ir para o conteúdo
 • 

Estadão Urgente

01.fevereiro.2013 17:19:08

Prefeitura vai interditar baladas

A Prefeitura afirmou que vai interditar casas noturnas que não foram aprovadas na vistoria do Corpo de Bombeiros. A ação foi iniciada depois da divulgação dos nomes das casas, antecipada pelo estadão.com.br.

Possuir Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) é obrigatório para qualquer estabelecimento abrir as portas. Sem o documento, não é possível obter o alvará de funcionamento, dado pela Prefeitura.

As fiscalizações começaram em espaços considerados “locais de reunião” na área das subprefeituras da Sé, Pinheiros, Vila Mariana e Santo Amaro. Nessa categoria, se enquadram espaços com lotação igual ou superior a 250 pessoas, como casas noturnas, teatros e igrejas.

Lista dos estabelecimentos considerados inseguros pelos Bombeiros

O Corpo de Bombeiros divulgou hoje a lista das 26 estabelecimentos considerados inseguros na capital paulista. A relação inclui boates, teatros, igrejas, bares, restaurantes e escola de samba. Os endereços foram vistoriados pela corporação na operação Prevenção Máxima, anunciada pelo governo estadual para averiguar as condições de segurança dos chamados locais de reunião na capital.

Das 26 casas, 24 não têm sequer o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), documento básico para solicitar o alvará de funcionamento. As outras duas apresentaram irregularidades no cumprimento das regras definidas após obtenção do documento. Confira os endereços:

Igreja
Araritaquaba, 01

Buffet
Rua Padre Otávio, 1324

Sociedade Filarmônica Lyra
R Otávio Tarquínio de Sousa, 848

Bar e Restaurante Topless
Rua Das Flores, 63

Inferno
Rua Augusta, 501
O QUE DIZ A CASA: Gostaríamos de informar que o Inferno Club possui alvará de funcionamento e ao contrário do que a matéria diz, a operação prevenção máxima ainda não visitou a casa. Todas as medidas para tirar o AVCB já foram tomadas e estamos apenas aguardando a inspeção dos bombeiros para que a situação seja regularizada.

Villa Bisutti
Rua Quatá, 579
O QUE DIZ A CASA: “Nosso Espaço de Eventos possui Alvará definitivo da Prefeitura de São Paulo, assim como o AVCB do Corpo de Bombeiros. O mesmo encontra-se em período de renovação junto ao órgão responsável que fez a vistoria na data de 29/01, que teve como resultado o pedido de documentações adicionais devido aos últimos acontecimentos em Santa Maria/RS. Nossa Empresa já está providenciando todos os documentos necessários para remarcação da vistoria que deverá acontecer nos próximos 15 dias, onde nesse momento teremos certamente a aprovação e renovação do AVCB, pois inclusive nosso projeto dentro do Corpo de Bombeiros já está aprovado.”

Santa Aldeia
Rua Funchal, 500
O QUE DIZ A CASA: O estabelecimento afirma que cumpre todas as normas de segurança exigidas e já solicitou a renovação do AVCB.

Comedians
Rua Augusta, 1131
O QUE DIZ A CASA: Segundo a assessoria de imprensa da casa, a vistoria realizada pelo Corpo de Bombeiros nesta semana não apontou problemas relacionados à segurança. A casa, no entanto, reconhece que não possui  o AVCB, mas que o pedido para obtenção do documento já foi feito.

Carioca Club
Cardeal Arcoverde, 2899
O QUE DIZ A CASA: Rogério Leonetti, advogado do Carioca Club, apresentou o AVCB da casa por email, que ainda está dentro do prazo de validade. “Dizer que tem alguma pendência, uma luz queimada, ok, mas não estamos irregulares”, argumenta.

D-Edge
Alameda Olga, 160
O QUE DIZ A CASA: Foi contatado pela reportagem e ainda não respondeu

Centro do Professorado Paulista
Avenida Morumbi, 4884
O QUE DIZ A CASA: Os responsáveis dizem que já providenciaram a reforma necessária para obtenção do documento e que o local é seguro.

Little Darling
Rua Iraí, 229
O QUE DIZ A CASA: A boate reconhece que terá de fazer adaptações após vistoria do Corpo de Bombeiros para obter o AVCB. As mudanças dizem respeito às saídas.

Clube Atlético Ypiranga
Rua do manifesto, 475
O QUE DIZ A CASA: Clube afirma que já deu entrada no pedido de renovação do AVCB. O documento está pendente porque falta apresentar um laudo elétrico, já contratado.

Bar do Chico
Rua Vieira De Morais, 186

Zanzibar
Avenida Cruzeiro Do Sul, 3424
O QUE DIZ A CASA: “Os bombeiros vieram aqui na quarta-feira e eu acompanhei a visita. Eles viram que o auto de vistoria que estava afixado na parede estava vencido. Mas eu tenho um válido até 17 de maio de 2013, só que estava na minha gaveta. Mostrei para eles. Não estou irregular”, diz o proprietário do bar, José Itamar de Sena.

Arena Beer Bar
Av Nova Cantareira, 4055

Lanchonete Dizzy
Praça Santo Eduardo, 206

Pizzaria Razzi
Rua Inacio Luis da Costa, 2162
O QUE DIZ A CASA: Informou que já providenciou o pedido de vistoria dos bombeiros, de reparos na porta de emergência e luz de segurança.

Rosas de ouro
Avenida Cel Euclides Machado, 1066

Igreja Evangélica Vida Nova Projeto Salvação
Rua Dr João Inácio Teixeira, 78
O QUE DIZ A CASA: Ninguém atendeu às ligações.

Villa Sertaneja
Avenida Oliveira Freire 238

Varandas Chopps
Estrada de Itapecerica, 8010
O QUE DIZ A CASA: Nenhum responsável estava na casa para comentar o assunto.

Danceteria Mix
Avenida Fiorelli Peciccacco, 219

Templo Religioso
Acesso à Avenida Celso Garcia,2725

Bar e Restaurante
Avenida Amador Bueno da Veiga, 400

Boate
Avenida João XXIII, 800

comentários (24) | comente

  • A + A -
24 Comentários Comente também
  • 01/02/2013 - 17:34
    Enviado por: Fritz Pierogyman

    Só agora que os Bombeiros começaram a vistoriar? pode crer que tem muitos mais estabelecimentos abertos sem alvará, sem habite-se etc? Tem centenas, milhares que construções que acontecem todos os dias, em São Paulo e por todo o Brasil, sem nenhuma autorização. Sem enegenheiro responsável, sem alvará, sem nada. Cheio de fiscal corrupto e engenheiros chefes nas adminstrações regionais. Até quando o Brasil vai ser assim? Para que temos CONFEA/CREA e fiscalizações? Agora que deu
    em tragédia, tem politico querendo passar nova legislação e etc… Não precisamos de nada disso, já temos legislação, basta aplicar.
    No caso de Santa Maria o prefeito, corpo de bombeiros e a turma da engenharia da prefeitura são os que deveriam também ser incluídos no processo,
    eles são os que fizeram olho grosso e deixaram o establecimento aberto, que resultou na perda irreparável de dezenas de vidas.

    Onde está a responsabilidade no nosso pais? Terra onde nem capacidade de fiscalizar e aplicar conceitos básicos de segurança. Como poderemos
    ser líderes? Estamos mais proximos de países de terceiro mundo mesmo…. até quando? Seremos governados por analfabetos, incompetentes? e por ai vai…..ir

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 18:45
    Enviado por: Carla Rugna

    Solicito que seja incluído embaixo da divulgação do nome de nossa empresa essa nota.
    Meu nome é Carla Rugna e sou sócia proprietária da Villa Bisutti.

    Por favor, colocar esse comentário que segue abaixo, tem um erro de concordância no que enviei previamente:

    A Villa Bisutti informa:

    “Nosso Espaço de Eventos possui Alvará definitivo da Prefeitura de São Paulo, assim como o AVCB do Corpo de Bombeiros. O mesmo encontra-se em período de renovação junto ao orgão responsável que fez a vistoria na data de 29/01, que teve como resultado o pedido de documentações adicionais devido aos últimos acontecimentos em Santa Maria/RS. Nossa Empresa já está providenciando todos os documentos necessários para remarcação da vistoria que deverá acontecer nos próximos 15 dias, onde nesse momento teremos certamente a aprovação e renovação do AVCB, pois inclusive nosso projeto dentro do Corpo de Bombeiros já está aprovado.”

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 18:48
    Enviado por: gio ross

    uem vai fiscalizar as dezenas de BINGOS CLANDESTINOS que proliferam na cidade de S.Paulo????

    responder este comentário denunciar abuso

    • 01/02/2013 - 19:32
      Enviado por: russel biffs

      oras, e quem é que vai em bingo clandestino??

      se o cara sabe que é clandestino, ele espera o quê? que deduza do imposto de renda as perdas que ele teve lá?

      tem cada uma viu…

      responder este comentário denunciar abuso
    • 01/02/2013 - 19:46
      Enviado por: Aldo

      E so voce passar o endereco para o bombeiros. policia ou jornal daqui que tenho certeza que eles vao la.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 01/02/2013 - 19:00
    Enviado por: Paulo Roberto de Souza

    Não seria “natural” fechar estes locais a “divulgar”?
    Todos sabem ou terão acesso a esta lista?
    É este o tipo de serviço que deve o governo, prestar à sociedade?
    “Que país é este?”.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 19:22
    Enviado por: celio

    Ué..se é inseguro..pq não os fecham???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 19:36
    Enviado por: Wagner

    Não da pra ir na Igreja, não da pra ir no Inferno… puts…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 21:05
    Enviado por: Andrea

    Não entendo porque há alguns estabelecimentos citados na matéria estão sem o nome (Boate, Bar e Restaurante, Templo Religioso…). Coloque os nomes Estadão e ajude a população a se prevenir de imprevistos futuros. Lembrando que estabelecimentos que não cumprem as leis de segurança não merecem obter clientes tanto pelo fato de colocar a vida em risco como ser pura mesquinharia por parte dos donos que embolsam as verbas que deveriam ser gastas pensando nos clientes e funcionários. Devemos nos unir sempre para fazer desse Brasil um país melhor.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 21:24
    Enviado por: Raul

    O mais incrivel é que o Outs na Rua Augusta continuara aberto, mesmo sendo muito pior em termos de segurança do que o Inferno que fica também na Augusta praticamente em frente

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 21:44
    Enviado por: Sergio Castro

    Impressionante uma casa como o Madame Satã na conselheiro ramalho continuar aberta! A casa é toda decorada com material inflamável e sem contar que onde você olha é velas e candelabros para tudo que é lado! Acho que a propina deles deve ser forte!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 21:54
    Enviado por: Sb

    Quero ver fechar os puteiros de Moema : Enigma, Zeus, clube A etc no nariz de td mundo e ninguém faz nada.., ate a próxima tragédia !!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 22:38
    Enviado por: Claudio

    Quer dizer que foi preciso morrerem mais de 200 pessoas em uma boate para que a porcaria da prefeitura resolva tirar o traseiro do assento para começar a fiscalizar os locais “de reunião” como deveria ?? E o que estavam fazendo antes, então ? Só estavam preocupados com gerar multa e mais multa de transito ?
    Realmente estamos muito mal de administradores publicos. Antes só elegiamos incompetentes, agora também votamos em ASSASSINOS.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2013 - 22:43
    Enviado por: renan

    Fritz Pierogyman,

    Você não esta coberto de razão em seu comentário, porém concordo parcialemte com ele. Acontece
    que o CONFEA/CREA não necessariamente punirá a pessoa que foi responsável pela condição no local para o acidente, dependendo do tipo de construção do local existe uma fiscalização sim que funciona durante a obra e entrega dos locais e AVCB deve ser tirada, porém cabe ao locatário e dono do empreendimento se este for alugado manter os sistemas que já estão instalados no local. Portanto deve ser punido o dono do empreendimento como aconteceu, e não o Engenheiro ou fiscal que entregou o local. Com relação a politicagem do governo de começar a fiscalizar agora você está coberto de razão é ridiculo e como esta dando ibope estão explorando ao máximo uma situação de dessaste como essa, lamentável o pais nesse sentido. Porém não confunda obras publicas com obra privadas e regularição e manutenção de um local.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/02/2013 - 00:18
    Enviado por: EURIPEDES MENDES DA CUNHA

    CARTA ENVIADA PARA OUVIDORIA DA PREFEITURA SÃO PAULO. Venho por meio desta solicitar ajuda desta ouvidoria para que investiguem as lojas da região da rua 25 de março na capital de São Paulo, principalmente a Loja Armarinhos Fernando na rua 25 de março que é um verdadeiro barril de pólvora que poderá ser uma nova catástrofe igual o SANTA MARIA,RS. Inclusive este ano houve incendio em um depósito deles este ano na Moóca, capital Fui fazer compras antes do natal de 2012 nesta loja de nome Armarinhos Fernando havia centenas de irregularidades na instalçao naquela loja naquele dia, não sei se regularizam a situação. Foi transformado um prédio antigo em dois andares totalmente inflamáveis com corredores no máximo um metro de larguras. Havia naquele espaço quase 2 mil pessoas. sem nenhuma estrura de prevenção de incêndio. Quando percebi que aquilo era um barril de pólvora saí imediatamente. Nunca imaginaria que aquele tipo de instalação ainda poderia existir pela experiência que tenho por ter trabalhado em grandes empresas no Brasil que muitas delas fazia parte da antiga CIPA, inclusive no exterior também. Por favor senhores promotores não estou denunciando, estou simplesmente pedindo ajuda para que não possa acontecer novos desastres e que possa investigar se houve erros na aprovação do corpo de bombeiros e de fiscais da prefeitura de São Paulo. Sabemos que houve repercussão um caso de um um fiscal que possuia mais de 100 imóveis provenientes de corrupção por aprovar projetos totalmente irregulares. Confio muito no Ministério Publico de São Paulo. Simplesmente penso que não poderá acontecer mais do que aconteceu na Boate Kiss em Santa Maria, RS, Agradeço muitissimo pela atenção Euripedes Mendes da Cunha.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/02/2013 - 00:37
    Enviado por: wolmir Matos

    Já que estão todos preocupados com segurança: os prédios invadidos pelo pessoal (PT) sem teto:
    Usam bujão de gás, material inflamável, super população, não existe extintores, rota de fuga. As favelas ( lembram dos incêndios). Instituições, autoridades e imprensa só estão presentes em tragédias.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/02/2013 - 03:36
    Enviado por: Lucas

    Tem que interditar a passagem entre a estacão Paulista e Consolação! Aquilo é uma armadilha mortal esperando um dia fatídico para que aconteça um tragedia e o governo correr atras e dar dezenas de desculpas idiotas. Alias como aquilo foi aprovado?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/02/2013 - 09:04
    Enviado por: Waldemir

    Existe muita demora para a concessão de alvarás pela prefeitura, a alegação é a falta de servidores, então, por que a prefeitura não faz convênios com entidades como o Instituto de Engenharia para que sejam efetuadas as vistorias? Fica muito mais rápido e atende a necessidade de segurança e funcionamento dos estabelecimentos. Opções existem, o que falta é boa vontade…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/02/2013 - 03:41
    Enviado por: Vini

    Agora me expliquem:
    Como o Lab na Augusta com aquele porão sem nenhuma saída de emergência continua funcionando?
    E o 657 Blitz na Augusta sem nem se quer Alvará muito menos saída de emergência, pois tem uma porta só de vidro continua funcionando com 800 pessoas?
    O Netão nem se fala…
    E aquela 430 na Augusta também?
    Sem contar com as outras no quarteirão da Marques de Paranaguá com a Caio Prado trabalham com 400 pessoas e nem documentação tem…. só fecharam os famosos? é para a mídia né?
    Ou pq eles tem mais dinheiro?
    Gostaria de saber qual o tipo de especulação é essa?!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/02/2013 - 15:29
    Enviado por: catia camargo

    vendo um outro lado da história, os ambientes q precisam de autorização de bombeiro, alvará de prefeitura etc, e estão ou seguiram todos os trâmites legais, depararam-se com burocracias e talvez até com pagamento de propinas, denunciarem tais profissionais públicos. como foi mesmo o caso para abertura do shoping jk? não estou falando do empresário irresponsável, e sim de mais um descaso do executivo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/02/2013 - 22:32
    Enviado por: Cristian

    No mesmo quarteirão onde foram interditas algumas baladas ainda tem várias que nem se quer tem documentação muito menos sáida de incendio vamos só ver a perceguição como será!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/02/2013 - 23:33
    Enviado por: FERNANDO VL MARIA

    tem varios buffet varios, na vila maria tem um. amazing balls!! vilamaria baixa!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/02/2013 - 18:14
    Enviado por: Dani

    Alguém sabe como faço para denunciar um estabelecimento irregular, para fiscalizarem?

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário:

  • Quem Faz

    Quem Faz

    Redação do jornal O Estado de S. Paulo

Comentários recentes

  • Luca: Tente tomar spray de pimenta no olho que vai descobrir para que serve o lenço no rosto… ou voces acham...
  • Paulo: Excelente pergunta do Carlos: Por que tem que esconder o rosto? Por que colocar fogo em objetos?
  • Carlos frederico Souza: Por que tem que esconder o rosto? Movimento manipulado pelo PT e demais dinossauros vermelhos...
  • Alzira: Esperamos que da próxima vez os manifestantes portem um cartaz com “Fora Dilma”. Dona Dilma já...
  • crbm: Cade a imprensa desse país que se esconde e nao tem coragem de denunciar esses medicos mercantilistas, sangue...

Arquivo

Blogs do Estadão