Primeiro oboé da Filarmônica de Berlim, Albrecht Mayer se apresenta com a Orquestra Sinfônica Brasileira. No programa, regido por Roberto Minczuk, está prevista a estreia brasileira da suíte ‘Norwegian Wood’, de Jonny Greenwood, do Radiohead. A obra é parte da trilha sonora do filme de mesmo nome.

Albrecht Mayer é convidado do concerto

Sala São Paulo (1.498 lug.). Pça. Júlio Prestes, 16, Luz, 3223-3966. Dom. (26), 17h. R$ 39/R$ 121.

Sem Comentários | comente

  • A + A -

Lulu Santos

Ele conseguiria fazer três shows de repertórios diferentes apenas com seus sucessos. É um dos maiores ‘hitmakers’ do pop brasileiro. Na nova turnê, ‘Toca + Lulu’ (extensão da anterior, ‘Toca Lulu’), que foi gravada este mês no Rio de Janeiro para lançamento em DVD no ano que vem, várias das preferidas do público estão presentes: desde a consagrada ‘Tempos Modernos’, lançada em seu primeiro disco, à recente ‘Já É’.

O artista vive um bom momento pela exposição semanal no ‘The Voice’ da Rede Globo, além de lançar ‘Luiz Maurício’, seu 20º álbum de estúdio. Novas músicas como ‘Sócio do Amor’ e a faixa-título integram a apresentação.

Teatro Bradesco (1.457 lug). Bourbon Shopping. R. Turiaçu, 2.100, Perdizes, 2063-5087. R$ 220/R$ 360. Sexta (24) e sáb. (25), 21h. Cc.: todos. Cd.: todos

Adriana Calcanhotto

A cantora e compositora volta ao formato intimista consagrado em ‘Público’ (2000) no show ‘Olhos de Onda’, lançado em CD e DVD. Com seu violão, ela retoma músicas autorais e também apresenta leituras para sucessos de Tim Maia (‘Me Dê Motivo’) e Amy Winehouse (‘Back To Black’). Arnaldo Antunes faz participação.

HSBC Brasil (1.800 lug.) R. Bragança Paulista, 1.281, Chác. S. Antônio, 4003-1212. Hoje (24), 22h. R$ 90/R$ 160.Cc.: todos. Cd.: todos.

Apanhador Só

Consagrado em 2013 com o CD ‘Antes que Tu Conte Outra’, o trio lança o álbum em vinil. ‘Despirocar’ e ‘Líquido Preto’ são destaques do repertório da apresentação.

Sesc Pompeia. Choperia (800 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. Hoje (24), 21h30. R$ 4/R$ 20. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Sem Comentários | comente

  • A + A -

O Itaú Cultural homenageia o grupo Os Satyros por seus 25 anos de atividades, com programação temática até 2/11, incluindo bate-papo, documentário e encenações. Na 4ª (29), haverá sessão única de ‘Pessoas Perfeitas’.

ONDE: Itaú Cultural (232 lug.). Av. Paulista, 149, metrô Brigadeiro, 2168-1776.
QUANDO: 4ª, 20h.
QUANTO: Grátis (retirar ingresso 30 min. antes).

Tags:

Sem Comentários | comente

  • A + A -

Janaina Leite criou Conversas com Meu Pai a partir de uma história pessoal. Em 2005, seu pai se tornou afônico e passou a se comunicar por meio de bilhetes. Na peça, ela instiga o público a desvendar um segredo escondido em uma caixa.

ONDE: CCSP (50 lug.). R. Vergueiro, 1.000, metrô Vergueiro, 3397-4002.
QUANDO: A partir de hoje (24). 6ª e sáb., 21h; dom., 20h. Até 14/12.
QUANTO: R$ 20.

Tags:

Sem Comentários | comente

  • A + A -

O 7º Festival Contemporâneo de Dança traz dez espetáculos estrangeiros.

A portuguesa Marlene Monteiro abre a programação do evento com a obra Guintche, concebida a partir de um desenho de sua autoria. 50 min. Livre.

ONDE: Gal. Olido. Sala Paissandú (146 lug.). Av. São João, 473, 3397-0170.
QUANDO: ‘Guintche’: Estreia 5ª (30). 5ª a sáb., 20h; dom., 19h. Até 2/11.
QUANTO: Grátis.
Programação: http://oesta.do/festival_danca.

Tags:

Sem Comentários | comente

  • A + A -

- Quase 40 anos após sua morte, a voz de Maria Callas ainda permanece viva e segue como referência quando o assunto é ópera. No espetáculo Callas, dirigido por Marília Pêra, retrata-se o último dia da cantora – interpretada por Claudia Ohana -, que vai ao encontro do amigo jornalista John Adams (Cassio Reis) para tratar da organização de uma exposição sobre sua trajetória. Durante a conversa, faz desabafos comoventes sobre sua vida pessoal. Teatro Itália (276 lug.). Av. Ipiranga, 344, República, 3255-1979. 6ª, 21h30; sáb., 21h; dom., 19h. R$ 70/R$ 80. Até 9/11.

- Em Palavra de Rainha, Lu Grimaldi interpreta a rainha D. Maria I, mãe de Dom João VI, conhecida como ‘A Louca’. Primeira mulher a assumir o trono em Portugal e dona de uma trajetória marcada por sofrimentos, viu cinco de seus seis filhos morrerem em decorrência da varíola. Com dramaturgia de Sergio Roveri, a narrativa ganha forma a partir dos devaneios e diálogos com personagens que habitavam seu imaginário. Teatro Viradalata (273 lug.). R. Apinajés, 1.387, Sumaré, 3868-2535. 6ª e sáb., 21h30; dom., 20h30. R$ 30. Até 30/11.

- A depressão da poeta Sylvia Plath é representada na peça Ilhada em Mim – Sylvia Plath, dirigida por André Guerreiro Lopes, que recorreu à água e objetos congelados – que derretem ao longo da encenação – para metaforizar as angústias da artista. Sesc Pinheiros. Auditório (101 lug.). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. 5ª a sáb., 20h30. R$ 25. Até 1/11.

- Musa do cinema americano nos anos 1950, Marilyn Monroe enfrenta a si mesma em Tempos de Marilyn. Norma Jean (seu nome de batismo) surge para cobrar da estrela tudo aquilo que perdeu por conta da personagem em que se transformou. Viga Espaço Cênico. Sala Piscina (35 lug.). R. Capote Valente, 1.323, 3801-1843, metrô Sumaré. 3ª e 4ª, 21h. R$ 30. Até 4ª (29).

- Considerada uma das principais vozes do jazz do século 20, a cantora Billie Holiday tem a vida retratada no espetáculo Billie. Cássia Damasceno representa a artista, mostrando seus medos e vícios, até o momento de sua morte. Sesc Ipiranga (32 lug.). R. Bom Pastor, 822, 3340-2000. 6ª, 21h30; sáb., 19h30. R$ 20. Até 8/11.

Tags: , , , ,

Sem Comentários | comente

  • A + A -
23.outubro.2014 19:08:27

Confira as tendências de coquetéis para o próximo verão

por Lucineia Nunes

DRINQUES DA VEZ

Ingredientes artesanais, pouco álcool, carbonatação… Bartenders da cidade indicam as apostas para o verão – na coquetelaria

CACHAÇA

Drinque ‘Jardim Elétrico’, do Isolo Bar (Foto: Clayton de Souza/Estadão) 

Cachaça não é mais ingrediente só de caipirinha. O uso em coquetéis é uma das fortes tendências. Para o ‘Jardim Elétrico’ (R$ 27; foto), criei um blend com cachaça branca e duas versões envelhecidas – em barril de carvalho e de amburana. A receita leva ainda Amaro Nonino, geleia caseira de pitanga e suco de cidra batidos com gelo. Sirvo no copo com muito gelo moído e polvilho noz- moscada. O resultado é refrescante, com leve acidez e um toque amargo e herbal.”

Spencer Jr., do Isola Bar - Shopping JK Iguatemi. Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2.041, Itaim Bibi, 3168-1333. 18h/23h (6ª e sáb., até 0h; fecha dom.).

 

Onde beber:

‘Sparkling Roulien’, do Anexo São Bento (Foto: Divulgação)

No Anexo São Bento, há o ‘Sparkling Roulien’ (R$ 21), com cachaça envelhecida, limão, maple, espumante e marshmallow tostado. R. Leopoldo Couto de Magalhães Jr., 480, Itaim Bibi, 3074-4389.

O ‘Tropical’ é a pedida no Bar de Cima, com cachaça Yaguara, Cointreau, capim-santo, limão-siciliano e suco de tangerina (R$ 35). R. Oscar Freire, 1.128, Jd. Paulista, 3081-2966.

 

GASOSOS

‘Caipirinha Carbonatada’, do NOH Bar (Foto: Divulgação)

“Uma das nossas novidades para este verão é a ‘Caipirinha Carbonatada’ (R$ 20; foto). Assim como o vinho espumante, é um tipo de bebida que sai muito na estação, pois o processo deixa a caipirinha ainda mais leve e refrescante. Para se ter esse efeito de bolhas, existem duas maneiras. Primeiro, é possível consegui-lo passando a bebida, ao servir, por um sifão. No bar, também utilizamos uma máquina ‘post mix’ – por um cilindro, o aparelho insere gás carbônico no drinque. Para a caipirinha, em específico, utilizamos a receita tradicional, com cachaça, limão e xarope de açúcar. O líquido, então, é coado e reservado na máquina, onde descansa por um tempo em baixas temperaturas. O resultado fica parecido com um vinho espumante.”

Pablo Moya, do NOH Bar - R. Bela Cintra, 1.709, Consolação, 2609-3673. 18h/ 23h30 (5ª e 6ª, 18h/1h30; sáb., 19h/1h30; fecha dom. e 2ª).

Onde beber:

No bar Numero, a opção é o ‘Tom Collins’ (R$ 38). Feito com gim, limão e açúcar, é finalizado com água
carbonatada no sifão. R. da Consolação, 3.585, Cerqueira César, 3061-3995.

No restaurante Beato, o ‘Bitter Collins’ (R$ 28) leva ginger beer (refrigerante artesanal de gengibre), Campari, Fernet Branca, xarope de agave e limão. R. dos Pinheiros, 174, Pinheiros, 2538-8107.

 

VINHO E ESPUMANTE

Coquetel ‘Le Rouge’, criado por Zulu, do La Maison est Tombée (Foto: Nilton Fukuda/Estadão)

Existem referências seculares do uso de vinho em coquetéis, como sangria ou Spritz. Porém, bares modernos pelo mundo têm criado novas receitas com vinhos tintos, brancos, rosés, fortificados e espumantes. Bebi recentemente drinques ótimos na Irlanda e em Buenos Aires, na Argentina. Por aqui, a tendência também vem com força. Especialmente para o Divirta-se, criei o ‘Le Rouge’ (R$ 28). Servido na taça de vinho Bordeaux, leva o próprio vinho, licor de ameixa, cachaça, bitter de laranja feito por mim, espumante Brut, folhas de louro, zest de laranja e fava de baunilha. Fica refrescante, adstringente, com notas frutadas e de especiarias.”

Laércio Zulu, do La Maison est Tombée - R. Jerônimo da Veiga, 358, Itaim Bibi, 3071-2926. 12h/1h (dom. e 2ª, até 0h).

Onde beber:

No balcão do Side, Talita Simões faz o ‘L’Orange Cocktail’ (R$ 28), com Angostura, vodca sabor laranja, espumante, tira de laranja e cereja amarena. R. Tabapuã, 830, Itaim Bibi, 3168-0311.

O ‘Portônica’ (R$ 28) é a sugestão do Admiral’s Place. Combina vinho do Porto branco, tônica, folhas de manjericão e uva verde. R. Minas Gerais, 352, 1º andar, Consolação, 3257-1575.

 

LOW ALCOHOL

Drinque ‘Adonis’, do SubAstor (Foto: Amanda Perobelli/Estadão) 

“O que o cliente procura é variedade: beber vários tipos de drinques sem precisar abusar do álcool. Por isso, fizemos opções ‘low alcohol’, com metade da dosagem alcoólica de uma bebida comum. Geralmente um drinque tem 40% de álcool – e fizemos alguns com 20%. No ‘Adonis’ (R$ 25; foto), utilizamos ingredientes como vermute e xerez – que têm um teor mais baixo -, além de Absinthe Bitter e Fernet Amaro Lucano. O ‘Wanna Be Americano?’ (R$ 27) também tem baixa dosagem, com Lucano, xerez, cerveja lager e grapefruit. E não é pelo teor mais baixo de álcool que essas bebidas deixam de ter qualidade.”

Rogério Souza, do SubAstor - R. Delfina, 163, V. Madalena, 3815-1364. 20h/3h (6ª e sáb, 20h/4h; fecha dom. e 2ª).

Onde beber:

No Barê, o drinque ‘Crô’ (R$ 26) tem baixo teor alcoólico e é feito com uva verde, gengibre, limão-siciliano e vodca. Al. Lorena, 1.892, Jd. Paulista, 3564-2015.

No The Sailor, tem o ‘Popeye 85th’ (R$ 29,50), com licor e suco de maçã verde, xarope de gengibre, limão, capim-santo e vodca. Av. Brig. Faria Lima, 2.776, Jd. Paulistano, 3044-4032.

 

ARTESANAIS

“Além de uma apresentação mais sofisticada, o caminho são os ingredientes feitos na própria casa, que dão um toque artesanal. Criei um drinque que é a cara do nosso verão: o ‘Soró Sour’ (R$ 25; foto). Na coqueteleira, vão cachaça, limão, abacaxi e xarope de baunilha – que preparo com açúcar líquido e fava de baunilha. Finalizo com água de coco e pó de guaraná, ralado na língua do pirarucu. Outra opção é o ‘Yuzu Verte’ (R$ 29), com shochu (destilado feito à base de batata doce), pasta de yuzú (fruta cítrica japonesa), licor de lichia e redução de maçã verde, com a fruta fresca e limão para equilibrar a acidez.”

Marcelo Serrano, do Brasserie des Arts - R. Pe. João Manuel, 1.231, Cerqueira César, 3061- 3326. 19h/0h (4ª, até 0h30; 5ª, até 1h; 6ª, 12h/15h e 19h/1h30; sáb., 13h/2h; dom., 13h/23h30).

Onde beber:
O Casa Café soma à cachaça e ao limão de sua ‘Caipirinha 154’ (R$ 22) dois itens artesanais: xarope de mel e alho assado em azeite de baunilha. R. Mourato Coelho, 25, Pinheiros, 2679-7956.

O ‘Raspberry Jack’ (R$ 20) do Sala da Sogra é finalizado com purê de framboesa feito no próprio bar. O drinque leva uísque, Amaretto e cranberry. R. Luís Góis, 1.150, Mirandópolis, 2389-5519.

Tags: , , , , ,

Sem Comentários | comente

  • A + A -
23.outubro.2014 18:24:19

Alice ganha trilha sonora ao vivo

por Fernada Araujo

ALICE_1.jpg

No projeto ‘Cine Concerto’, a Trupe Chá de Boldo recria a trilha sonora e os diálogos da animação Alice no País das Maravilhas, de Tim Burton. O programa é boa opção para as ‘crianças crescidas’ – que não se adequam a atividades infantis nem adultas. Teatro Paulo Autran. Sesc Pinheiros (1.010 lug.). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. Sáb. (25), 21h. R$ 40.

 

 

Tags: ,

Sem Comentários | comente

  • A + A -

Sexta (24)

Bibi Ferreira
Há 15 anos, a atriz e cantora Bibi Ferreira interpretou o repertório de Edith Piaf na abertura do Teatro Renaissance. Agora, aos 92 anos, a diva volta ao palco para homenagear Frank Sinatra. Com regência de Flávio Mendes, ela repassa sucessos como ‘Strangers in the Night’ e ‘My Way’.

Teatro Renaissance (448 lug.). Al. Santos, 2.233, Cerq. César, 3069-2286. Sexta (24), 21h30; sáb. (25), 21h; dom. (26), 20h. R$ 100/R$ 140.

Cauby Peixoto
O timbre grave e o figurino excêntrico são as marcas do cantor romântico. No show ‘A Voz do Violão’, ele traz repertório próprio, mas também interpreta grandes compositores da MPB, como Chico Buarque, Gonzaguinha e Caetano Veloso, na companhia do músico Ronaldo Rayol.

Teatro Martins Penna (200 lug.). Largo do Rosário, 20, Penha, 2295-0401. Sexta (24), 20h. Grátis.

Celso de Almeida Trio
O baterista, que já trabalhou com Edu Lobo e faz parte da banda de Rosa Passos, apresenta seu novo grupo. Ao lado de apresenta seu novo grupo, formado por Felipe Silveira no piano e Sidiel Vieira no contrabaixo, ele interpreta composições autorais e temas instrumentais alheios.

Auditório Ibirapuera (foyer). Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 2, 3629-1075. Sexta (24), 21h. Grátis.

Duelada
Bárbara Eugênia faz show na festa que promove duelos musicais entre artistas. Nesta edição, é a vez de Hélio Flanders e Tatá Aeroplano demonstrarem suas habilidades de racíocinio e memória musical.

Centro Cultural Rio Verde (400 lug.) R. Belmiro Braga, 119, Vila Madalena, 3459-5321. Sexta (24), 22h (abertura). R$ 20/R$ 40. Cc.: todos. Cd.: todos.

Filipe Catto
O cantor homenageia Cássia Eller, uma de suas maiores influências. Ele relembra músicas lançadas pela cantora, como ‘Eu Queria Ser Cássia Eller’, ‘Gatas Extraordinárias’ e ‘E.C.T’ . E dá voz a clássicos que a intérprete regravou, entre eles ‘Na Cadência do Samba’ e ‘Eu Sou Neguinha?’.

Galeria Olido. Sala Olido. Av. São João, 473, Centro, 3331-8399. Sexta (24), 20h; sáb. (25), 18h. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

Flávia Bittencourt
Com três discos gravados, um deles dedicado a Dominguinhos, a cantora interpreta repertório autoral em clima intimista.

Sesc Ipiranga. Galpão (30 lug.). R. Bom Pastor, 822, 2215-8418. Sexta (24) e sáb. (25), 20h30; dom. (26), 17h30.R$ 2,40/R$ 12. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Gafieira do Bebê
O projeto capitaneado pelo acordeonista Bebê Kramer é dedicado a execução do repertório de clássicos, passando pelo choro, samba e forró. A cantora Nina Wirtti fica com a parte vocal.

Sesc Belenzinho. Comedoria (500 lug.). R. Pe. Adelino, 1.000, 2076-9700. Sexta (24), 21h30. R$ 5/R$ 25. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Grupo Experimental de Música e Naná Vasconcelos
Misturando música, lutheria e artes visuais a partir do uso de materiais reciclados, o GEM encontrou no percussionista o parceiro ideal para suas experimentações. Na apresentação, eles mostram o saldo do trabalho conjunto que vêm fazendo há mais de dois anos.

Sesc Pinheiros. Teatro Paulo Autran (1.010 lug). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. Sexta (24), 21h. R$ 8/R$ 40. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

João Carlos Assis Brasil
Um dos mais prestigiados pianistas do Brasil, o instrumentista se inspirou em musicais da Broadway para criar o espetáculo ‘With a Song in My Heart’. No roteiro, músicas de Jerome Kern, Irving Berlin, Cole Porter e George e Ira Gershwin.

Teatro J. Safra. R. Josef Kryss, 318, Barra Funda, 2626-0243. Sexta (24), 21h30; sáb. (25), 21h.R$ 100/R$ 150. Cc.: todos. Cd.: todos.

Jorge & Matheus
A dupla sertaneja faz o show ‘In Concert’. ‘Voa Beija-Flor’ e ‘Pra Que Entender’ são algumas das músicas que figuram na apresentação.

Espaço das Américas (8.000 lug.). R. Tagipuru, 795, Barra Funda, 3864-5566. Sexta (24), 23h30 (abertura 21h). R$ 150/R$ 300. Cc.: todos. Cd.: todos.

Mafalda Minnozzi
A cantora apresenta o repertório do DVD ‘Spiritz Dal Vivo’, no qual relembra músicas italianas dos anos 1950 e 1960. Sucessos de Umberto Bindi e Domenico Modugno estão no projeto.

Tom Jazz (200 lug.) Av. Angélica, 2.331, Higienópolis, 3255-0084. Sexta (24) e sáb. (25), 22h. R$ 70. Cc.: todos. Cd.: todos.

Memórias de um Caramujo + Filarmônica de Pasárgada
As duas bandas se apresentam no projeto ‘Noites Selo Risco’. O Memórias de um Caramujo apresenta músicas de ‘Cheio de Gente’, segundo álbum da carreira. Já a Filarmônica de Pasárgada leva ao palco as músicas de ‘Rádio Lixão’, lançado este ano.

Serralheria (200 lug.). R. Guaicurus, 857, Lapa, 2592-3923. Sexta (24), 23h59 (abertura 22h). R$ 20/R$ 25. Cc.: todos. Cd.: todos.

Ornitorrinco Canta Brecht & Weill
O espetáculo criado nos anos 1970 é retomado por Cacá Rosset, Cida Moreira e Rubens Caribé. O trio joga luz sobre a obra criada para os palcos pelo compositor alemão Kurt Weill com o poeta e dramaturgo alemão Bertolt Brecht.

Casa de Francisca (44 lug.). R. José Maria Lisboa, 190, Jd. Paulista, 3052-0547. Sexta (24) e sáb. (25), 22h30. R$ 62. Cc.: todos. Cd.: todos.

Orquestra Voadora
O grupo formado por músicos cariocas de blocos carnavalescos lançou no ano passado o CD ‘Ferro Velho’, com a mesma vibração da folia do Rio de Janeiro. ‘Pra Viagem’ e ‘Tá na Hora’, além da faixa que dá nome ao álbum, estão no repertório.

Cine Joia (992 lug.). Pça. Carlos Gomes, 82, metrô Liberdade, 3231-3705. Sexta (24), 23h59 (abertura 22h). R$ 50/ R$ 60. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.  

Paulinho Boca de Cantor
O ex-membro dos Novos Baianos faz show em que relembra músicas do grupo que formou com Moraes Moreira, Baby do Brasil e Pepeu Gomes. ‘Mistério do Planeta’, ‘Eu Sou o Caso Deles’ e ‘Preta Pretinha’ são algumas delas.

Centro Cultural São Paulo. Sala Adoniran Barbosa (631 lug.). R. Vergueiro, 1.000, metrô Vergueiro, 3397-4002. Sexta (24), 19h30. Grátis (retirar ingressos com 2h de antecedência).

Revelação
No show ‘Revelação 360º’, o grupo de pagode formado por Almirzinho, Mauro Júnior, Rogérinho, Sérgio Rufino, Beto Lima e Artur Luis comemora 20 anos de estrada. ‘Só Vai de Camarote’, e ‘Pai’ estão no repertório.

Carioca Club (1.000 lug.). R. Cardeal Arcoverde, 2.899, Pinheiros. 3813-8598. Sexta (24), 23h (abertura). R$ 25/R$ 40. Cc.: M e V. Cd.: todos.

Tatiana Parra
Acompanhada de Zé Godoy (piano e rhodes), Frederico Heliodoro (contrabaixo) e Antonio Loureiro (bateria, vozes e eletrônicos), a cantora faz apresentação em que utiliza sua voz como instrumento.

Sesc Vila Mariana. Auditório (131 lug.). R. Pelotas, 141, 5080-3000. Sexta (24), 20h30. R$ 2,40/R$ 12. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Toquinho
O cantor, compositor e violonista continua com a série de shows com convidados em que celebra cinquenta anos de carreira. Ao lado das cantoras Dora Vergueiro, filha de seu parceiro Carlinhos Vergueiro, e Vanda Breder, ele relembra seus sucessos. ‘Tarde em Itapoã’, ‘Como Dizia o Poeta’ e ‘Regra Três’ serão ouvidas pelo público.

Terra da Garoa (330 lug.). Av. São João, 555, metrô República, 3361-3538. Sexta (24), 22h (abertura 20h). R$ 190/R$ 300 (inclui jantar). Cc.: A, V e M. Cd.: A, V e M.

Trio Corrente e Paquito D’Rivera
O trio de jazz brasileiro e o músico cubano, referência do jazz latino, apresentam o repertório de ‘Songs For Maura’, álbum lançado no ano passado. Além das músicas do disco, há releituras de outros compositores, entre eles Guinga, Pixinguinha e Severino Araújo.

Sesc Campo Limpo. R. N. S. do Bom Conselho, 120, metrô Campo Limpo, 5510-2700. Sexta (24), 20h. Grátis.

Sáb. (25)

BaianaSystem
O grupo participa da edição especial de aniversário da Festa do Santo Forte, do DJ Tutu Moraes. Com Russo Passapusso à frente, o grupo mostra seu mix de reggae e sonoridades afro-brasileiras, passando pela psicodelia, em pocket-show.

Grand Metrópole (2.000 lug.). Av. São Luís, 187, metrô República, 3158-5000. Sáb. (25), 23h59 (abertura). R$ 35/R$ 50. Cc.: A, M e V. Cd.: A, M e V.

BélO
Com três discos lançados, o haitiano mistura jazz, rock, reggae e ragganga, o ritmo afrohaitiano. Acompanhado de seu violão, ele canta em sua língua nativa, o criolo haitiano, e também em francês e inglês. Músicas de ‘Haiti Debout’ (2011), seu terceiro disco, dominam o repertório da apresentação.

Sesc Pompeia. Choperia (800 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. Sáb. (25), 21h30; dom. (26), 18h. R$ 6/R$ 30. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Bibi Ferreira
Leia mais acima

Cine Concerto Alice no País das Maravilhas
Apresentação que faz parte da exposição ‘Música & Cinema: O Casamento do Século?’. O filme Alice no País das Maravilhas (2010) será exibido na versão do diretor Tim Burton, com execução ao vivo de recriação da trilha sonora e dos diálogos do filme pela Trupe Chá de Boldo.

Sesc Pinheiros. Teatro Paulo Autran (1.010 lug). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. Sáb. (25), 21h. R$ 8/R$ 40. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Filipe Catto
Leia mais acima

Flávia Bittencourt
Leia mais acima

João Carlos Assis Brasil
Leia mais acima

Lestics
Com sete anos de carreira, o trio formado por Olavo Rocha (voz), Marcelo Patu (baixo e violão) e Marcos ‘Xuxa’ Muela (bateria) lança o CD ‘Seis’, sexto álbum da carreira. Flertes com pop e psicodelia estão presentes em ‘O Lado de Lá’ e ‘Tempo de Partir’, faixas do álbum.

Espaço Cultural Puxadinho da Praça. R. Belmiro Braga, 216, V. Madalena, 2337-9901. Sáb. (25), 20h (abertura 19h). R$ 15. Cc.: não aceita. Cd.: M e V.

Mafalda Minnozzi
LLeia mais acima

Mart’nália
A sambista é a principal atração do Baile do Zé Ruela. Ela apresenta o show ‘Mart’nália em Samba’ foi idealizado pela filha de Martinho da Vila com o pai e será lançado em DVD. Após ‘Não Tente Compreender’ (2012), no qual enveredou pelo pop sob produção de Djavan, a sambista retoma seu caminho natural. O grupo Samba90 também se apresenta.

Espaço Infînintto (1.100 lug.). Av. Mofarrej, 167, Vila Leopoldina, 3641-2119. Sáb. (25), 17h (abertura). R$ 50/R$ 100.

Mustache & os Apaches + Renascentes
Inspirados nas jug bands americanas, que tocavam com instrumentos adaptados e feitos em casa, Mustache & os Apaches começaram se apresentando nas ruas da cidade. Agora, mostram no palco o material reunido no disco de estreia, com influências dos primórdios do jazz, como o gypsy, o dixieland, o blues e os standards. Os Renascentes também executam músicas de seu CD de estreia, entre elas ‘Velho Enredo’ e ‘Atrás dos Olhos’.

Espaço Cultural Puxadinho da Praça. R. Belmiro Braga, 216, V. Madalena, 2337-9901. Sáb. (25), 23h59 (abertura 22h). R$ 20. Cc.: não aceita. Cd.: M e V.

Ornitorrinco Canta Brecht & Weill
Leia mais acima

Peppino Di Capri
O ícone da canção romântica napolitana apresenta repertório de todas as fases da carreira, que já dura mais de 55 anos. ‘Roberta’ está no show.

HSBC Brasil (1.800 lug.) . R. Bragança Paulista, 1.281, Chác. S. Antônio, 4003-1212. Sáb. (25), 22h. R$ 200/R$ 500. Cc.: todos. Cd.: todos.

The Moondogs e Ted Marengos
Os dois grupos divulgam seus respectivos primeiros discos. O quarteto The Moondogs mistura rock garageiro com toques clássicos em faixas como ‘Black & White Woman’. O trio Ted Marengos lança ‘First Prints’, que tem uma versão de ‘Ohio’, clássico setentista de Neil Young.

Na Mata Café (250 lug). R. da Mata, 70, Itaim Bibi, 3079-0300. Sáb. (25), 21h15. R$ 20/R$ 30. Cc.: todos.
Cd.: todos.

Toninho Ferragutti e Quinteto de Cordas
O acordeonista e arranjador paulista se apresenta acompanhado de Ricardo Tahakashi (violino), Liliana Chiriac (violino), Eduardo Bello (violoncelo), Adriana Schincariol Vercelino (viola) e Zé Alexandre Carvalho (contrabaixo acústico). Estão no repertório ‘Quando Me Lembro’, de Luperce Miranda, e ‘Sion’, de Hermeto Pascoal, além de composições do próprio Toninho, entre elas ‘O Sorriso da Manu’.

Auditório Ibirapuera (foyer). Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 2, 3629-1075. Sáb, (25), 21h. Grátis.

Trio Eterno e China
O trio formado por Felipe S, André Edipo e Missionário José apresenta músicas de ‘Suíte Pistache’ (2013), enquanto China faz show de despedida de ‘Moto Contínuo’ (2011), também mostrando novidades que devem ser registradas em seu próximo trabalho.

Circo Paratodos – Funarte São Paulo. Al. Nothmann, 1.058, Sta. Cecília, 3662-5177. Sáb. (25), 17h. R$ 10/R$ 20.

Worst
A banda de hardcore interpreta as músicas do álbum mais recente, ‘Cada Vez Pior’. Thiago Monstrinho (vocal), Tiago Hóspede (guitarra), Ricardo Brigas (baixo) e Fernando Schaefer (bateria) também relembram parte do repertório de ‘Te Desejo Todo o Mal do Mundo’, primeiro CD do grupo.

Sesc Belenzinho. Comedoria (500 lug.). R. Pe. Adelino, 1.000, 2076-9700. Sáb. (25), 21h30. R$ 4/R$ 20. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Zeca Baleiro (foto) faz show gratuito no sábado

Zeca Baleiro
O cantor e compositor faz show gratuito, com boa parte de seus sucessos, no Sesc Campo Limpo. Na companhia de cinco músicos, o cantor e compositor maranhense, que despontou nos anos 1990, relembra bons momentos de sua carreira – entre eles, ‘Telegrama’, ‘Bandeira’ e ‘Quase Nada’.

Sesc Campo Limpo. R. N. S. do Bom Conselho, 120, metrô Campo Limpo, 5510-2700. Sáb. (25), 20h. Grátis.

Dom. (26)

BélO
Leia mais acima

Bibi Ferreira
Leia mais acima

Cine Concerto Taxi Driver
Apresentação que faz parte da exposição ‘Música & Cinema: O Casamento do Século?’. Lucas Santtana e Kiko Dinucci reinterpretam a trilha sonora e os diálogos do filme ‘Taxi Driver’(1976), clássico do diretor Martin Scorsese estrelado por Robert De Niro e Jodie Foster.

Sesc Pinheiros. Teatro Paulo Autran (1.010 lug). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. Dom. (26), 18h. R$ 8/R$ 40. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Fábio Jorge
O cantor, que dedica sua carreira ao repertório de músicas francesas, faz show dedicado às canções de Charles Aznavour, que dará origem a seu próximo CD. Ele será acompanhado pelo pianista João Henrique Baracho em faixas como ‘La Bohème’, ‘Comme Ils Disent’ e ‘Que c’est Triste Venise’.

Teatro Zanoni Ferrite (208 lug.). Av. Renata, 163, V. Formosa, 2216 1520. Dom. (26), 19h. Grátis.

Flávia Bittencourt
Leia mais na pág. 69

Restart
No show ‘Cantando Histórias’, a banda apresenta músicas que o público da banda escolheu em votação pela internet. ‘Levo Comigo’ e ‘Menina Estranha’ estão no repertório.

Teatro Bradesco (1.457 lug). Bourbon Shopping. R. Turiaçu, 2.100, Perdizes,  2063-5087. Dom. (26), 19h30. R$ 30/R$ 180. Cc.: todos. Cd.: todos.

2ª (27)

Marcus Abjaud
O pianista participa do projeto ‘Instrumental Sesc Brasil’. Frederico Heliodoro (baixo), Matheus Barbosa (guitarra), Marcelo Martins (saxofone) e Felipe Continentino (bateria) o acompanham.

Sesc Consolação. Teatro Anchieta (280 lug.). R. Doutor Vila Nova, 245, 3234-3000. 2ª (27), 19h. Grátis.

Vânia Bastos
No show ‘Poeta da Canção’, a cantora surgida na Vanguarda Paulista interpreta músicas de Vinicius de Moraes. ‘Arrastão’ (Vinicius e Edu Lobo), ‘Tarde em Itapoã’ (Vinicius e Toquinho) e ‘Chega de Saudade’ (Vinicius e Tom Jobim) estão garantidas na apresentação.

Sesc Carmo. Restaurante I (190 lug.).  R. do Carmo, 147, Metrô Sé, 3111-7000. 2ª (27), 19h. R$ 4/R$ 20. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

3ª (28)

Mexidinho
Atração do projeto ‘Prata da Casa’, do Sesc Pompeia, o grupo pernambucano lança seu EP. Músicas como ‘Aurora’, ‘De Tanto Mar’ e ‘Plataforma’ flertam com o regionalismo nordestino calcado no forró e o samba.

Sesc Pompeia. Choperia (800 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. 3ª (28), 21h. Grátis.

Mônica Salmaso
Enquanto não leva seu recente CD ‘Corpo de Baile’ aos palcos, a cantora faz show dedicado ao repertório de Vinicius de Moraes. Na companhia de Nelson Ayres (piano) e Teco Cardoso (sopros), ela interpreta parcerias do Poetinha com Tom Jobim (‘Insensatez’, ‘Derradeira Primavera’), Carlos Lyra (‘Coisa Mais Linda’, ‘Maria Moita’) e Chico Buarque (‘Valsinha’).

Theatro Net (799 lug.). Shopping Vila Olímpia. R. Olimpíadas, 360, 3439-9312. 3ª (28), 21h. R$ 50/R$ 140.

Phill Veras
O cantor e compositor maranhense mescla músicas de seus três álbuns. André Araújo (guitarra), Adnon Soares (teclado e sintetizador), Marlon Silva (baixo) e Sandoval Filho (bateria) acompanham o artista.

Tom Jazz (200 lug.) Av. Angélica, 2.331, Higienópolis, 3255-0084. 3ª (28), 21h. R$ 50. Cc.: todos. Cd.: todos.

4ª (29)

Dino Barioni Trio convida João Cristal
Formado por Dino Barioni (guitarra e bandolim), Emiliano Castro (violão 7 cordas) e Douglas Alonso (pandeiro), acompanhado pelo tecladista João Cristal, o trio apresenta clássicos do choro, como ‘Chorinho pra Ele’, de Hermeto Paschoal e ‘Mistura e Manda’, de Nelson Alves.

Sesc Ipiranga. Galpão (100 lug.). R. Bom Pastor, 822, 2215-8418. 4ª (29), 20h. Grátis.

Dom La Nena e Kiko Dinucci
A cantora, compositora e violoncelista gaúcha se junta ao músico e compositor paulista para mostrar seu trabalho conjunto.

Casa de Francisca (44 lug.). R. José Maria Lisboa, 190, Jd. Paulista, 3052-0547. 4ª (29), 22h30.
R$ 35. Cc.: todos. Cd.: todos.

João Leopoldo
Influenciado pela Vanguarda Paulista, o músico faz show com repertório dos três discos da carreira.

Sensorial Discos (95 lug.). R. Augusta, 2.389, Cerqueira César, 3333-1914. 4ª (29), 21h. R$ 10.
Cc.: todos. Cd.: todos.

Paulah Gauss
A cantora faz versões de ‘Deslizes’, gravada por Fagner, e ‘I Will Survive’, clássico de Glória Gaynor. A pianista Jaci Toffano faz participação especial no show.

Tom Jazz (200 lug.) Av. Angélica, 2.331, Higienópolis, 3255-0084. 4ª (29), 21h. R$ 50. Cc.: todos. Cd.: todos.

Wanderléa
Lançado em 1972, o álbum ‘Maravilhosa’ foi uma ruptura na carreira da artista, que abandonava a Jovem Guarda para cair nos braços tropicalistas de Jorge Mautner, Gilberto Gil e Caetano Veloso. Ela lança o DVD gravado na Virada Cultural do ano passado em que interpreta parte do repertório do disco.

Theatro Net (799 lug.). Shopping Vila Olímpia. R. Olimpíadas, 360, 3439-9312. 4ª (29), 21h. R$ 50/R$ 140.

5ª (30)

Anaí Rosa e Grupo Cochichando
A cantora interpreta clássicos da MPB acompanhada do grupo composto por Paulo Ramos (violão 7 cordas), André Hosoi (bandolim e guitarra), Ildo Silva (cavaquinho), Douglas Alonso (percussão) e João Poleto (saxofone e flauta). Músicas de Chico Buarque e João Nogueira fazem parte da apresentação.

Sesc Pompeia. Choperia (800 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. 5ª (30), 21h30. R$ 3,20/R$ 16. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Arlindo Cruz
O sambista lança seu primeiro disco totalmente autoral, ‘Herança Popular’. Além de novidades como ‘Isso é Felicidade’, há regravação de ‘Ela Sambou, Eu Dancei’, lançada pelo Grupo Raça nos anos 1990.

Sesc Belenzinho. Comedoria (500 lug.). R. Pe. Adelino, 1.000, 2076-9700. 5ª (30), 21h30. R$ 8/R$ 40. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Elo Da Corrente
O trio lança o CD ‘Cruz’, terceiro da carreira. Eles estabelecem pontes entre o rap e a MPB dos anos 1960 e 1970. Arthur Verocai, Danilo Caymmi, Célia, Marcia Castro e Rodrigo Brandão participam do show.

Sesc Vila Mariana. Teatro (608 lug.). R. Pelotas, 141, 5080-3000. 5ª (30), 21h. R$ 4,80/R$ 24. Cc.: D, M e V.
Cd.: todos.

Gero Camilo
Em seu segundo álbum, ‘Megatamainho’, o artista apresenta composições autorais, algumas delas em parceria com Otto, Luis Caldas e Vanessa da Mata. Tatá Aeroplano fica a cargo da discotecagem.

Serralheria (200 lug.). R. Guaicurus, 857, Lapa, 2592-3923. 5ª (30), 23h (abertura 21h). R$ 20. Cc.: todos. Cd.: todos.

Marisa Orth
A cantora e atriz apresenta o espetáculo ‘Romance Vol. III’. No palco, ela mistura música e dramaturgia – interpretando repertório cujo fio condutor são os relacionamentos amorosos em suas mais variadas formas.

Bourbon Street (400 lug.). R. dos Chanés, 127, Moema, 5095-6100. 5ª (30), 22h30. R$ 65/80. Cc.: todos. Cd: todos.

Mind Priority
O grupo de jazz fusion liderado pelo baixista J. Álvaro foi formado na Bélgica. No show, com foco nas músicas do álbum ‘Raízes’, eles recebem os cantores Eduardo Araújo e Claudya.

Theatro Net (799 lug.). Shopping Vila Olímpia. R. Olimpíadas, 360, 3439-9312. 5ª (30), 21h. R$ 50/R$ 150.

Revelação
No show ‘Revelação 360º’, o grupo de pagode formado por Almirzinho, Mauro Júnior, Rogérinho, Sérgio Rufino, Beto Lima e Artur Luis comemora 20 anos de estrada.

Carioca Interlagos (1.000 lug). Av. Atlântica, 3.797, Interlagos, 5666-2267. 5ª (30), 23h (abertura). R$ 25/R$ 30. Cc.: todos. Cd.: todos.

Roupa Nova
Na ativa há mais de 30 anos, o grupo recordista de músicas em trilhas de novela estreia nova turnê. Eles não deixam de lado hits como ‘Dona’, ‘Coração Pirata’ e ‘Whisky a Go-Go’.

Teatro Bradesco (1.457 lug). Bourbon Shopping. R. Turiaçu, 2100, Perdizes,  2063-5087. 5ª (30), 21h30. R$ 80/R$ 320. Cc.: todos. Cd.: todos.

Sem Comentários | comente

  • A + A -
23.outubro.2014 18:05:33

Bailinho familiar

por Fernada Araujo

TRIII.jpg

Festança| Carnaval o ano todo  

 

O Carnaval deste ano foi decisivo para o grupo Triii. Depois do imenso sucesso da matinê, seus integrantes resolveram que não dava para esperar mais um ano até a próxima festa. Criaram o Bailinho do Triii, que acontece domingo (26), às 16h, no Sesc Pinheiros.
“Nossos shows sempre terminavam em bailes. Percebemos que o formato era um convite para pais, tios e avós dançar juntos”, explica Estêvão Marques, que há seis anos divide a banda com Marina Pittier e Fê Sztok.
A baladinha tem brincadeiras musicais, trava-línguas e jogos de palavras. Algumas das faixas são conhecidas da garotada pela internet, caso de ‘Sítio da Lili’ e ‘Pão, pão, pão’. Mas o repertório inclui também clássicos das pistas de dança, como ‘Chocolate’, de Tim Maia e ‘La Bamba’, de Richie Valens, além de sucessos carnavalescos. Na metade do show, o conjunto Batuntã ingressa no palco e reforça o balancê.
Garantir o pique da molecada, porém, não é problema para os jovens músicos. Marques e Marina acompanharam o Palavra Cantada por dez anos e só saíram do grupo quando a agenda do Triii começou a crescer.
O contato com outras referências, como Antonio Nóbrega, Lydia Hortélio e Chico dos Bonecos, garante o nível do baile. Abre alas, pois o Triii vai ficar.  Sesc Pinheiros. Praça. R. Paes Leme, 195, 3095-9400. Dom. (26), às 16h.  Grátis. Rec.: livre.

 

 

 

Tags: , , , ,

Sem Comentários | comente

  • A + A -
 

Arquivos

Todos os Blogs