1. Usuário
Assine o Estadão
assine

YouTube classifica como “impróprio” novo vídeo do Porta dos Fundos

Cristina Padiglione

25 junho 2014 | 19:50

Publicado na última segunda-feira, dia 23, o vídeo “Inferno”, do Porta dos Fundos, é apresentado no YouTube como “impróprio”.
“Este vídeo recebeu restrição de idade com base em nossas Diretrizes da comunidade”, informa o portal de vídeos do Google.
Se o internauta mesmo assim concordar em ver o filme, bingo, é só clicar e lá está a atração.
No esquete, Antonio Tabet morre e vai para no inferno, onde o diabo (Rafael Infante) lhe destina duas bonitonas em trajes mínimos para que ele pague seus pecados, enquanto elas lhe prestam favores sexuais.
Ao tentar aumentar sua lista de falhas em vida, Tabet estraga tudo e o diabo o manda para o céu, onde Gregório Duvivier, caracterizado como anjo doce, o recebe e o convida para jogar xadrez.

No Twitter e no Instagram, Ian SBF, diretor do Porta dos Fundos, convida os internautas a acessarem o Porta diretamente pelo site do grupo, sem ter de passar pelo YouTube: “O Youtube classificou o último vídeo do pdfoficial como impróprio. Quer cagar pra isso e ver mesmo assim? É só ir no http://instagram.com/p/prrFYpm68G/. ”

Em três dias, o vídeo foi visto mais de 1,39 milhão de vezes, só via YouTube.