ir para o conteúdo
 • 

Curiocidade

25.setembro.2011 23:48:49

Os serviços da babá de animais de estimação

Tem gente que não gosta de deixar o animal de estimação em hoteizinhos. Não tem problema:  a médica veterinária Vanessa Requejo, da Cãominhando, criou o serviço de “pet sitter” (babá de animais de estimação). Enquanto os donos viajam, um veterinário faz visitas diárias à casa da família para alimentar, trocar a água e  passear com o cachorro. Caso seja necessário, o profissional também pode medicar o animal. O serviço é cobrado por hora de visita (R$ 60).

Segundo a doutora Vanessa, a procura maior é  para gatos ou para cães que ainda não tomaram todas as vacinas ou que não foram castrados e que, por causa disso, não podem ficar em hotéis. Há também clientes que pedem cuidados com aves, peixes, tartarugas e coelhos. Antes de aceitar o serviço, a médica veterinária faz uma visita para checar se o animal aceita a presença de estranhos. Isso evita casos como o de um rottweiler que quase machucou Vanessa. “Ele ficava muito bravo quando eu entrava”, conta. “Até que descobri que ele tinha medo de água. Então, deixava a mangueira ligada enquanto fazia a limpeza do quintal e trocava a comida”. Vanessa tem, atualmente, 80 clientes fixos. Durante o período de contrato, os veterinários ficam com uma cópia da chave da residência. A família também pode deixar a chave na portaria do prédio ou com um vizinho.

A Cãominhando tem ainda uma creche para animais, que conta com sala de alimentação, espaço para exercícios, monitores para recreação, piscina e salas de descanso, higiene e brinquedos. Os donos têm a possibilidade de ver como está seu bichinho pela internet. O preço da estadia varia entre R$ 190 (1 vez por semana) e R$ 500 (5 vezes por semana). Para ficar na creche, os animais precisam passar por uma avaliação. “Tem que ser castrado, ter o atestado de vacina em dia e ser sociável”, avisa Vanessa, que também verifica se o animal não tem pulgas. Para garantir um lugar na creche, o cliente deve agendar a primeira avaliação por telefone.

Serviço:
2506-6487 e 5523-1070.

(Com colaboração de Karina Trevizan e fotos de Andre Lessa/AE)

comentários (8) | comente

  • A + A -
8 Comentários Comente também
  • 30/09/2011 - 17:05
    Enviado por: Rose

    Falar o que dessa “reportagem”, num pais onde mães esperam desesperadamente por uma vaga em uma creche, pra deixar seu filho e poder trabalhar. Não desmerecendo o trabalho da veterinária, mas francamente, a má distribuição de renda nos mostra o extremo de tudo mesmo..indgnação total…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 12/08/2012 - 19:12
      Enviado por: Te

      Querida quem tem que dar creche para crianças é o Governo, o serviço de babas para animais de estimação vem de pessoas particulares, não confunda as coisas

      responder este comentário denunciar abuso
  • 18/10/2011 - 11:59
    Enviado por: Michela

    O Rose, você perdeu mesmo a chance de ficar calada. Cada um faz da vida o que quer, eu tenho muito animais e gasto meu dinheiro com eles sim. Eles são responsabilidade minha eu os amo e além de tudo são seres vivos que necessitam de cuidados, afeto e amor. Acho sim que seres que se dizem racionais é que deviam pensar melhor antes de sair colocando filhhos no mundo sem ter condiçoes de cria-los e culpar o governo por isso e ainda ficar criticando que gosta e cuida de seus animais, sem falar aqueles que são abandonados por esse tipo de gentinha.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 25/10/2011 - 11:28
      Enviado por: Priscilla

      Micaela… endosso tudo o que vc disse sem tirar nada!!!!
      É muito fácil criticar quem faz alguma coisa, seja para quem for (pessoas ou animais).
      Sou veterinária, trabalho também como pet sitter, e sou “mãe” responsável de cães e gata!
      Esses “seres racionais” que deveriam cuidar mais da própria vida ao invés de perder tempo criticando quem o faz!!!!!

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/10/2011 - 23:36
    Enviado por: Lery

    Amo animais e fico indignada quando vejo algumas pessoas falarem dos mesmos como se fosse insignificantes, quem tem um bichinho e o ama sabe a importância desses pequenos, ou as vezes, grandões. Se você tem condição financeira para isso, acredito que você não só pode, como deve, proporcionar uma boa condição de vida ao seu pet, mas tem muitos animais “estudando” em escolas caras, vestindo roupas de luxo, usando jóias e fazem outras tantas tranqueiras que não melhoram em nada a sua vida, mas apenas servem para massagear os egos inchados dos seus donos, enquanto muitas e muitas pessoas vivem na mais terrível miséria, sem ter onde morar o que vestir ou mesmo o que comer. A alguns meses vi a reportagem de uma ricaça que deixou a herança , alguns “poucos” milhões de dólares para o cachorro, e fiquei pensando meu Deus, será que ela acha que isso e amor, e de conhecimento público que Bill Gates, varias vezes considerado o homem mas rico, do muito já declarou que quando morrer deixará 98% da sua fortuna para caridade, será que ele não ama os filhos? Ou talvez ele seja inteligente o suficiente para saber que os seus filhos podem viver muito bem o resto de suas vidas com os mais de 10 milhões que cada um deve receber. E você está fazem pelos seu bichinho? tudo que o amor permite ou tudo que o egoísmo manda.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/11/2011 - 21:38
    Enviado por: Elma

    Gente, não adianta: só entende quem tem, e sinceramente, lamento pela crianças que nascem de mães que não planejam suas famílias e depois ficam se lamentando pelos filhos. Eu escolhi não ter filhos e escolhi minhas gatinhas e sou super feliz por isso! Pq ter filhos não é como uma única noite q vc “dá uma” e pronto. É o mais sublime que uma pessoa pode fazer: formar um cidadão, uma pessoa, um que possa fazer diferença no mundo. E tem muita gente que falha nesta tarefa. Eu só tenho uma pergunta: quem são os animais no final das contas?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2011 - 13:20
    Enviado por: ires

    Concordo com todas as respostas dadas a quem originou os comentários. Nossos bichinhos podem dar uma grande liçao de amor a muitas mulheres sim. Dia destes dentro do trem apareceu uma mulher bonita e jovem com bebe no colo e mais um filhinho pedindo ajuda para alimentar seus 3 filhos, pois estava sem condiçoes, ia ajudar mas depois fiquei revoltada e não ajudei. Entendo q numa certa fase da vida voce pode estar numa dificuldade é claro, mas os filhos eram pequenos e com isto dá para entender que mesmo estando naquela situaçao ela não evitou de te-los. Também engravidei num descuido mas depois me controlei o resto da vida pq sabia que filho é responsabilidade nossa, assim como animais. A única coisa que sou contra é a proliferaçao de animais abandonados é que cada um deveria ser responsavel pelo seu,, sem deixa-los desabrigados, mas aí é outro assunto. Obrigada. E.T. entrei neste site justamente pq quero iniciar um trabalho de “pet sitter” pq sei o transtorno q dá ter que viajar e não ter com quem deixar.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/06/2012 - 15:42
    Enviado por: Bebel Vendrame

    Eita Rose…..Porque voce não gasta seu dinheiro com as pessoas que não encontram creches para seus filhos, oras bolas, só nos faltava essa heim gente…Parabéns pelo trabalho, amei!!!!!!!!! E estou tentando trabalhar por conta também fazendo quase a mesma coisa, sozinha é claro….

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário:

Comentários recentes

  • Jailton Alves da Mota: ATUALIZAÇÃO: outubro de 2013. …e não é que a produtora realmente teve que encontrar...
  • Marcelo Neves: Olá Ataide e Nelcy… como vocês só viram a esta confusão em junho deixa só esclarecer um...
  • marcelo b: meu, kd vc que ñ escreve ha um tempo? ñ tá preso na bolivia, né? rs
  • Ataíde Marques: É isso aí, Nelcy. Fã que é fã não vai perder.
  • VANILDE PEREIRA COSTA: Gostaria de colocar uma franquia na cidade com 40.000 habitantes; Qual capital que devo ter?E...

Arquivo

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo