1. Usuário
Assine o Estadão
assine
sexta-feira 01/08/14

Lá vem o STJD

Começa a virar rotina. Quando a gente pensa que o Brasileiro vai engrenar, que as disputas ficarão quentes dentro de campo, que o torcedor estará ligado nas aventuras das respectivas equipes, desponta o STJD com intervenções mirabolantes. A mais recente do tribunal é denunciar Corinthians e Palmeiras por causa das cadeiras quebradas domingo, no clássico

Ler post
segunda-feira 28/07/14

Inferno astral verde*

Impossível entender o Palmeiras, a não ser por perspectiva desprovida de lógica. Usar métodos racionais é quebrar a cara e chover no molhado. No meio da semana, jogou bem, na Copa do Brasil, ganhou e deu ponta de esperança para o torcedor. Desfez o esboço de otimismo na derrota de ontem para o Corinthians. Caiu

Ler post
domingo 27/07/14

De ponta-cabeça*

Pessoal, veja só que coisa espetacular: Corinthians x Palmeiras, o duelo mais tradicional do futebol de São Paulo, uma das maiores rivalidades do Brasil, das Américas, do mundo, pela primeira vez será disputado no Itaquerão, erguido para a Copa e agora alternativa moderna para o esporte. Estádio bonito, alinhado, o “palácio de mármore” como enchem

Ler post
sexta-feira 25/07/14

Gringo como estímulo*

O trabalho está bem no começo, em três jogos foram duas derrotas e uma vitória (os 2 a 0 sobre o Avaí, anteontem, pela Copa do Brasil). Por isso, convém ter cautela para não descer a lenha nem encher a bola de forma precipitada. Mas vale saudar a presença de Ricardo Gareca na direção do

Ler post
quarta-feira 23/07/14

O reservista*

Meu amigo, acompanhou a apresentação de Dunga como treinador da seleção? Parecia reunião de Alto Comando de Guerra a anunciar, para a nação, medidas drásticas para período duro e de batalhas. Gilmar, Marin, Del Nero, Gallo e o próprio Dunga tinham ar sisudo, de preocupação, mediam as palavras – em diversos momentos gaguejaram. Até os

Ler post
segunda-feira 21/07/14

De volta à rotina*

A Copa foi demais, e deixou o torcedor mal-acostumado – ou aguçou-lhe o nível de exigência. Daí fica um tanto difícil retomar a rotina do Brasileiro sem um quê de decepção. Isso passa, pois as pessoas se adaptam a tudo. Uma semana após o encerramento do Mundial, já se disputaram duas rodadas, sem mudança significativa

Ler post
sexta-feira 18/07/14

Mais do mesmo*

Muita gente ficou surpresa – até indignada – com o anúncio de Gilmar Rinaldi para o cargo de coordenador de seleções. O tom dos comentários na mídia e em redes sociais, logo após a entrevista de José Maria Marin, no final da manhã de ontem, oscilou entre a indignação e a desconfiança. Esperava-se nome de

Ler post
segunda-feira 14/07/14

Persistência e simpatia premiadas*

Os estereótipos abarrotam nossa mente. Um deles define alemão como frio, contido, sem graça. Enfim, gente insossa e intragável. Conversa fiada. A alegria de criança que os jogadores da seleção da Alemanha esbanjaram, ao comemorar o quarto título mundial, destruiu preconceitos e serviu como fecho de ouro para o comportamento extraordinário, dentro e fora de

Ler post