ir para o conteúdo
 • 

Blog da Garoa

19.maio.2013 09:50:37

Santa Cruz dos Milagres, centenária fé nordestina

A cidadezinha fica numa colina a 168 quilômetros de Teresina, capital do Piauí. Santa Cruz dos Milagres não tem agência bancária, não tem promotor de Justiça, nem juiz, nem bombeiros, e nem médicos residentes no município. Mas tem cerca de 4 mil moradores, prefeito, João Paulo de Assis Neto (PDT), 9 vereadores (seis deles da situação), 900 crianças na escola, um posto de saúde, e um soldado encarregado da segurança pública. Isso mesmo: um policial. Dias atrás, uma onda de assaltos em bancos de cidades vizinhas assustou moradores. Mas nem isso chamou a atenção externa.

Em pelo menos três datas do ano, 3 de maio, 5 de setembro e nos primeiros dias de novembro, recebe até 70 mil visitantes em romarias de fé a Santa Cruz, uma cruz de madeira rústica, de cerca de 1,5 metro por 80 cm, conservada numa redoma no altar da igreja do santuário, no ponto mais alto da cidade. A cidade é uma espécie de Fátima nordestina, uma Aparecida em miniatura, que atrai caravanas de católicos crédulos nos milagres da cruz de madeira.

Mas, em geral, segundo comerciantes e moradores, são pessoas de origem humilde com suas crenças e queixas destinadas aos santos milagreiros e à cruz rústica que marca o lugar. “Isso aqui fica lotado de gente. Parece uma Aparecida, lá de São Paulo”, contou na última sexta-feira, a zeladora da igreja, mostrando o local no qual, conta a lenda da Santa Cruz, um beato e um vaqueiro teriam cravado a cruz de pau de chapada ainda nos final do Século 19.

Esse município do Piauí, lembrado nos dias de procissão de fé, é um exemplo de comunidade isolada não só pela geografia. É um caso de ausência de interesse do poder público estadual e federal no interior do Brasil. A centenária Santa Cruz dos Milagres, registrada em documentos da Igreja em 1888 e 1893, vive de uma fé invejável. Mas merecia mais. Mesmo com o prefeito Neto, que tem até foto com a presidente Dilma Rousseff, Santa Cruz dos Milagres não consegue nem a garantia de abastecimento regular de energia elétrica. Arrecada cerca de R$ 15 mil de ICMS e chega a um total de R$ 200 mil com dinheiros de fundos de participações dos municípios e outros programas.

Reeleito para o segundo mandato na prefeitura, Neto reclama da falta de luz, diz que está trabalhando para normalizar a situação. E destaca que já conseguiu selo do Unicef por dobrar a inclusão de centenas de crianças na escola. Ele diz que conhece bem o assunto. É filho de uma família de 21 irmãos “vivos” – outros dois já morreram. Com 56 anos, tem duas filhas. Neto agora sonha com médicos estrangeiros – “Eu quero um médico da Cuba”, diz ele – e com a construção da Barragem Milagres no município. Se a Santa Cruz de pau bruto que está no altar da matriz ajudar, poderá então ter um médico morador e água abundante para irrigar as terras – e as finanças do município.

Leia a reportagem no site

Leia a reportagem no jornal

Veja abaixo entrevista em Santa Cruz dos Milagres

.

 

“Manda um médico da Cuba pra cá”, pede o  prefeito João Paulo de Assis Neto (PDT)

 

.

Matriz de Santa Cruz dos Milagres, no Piauí. Foto: Pablo Pereira/16.05.2013

 

 

Cruz rústica no altar da matriz de Santa Cruz dos Milagres. Foto: Pablo Pereira/17.05.2013

comentários (3) | comente

  • A + A -
3 Comentários Comente também
  • 19/05/2013 - 20:22
    Enviado por: Fernando Cisnneros d´Ávilla

    Na administração garanhuense, o ex-presidente declarou em bom
    som que a saúde no Brasil estava (na época) quase perfeita.
    Faltava pouco, portanto, para a perfeição. Oito anos de pura omissão.
    Agora, na administração búlgara, mais dois anos e nada.
    Em resumo: dez anos sem qualquer planejamento e as pessoas
    adoecendo e morrendo continuadamente. O que se verifica nesta
    reportagem é a demonstração do descaso. Não há saúde, não há
    educação e a bandidagem aumenta enormemente. Mas, nas urnas,
    o povinho controlado porá seu dedo na gerentona, reelegendo-a.
    Isto é o pt e isto, infelizmente, é o brasil (minúsculo, mesmo).

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/05/2013 - 08:55
    Enviado por: José Tupinambá de Macedo

    Isso aí é apenas uma pequena amostra do que se passa em todo o País. O descaso, a incompetência, o descalabro administrativo, são apanágios dos desgovernos do pt nos últimos dez anos. E o povão achando que está tudo uma maravilha. Acorda Brasil!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/12/2013 - 15:43
    Enviado por: cleydieny

    prefeito moro na cidade de juarina – to natural de aroazes – pi olha si voce tever a sorte de ter um médico da cuba, parabéns porque o medico da minha cidade é cubano e é muito bom beijo a todos de santa cruz dos milagres a minha irmã cleudener que mora ai ti amo muito mana que deus derrame muita abenças sobre sua administração prefeito.

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário:

Arquivo

TODOS OS BLOGS

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo