por justiça, pelo uso correto do erário público, pelo investimento em educação, infraestrutura e saúde, por justiça social (verdadeira e não eleitoreira) e tudo aquilo que um pais – cujos governantes e legisladores preocupam-se de verdade com o povo – merece.
    Estamos todos cansados de vermos notícias e mais notícias, denúncias e mais denúncias, apelos e mais apelos de todos os cantos evidenciando o descaso de nossos políticos e legisladores.
    Está mesmo na hora de todos irmos às ruas para mostrarmos nossa indignação.
    Nas próximas eleições todos veremos se essas manifestações realmente vieram para marcar o início de um novo Brasil, o Brasil que todos desejamos e merecemos!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 21:53
      Enviado por: Gilberto

      Meu caro Arnaldo, vcs estão de parabéns, fico aliviado de ver e ouvir vcs, lamentavelmente tenho 69 anos e a saúde um pouco fragilizada e não posso estar nas ruas com vcs, mas torço para que vcs consigam uma liderança rapidamente pq se não os partidos vão acabar se apoderando disso tudo que está acontecendo no pais e dai vc sabe o que pode acontecer, o Brasil está com vcs.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 16:56
    Enviado por: marcio

    Em Goiania o prefeito é do PT e a secretaria da saude está agendando cirurgias para até dois anos,um cidadão está esperando a mais de um ano para ser operado de hemorroida, tem mulher dando a luz nos corredores dos hospitais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:07
    Enviado por: Fabio

    Ora, o ato paralelo que iria ser realizado pelo PT é aviltante aos anseios do Brasil. Parece até que a insatisfação geral não é com o governo que já está lá por mais de 10 anos!
    Deviam ter vergonha na cara – sei que é impossível – para esta pretensão. Espero que esse PT maldito entenda que os manifestantes, independentemente da classe social e do Estado da Federação, são pessoas politizadas e com plena ciência dos problemas do Brasil, principalmente da corrupção institucionalizada e escancarada do PT, da petulância de apresentar e apoiar projetos que subvertem a ordem constitucional.
    Logo, não podem ser manipulados e é esse o medo deles!
    Será que o Lula acredita que ele vai simplesmente dizer que este descontentamento geral – apartidário – é coisa “das elites” ou que ele não sabia de nada e isso bastará para o povo se conformar com bilhões em corrupção e propostas ao sabor de governos transitórios?
    O Brasil é muito maior do que isso e o gigante acordou!
    Deveriam estar preocupados em resolver o problema ou como sair do governo, transferindo-o a alguém competente, mas preferem se preocupar com a popularidade e a reeleição!
    Fora Dilma, fora Lula, fora PT, fora corruptos, fora Renan, prisão aos mensaleiros e fora todos os carrapatos da República, sejam de que Poder forem e de que partido forem!
    Espero que o povo nunca se esqueça desses episódios históricos e que eles fiquem latentes em nossa memória. Mas, mais do que isso, que fique sobre os parlamentares presentes e futuros para que nunca se esqueçam que qualquer roubalheira resultará na fúria implacável do povo!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:08
    Enviado por: Marcelo Ferraz

    Tomara que hoje eu consiga ver ver, pelo menos, uma foto ou um vídeo mostrando faixa ou cartaz onde esteja escrita a palavra MENSALÃO.
    PS: estranho o fato de, logo após ter tentado enviar mensagem com o mesmo texto acima, ter aparecido a seguinte mensagem automática do link destes comentários: “Você está enviando mensagens rápido demais. Calma aí!. Gostaria de obter desse jornal explicação do do porque isso aconteceu.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:40
    Enviado por: neyde racine

    Penso jà ter comentado ontem, todavia, why not? No momento acredito que o negocio do aumento das assagens foi a gôta d’agua que fez derramar o copo, nao?Quando se vê a facilidade com a qual o estado gasta dinheiro no intuitodefazer melhor do que Londres, como tinha dito dona Dilma na abertura dos jogos olimpicos de Londres, ela està fazendo o que queria fazer, talvez nao tenha pensado que o principal neste paiz é o sistema de saude, a educaçao , a segurança do povo; ai estao elementos que farao do Brasil um paiz do primeiro mundo, nao somènte estadiosgrandes e bonitos, como disse, aliàs o Ronaldo, outro, que me parece nao se preocupa com a situaçao dos que morrem ou têm crianças nos corredores de hospitais.O vandalismo nao tem nenhuma razao de ser, sobretudo que o povo brasileiro é pacifico, nem vandalismo nem repressao em um paiz que apregoa sua democracia em alta voz.Estou rezando para que tudo se termine bem e que o povo possa ter um futuro melhor, mais equilibrado em matéria de iigualdade social, sobretudo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:44
    Enviado por: Fernando Amado

    Em Joinville, apesar da chuva, tem muita gente na Praça da Bandeira!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:45
    Enviado por: david r

    ONDA VERMELHA, estes caras viraram zumbis.O desespero do PT e grande..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:48
    Enviado por: Fernando Amado

    Joinville – SC, a maior das cidades catarinenses, famosa por suas flores, pelo Festival de Dança e por muitas coisas legais mais!!!
    ACORDA JOINVILLE!!!!!!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 17:51
    Enviado por: Paulo Roberto de Souza

    Observa-se que alguns ainda insistem no cabresto.
    Nada de bandeiras partidárias; nossa bandeira é uma só: a do BRASIL.
    Larguem de ser lacaios de oportunistas.
    Vamos passar o BRASIL a limpo; queiram vocês ou não.
    Aceitem encaminhar, irmanados, com todos nós.
    Uma oportunidade que não deve ser desperdiçada.
    Estamos defendendo nosso país dos ladrões, que nos últimos anos vem dilapidando o erário.
    Troquem esta bandeira vermelha e assumam a bandeira de nossa pátria que ao final será a vitoriosa.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:08
    Enviado por: Lacordaire Constantino Ribeiro

    É preciso mostrar a este governo quem realmente manda neste país e que nossa história não começou com ele, como quis fazer valer o ex presidente falastrão. Além disso, os politiqueiros deste país, que se registra sua grande maioria que coloquem a barba de molho, porque a lâmina pode cortar o pescoço. É assim que se faz um povo de coragem.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:08
    Enviado por: Dumbou Dore

    Orientação do João Santana, a eminência parda do governo, que as bandeiras vermelhas do PT manchem a manifestação. Objetivo claro de gerar cena e imagens para a campanha eleitoral. Como os demais manifestantes não carregam bandeiras, visualmente estão com isto sequestrando a manifestação (na TV agora esta sensação é clara). Oportunistas. Daqui a um ano, na eleição, estas imagens misturadas com uma musiquinha legal, um discurso distorcido de resposta à “violenta PM do PSDB”, é tudo o que um marqueteiro precisa para fazer o seu trabalho “sujo”.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:13
    Enviado por: Paulo Andrade

    É muita cara de pau da militância petista e da CUT tentarem se aproveitar deste movimento.

    A “maré vermelha” é ridícula e o seu discurso esquedista oportunista já cansou e é francamente irritante.

    Por ande andará o ex presidente Lula? Deveria dar as caras, para receber as justas homenagens pela versão do “Pitta com saias” em que está se convertendo a sua sucessora.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:15
    Enviado por: Rolando

    A tal Mayara Vivian deu uma entrevista para o uol dizendo que o MPL é abortista e socialista e tem gente que ainda diz que eles não tem nenhuma ideologia partidária.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:15
    Enviado por: carlos moura

    Muitos corruptos, preocupadíssimos com a quantidade de pessoas nas manifestações, andam dizendo que é o Cordão da Coisa Preta.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:18
    Enviado por: ACLIS FORTUNATO

    Bandeira vermelha, vestido vermelho. O temo do comunismo já passou. Vamos pegar a bandeira
    do trabalho e da honestidade. É disto que o Brasil precisa.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:22
    Enviado por: Francisco Américo Fernandes Neto

    Nossa bandeira é verde, amarela, azul e branca. Não temos símbolo nacional vermelho a não ser o sangue dos mártires derramado em prol da liberdade de tiranias fascistas de direita e esquerda. O PeTista defende o seu partido e não a pátria. Esta ele suga, macula e vende aos semelhantes ideólogos estrangeiros.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:30
    Enviado por: jose mendes

    Falta de aviso não foi,o PT e a CUT são os grandes responsáveis pela revolta popular e a rede o dia inteiro mostrou como seria a reação dos manifestantes com esta presença indesejável.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:40
    Enviado por: Gregorio de Matos

    Uma outra DIMENSÂO!!! A quarta talvez.
    Ouvi um grupo que pegava o metro linha 4 amarela sentido Butantã dizer que já que a passagem foi novamente a R$ 3,00 reais, por que ainda havia manifestação?

    Na era da informação … a ignorância é uma escolha.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 20:54
      Enviado por: Jose

      Gregoriao sabe tudo da 4a dimensão…. Vai ficar na rua até ganhar oq? Ou até perder oq? Que tal arregaçar a manguinha, trabalhar, fazer doação e boa ação e assim mudamos este pais… Acorda que se panelaço ajudasse a Argentina não tava na m,e,r,d,a

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 18:47
    Enviado por: Orlando

    Vamos levantar as faixas contra os – mensaleiros condenados, ministros comprometidos com o PT,
    Corrupcao generalizada – Petrobras, Delta, transposicao do Sao Francisco,
    Divida Publica, Ministerios, Empreguismo, Apoio politico/partidario comprado com entrega de ministerios
    Renan,s Sarney,s, Romero Juca,s, Cachoeira, Cavendish,s – Ta tudo PODRE.

    esse movimento NAO pode parar, tem muito coisa para mudar, o momento eh agora…

    Todo mundo pra rua com cartazes e SEM VIOLENCIA.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 20:24
      Enviado por: Gregorio de Matos

      O Projeto de Integração do Rio São Francisco garantirá a oferta de água para cerca de 12 milhões de habitantes de 390 municípios do Agreste e do Sertão. Qual o motivo da contrariedade amigo? E o coletivo?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 18:51
    Enviado por: Marcela Prado

    FINALMENTO O BRASILEIRO ACORDOU…

    e esta queimando as bandeiras do PT e seus asseclas vermelhos

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 18:55
    Enviado por: timoteo

    Essa é para COPIAR E COLAR!!!
    “Galera que vai participar da manifestação… Segue uma ideia baseada nas manifestações na Argentina: Quando os vândalos começavam a quebrar tudo lá, os verdadeiros manifestantes se sentavam, assim facilitava a ação da policia para reprimir e prender os culpados por esses tipos de ações mesquinhas. Podemos usar isso como ação na nossa manifestação, pois queremos uma cidade melhor e não uma cidade destruída.”
    NÃO curtam, NEM compartilhem… COPIEM e COLEM EM SUAS PÁGINAS…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 20:58
      Enviado por: Jose

      Timóteo, discípulo de jesus, que tal fazer boas ações? Pra ficar mais fácil ainda fique em casa. Trabalhe bastante. De orgulho aqueles que lhe amam e de a outros que vc nem conhece.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 18:57
    Enviado por: João Romão

    Corja de oportunistas querendo usar as manifestações feitas pelo povo para aparecer!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 19:46
    Enviado por: José Martin

    Os políticos deste país que são os responsáveis pela vida da nação precisam prestar atenção a tudo isto que está acontecendo e verificarem que muita coisa neste país está errada e sem sentido. Portanto prestem atenção e mudem as mordomias, apurem as bandalheiras e escândalos e façam as coisas com dignidade, pois o povo está nas ruas, pensem bem!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 19:57
    Enviado por: Mauricio

    Como participante das “DIretas Já” fico entristecido com esse movimento de “protesto nacional”,detonado a partir da justa reivindicação pelo não aumento das passagens. Essa intolerância e perseguição aos militantes partidários é típica manifestação fascista, anti-democrática e cheia de intolerância e ódio. Não há democracia sem partidos e sim turba. Os partidos devem ser criticados, reformados, recriados mas se enrolar na bandeira e achar que isso resolve os grandes problemas do país é de uma ingenuidade sem par. As divergências e as resoluções institucionais delas são a essência da democracia. Foi muito díficil dar fim à ditadura dos generais.Mutia gente morreu, muita gente sofreu e agora estamos namorando perigosamente com uma ditadura do ódio, da incompreensão, da intolerância de quem se acha acima do bem e do mal. De quem se acha perfeito, de quem acha que o “inferno são os outros”, como diria Sartre. Tomara que sejam minoriais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:05
    Enviado por: Romero de Oliveira

    Ainda bem que os integrantes do PT foram escoraçados da manifestação!!! O PT deve acordar e ficar sabendo que quem se manifesta é gente instruida, com escolaridade, ao contrário dos petistas favorecidos pela Bolsa Familia…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 20:33
      Enviado por: Gregorio de Matos

      O movimento não tem partido político! PT, PSDB, PTB. PPB “todo partidos”; o PT não inventou a corrupção no Brasil! Nosso inimigo é outro.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 20/06/2013 - 21:05
      Enviado por: Jose

      Concordo contigo romero. O Pt esta destruindo este pais. Nunca antes neste pais existiu tanta corrupção. Fora Pt.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 20:08
    Enviado por: José Aparecio Pankie

    Políticos corruptos tributaram os inativos e agora o presidente da câmara Henrique Eduardo Alves vem protelando a votação da PEC 555/2006 que acaba com essa malsinada tributação. Fora todo político mandrião, enrolão, canalha e patife. O Brasil é dos brasileiros honrados.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:13
    Enviado por: José Aparecio Pankie

    Bolsa tudo quanto é coisa serve apenas para criar vagabundos e eternizar a miséria. Virou curral eleitoral. Tem é que dar escola pública de qualidade, segurança e serviços de saúde condizentes com os impostos que pagamos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:18
    Enviado por: Claudio

    Amigos, eu tb nao concordo em levantar bandeiras de partidos, mas estamos numa democracia e as pessoas tem o direito de erguer bandeiras partidárias. Vamos ter mais respeito com o próximo. Enfim não é o PT, não é o PSDB, PSTU, PSOL ou REDE que vai mudar qualquer coisa, somos nós. Fica a dica.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:40
    Enviado por: Arlindo Filho

    Fora militancia petista a serviço do governo. Este não é o seu lugar nem a sua causa. Vocês são mal vistos e não são bem vindos nesta genuína manifestação apartidária cidadã.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:40
    Enviado por: JUAREZ

    SRS precisamos acabar com estes caras, eles estao muito sujo na nossa sociedade , eu cansei estou a vinte anos sendo roubado pelo inss e agora que fiquei sabendo , mande esta corja de ladroes para fora fazendo o povo sofrer , e tem mais no judiciario so anda para frente processo de quem tem grana porque os humilde ficam anos e anos a esperar por uma desisao da justiça e estes juizes nao resolvem nada e outra turma que deveria sair fora ,

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:49
    Enviado por: dirce tizuko hoshi

    Não concordo com o vandalismo. Pq em todas as épocas, em que e necessário o povo lutarem por seus direitos tem de ser baseado no vandalismo, anarquismo? Acho que pode ser pacifico e humano. Para que tanta violência de ambas as partes: policiais e dos manifestantes. Apesar que tem gente se aproveitando e saqueando as lojas e supermercados. So que esses não nos representam, os verdadeiros manifestantes. Nos que moramos em outros países so podemos orar e apoiar a causa e e o que faremos amanha dia 22/06/2013 as 13, horário do Japao. Boa sorte a todos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 20:52
    Enviado por: Dan Simões

    Em Feira de Santana – Bahia, foram mais de 10 mil na ruas! Cadê Feira de Santana no mapa?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:01
    Enviado por: Durvaldisko

    A direita , espreitando todo o tempo.Desde Cabral…
    Quer dizer que os ingênuos acreditam em manifestação espontânea, sem liderança, sem objetivo,
    sem organização. Quem domina verdadeiramente o país, contém a ânsia de crescimento e independência política e econômica,são aqueles representados pelas quatro famílias proprietárias dos meios de comunicação.A principal,dispensado dizer, Organizações Globo, que cobre todo o território nacional e cresceu á sombra d a ditadura. É contra a educação popular, desde que Brizola iniciou o projeto de 500 CIEPS, ensino integral gratuito.Foi hostilizado durante seus dois mandatos.Mesmo método empregado no governo popular de Lula e Dilma. Golpe é o que querem.Antecipar as eleições é objetivo..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:04
    Enviado por: Javan

    O povo tem que lembrar também dos pedágios mais caros do mundo que junto aos transportes urbanos são os mais caros do mundo.Faz décadas que os empresários do transportes corrompem de
    vereadores a a prefeitos, de deputados ao executivo e mantém leis que mantém privilégios e monopólios onde planilhas falsas exigem preços abusivos.Isso vem de décadas de desgovernos de todos os partidos.Quais seriam as causas da existências das favelas, dos miseráveis, da cmiséria, da corrupção, dos desmandos? Nada disso em nosso país é recente e as leis de décadas permitem esses abusos e desmandos.Querer culpar o só os governos atuais é ma fé ou politicagem.Que essa luta sirva para varrer os políticos irresponsáveis que se vendem (de todos os partidos) Mas o que parece é que os do passado hoje na oposição em nível quer municipal, estadual e federal querem culpar os mandantes de hoje.Não podemos esquecer que nosso passado é do jeitinho e vem de décadas e que mudar tudo isso com o voto obrigatório, com os partidos de aluguél comleis que poucos querem mudar não vai ser fácil.Não podemos nos iludir com aproveitadores profissionais da politica que só querem mesmo o poder e a luta deve ser apartidária e não simplesmente uma volta ao passado de que já provou suas incompetências.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:06
    Enviado por: Dan

    O militantes do PT tinham Consciência que seriam hostilizados,Foram só para arrumar encrenca O Brasil tá desse jeito por causa de pessoas cegas como esses militantes que servem de fantoches e ovelhas para politicos. Não estou defendendo partidos”nem sei por quê estou falando de pessoas estup#das”,mas está provado que partido só defendem seus interesses . Deveriam lutar pelo Brasil.
    avante Brasil

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:07
    Enviado por: Jose

    Isto Jaime. Melhor e mais verdadeiro comentário desta pagina. Fora Pt.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:10
    Enviado por: Bryan Khelven

    Em Campina Grande protesto teve cerca de 10mil pessoas. 900 mil no país? Acho que essa contagem está um pouco errada…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:43
    Enviado por: Plínio Santos

    O governo está se fingindo de morto, mas ele governo é o grande culpado por permitir construções de estádios, se esquecendo da Educação, da Saúde, da Segurança Pública. A PEC 300 não é votada por causa do governo do PT; a PEC 37 da impunidade é apoiada por esse governo, pois se não fosse ela já estaria arquivada. Queremos que a presidente venha e mostre o que irá fazer, afinal ela quis ser a líder, então ela tem que mostrar como irá melhorar a Saúde, a Educação e a Segurança Pública. E o fator previdenciário, o que ela está fazendo ? nada. o cara trabalha a vida toda e na hora de aposentar continua a sofrer. Crimes de corrupção não é apenado como se deve.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/06/2013 - 21:57
      Enviado por: Ana

      Plinio,
      E voce acredita que a presidente que temos vai fazer algo????? Tiveram 12 anos para consertar mas aproveitaram para roubar na cara de pau…
      Nunca na historia desse Pais se roubou tanto, e olha que escandalo sempre rolou….mas nao dessa grandeza…
      So tem um jeito…fora com essa corja, Renan, Dirceu, Lula, Dilma…..

      responder este comentário denunciar abuso
    • 21/06/2013 - 00:46
      Enviado por: Ricardo

      Há um equívoco enorme ao achar que a Dilma já foi lider de alguma coisa. Nem toda obra de marketing político consegue mudar isso. Dilma sempre foi tutelada por alguém com poder, sempre com costa quente para se garantir. Desde seu aparelho terrorista, pelos cargos que ocupou no RS e no governo petista. Inclusive ela é filiada há pouco. E na presidência, é um fantoche travestido de autoridade nas mãos da máquina de poder petista, gerenciada pelo estrategista Dirceu e pelo falastrão Lula. O resto é lenda.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 21:50
    Enviado por: Bruno Puntel de Carvalho

    Paulistas desse Brasil, vocês realmente ouviram o discurso do governador e do prefeito?
    Ouviram o que foi dito?
    Eles trocaram seis por meia dúzia e o povo está comemorando?

    Para subsidiar a redução da passagem, outras áreas terão seus investimentos reduzidos ou cortados, ou seja, os empresários da área de transporte continuarão com sua previsão de lucro/despesa da mesma forma de quando do aumento da passagem….foi decisão para inglês ver….
    A redução tem de ser feita sem a diminuição dos investimentos em áreas como educação, saúde e outros…….
    Será que só eu percebi isso?…impossivel…..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:52
    Enviado por: Udo Karl Behrens

    E o governo continua se fazendo de desentendido dizendo que não há lideranças para dialogar e nem reivindicações claras nos protestos. Deve ser muito dificil para esses idiotas entenderem que os R$ 0,20 foram a gota dágua na paciência de um povo, que sob o governo do PT teve que engolir em seco a estrela vermelha plantada no jardim do Palácio da Alvorada, o mensalão e sua impunidade, os cartões corporativos secretos e sem limites, a Rose, os estádios bilionários e os hospitais falidos, uma das piores educações do mundo, uma carga tributária escorchante e sem retorno, os gastos nababescos da Dona Dilma no exterior, a arrogância do funcionalismo público no trato com a população, as filas imorais e mortais do SUS, a corrupção desenfreada e sem fiscalização por parte de quem deveria fiscalizar, a ampla geral e completa ineficiência dos orgãos públicos devidamente aparelhados, os superfaturamentos bilionários sem punição, o perdão da dívida de países ditatoriais com o nosso dinheiro que faz falta aqui, a ética e a moral jogadas na lata do lixo por quem nada vê, nada sabe e nada ouve, a total falta de respeito e consideração para com o povo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:54
    Enviado por: Ana

    Eu nao entendi porque ate agora nenhuma das midias mais assistidas do Pais nao comentaram sobre o povo pedir a cabeça da Dilma e do Lula….O coro fora PT nao passa na televisao…..
    Mas quando interessou, a midia na epoca do Collor, mostrou uma meia duzia pedindo impechament, eu digo meia duzia porque aquele numero nao tem nem comparacao com o numero de manisfestantes que estao nas ruas nesse movimento…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:55
    Enviado por: Abilio Miranda

    Já estava na hora de colocar os políticos contra a parede… Tá na hora do povo colocá-los para trabalhar, chega de mordomias e altíssimos salários.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 21:56
    Enviado por: honneur

    Os políticos não se pronunciam porque sabem que estão todos na berlinda. O povo brasileiro se cansou das mentiras, da demagogia barata e da roubalheira desenfreada que essa corja promove impunemente. Abaixo TODOS os partidos; abaixo TODOS os políticos; abaixo TODOS os governos. estão perdidos e com “aquilo” na mão. Queremos educação universal, gratuita e de boa qualidade; queremos um sistema de saúde que funcione para todos; queremos segurança; queremos transporte público; reforma tributária e política…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 22:02
    Enviado por: EDSON

    teremos que mudar ou melhor forçar uma reforma judiciaria, não é possivel , o cara que deixa de pagar pensão ser preso, e o corrupto politico ter imunidade, o menor criminoso ser protegido, o atropelamento pagar fiança e ser solto, impostos serem cobrados e desviados para afins, promessa na campanha politica e o não comprimento, é estelionato politico, cassação de mandato e prisão. recursos judicarios para o STJ, a primeira instancia que prevaleça……………………………………………………………………simples ne.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 22:02
    Enviado por: BRASILEIRO DA SILVA

    CORRUPÇÃO deve ser tipificada como CRIME HEDIONDO.

    Essa deve ser uma das reivindicações dos manifestantes. Espalhem a ideia, amigos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/06/2013 - 22:02
    Enviado por: fabio belloriio

    me fala q dia sera contra a copa do mundo q eu vou

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/06/2013 - 00:51
      Enviado por: Ricardo

      O dia eu não sei, mas os locais deviam se os estádios em obra para a Copa. Itaquerão, Arena da Baixada, Beira Rio, Cuiabá, Manaus. E nos que já estão prontos e em uso agora.
      Não haveria visibilidade e impacto maior, principalmente no exterior.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2013 - 22:08
    Enviado por: Leonardo Lani de Abreu

    Jovens com alma de velhos, jogando a democracia no lixo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2013 - 06:31
    Enviado por: Gustavo Simplicio Moreira

    Uma coisa eu estou gostando , o PT está sofrendo na pele o que ele fazia de melhor, depredações, furtos e roubos, pra fechar com chave de outro só falta sequestrarem algum embaixador ou autoridade de outro país, aí será o pesadelo da Dilma e os demais petistas, e olhem que numa Copa isso não e tão difícil!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2013 - 08:48
    Enviado por: Frederico

    A favor das manifestações sim, contra a violência e a hipocrisia NÃO. Na hora de comemorar porque a Copa do mundo veio pro Brasil todo mundo fez festa e não houve protesto algum…Pensem que se a FIFA cancelar as Copas, o Brasil terá um prejuízo enorme e com certeza entrará em uma recessão forte. Os maiores investimentos para as Copas já estão ai, temos que nos reunir agora para a transparência dos gastos e punição aos corruptos. O que tanto querem, cancelar a copa e jogar tudo o que já foi investido no lixo? Os eventos programados para o Brasil trouxeram investimentos de empresas privadas com melhoria nos aeroportos que o povo tanto reclama, melhoria nas estradas que tanto reclamam. Estamos aos olhos do mundo com credibilidade, com essas manifestações com grupos de bandidos infiltrados está deixando transparecer que o Brasil não e capaz de cumprir com seus compromissos.
    Parabéns a todos os idealistas de Nike no pé, carro na garagem, emprego bom e que nos últimos anos tiveram seu pouco dinheiro duplicado. Acorda Brasil só não esquecem de abrir os olhos para o tamanho do prejuízo que estão causando e podem causaR!!!!!
    MANIFESTO SIM “COM INTELIGÊNCIA”

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2013 - 09:48
    Enviado por: ENOS

    quem desviou dinheiro publico pode reivindicar ficha limpa;;;; quem nao sabe aonde aplicaram os desvios nao pode reivindicar nada na casa, apenas pagar os impostos exigidos e sofrer as agreçoes, eu particularmente acho que a receita federal tem que dar explicaçoes ao povo brasileiro, cobram da gente e deixam outros levarem,?melhor nao pagar o que devo a receita do que pagar e eles deixarem os ladroes levarem ou o povo e o cristo crucificado no meio entre o governo e a receita.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2013 - 10:24
    Enviado por: Antonio DC Ramos

    Nossos políticos há muito vêm zombando do povo que os elegeram. Se eles não ouvirem as aspirações do povo, um dia o bicho vai pegar e isso não é bom para ninguém. Acorda Brasil! – Parabéns pelo movimento.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2013 - 11:18
    Enviado por: Carlos Gustavo

    sou um cidadão que encontrou neste meio de comunicação, um forma de expressar o meu apoio ao povo brasileiro que está nas ruas, gostaria de solicitar ao jornalismo do Brasil, aos diretores, editores, reporteres, que mostrem realmente em rede nacional o que os brasileiros estão realmente reivindicando, que mostrem as faixas, os pedidos, os cartazes, que mostre juntamente com as imagens dos manifestantes, motrem imagens do caos em nossa saude, o caos me nossa educação, motrem o caus em nosso transporte, que mostrem a corrupção deslavada em nosso país, parem de focar nas depredações, nos baderneiros, parem de focar na minoria, foquem o que a massa democratica séria está reivindicando, não será 0,20 de redução na passagem de onibus e trens ou metros, que fará um cidadão mais digno. Ajudem o povo brasileiro. somente a imprensa tem o poder de ajudar o povo brasileiro. Eu sou um, um, em meio a milhoes que estão pedindo ajudar.

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário:

  • Quem Faz

    Quem Faz

    Redação do jornal O Estado de S. Paulo

Comentários recentes

  • Luca: Tente tomar spray de pimenta no olho que vai descobrir para que serve o lenço no rosto… ou voces acham...
  • Paulo: Excelente pergunta do Carlos: Por que tem que esconder o rosto? Por que colocar fogo em objetos?
  • Carlos frederico Souza: Por que tem que esconder o rosto? Movimento manipulado pelo PT e demais dinossauros vermelhos...
  • Alzira: Esperamos que da próxima vez os manifestantes portem um cartaz com “Fora Dilma”. Dona Dilma já...
  • crbm: Cade a imprensa desse país que se esconde e nao tem coragem de denunciar esses medicos mercantilistas, sangue...

Arquivo

Blogs do Estadão