Estado.com.br
Quarta-feira, 03 de Setembro de 2014
Advogado de defesa
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Categoria: Coluna Josué Rios

Coluna Josué Rios – 23/10/2007

Conta Inativa. Você ainda vai ter uma!

Um saco de pancadas. É assim a vida do sr. Furtado, o Consumidor. Qual a última bordoada? Um débito de mais de R$ 2 mil de uma conta bancária que o infeliz nunca movimentou. Nunca gastou a sola do sapato para entrar na agência bancária, nunca depositou ou retirou um centavo da conta. Mas deve ao banco mais de R$ 2 mil porque na conta nunca movimentada caiu tarifa de manutenção, CPMF e mais um montão de encargos
A tal conta foi aberta por insistência de um funcionário do banco (bancário hoje cumula a função de vendedor), e o sr. Furtado foi intimado dois anos depois a pagar tarifas de um serviço que jamais utilizou.
Ao julgar um caso idêntico ao do sr. Furtado, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (apelação 70000523787) considerou absurda e “surrealista” a atitude do banco “de extorquir dinheiro de pessoa que jamais usou o serviço” e anulou a conta bancária e o débito do consumidor.
O mais comum é a pessoa deixar de movimentar a conta e não formalizar o seu encerramento por escrito. Daí, o banco entende que a simples continuação da conta sem movimentação é uma prestação de serviço e pode ser cobrada. E pior: quem ligar para o Banco Central (órgão fiscalizador) ouvirá que pode ser cobrada a tarifa por conta corrente não movimentada, porque esse tipo de cobrança não é proibida pelas Resoluções Bacen nº 2303/96 e n° 2747/2000, que disciplinam o assunto.
E mais: a citada Resolução 2303 diz que para cobrar uma tarifa, que não está listada como proibida, basta o banco divulgar em local visível de sua agência o item a ser cobrado e seu valor.
Logo, está tudo montado para tornar a cobrança em questão devidamente legalizada. Verdade? Bem alto, digo: não! Há o detalhe – sempre ele. Qual? O Código de Defesa do Consumidor veda qualquer cobrança sem prévia informação ao consumidor – e, neste caso, não basta a informação dada no cartaz empoeirado da agência. Para a validade da cobrança, é necessário que o banco emita comunicado escrito ao consumidor, informando que haverá a cobrança das tarifas X, Y e Z e o valor de cada um dos encargos enquanto a conta não for encerrada.
E anote: a necessidade de informação prévia para a validade da tarifa não é apenas interpretação desta coluna, e sim o entendimento de diversos tribunais, a exemplo da decisão da Justiça gaúcha, citada acima. Os juízes que não aceitam a cobrança argumentam também que esta deve corresponder a uma prestação de serviço, o que não ocorre no caso das chamadas contas inativas.
Há até o caso de banco que, mesmo estando a conta encerrada, renova por conta própria o cheque especial do correntista a fim de debitar o caminhão de tarifas cobradas da conta inativa.
Na próxima terça-feira retomo o assunto, inclusive comentando as decisões da Justiça que anulam o festival de tarifas nas contas não movimentadas. Até lá!

Posts Relacionados

  • No Related Post

Tópicos Relacionados

502 Comentários Comente também
  • 24/10/2007 - 10:40
    Enviado por: Maria Lucia Fernandes

    Prezado Senhor,
    Meu assunto não diz respeito ao tema, mas, por total falta de opção de onde colocar a matéria, resolvi aqui inseri-la. Estou pasma com uma decisão do TST que concedeu a um empregado a milionária indenização de R$ 11,5 milhões!!!
    Pergunto-me: onde anda o bom-senso da Justiça? Quantia como essa, embora a ação já se estendesse há 16 anos, o empregado, na ativa, jamais a receberia! Esse valor, que eu saiba, só chegou facilmente às mãos dos mensaleiros, sanguessugas, anões do orçamento e alguns poucos afortunados que o ganharam honestamente na Sena.
    Penso na empresa, que os juízes com certeza se esqueceram, como geradora de empregos e que, com uma carga trabalhista como essa sobre os ombros, com certeza terá que fechar suas portas. Mas se tiver juízo abre suas portas num país vizinho. Isto aqui não é um País sério!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/10/2007 - 14:28
    Enviado por: Flavinha

    Meu marido tem um cartão de crédito que nem foi desbloqueado, não está em uso, mesmo assim estão vindo faturas cobrando seguro de perda e roubo. Isso é correto?

    Advogado de Defesa:

    Não, isso não é correto. Para evitar problemas maiores, envie carta à administradora do cartão, com aviso de recebimento, incluindo o cartão quebrado no envelope, e peça imediatamente o cancelamento e o estorno das taxas cobradas.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/11/2007 - 14:15
    Enviado por: Thiago Oriel da Rocha

    Eu tenho uma conta no Banco Bradesco que há mais de 1 ano e meio não recebe nenhum tipo de movimentação de minha parte, porém estão sendo cobradas tarifas mensalmente e juros. Como posso proceder? Devo apenas pagar a dívida? Ou existe algum meio de não ter de pagar nada?

    Advogado de Defesa:

    Já há decisões judiciais dando ganho de causa ao consumidor com relação à cobrança de taxas de conta inativa. Seria bom que você procurasse o Procon. Mas é bom também que feche a conta. Procure a agência bancária e peça, por escrito, o fechamento dela.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/11/2007 - 12:55
    Enviado por: Regina

    Estão cobrando tarifas em contas inativas até de cliente morto. Dá prá reclamar, e eles cancelam, mas e o trabalho que dá até resolver isso?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/11/2007 - 16:59
    Enviado por: Vivian Roberta

    Boa Tarde,

    Há mais de 2 anos e meio realizei um estágio no Banco do Brasil, que durou 01 semana. N a ocasião assinei documentos referentes ao estágio e abertura de conta. Como fiquei pouco tempo no banco, recebi apenas cartão alimentação, que foi devolvido e pelo pouco tempo imaginei que não tivessem dado andamento na abertura da conta, pois quando sai do banco nada me entregaram, somente pediram o cartão alimentação. Passados mais de 02 anos recebi um comunicado me informando que meu nome seria encaminhado ao SPC. Fui até a agência mais de 02 vezes e nada foi resolvido. Me disseram que devia pagar tarifa de manutenção de conta, questionei pagar o quê?, pois nunca recebi nenhuma correspondência, cartão do banco, nem número da conta tenho e jamais movimentei alguma conta neste banco. Fui até o Procon que também nada resolveu. Somente me informaram o que o banco já havia me dito. Fui até o Pequenas Causas e a atendente disse que deveria ligar para a ouvidoria do banco. Liguei mais de 04 vezes. Cada hora falam que tenho que falar com outra pessoa. Diante desta situação, o que devo fazer, pois não concordo com a cobrança, e pq depois de mais de 02 anos sou comunicada da conta, o pq não me informaram antes.
    no aguardo
    Vivian Roberta

    Advogado de Defesa:

    Você deve enviar sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa – e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/12/2007 - 13:39
    Enviado por: Márcia Pinheiro

    A empresa onde trabalhei anteriormente obrigou os funcionários, que já recebiam pelo Banco do Brasil, a abrirem uma conta (corrente, não salário) no Banco Santander. Ao receber o salário, no mesmo dia, transferia todo o valor, através de cheque TB, para a conta do BB. Após sair da empresa o Banco Santander segue fazendo cobranças de diversos serviços, os quais não paguei. Ao telefonar para a agencia, me informam que para fechar a conta, preciso pagar a dívida de mais de 900 reais, todos cobrados sem movimentação na conta. Tenho como resolver sem entrar com uma ação? Como devo proceder? Obrigada.

    ADVOGADO DE DEFESA

    Tente negociar com o banco. Caso eles sejam irredutíveis, envie seu problema para o email advogado.jt@grupoestado.com.br, com seu nome completo e dados pessoais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/01/2008 - 21:44
    Enviado por: moacir manoel felipe

    minha fatura de cartao no valor de 1.010.50, foi parcelada em 12 vezes de 114.48 ja incluso tarifa por transaçâo, fatura de novembro. na fatura de dezembro, estâo me cobrando o valor de 153.98 està certo?..desde ja agradeço

    ADVOGADO DE DEFESA

    Confira atentamente a fatura para saber se não há outro gasto (como anuidade ou compras, por exemplo) no cartão. Se essa cobrança for apenas da dívida parcelada, entre em contato com a administradora e peça explicações, já que o valor acordado anteriormente não pode ser mudado. Se isso não resolver, mande o problema, com seu nome e dados pessoais, para o email advogado.jt@grupoestado.com.br.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/01/2008 - 12:19
    Enviado por: Raquel

    Tenho uma conta no BRADESCO que ha 8 meses não movimento mas q gerou juros e taxas d serviço. Quero concelar a conta mas fui informada no banco q não posso encerra-la enquanto não pagar a dívida. Obs. abri a conta p depósito mensal da bolsa de estágio mas o estágio terminou há 8 meses. Tenho q pagar? O q faço?

    ADVOGADO DE DEFESA

    Tente negociar com o banco, explicando que a conta está inativa. Se não adiantar, envie sua reclamação para o email advogado.jt@grupoestado.com.br

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/01/2008 - 18:46
    Enviado por: wilton almada

    devia ao bradesco 800 reais agora jádevo 1300 reais em menos de 2 meses.o que devo fazer?

    ADVOGADO DE DEFESA

    Em primeiro lugar, procure o Procon para saber se os juros estão sendo cobrados corretamente. Depois, procure renegociar a dívida com o banco. Dessa forma, o valor não aumentará mais por conta dos juros.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/01/2008 - 22:44
    Enviado por: Gustavo

    a caixa economica encerrou minha conta sem que eu solicitase, e eu como professor so recebo por lá, oq devo fazer?

    ADVOGADO DE DEFESA

    Questione os motivos do encerramento e solicite a reabertura ou uma nova conta.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/01/2008 - 13:17
    Enviado por: Joseane Lange

    Não recebi a fatura do cartão de crédito, comuniquei a itaucard e me forneceram um código de barras p/ pagar no banco ou lotérica, não consegui pagar pois o cód. acusava incorreto… várias vezes liguei e fiquei pendurada ao telefone tentando resolver essa situação e disseram que não teria juros, porém teve, como sempre paguei em dia solicitei que o cancelamento dos juros e do cartão, até me deram um protocolo e nada de cancelarem continuou chegando a fatura em minha residência, posso entrar com um processo, alegando cobrança de juros indevida e exigindo indenização?
    desde já agradeço!

    Advogado de Defesa:

    Você deve enviar sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/01/2008 - 17:20
    Enviado por: Keila Carmo

    Gostaria de saber qual o procedimento a ser tomado, pois fiu entrer em uma empresa e fui obrigada a abrir conta no banco do Brasil,só que recebi apenas um salario pelo banco, pois sai da empresa, agora que ja faz 2 anos, fui fechar a conta, e me informaram que tenho que pagar um valor de R$150,00 reais, pois seria taxas de manutenção de conta, só que até hoje nunca recebi nenhuma carta ou extrato do banco, nunca ,me mandaram carta informando os débitos pendente que eu tenho ao banco, fui fechar e eles não quiseram, pergunto agora o que eu faço pois estou desempregada, e acho essa cobrança absurda.

    Advogado de Defesa:

    Quando se deixa de movimetnar uma conta, é necessário fechá-la para evitar aborrecimentos como esse. Mas, como você nunca recebeu um extrato, pode procurar o Juizado Especial Cível para questionar essa cobrança

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/01/2008 - 16:14
    Enviado por: Fernando

    tenho conta no banco real e itaú ….a mais de 3 anos não consigo mais sair dos cheques especial e dos cartões de credito .tentei renegociar mas tô cansado de se roubado por juros …….. o que eu posso fazer ….??

    Advogado de Defesa

    Você pode procurar um especialista para recalcular os juros e ver se eles tão sendo cobrados corretamente. Pode, também procurar o Procon

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/01/2008 - 18:45
    Enviado por: Rosana Bittencourt

    Gostaria de um esclarecimento, eu tinha uma conta no banco Nossa Caixa, há muitos anos atrás, era para efeito de depósito de pensão alimentícia, mas quando meu ex-marido saiu da empresa, a mesma depositou o valor correspondente a rescisão a qual eu tinha direito, acontece que eu não fiquei sabendo na época, e agora eu tomei conhecimento deste valor, fui até a agencia e pedi a microfilmagem da minha conta e descobri que tenho um valor de R$6.168,00, eu gostaria de sacar este valor, mas fui informada que só com ação judicial, eu queria saber se isso procede? Desde Já agradeço pela atenção e segue abaixo formas de contato.
    Rosana Bittencourt e-mail: rosanabittencourt@yahoo.com.br
    Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 80 Jd. Acácias – Várzea Paulista – SP.
    Cep: 13223-370 Fone fax: (0xx11) 4595-6197 ou (0xx11) 7514-7638

    Advogado de Defesa:

    Você pode procurar o Juizado Especial Cível

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/02/2008 - 18:07
    Enviado por: Maria de Fátima Miranda

    Tive conta Bancária e a encerrei no ano de 1997, guardei todos os documentos comprovando o encerramento desta conta por 10 (dez) anos, no final do ano de 2007, limpei os arquivos e joguei os comprovantes, os extratos, restos de talão, ou seja tudo. Agora no inicio do ano de 2008, recebi uma carta, sem dizer o valor da divída, mas fazendo menção de que se não comparecesse ao Banco para pagar uma divida que ele alegam ser de R$82,50, sem esclarecer a que título, se não fizesse o pagamento o meu nome seria enviado para o Serasa, CPC e outros, não esta prescrito qualquer cobrança, passado mais de 10 (dez) anos??

    Advogado de Defesa:

    Se o débito é referente a esta conta, você pode procurar o Juizado Especial Cível. Se a conta continuou aberta neste período, embora você tenha pedido o encerramento, no mínimo o banco teria de ter mandado extratos, e, pelo seu relato, ele não fez

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/02/2008 - 14:48
    Enviado por: Dyego di allmeida

    alem do envio do cadastro ao serasa e spc e o acumulo de juros na transaçao do cheuqe especial existem outras medidas que sao tomadas pelos banco???
    me falaram que poderia ser pago com serviços prestados ao governo estadual ou ateh mesmo o pediod de prisao domesmo. essa informaçao tem fundamento???

    Advogado de Defesa:
    Não tem fundamento. O que o banco pode fazer é abrir um processo de cobrança judicial e penhorar alguns bens seu para o pagamento da dívida

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/02/2008 - 17:59
    Enviado por: DIOGO CERCAL

    tenho uma conta universitária no banco real que foi aberta em 2001, a qual não recebi o contrato, e deixei de movimentar após ficar desempregado em 2002. NA época resolvi ir conversar com o gerente para fechar a conta cujo saldo nunca havia deixado negativar, tive uma surpresa, tinha taxas que achei absurdas.por fim o gerente não quis fecha-la.Tentei, sem sucesso, entrar em acordo. hoje a minha conta já esta em 1.670,00 reais, não sei o que fazer pois estou desempregado e e só voltarei a receber salário novamente em Março, isso se eu for recontratado. os acordos da empresa contratada por eles é absurda. o que devo fazer para me livrar deste pesadelo, conseguir fechar a conta e sanar esta divida de forma justa, de modo em que ,ao menos possa pagar? já que fui ludibriado pela conta universitária. desde já agradeço a atenção.

    Advogado de Defesa:

    Mande sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jronal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/02/2008 - 22:21
    Enviado por: Fred

    O banco não enviu o a fatura para pagamento do meu apartamento antes da data do vencimento , porem foi comprovado que foi uma falha deles , devo pagar juros sobre os dia de atraso ???

    Advogado de Defesa:

    Se está provado que o erro é do banco, você não deve pagar os juros.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/02/2008 - 10:12
    Enviado por: Adriano

    Encerrei uma conta no Bradesco no final de 2006 e não lembro de ter recebido algum comprovante, mas a atendente me disse que depois de 2 meses sem movimentação a conta era automaticamente encerrada. Recentemente recebi uma fatura de um cartão de crédito do banco Bradesco que eu nunca desbloqueei. Entrei em contato com a agência na qual abri a conta e perguntei o porquê da cobrança de um cartão de crédito bloqueado referente a uma conta encerrada e me disseram para desconsiderar a fatura, mas que a minha conta não havia sido encerrada e estava com uma dívida de R$ 270,00. Procurei algum comprovante de encerramento desta conta e não o encontrei. Como procedo neste caso?

    Advogado de Defesa:

    Envie sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do JT, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/02/2008 - 12:01
    Enviado por: Marconi Herbert Bichara

    Tenho conta no Banco Real. Tenho cartão de crédito pelo Banco, tenho dinheiro em Poupança no Banco Real, pago minhas faturas do cartão rigorosamente em dia, tenho crédito disponível junto ao banco no valor de R$ 5.000,00 – Não tenho nehuma pendência no SERASA e SPC. Não emiti nenhum cheque sem fundo. Não fiz absolutamente nada errado perante o Banco Real.
    Acabo de receber uma NOTIFICAÇÃO comunicando que devo encerrar minha conta. Meu filho de 15 anos rcebeu cartão de crédito vinculado ao meu nome (também pelo Banco Real). Aplico no REAL PREV todos os meses. Segundo a Gerente da agência minha cotação como correntista é máxima (NOTA 10). Pago um financiamento de um veículo tem 14 meses (todas as parcelas pagas dentro do prazo), véiculo financiado pelo Banco Real.
    Pedi a gerente um motivo para minha expulsão, veio a resposta: DESINTERESSE ECONÔMICO. Como devo agir?

    Advogado de Defesa:

    O banco tem direito a também não querer mais o cliente, assim como você pode trocar de banco quando quiser.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/02/2008 - 15:33
    Enviado por: Karen

    Boa tade,

    Meu caso é o seguinte: de 2000 a 2004 fui cliente do banco Banespa, no qual utilizava uma conta universitária. No final da faculdade fui até a agência encerrar a conta, mas não recebi nenhum tipo de comprovante.
    Em Agosto de 2007 tentei abrir uma conta no Itaú, e fui informada pela atendente que não seria possível, pois havia uma restrição em meu nome relativa a uma dívida no Banespa Santader. Fui até o Banespa e espliquei meu caso, eles encerraram a conta formalmente e assumiram o erro. Alguns dias depois, fui até a agência verificar o que havia ocorrido, pois meu nome continuava no SERASA após 20dias. Eles descobriram mais um erro, ou seja, apesar de terem encerrado a conta (e me emitido um certificado sobre isso) as tarifas não haviam sido canceladas. Emitiram então mais um documento e me asseguraram que o problema havia sido solucionado e encerrado. Nisso o BBrasil, no quel tenho conta salário, reduziu meu limite de cheque especial de 800 para 200 reais. Hoje fui consertar meu carro, e descobri que meu nome continua com restrição no Banespa, então não aceitaram meu cheque.
    Gostaria de receber uma orientação relativa a como proceder agora, e como entrar com uma ção contra o banco (se seria em Pequenas Causas).
    Desde já agradeço pela atenção.
    Obrigada,
    Karen

    Advogado de Defesa:

    Sim, você pode entrar com ação contra o banco. É só juntar todos os documentos e ir no fórum mais próximo de sua casa. Você pode conseguir os endereços na página do Tribunal de Justiça

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/02/2008 - 13:59
    Enviado por: elisabete silva saldanha

    Foi deixzado por mim na assistencia tecnica da nokia na av pedroso de moraes,241 o apar.celular modelo 6101 para conserto no dia 11/01/08 o.s nº0006-015101.
    Consultando a + – 4 dias via internet o andamento deste reparo.Somente em 14/02/08 encontrei na internet que o celular ja se encontrava a disposição,**detalhe que esta informação foi datada de 12/02/08 -(SO QUE NESTE DIA E NO DIA SEGUINTE NÃO ENCONTREI NEHUMA INFORMAÇÃO)mediante a esta informação fui ao local para retirar o celular.
    Fiquei indignada com o acontecido pois a relação do que foi executado pela assistencia tecnica não condiz com o aprsentado a minha pessoa que relato a seguir:SERVIÇOS REALIZADOS-ATUALIZAÇÃO DE SOFTWARE NOKIA 020257 ISSO NÃO TENHO COMO AVERIGUAR CORRETO?PEÇA 0266828 CARCAÇA FRONTAL COM DEFEITO ESTA NO RELATORIO QUE FOI TROCADA MAS NÃO FOI POIS ESTA TODA RISCADA.-CARCAÇA TRAZEIRA COM DEFEITO DIZEM QUE FOI TROCADA MAS A MESMA NÃO FOI.-A ANTENA FOI TROCADA MAS O ADESIVO BRANCO ESTA SE SOLTANDO, PESSIMA QUALIDADE NESTE ITEM.REPASSANDO– PARTE FRONTAL E PARTE TRAZEIRA DO CELULAR 6101 DE COR BRANCA NÃO ESTÃO TROCADAS.ESTA INFORMAÇÃO NÃO É VERDADEIRA.
    Em face dos acontecimentos deixei o celular na assistencia tecnica.Liguei para a nokia no setor de relacionamento e fui informado de que teria eu que abrir nova ordem de serviço e esperar mais 30 dias para sanar estes defeitos novamente,ora não vou fazer isso pois não vou assinar atestado de burrice.Disse a atendente de que o codigo do consumidor reza que o VICIO NÃO SANADO EM 30 DIAS A EMPRESA DEVE FAZER-REPOR UM BEM NOVO NA CAIXA SEM ONUS PARA O CONSUMIDOR-SEU DINHEIRO DEVOLTA-BEM INFERIOR COM RESTITUIÇÃO DA DIFERENÇA OU BEM COM VALOR MAIOR COM O PAGAMENTO PELO CONSUMIDOR DA DIFERENÇA.
    POR FAVOR GOSTARIA DA AJUDA DOS SENHORES PARA ESTE IMPASSE O QUE DEVO FAZER DENTRO DA LEI E O QUE A NOKIA DENTRO DA LEI PODE FAZER.**LEMBRO AINDA QUE O TELEFONE DESTA LOJA NA PEDROSO DE MORAIS SO TOCA E É MUITO DIFICIL ALGUMA PESSOA ATENDER ESTE TELEFONE. ATENÇÃO PARA AS DATAS ENTRADA 11/01/08-CONFIRMAÇÃO PARA RETIRADA DO CELULAR NA INTERNET 12/02/08 ESTE CELULAR TEM SEGURO CONTRA DANOS
    AGUARDO RETORNO
    ATENCIOSAMENTE
    ELISABETE

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, do Jornal da Tarde, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/02/2008 - 10:22
    Enviado por: flavio

    fui demitido há 1 ano, agora a empresa me ligou cobrando um pagamento de juros do imposto de renda da folha de pagamento, que nao foi recolhido na época pois estava sob minha responsabilidade recolher os encargos. Obs: Nao existia vinculo empregaticio. Sou obrigado a pagar esta multa.

    Advogado de Defesa;

    esse blog é voltado para o direito do consumidor

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/02/2008 - 10:02
    Enviado por: ANDRE

    Tenho um débito junto ao Banco Itaú, que devidos aos altos juros não consegui quitar. Entretanto, tenho no mesmo banco, uma conta POUPANÇA.
    O banco pode debitar da conta Popança o valor da dídida?

    Advogado de Defesa:

    Ele poderá debitar só com sua autorização

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/02/2008 - 08:48
    Enviado por: elizabeth moreira gomes leão

    quais os comprovantes que devo exigir do banco ao fechar uma conta, para que futuramente o banco não venha cobrar nenhuma dívida referente a taxas?

    Advogado de Defesa:

    Você deve escrever uma carta solicitando o encerramento e pedir protocolo. Guarde essa carta

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/02/2008 - 15:30
    Enviado por: Fabio Kimura

    Olá. Eu tinha uma conta salario datada de 1994 no Banespa, encerrada em 1999, porém o banco não me deu comprovante ou eu não o guardei. Hoje o Santander está me cobrando pelo uso de cheque especial na conta que não uso pelo menos desde 1999, e colocou meu nome no Serasa. Como devo prosseguir? Pagar, tentar um acordo ou entrar na Justiça? Grato.

    Advogado de Defesa:

    Se, durante esse período, você não recebeu nenhum comunicado ou extrato informando que a conta ainda estava ativa, deve procurar o Juizado Especial Cível e contestar a dívida

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/02/2008 - 19:29
    Enviado por: DIOGO CERCAL

    FECHEI A CONTA JUNTO AO BANCO REAL, PORÉM A DÍVIDA CONTRAIDA POR EU TER MANTIDO A CONTA ABERTA FOI PASSADA A UMA IMPRESA DE COBRANÇA, PARA SER MAIS PRECISO: VENDIDO. TODOS OS DIAS ME LIGAM EM HORARIOS IMPRÓPRIOS NO TRABALHO (BICO,POIS ESTOU DESEMPREGADO) OU NA CASA DOS MEUS PAIS CAUSANDO CONSTRANGIMENTO.
    A POUCO TEMPO MANDARAM UMA CARTA EXPLICITANDO QUE CASO EU NÃO PAGUE A CONTA QUE ESTOU DEVENDO, IRAM ME ADICIONAR NOVAMENTE AO SERASA.
    NUNCA RECUSEI PAGAR O QUE DEVO A NINGUÉM, POR ISSO GOSTARIA DE DE TER NUMA RELAÇÃO JUSTA, COM O BANCO DE PREFERNCIA, COM QUEM SUPOSTAMENTE DEVO. ESTOU ACHANDO O VALOR ALTÍSSIMO CUJO VALOR A EMPRESA NÃO ABRE MÃO DE REDUZIR OU PARCELAR. AO VERIFICAR OS JUROS PERCEBI QUE PASSAVA DOS 9% AO MÊS.
    SERÁ QUE ELES PODEM ME ADICIONAR NOVAMENTE AO SERASA OU SPC? (PELA MESMA DÍVIDA), QUANTO AOS JUROS, ELES PODEM COBRAR MAIS DE 12% DE JUROS AO ANO SENDO ESTE A PORCENTAGEM MÁXIMA PERMITIDA PARA JUROS?

    Advogado de Defesa:

    Você pode pedir ao Procon para que faça os cálculos, inclusive por internet. Quanto a negativar novmente pela mesma dívida, isso não pode

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/02/2008 - 23:56
    Enviado por: Edna Maria Dias gabriel

    Fiquei desempregada em Janeiro de 2005, em Abril de 2006, ainda desempregada, pedi ao Banco Real um adiantamento da minha restituição do IR que pensava ter direito. Na ocasião teria direito a 4.000,00 de restituição (pensava), assim o banco me concedeu (a título de empréstimo) 70% desse valor que ficou em 3.300,00. Não tive direito a restituição e o banco me chamou, através do então, “meu gerente” o senhor Ewerton Marinho, para negociarmos a dívida que estava em 18.000,00 Reias à época (07 meses depois), quando me disse isso, perdi a fala não sabia nem o que dizer… estava desempregada (eu e meu marido) e sem ter como pagar uma dívida de tal monta. O Sr. Ewerton me mandou conseguir R$ 1.000,00, na hora, e disse que ia parcelar em suaves 36 prestações de R$468,17. Minha única alternativa no momento foi ir na agência do Banco do Brasil, com o qual tenho conta e pedi um empréstimo, fiz o empréstimo também em 36 vezes de R$70,00 para poder ter um acordo com o Real. Na ocasião do acordo (no mesmo dia) já com os mil reais em mãos, disse ao Sr. Ewerton que tirasse todo e qualquer serviço, queria fechar a conta e ficar só pagando a dívida na boca do caixa, mas ele disse que eu só poderia fechar a conta quando quitasse a dívida. Fiquei pagando a dívida sempre com juros sobre juros (de 500 a 600 reais por mês) pois o dia do acordo foi 14/12/2006 e nessa data nunca posso pagar, então começaram a ligar para o meu celular (uma financeira de São Paulo) cobrando pagamento em dia, eu pensava que devia ao Banco mas é a uma financeira. Até abril de 2007 parentes e amigos pagaram a minha dívida com o “Real” ou a misteriosa financeira. A partir de Abril de 2007 consegui um emprego e passei a pagar, porém, sempre em atraso, achava que não tinha cesta de serviços, não recebia mais os livrinhos do banco (correspondências) porém passei todo esse tempo (1 ano) pagando por serviços que não utilizei o meu cartão está bloqueado (por opção minha) desde o acordo.

    Neste ano de 2008, fiquei sabendo que havia mudado de gerente, agora é Joyce, fui procurá-la para tirar a cesta de serviços e consegui, com ela, fechar a conta, porém não connsegui mudar o dia de pagamento. Quando disse a ela que o Ewerton havia dito que eu não poderia fechar a conta ela disse “você foi mal orientada…” Já paguei um ano de dívida e cesta de serviços, (em torno de R$ 7.000,00) os quais não utilizei e acho que já saldei o meu débito com o Banco Real. Quero registrar queixa contra o Banco Real – ABN Amro, por crime de usura, prática de juros abusivos, má orientação e relacionamento com o cliente e má fé na negociação.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/02/2008 - 13:27
    Enviado por: George Teixeira

    Tenho dividas com o BB referente a empréstimo tento negociar, mas quero pagar por boleto ou cobrança bancaria, mas me cobram juros muito altos e eu quero fechar minha conta para não acumular mais dividas e eles se recusam por haver dividas que só podem ser cobradas por debito. Isso procede?

    Advogado de Defesa:

    Proponha em transformar essa dívida em empréstimo pessoal, assim você vai saber quanto irá dever e em quanto tempo. E, também, poderá fechar a conta, não gerando mais dívidas

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/02/2008 - 18:50
    Enviado por: ANDRE

    No ano de 1996 abri com minha esposa e cunhada uma empresa de comércio varejista, entretanto por desentendimento, fechamos o comércio. Eu era o sócio majoritário e deixamos a firma de lado.
    Meu CPF junto a Receita Federal esta SUSPENSO.
    A pergunta é.: Posso fazer o recadastramento nos Correios ou terei que fazer a Declaração de imposto de Renda.
    Caso eu tenha que fazer IR, não tenho condições de pagar contador, por favor me ajudem.

    Abraço!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/02/2008 - 15:26
    Enviado por: joel l Britto

    Eu tenho um C/C no Santander ha mais de 24 anos, e até agora não consigo pagar uma divida de R 330,00 ( em l994) e hoje ja pssa de quatro mil reais. Fiu varias vezes ao Banco tentar resolver a divida , e fora a ‘canceira” ja fui mau atendido pela “mocinha” . Eu fiz uma proposta de mil reais e nem deram satisfações. Eu só quero liquidar de uma vez por todas esta divida. como faço ???????

    Advogado de Defesa:

    Por favor, envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/03/2008 - 18:12
    Enviado por: Luciana

    Como proceder nete caso ?
    Meu padrasto solicitou transferência de conta benefício como aposentado do inss ,para outro banco e, quando fomos olhar o extrato no banco , ao qual tinha sido transferida a conta , tivemps uma surpresa : havia sido descontado várias taxas , uma de cartão de crédito internacional ao qual ele nunca havia solicitado , e uma cesta de serviços não solicitados . Como proceder para que ele receba o ressarcimento deste valor descontado , pois ele simplesmente apenas mudou de banco para receber sua aposentadoria ?

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, com os dados pessoais dele e os do banco, para o e-maila dvogado.jt@grupoestado.com.br

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/03/2008 - 18:19
    Enviado por: Luciana

    Gostaria de saber : uma pessoa que abriu uma conta a pedido da empresa que trabalha e ela tem o documento de declaração de abertura de conta guardado , mas que saiu da empresa e não encerrou sua conta no banco e usava apenas para receber seu salário , e já se passaram 4 anos e o banco não enviou nem um aviso .o banco poderá cobrar tarifas dessa pessoa ? Como buscar o seu direito perante essa questão já que essa conta foi uma solicitação da empresa em que ele era funcionário ?

    Advogado de Defesa:

    O caminho é o Juizado Especial Cível para contestar a cobrança. Ou o Procon

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/03/2008 - 12:44
    Enviado por: Adriana Barreto

    Meu namorado tem uma conta C/C no SANTANDER e a 6 memes +/- o extrato dele vem com umas cobranças de 34,00 e até mesmo no mesmo dia 2 de 34,00 …resolvi pegar o tel e ligar pra o SANTANDER e falar com o gerente dele. Lá obtive a informção que este é o procedimento do BANCO uma vez que ele está no especial e que cada vez q houver uma movimentação deixe a conta dele NEGATIVA (mesmo que seja + uma taxa) será cobrada uma taxa de 34,00. Gostaria de saber se isso é possível…pois desse jeito JAMAIS ele sairá deste ESPECIAL.

    Advogado de Defesa:

    Ele deve olhar no contrato se está escrito a cobrança dessa taxa. se sim, ele não terá como contestá-la. Se não, poderá procurar os órgãos de proteção ao consumidor

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/03/2008 - 23:25
    Enviado por: Laiz

    É possível um empresa debitar em um cartão de crédito que está bloqueado?

    Advogado de Defesa:

    Não deveria. Você pode procurar o Procon

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/03/2008 - 17:52
    Enviado por: fatima ap.pettean

    Tenho um ex funcionario que veio ate a mim pois
    quando trabalhava para mim em 2002 o mesmo abriu uma conta no unibanco ao qual não utilizou pois foi dispensado agora em 2008 banco negativou nome do mesmo alegando qua esta devedor em 800,00 mais o mesmo nunca pegou nem talão de cheque e nem cartão nunca recebeu um extrato mem cobrança de nada agora banco alega que ele tinha um limete e po isso que foi descontado as tarifas sem movimentação
    para manutenção de uma conta que men foi usada e mem comunicado referente a limite como este individuo pode resolver esta situação pois gerente banco diz que uma vez conta aberta pode se cobrar tarifa mesmo sem usar e o limete
    porque nunca recebeu nada comunicado so agora
    pois o mesmo tem conta no itau nunca apareceu nada isto esta certo o que ele deve faz pois trabalha recebe um salario minimo, como pode estar devendo 800,00 tarifa mum banco sem comunicar ao mesmo.

    Advogado de Defesa:

    Ele deve procurar o Juizado Especial Cível e contestar as taxas, uma vez que o banco é obrigado a enviar extratos ou comunicados da conta

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/03/2008 - 20:19
    Enviado por: Jaime Terra

    Tenho uma conta corrente no banco real e desde 2004 não movimento, não deixei dividas somente parei de movimentar, e estão cobrando as taxas bancarias para o encerramento,
    como devo agir nesse caso, pago as taxas ou não.

    Advogado de Defesa:

    Se durante esse tempo em que a conta ficou inativa você não recebeu nenhum comunicado nem extrato, deve procurar o Juizado Especial Cível e contestar essas taxas. O banco é obrigado a enviar esses documentos ao correntista

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/03/2008 - 20:50
    Enviado por: Ilan

    Prezado,

    tenho uma conta no Banco real. Passei dois cheques que sabia que iria ser depositado no dia 10. Ocorre que no próprio dia 10 eu depositei outro cheque para cobrir o valor dos cheques que havia passado, entretanto o banco nao segurou o valor e debitou da minha conta a quantia de R$ 34,00 por eu ter ficado no vermelho(não tenho cheque especial).
    Caso entre com uma ação no procon tenho alguma chance de exito? Ou este procedimento ´pe correto, ja que ninguem me ligou para saber se eu preferia que os cheques fosse devolvidos??

    Advogado de Defesa:

    Não tem chance. Cehque depositado demora para ser compensado. Se você depositou no mesmo dia em que os outros iriam cair, sua conta estava mesmo sem fundo

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/03/2008 - 18:07
    Enviado por: GILMAR FREITAS DA SILVA

    Boa Tarde!!
    Fiz um emprestimo junto ao banco Santander , de R$ 49.000,00 paguei 03 parcelas de R$ 3.551,00 , no momento estou desempregado. A pergunta é o seguinte minha esposa tem conta corrente na Bradesco , existe algum risco de o Santander bloquear a conta de minha esposa?

    Obrigado

    Gilmar

    Advogado de Defesa:

    Bloquear não, mas se for conta conjunta, ela terá restrições para pegar talão de cheque e cartões

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/03/2008 - 18:36
    Enviado por: Rita C. Camargo

    Olá, BVoa noite. Hoje recebi uma noticia maravilhosa, passei no teste de uma empresa, porém minha dúvida, tenho restrições em meu nome no SPC e SERASA, a empresa que vai me contratar vai me dar uma carta para que eu abra uma Conta Corrente no Itaú. OBanco pode se negar á abrir esta conta; ou ele pode abrir, porém, uma conta sem limites de crédito, cheques, pra que eu receba apenas meu salário?
    Estou Muito preocupada, pois preciso trabalhar pra pagar minhas dividas.
    O que pode me informar á respeito?

    Advogado de Defesa:

    Se for conta salário, poderá ser aberta

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/03/2008 - 16:51
    Enviado por: Lucas

    Boa tarde,
    gostaria que me ajudasse nesse problema.
    Eu encerrei minha conta no Banco Real, assinei o comprovante de encerramento de conta.
    Após 08 meses, me ligaram do banco alegando o seguinte: ” o Sr. tem uma semana para pagar um cheque que o cobrimos no valor de R$35,00, adicionado as tarifas, são 50,00…ou pague dentro de 01 semana , ou vamos inserir seu nome no SPC/SERASA…”
    Diante o exposto,o cheque foi pago após o encerramento da conta, isso porque esperei 08 meses pra fechar a conta.
    Resultado: nome inserido no SPC/SERASA,bloqueio de talão de cheques,cartão de crédito e a não aceitação do crediário no comércio.
    Gostaria de saber se o banco deve pagar o cheque,cuja conta está encerrada e também cobrar ”tarifas” sobre o pagamento do cheque.
    Credor é quem possuia o título,não?
    O banco pagou, é obrigação dele?
    Me ajude por favor.
    Grato

    Advogado de Defesa:

    Ao encerrar a conta, o correntista deve deixar saldo para futuros débitos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/03/2008 - 17:48
    Enviado por: Maria Helena Franke

    Tenho uma conta universitária no santander, quando abri, me informaram só as vantagens.
    Acontece que atrasei o pagamento do cartão e eles descontaram da minha conta corrente o mínimo do mesmo gostaria de saber se é permitido esta açao.

    obrigada

    Advogado de Defesa:

    Precisa ver se nos documentos que você assinou há alguma cláusula que garanta o desconto. Caso contrário, só poderá ser feito mediante sua autorização. Se já foi feito e você não autorizou, entre com ação no Juizado especial Cível

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2008 - 02:48
    Enviado por: Roberto Atila

    Bom dia,recentemente fui contratado em uma empresa que possui convênio com o Banco Real,entretanto eu tenho débitos pendentes no mesmo,a empresa pediu que no momento da entrega dos documentos eu assinasse os papéis para a abertura da conta em que a empresa depositaria meu salário,eu o fiz,mas a questão é eles abriram uma conta para que meu salário seja depositado ou pelo fato de possuir uma conta corrente com débitos no mesmo banco eles irão depositar meu salário na conta que já possuo?
    Desde já agradeço a atenção,grato

    Advogado de Defesa:

    Precisa ver isso com o banco, mas não poderá ser debitado nada de sua conta sem sua prévia autorização

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2008 - 13:53
    Enviado por: Giovana de Lima

    Tenho uma divida no banco, e estou querendo pagar a vista, gostaria de saber qual a porcentagem que eles podem me dar.

    Obrigado, desde de já agradeço.

    Fico no aguardo.

    att. Giovana

    Advogado de Defesa:

    Você diz a porcentagem de desconto? Isso será detrminado por eles. O certo é que deve haver abatimento dos juros. Para saber se estão cobrando certo, você pode pedir que o Procon faça os cálculos

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2008 - 18:03
    Enviado por: Giovana de Lima

    Olá…boa tarde
    Então estou querendo saber se tenho algum direito de receber um tal de peculho do INSS, pois tive um acidente mto grave pois quebrei a coluna e tive outras traturas pelo corpo pois quebrei a bacia em 2 lugares e hoje já não sou mais 100%, pois eu estava indo trabalhar, e foi dado como acidente de trabalho, gostaria de saber se tenho algum direito pois fiquei encostada por 11 meses e depois voltei trabalhar, mas só que pedi conta não estou trabalhando mais, e nesse periodo tive mtos gastos e não tive nenhuma ajuda somente o auxilio doença do INSS, pois gostaria de saber se tenho algum direito.
    Pois fiz um resumo do que aconteceu.

    Desde já agradeço.

    att: Giovana

    Advogado de Defesa:

    Você deve consultar o INSS

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/03/2008 - 12:55
    Enviado por: Renato

    Minha esposa não tem renda nenhuma, e para ajudar uma pessoas da família fez um empréstimo no Baradesco em 36 x. Por ela não ter renda, as prestações estão em atraso.
    Somos casados em comunhão de bens, e tenho imóveis em meu nome. Com isso, o banco pode me obrigar a pagar? Posso perder meu imóvel? E o que posso fazer “contra” o banco que abriu uma conta e ainda fez um empréstimo para uma pessoa que nem renda tinha como comprovar?

    Advogado de Defesa:

    Se os imóveis também estiverem no nome dela, numa possível ação judicial de cobrança eles poderão ser requisitados para penhora, a não ser que você tenham apenas um imóvel e é onde moram. O banco pode abrir conta para quem eles aprovarem e nem sempre o requisito renda é exigido por eles.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/03/2008 - 17:27
    Enviado por: Mayra

    Paguei meu saldo devedor e pedi o cancelamento da minha conta em outra agencia(não na minha) Me informaram que estava tudo ok. Desde entao nao tenho contato com esta conta pois nao tenho o cartao dede o encerramento dia 7/12. Tive que abrir outra conta agora universitaria pelo meu espanto veio cobrando taxas anteriores da minha conta ja constanto no sistema como encerrada.O banco encerra contas com o cliente devendo?
    Nao entendo se eu devia eles deveriam ter me informado que nao foi efetuado cancelamento (coisa que ocorreu).
    Agora estou com a conta encerrada, sem ter sido informada com foi encerrada com dividas e minha conta nova com debitos de 230,00 como devo prodecer?

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/04/2008 - 07:56
    Enviado por: MARIA

    Entre vários serviços que não pedi e o banco disponibilizou assim mesmo, contra minha vontade, estão: cartão de crédito que o banco me enviou ( pedi o cancelamento e o banco diz que foi aceito o pedido). E, por último, abertura de conta sem minha autorização, recebia conta no banco HSBC, o órgão responsável pelo meu pagamento me disse que: teria que abrir conta no Banco Santander, sob pena de suspensão de pagamento, uma vez que o convênio firmado entre HSBC e o órgão responsável por meu pagamento acabara.Abri conta no dia 18/02/08, só que sem minha autorização o banco abriu conta-corrente em meu nome antes disso, e me enviaram extrato da mesma, cobrando tarifa. Liguei para a funcionária do banco que abriu a minha conta e ela me disse que deveria desconsiderar esta correspondência, pois com abertura da 2ª conta, a1ª ( aberta sem autorização era cancelada automaticamente). No dia 01/04, ligaram para o meu celular, dizendo que deveria depositar cerca de R$ 26,00 para cobrir tarifas desta conta aberta sem autorização e que a mesma estava negativa por conta deste valor. Posso processar o banco diretamente ou ainda tenho que reclamar ao gerente da agência? E, se em tendo que reclamar a ele, ele não atender a solicitação de encerrramento da conta, posso pedir danos morais, ainda que não tenha o banco colocado o meu nome em órgãos de proteção ao crédito ( que não sei se colocaram ou não)?

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/04/2008 - 16:24
    Enviado por: jose sergio

    Estou com meu cpf com bloqueio, não estou podendo declarar o IR, usaram o meu nome e da minha esposa e fizeram uma firma, já encaminhei tudo o que foi preciso, mas até agora não desbloquearam o meu cpf,
    Por favor a quem devo recorrer?
    Vou perder a minha conta no banco tb?
    Não poderei mais fazer saques no caixa?
    Se eu tiver dinheiro na minha conta não poderei mais retirar?
    E também fazer depósitos?
    Agradeço pela resposta.
    José

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/04/2008 - 20:09
    Enviado por: Rosana

    boa noite,há um ano atras fiquei num emprego temporário e a agencia pediu que eu abrisse uma conta no BB,não fiquei duas semanas nesse emprego,e nunca mais movimentei essa conta ou se quer retirei o cartão da agencia não fui comunicada de tal debito,e agora estou no spc por tal divida que não reconheco e nunca movimentei essa conta o banco pode cobrar tal divida,por que depois de tanto tempo vieram a me colocar no spc,não entendo isso.Quais são meus direitos ,obrigada desde já

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/04/2008 - 12:30
    Enviado por: sandro borges

    estou tentando abrir uma conta salario ha (01) um mes no BANCO ITAU mas não tem jeito, eles querem impurar uma conta corrente de todo jeito e maneira , limite de credito , cartão espessial, cheque , conta corren te , mas pela terceira vez digo que NÃO TENHO INTERECE EM CONTA CORRENTE E OUTRAS COIASA A MAIS , oque faço

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/04/2008 - 15:25
    Enviado por: ALINE

    EU GOSTARIA DE SABER O SEGUINTE: MEU PAI RECEBIA O BENEFICIO DO INSS AUXILIO DOENÇA JÁ FAZIA 8 ANOS AGORA RECEBEU ALTA, MAS NÃO ESTÁ CAPACITADO PARA O TRABALHO.EU QUERIA SABER SE TEM ALGUMA DESCISÃO DE IMEDIATO PARA ELE VOLTAR A RECEBER ESSE BENEFICIO,É A UNICA RENDA DA FAMILIA E FILHO MENOR DE IDADE

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/04/2008 - 22:58
    Enviado por: maria josé de andrade

    boa noite.. meu marido tenhe um processo com o banco agencia-0364 b. viagem o numero do processo 003910/2001-00 22 de abril de 2003 o juiz deu ganho á causa mas o advogado falou que o banco recorreu e ate agora não soube mas de nada. o numero da conta corrente é 0364.04614-4 amaro ribeiro de andrade CPF 147.010.814.34 RG 873.778 por gentileza mim mande resposta se ainda estar em andamento atenciosamente grata maria josé.

    Advogado de Defesa;

    Você deve acompanhar isso com seu advogado. É ele que tem acesso ao processo

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/04/2008 - 16:44
    Enviado por: Lucas Oliveira

    Fiz um estágio em uma empresa durante um ano e meio , durante esse tempo acumulei varias horas extras só que para estagiários a empresa não paga horas extras , todo período extra trabalhado se acumula em um banco de horas, sendo feito o pagamento a após a recisão do contrato de estágio, enfim , meu contrato acabou.. só que não me pagaram , eu posso mesmo tendo sido estagiário que não possui nenhum vínculo empregatício entrar com uma ação no ministério do trabalho?
    por favor mande resposta .
    Grato.

    Advogado de Defesa:

    O seu assunto é direito trabalhista. Esse blog é sobre direito do consumidor

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/04/2008 - 13:56
    Enviado por: Anabela Négrier

    Fui admitida em 2000 pela faculdade que depositava o salário na minha conta pessoal do Itaú.
    Anos depois fizeram-me abrir uma conta pessoal no Unibanco, para efetuar os depósitos de salário.
    Agora, 2008, a empresa, que entretanto foi vendida a Anhanguera, pede que feu faça a abertura de uma terceira conta no Banco do Brasil.
    Abro a conta e peço que façam a transferência para o Itaú, ou tenho direito a pedir que façam o depósito no Itaú sem custos para mim?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/04/2008 - 21:55
    Enviado por: Túlio Santos

    Recebo meu salário no Banco Real, fui tirar meu extrato e vi que o cartão Real Visa debitou todo meu salário em detrimento de um débito meu com o Cartão de Crédito, sendo que eu não autorizei débito automático. E agora?

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/04/2008 - 15:11
    Enviado por: Lais

    olá,
    O meu namorado serviu na Força Áerea Brsaileira durante 4 anos, sendo que, no ano de 2005 ele recebeu um cartão do PASEP constando o número deste e seus dados. Só que ele não procurou saber o que era. Quando foi então no presente ano de 2008 ele me mostrou e perguntou para que servia, ai o expliquei, só que fiquei na dúvida se ele ainda poderá retirar a referida contribuição dos anos que não foram retirados ou se, ele possui realmente algum direito sobre esse dinheiro(o Pasep)?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/04/2008 - 13:25
    Enviado por: Paula Thaiza

    Olá.
    Tenho o cartão de crédito da ItauCard( Antiga Credicard) e de alguns meses para cá não consigo pagar nem o minímo do cartão apenas uma compra parcelada que está vindo todo mês de 58,25 ( e o minimo costuma vir em torno de 90,00). Já tentei um acordo com eles e por eu já ter feito um acordo em 2006 (PAGUEI TUDO NA DATA) eles não concedem mais de 1 acordo por cliente na central de cobrança deles, onde a taxa é em torno de 8% de juros, então eles só fazem um acordo pra mim com taxa de 13,9 %, que é a taxa normal de juros que vem todo mês. Gostaria de saber se isso está correto? e se realmente é verdade que a partir do dia 30/04/2008 as instituições não poderão mais cobrar juros sobre juros de seus clientes, e se seria melhor eu esperar após essa data para pagar apenas a minha divida ínicial com eles? Obrigada!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/04/2008 - 20:53
    Enviado por: Maikom Alexandre de Almeida Alves

    ola
    tenho uma divida com o bb em uma agencia de carambei do tempo que trabalhava em uma empresa que exigia que a conta fosse aberta na cidade que ela esta instalada…. eu moro em Castro-Pr… e agora preciso abrir uma nova conta salario aqui em Castro, mas a agencia daqui disse que nao podia abrir essa nova conta salario pois eu estou em divida com agencia de Carambei-Pr..
    O BB daqui de Castro pode negar a abertura dessa conta para que eu possa receber meu salario…. se eu nao conseguir abrir essa conta nao vou conseguir esse emprego….Por favor me orientem…. o que faço???

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/04/2008 - 14:43
    Enviado por: Rogério Camilo de melo

    Boa tarde, Sai da ultima empresa em que estava para entrar como segurança que é a minha profissão no colegio Salesiano Santa Teresinha, fiquei 40 dias trabalhando lá me registraram e só me entregaram a carteira no mesmo dia em que me demitiram sem justa causa pois disseram que o chefe dos seguranças não foi com a minha cara, agora estou desempregado e eles não me dão uma declaração dizendo que trabalhei lá e por esse motivo não consigo emprego pois todas as empresas que vou me pedem esta declaração, pago aluguel e não posso ficar esperando a vontade deles em me dar a mesma, no RH da empresa dizem que é só mandar um email pedindo a mesma mas eles nõa dão estou querendo entrar na justiça de pequenas causas e pedir uma indenização por perdas e danos, posso?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/04/2008 - 14:15
    Enviado por: carlos roberto reis

    favor me informar se posso transformar minha conta corrente em conta-salario? se posso , onde acho o artigo que me garante.obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/04/2008 - 10:46
    Enviado por: Adriano

    Olá,
    Tenho uma conta corrente no Banco Real onde é depositado meu salário. Estou negativo, quando entra meu pagamento os juros e taxas levam tudo. Gostaria de saber se posso abrir uma conta salário em outro banco para que a empresa deposite em outra conta.
    Obs.: O RH disse que precisa de uma carta de autorização Banco Real para mudar a conta de depósito, mas obviamente o Banco Real não quer me dar esta bendita carta. O que fazer ?
    Obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/09/2010 - 14:21
      Enviado por: Luís Tenório

      Há 13 anos foi aberta uma conta salario pela empresa na qual trabalho, no Banco Bradesco. Há 5 anos a minha esposa abriu uma conta na mesma agência que a minha. Ele fez uma renegociação de uma dívida com o banco e paga uma prestação mensalmente que está em dia. Fui tentar pegar um emprestimo em meu nome e fui informado que a minha conta está vinculada com a dela porque somos casados e como ela fez essa renegociação eu não posso ter a concessão de crédito. Nós nunca solicitamos tal vinculação. Então, eu pergunto, é correto o banco fazer esse tipo de vínculo? somos pessoas diferentes e CPF’s diferentes também?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/04/2008 - 10:58
    Enviado por: Alexandra

    Bom dia…

    Tenho uma Micro empresa!!!
    Tive uns problemas com cheque a 4 anos
    Um escritório de advocacia entrou em contato e disse que o cheque está indo para cobrança Judicial…isso existe mesmo???
    Pode ir para cobrança depois de tanto tempo???
    Quero fazer um acerto mas no momento não posso…
    O que devo fazer???

    Advogado de Defesa:

    se está indo para cobrança judicial, é melhor você procurar pagá-lo, caso contrário poderá ter bens penhorados

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/04/2008 - 23:01
    Enviado por: Anderson Souza Santos

    Eu tenho há 2 anos conta pouoança no banco Real e meu cartão venceu mês 03 do ano corrente fiz o pedido de outro cartão,vendo que o prazo da entrega do cartão não foi cumprido entrei em contato com o banco e eles me informaram que só receberia outro cartão se eu tivesse um limite superior a 500 reais e também fui a uma agência do mesmo banco e abri uma conta corrente eles me deram um prazo de 15 dias para chegar o cartão passou-se 3 meses e entrei em contato com o banco eles me informaram que não havia conta nenhuma com meu nome ou seja até meus documentos eles não acharam no banco.O que devo fazer?Posso processa-los?

    Advogado de Defesa:

    Envia sua reclamação para a coluna Advogado de Defesa, do Jornal da Tarde, e-mail advogado.jt@grupoestado.com.br, com seus dados pessoais

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/04/2008 - 17:57
    Enviado por: Andreia Habitzreuter

    Olá, gostaria de saber até onde a empresa pode obrigar o funcionário a abrir uma conta pois, em menos de três anos, a empresa onde eu trabalho fez os funcionários trocarem de banco mil vezes.
    Primeiro os funcionários tinham que abrir conta no Banco Bradesco, depois obrigaram a abrir conta no Banco do Brasil, depois no Banco Santander, e agora no Banco Real.
    Onde isso tudo vai parar.. a empresa pode fazer isso?

    Advogado de Defesa:

    Ela só não pdoe para quem for contratado depois de setembro de 2006

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/04/2008 - 15:10
    Enviado por: Carla Andrea de Sousa

    Gostaria de saber se uma cobrança tipo debito em conta pode ser feita sem a autorização do titular da conta corrente?

    Advogado de Defesa:

    Débito em conta só com autorização do correntista

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/04/2008 - 16:27
    Enviado por: IRENILDE DE SIQUEIRA

    Gostaria de saber se posso movimentar minha c/c e poupação no Banco do brasil, estando meu CPF no serasa? e se é possível o banco transferir o dinheiro da poupação pra conta corrente pra quitação dos débitos. Pois a conta é uma só. Desde já agraqdeço. Irenilde

    Advogado de Defesa:

    Com o nome na Serasa, o banco poderá até cancelar sua conta. Ele não pode retirar dinheiro da poupança e passar para a conta corrente para quitar débitos. A não ser que você tenha autorizado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/04/2008 - 22:42
    Enviado por: ENS

    Encaminhei junto ao Procon uma reclamação sobre os juros de cartão de crédito universitário da caixa. A audiência foi marcada mas o reclamado não apareceu. Oito meses depois o procon me mandou um relatório, condenando a caixa por infração ás normas de defesa do comsumidor e autuando-a a pagar uma multa de 1.064 reais. O que isso representa pra mim? Ainda devo negociar a divida?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/04/2008 - 22:04
    Enviado por: Milene Dantas de Oliveira

    Olá, Há 04 anos que venho pagando sem perceber os: seguro desemprego, proteção perda/roubo do cartão, seguro residencial cobrados na fatura mensal da Riachuelo. Quando percebi, fui á Loja Riachuelo cancelar e solicitar o que paguei durante todo esses anos. Eles falaram que tem uma gravação minha autorizando essas cobranças! Eu não lembrava mais! Essa gravação é legal? O que faço?

    Advogado de Defesa:

    Se tem a gravação, o passado você não terá direito, mas pode solicitar o cancelamento do seguro a partir de agora

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/04/2008 - 10:20
    Enviado por: Katiúscia

    Prezados

    Trabalho para um empresa terceirizada há 8 meses, na hora da contratação me informaram que eles trabalhavam com dois bancos X e Y, como já trabalhava com uns desse sbancos não me importei, mas agora recebemos um comunicado que teremos que abrir outra conta em um banco A, onde nunca trabalhei e nem quero trabalhar com ele. Gostaria de saber se sou obrigada abrir conta em outro banco para receber meu salário só porque a empresa decidiu trabalhar com outro banco. Desde já agradeço pela atenção.

    Advogado de Defesa:

    Se você assinou contrato após 5/9/2006, poderá optar por receber o salários na conta que quiser

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/05/2008 - 13:42
    Enviado por: Rosana

    Boa tarde, fui assaltada em 2005 , e levaram 02 folhas de cheques, fiz B.O, declarando o roubo desses cheques, depois de 02 anos apareceram esses 02 cheques na minha conta, pedi a microfilmagem e constatei que a assinatura, não tem nada a ver com a minha, fui ao banco e me informaram que terei que pagar os cheques para que eles possam tirar me nome do serasa, dizem que golpes assim são comuns e eu posso ter planejado isso…fiquei indignada e sai de la chorando, não sei como fazer me ajudem por favor

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/05/2008 - 22:16
    Enviado por: Ereny

    Encaminhei junto ao Procon uma reclamação sobre os juros de cartão de crédito universitário da caixa. A audiência foi marcada mas o reclamado não apareceu. Oito meses depois o procon me mandou um relatório, condenando a caixa por infração ás normas de defesa do comsumidor e autuando-a a pagar uma multa de 1.064 reais. O que isso representa pra mim? Ainda devo negociar a divida?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/05/2008 - 23:26
    Enviado por: OLIVAR CRISTO

    em um acidente meu carro celta deu perda total, o seguro do caminhão que colidiu foi acionado, 10 dias antes da colisão havia vencido a parcela de numero 11 do carnê. Apartir desta data não paguei mais. Juntei os documentos exijidos pela seguradora e os encaminhei ( boletim de ocorrência, ipva e outras pendências do detran (quitadas), declaração de desistencia do que sobrou do carro (com firma reconhecida)). Fui comunicado que o valor para quitação do mesmo ja estaria liberado, segui até a seguradora onde me informaram que devido ao carro estar alienado, somente o banco poderia receber o valor da quitação, então a atendente da seguradora fez uma ligação telefonica solicitando a visita de uma pessoa com alguns documentos do automóvel para retirar o pagamento, então me despedi e segui viagem de volta à minha cidade. Passado uns dias o banco me procurava via telefone me cobrando, registrou meu nome no spc – serasa, passava 2 ou 3 dias me ligavam novamente, sempre pessoas diferentes, eu explicava tudo novamente sobre o sinistro e até o numero de identificação do sinistro eu passava. Eu vou procurar um advogado para processar o banco por meu nome estar no spc-serasa

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/05/2008 - 11:32
    Enviado por: Aparecido da silva

    trabalhei em uma uma empresa tercerizada que presta serviço para a ibm no interior de São paulo so que esta tercerizada é da capital, e a conta corrente também foi aberta no banco real da capital sai da empresa e a conta esta aberta, posso encerrar a conta aqui na agencia da minha cidade ou tenho que ir ate a capital para encerrar a conta.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/05/2008 - 13:04
    Enviado por: mauricio cardoso

    Preciso abrir uma conta salário no UNIBANCO mas estou com o nome incluido no SPC/SERASA, gostaria de saber se existe lgum impedimento por parte do banco para eu abrir essa conta. Obrigado.Aguardo resposta.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/05/2008 - 10:30
    Enviado por: Aldo Damásio

    meu cartão foi roubado eu não tinha proteção perda roubo, solicitei bloqueamento a administradora do cartão não o fez; fizerão uso do cartão após o rouboe a administradora está cobrando as despesas indevidas mesmo com o boletim de ocorrência. Alegando a cobrança indevidas por motivo de eu não pagava a proteção perda rouba. É obrigatório pagar a proteção perda roubo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/05/2008 - 13:05
    Enviado por: francisca felix pereira

    eu tinha uma divida em uma operadora de cartoes,
    como minha divida era alta, eu pedir pra parcelar essa divida, mais na mesma semana recebi um dinheiro extra e resolvi pagar a divida total,isso foi em fevereiro,mais o meu cartão ainda esta bloqueado,quando eu pedir pra pragar o valor totla ele me deram um codigo de barras,fui na casa lotérica paguei,so que eu presisei agora usar o cartão e ele esta bloqueado,ele fala que eu deveria ter comunicado o cancelamento da parcela,so que eu nao fui orientada na hora do pagamento, que faço,pois passei uma grande vergonha na hora de passar compras no hipermercado, por favor me oriente que fazer obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/05/2008 - 16:53
    Enviado por: mere

    Desejaria de saber o que acontece com uma pequena empresa que não tem condição de pagar os tibutos já na dívida ativa. A Empresa pode ficar em stande-bay enquanto pode reabilitar-se ou os sócios serão obrigados a honrar estes débitos contraidos pela razaão social?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/05/2008 - 17:58
    Enviado por: jaline oliveira abreu

    Senhores
    Tenho uma conta empresa,que está sem movimentar,na conta só devo 180,00 de taxas,mas tenho um emprestimo atrasado que vem em boleto.O banco nao quer encerrar a conta por este emprestimo.Posso encerrar ou não?
    Jaline Rodrigues

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/05/2008 - 19:27
    Enviado por: DEUSA

    A empresa que trabalho obrigou todos os funcionários a abrirem conta no Santander para receber o pagamento ja trabalho lá a anos e sempre recebemos la e em dinheiro, o Banco vai cobrar 7,00 reais pela manutenção os funcionários são obrigados a pagar por este valor ou a empresa que tem que arcar pelo custo da manuteñção

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/05/2008 - 11:26
    Enviado por: Luciana Machado

    Bom Dia, estou com restrições no banco do Brasil, e a empresa onde trabalho paga somente em Banco do Brasil e Bradesco, mesmo com essas restrições, eu consigo abrir uma conta- salário, ou a instituíção financeira pode se negar a fazer isso??.Obrigado, aguardo resposta

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/05/2008 - 23:01
    Enviado por: achilles

    Olá;

    Recentemente, por motivos superiores, fui obrigado a abrir conta no HSBC para receber salário. Após uns 3 meses (sem sequer receber cartão em casa) fui comunicado pelo banco que o talão de CHEQUES QUE EU NÃO SOLICITEI (REPITO: NÃO SOLICITEI) foi roubado da empresa responsável por fazer a entrega. Ao tentar abrir crédito para a compra de um veículo fiquei sabendo que meu nome encontrava-se incluso no cadastro do SERASA, onde me foi negado o crédito pela financeira. MINHA DÚVIDA É A SEGUINTE: CABE ALGUMA AÇÃO CONTRA O BANCO POR DANOS ?? COMO DEVO PROCEDER????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/06/2008 - 11:46
    Enviado por: fabio da conceicao sobreira

    tive um acidente de trabalho em 2006,gostaria de saber se tenho direito a algum beneficio do inss? obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/06/2008 - 12:02
    Enviado por: Mercedes

    Olá ,

    Fiz um solicitacao de um cartão de credido bradesco no dia 26/04/2008, pela uma propagada que recebi no meu endereço com um codigo de pré aprovado. sendo que teria um prazo de 15 dias para analise.
    esperei ate essa presente data, liguei para o cartao bradesco para ter uma solucao mas nao obtive exito, pois a atendende falou que nao tem nem um registro com meu nome. mas enfim eu fiz a solicitacao no dia 26/04/2008, anotei o nome da atendende data e hora.
    estou me sentido lesada nesse caso. tem como eu abrir uma indenizacao de danos morais, caso for possivel me mesiona o artigos obrigada.

    sendo que eu liguei diversas vezes para resolver o assunto , e nada de exito.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/06/2008 - 15:38
    Enviado por: jana

    Boa tarde, fiz uma solicitação de abertura de conta corrente no HSBC, abriram minha conta, sõ que a gerente me informou que seria uma conta no inicio sem limite e sem talão de cheques, devido a meu comprovante de renda, sou cabelereira. E que todos os meses ela ira tentando um limite para minha conta. Isso pode acontecer….. obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/06/2008 - 13:48
    Enviado por: ricardo

    comprei telefone na loja virtual da vivo a dois meses e nâo foi entregue o q fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/06/2008 - 17:32
    Enviado por: Gilmara Brandão

    Bem, gostaria que vcs me dessem uma orientação, por favor. Tenho uma amiga que se deparou há alguns dias com uma conta aberta em seu nome no banco Real de Porto Alegre. Ao procurar o banco ficou sabendo que já foram retirados 04 talões de cheques em seu nome e que abriram uma empresa também em seu nome. Acontece que a mesma reside em Salvador e nunca abriu nenhum tipo de conta em qualquer agência do banco real. Ela apenas possui uma conta poupança no Bradesco e está sem saber o que fazer, pois nunca foi assaltada nem perdeu seus documentos e muito menos esteve em Porto Alegre alguma dia, mas constam todos os seus dados nesta conta (como endereço, telefone). Agora ela se encontra toda empepinada, não pode comprar nada, pois seu nome está sujo e está desesperada. O que ela deve fazer já que o banco ainda não tomou nenhuma providência?
    Aguardo uma orientação. Grata, Gilmara.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/06/2008 - 18:00
    Enviado por: alessandra capitani

    ola
    abri uma conta conjunta no itau a cerca de 1 ano atras a conta nunca foi movimentada hoje ligaram dizendo que devemos 150,00 de taxas esta correto? nao tem como extornar isto? se é taxa de manutenção e eu nunca usei a conta, manutenção de que?? nem se quer recebi cartao do banco somente meu marido..que tambem nunca usou

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/06/2008 - 07:38
    Enviado por: EDSON

    modelo de petição para o juizado especial. A dívida foi paga mais o nome continua so Serasa e Spc.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/07/2008 - 11:06
    Enviado por: Marcos

    Tinha um cartão de crédito do BB, por meados de 2005 realizei o cancelamento via 0800, porém apartir de 2007, eles estão mandando fatura e me cobrando anuidade, e a dívida só aumenta até agora, outro agravante é que não autorizei nenhum débito em conta, e eles estão fazendo alguns débitos, no começo era entre R$ 3,00 e R$ 7,00, porém aumentou esse débito.
    Gostaria de saber,se posso entrar por danos MORAIS e MATERIAIS contra o BB.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/07/2008 - 15:33
    Enviado por: José de França Bernardo

    recebi faturas e cartoes que nao solicitei o que devo fazer

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/07/2008 - 12:37
    Enviado por: gilmar ribeiro

    eu tenho uma restrição no bradesco, qdo era pessoa juridica, e minha empresa faliu, fui abrir uma conta salario no mesmo bco pela empresa, agora estou sujeito a perder o emprego, e nao posso quitar os debitos isso pode?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/03/2010 - 08:13
    Enviado por: edilson cesar messias botelho

    bom eu fui abrir uma conta salario com á cartinha da empresa,e eles não quiseram abrir á conta,slario falaram que é só conta corrente,pois além disso eles não quiseram abrir minha conta porque,não quiz dar dois telefones de amigos..ou vizinhos..oque deveo fazer

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/03/2010 - 10:34
    Enviado por: Roseli Costa

    No ano de 2004 abri uma conta salário no Banco Real,após 6 meses perdi meu cartão de débito,que era a única coisa que eu utilizava,fui ao banco e cancelei o cartão e a conta,agora recebi uma carta informando que os juros da minha conta estão em 90 reais,sendo que não tenho mais nada para comprovar que cancelei,inclusive nem sei número de conta e nada.Como proceder?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/03/2010 - 17:40
    Enviado por: Danielle

    Em 2008 estava na faculdade e uma mulher insistiu p eu fazer o cartão de crédito do Banco Real e eu acabei fazendo.Mas, depois de alguns meses o cartão chegou e eu não desbloquei, passaram alguns meses e começaram a chegar cobranças de tarifa de conta corrente,chegaram até cheques.Eu nunca desbloquei o cartão e nem usei cheque nem nda,nunca movimente conta no banco real,mesmo assim sempre mandavam cobrança, eu acabei não dando importância,pq nunca tinha usado nada nem cartão,nem cheque…Depois chegou uma correspondência dizendo que meu nome estava no CPC, eu procurei o Banco e eles falaram que mesmo eu não usando a conta eu tinha que pagar,pq não cancelei, eu disse que eu tinha feito apenas p cartão de crédito,mas ele falaram que o Banco Real é vinculado à conta universitária e eu não sabia …É certo eles cobrarem por um serviço q eu nunca usei?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/03/2010 - 19:46
    Enviado por: lawane

    Tenho uma pequena empresa, recém contituida. Prestei serviço para um grande construtura, e agora estão condicionado o pagamento dos serviços prestados à abertura de uma conta corrente em um banco. Como minha empresa é nova, ainda não consegui a abertura. O contrato não condicionava o pagamento à conta. Vou obrigada a abrir essa conta?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/03/2010 - 20:39
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, mas é melhor procurar um advogado especializado em direito comercial, já que essa não é uma questão de direito do consumidor por se tratar de duas empresas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 25/03/2010 - 12:22
    Enviado por: Karine Rocha

    Foi solicitado judicilmente ao banco o bloqueio da minha conta corrente, onde não pude movimentar, na ocasião tinha credito bloqueado no valor aproximado de R$300,00 e nunca me informaram nada sobre taxa ou encargos. Ressalto não podia movimentar a conta e nem encerrá-la. Agora depois de mais de 10 anos, enviaram uma carta cobrando mais de 2.500,00 de encargos. enfatizo que não houve nenhuma comunicação anterior, nem envio de extrato e também não houve mudança de endereço. O que devo fazer ? Essa cobrança é devida, uma vez que a conta estava bloqueada judicialmente?
    Por favor um esclarecimento .

    Grata,
    Karine.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/03/2010 - 16:30
    Enviado por: Amanda

    Tenho uma conta universitária com cartão de crédito e graças a ele meu nome foi incluído no spc. Por eu ser uma correntista com o perfil universitário (não precisei comprovar renda), o banco poderia me dá a prerrogativa, por assim dizer, de minha dívida não ir a juízo.
    obg

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/04/2010 - 20:46
    Enviado por: CASSIO

    Olá !!! Gostaria de saber o seguinte , tenho uma divida de ipvas e multas de um determinado veiculo , onde recebi uma correspondencia para comparecer a secretaria da fazenda , para regularização dos debitos relacionado aos ipvas , procurando então a secretaria fui informado que o meu nome estava constando no CADIN , e o nome havia sido incluso na divida ativa .
    Pois é , a minha duvida é caso o nome estiver na divida ativa , posso parcelar o debito , e como proceder ??
    Fiz uma consulta por através da net , com referencia ao meu nome na divida ativa , e recebi a mensagem eletronica , afirmando que~o meu nome não esta na divida ativa … , emfim como saber ??, o sim ou não . esta ou não esta … , o CADIN é o que ??? Podem me orientar ???

    responder este comentário denunciar abuso

    • 07/04/2010 - 20:53
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procure um advogado especializado e faça uma consulta diretamente na Secretaria da Fazenda. É possíve negociar para parcelar o débito.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/04/2010 - 16:31
    Enviado por: Fernanda

    Olá!Uma vez fiz estágio e abri uma conta para receber o salário e fiquei no estágio apenas um mês. Nunca mais movimentei a conta.Será que estou em débito?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/04/2010 - 17:23
    Enviado por: Danilo

    Olá toda empresa é obrigada a fornecer declaraçao para que o futuro funcionario abra uma conta corrente ou nao ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/06/2010 - 12:04
    Enviado por: Cristiane

    Olá no ano de 2003 meu marido abriu uma conta no banco do Brasil obrigatoriamente para receber o salario quando ele saiu da empresa a conta ficou inativa eles começarão a cobrar as taxar fomos ao banco fechamos a conta mas, ela continuou aberta e cobrando as taxas, voltamos ao banco mas nada foi resolvido agora o nome do meu marido esta no SPC e preciso financiar minha casa e nao consigo. O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/06/2010 - 20:41
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Só resta contratar um advogado e tentar na Justiça limpar o nome, desde que vocês provem que tentaram fechar a conta e o banco não fez, ou por se recusar ou por qualquer outra falha. Se ficar comprovada a responsabilidade do banco, é cabível um processo por danos mroais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 14/07/2010 - 00:10
    Enviado por: ELIANA

    OI,gostaria de saber o seguinte,meu filho morafora e foi no banco brasil e fez um deposito para eu pagar um boleto para ele,o deposito foi feito em uma 5 feira poi sexta era feriado com certeza o dinheiro cairia na segunda pois era o dia do vencimento do boleto,so que o dinheiro nao caiu so veio no outro dia, resultado gerou para mim,um juro de 160,00 reais
    tenho direito de receber do banco?pois uma pessoa do banco diz para mim que tinha que cari ate as 22 horas e isto nao aconteceu.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/07/2010 - 15:03
    Enviado por: Maristella

    Boa tarde!!!

    O pai das minhas filhas faleceu há 17 anos, tinha contas em vários bancos(tenho os extratos) porém como elas só poderiam movimentar depois dos 18 anos e na época tinham 01 02 anos, não me preocupei em fazer o recadastramento obrigatório em 1997.
    erá que existe alguma forma delas recuperarem esses valores mesmo agora eles pertencerem ao Governo.

    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/07/2010 - 23:04
    Enviado por: Demóstenes

    Boa noite! Em 2004 quando fui assinar o contrato do fies na agencia da caixa me ofereceram a abertura de uma conta universitária, bem aceitei, pois não teria nenhum custo com tal conta, certo. Bem, nunca utilizei esta conta, nada mesmo, nenhuma movimentação. Em 2007 terminei a faculdade. Mas agora depois de tanto tempo recebo um comunicado dizendo que tal conta foi encerrada e que a caixa adotará as medidas legais cabiveis tal caso, e ainda recebi uma carta do SPC dizendo que meu nome estava sendo negativado, pesquisei o valor no site apoio ao consumidor e verifiquei que estão me cobrando o valor de 310,00 reais. Ante o exposto pergunto: Essa cobrança é lícita? Como devo proceder?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/07/2010 - 19:38
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Todo banco cobra tarifas para a manutenção de contas bancárias. A promessa de conta sem custo tem de estar documentada, caso contrário terá de pagar o que o banco estrá cobrando. Você pode alegar no Procon ou na Justiça que nunca recebeu extrato, por isso desconhecia a dívida. Tente renegociar o débito.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 27/07/2010 - 10:59
    Enviado por: Wilson

    Por volta de 2006 ou 2007 não lembro mais, cursava faculdade, e certo dia havia um quiosque do banco santander dentro da faculdade oferecendo contas universitarias, eram varias vantagens e acabei assinando uma papelada na hora, fique de receber pelo correio o contrato e demais informações, mas abri a conta por abrir, sem necessidade, pois ja tenho conta em outro banco que me atende muito bem, o tempo passou, não recebi nada, nem contrato, nem cartão, nem talão de cheques, nem propaganda de outros produtos, nem extratos, absolutamente nada, achei que minha proposta de abertura de conta tinha sido negativada por algum motivo, mas agora em 2010 estou sendo cobrado por uma empresa de nome ATLANTICO que diz ter ‘comprado’ minha divida do banco santander e agora quer receber, o atendendo que me ligo (novo endereço e novo telefone da epoca da abertura da conta) diz que meu nome ha muito ja esta no SPC/SERASA, estou desempregado ha mais de ano e não consegui emprego na area que me formei, apesar de ilegal não sei se fui consultado nos citados orgãos de credito e por isso não consegui emprego até hoje. o que posso fazer ? a quem recorrer ? cabe indenização ? Obrigado desde ja a qualquer ajuda.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 27/07/2010 - 18:56
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não há muito o que fazer. O fato é que você foi desleixado e esqueceu que tinha aberto uma conta bancária, que teve as taxas cobradas. O que você pode quesitonar com chance de reverter a questão é que nunca foi informado sobre o status da conta, nunca recebeu extratos, nem comunicados. Porcure um advogado e questione essa cobrança na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/08/2010 - 12:01
    Enviado por: Maria Oneide

    Bom dia meu marido tem uma conta corrente na caixa economica federal no qual foi aberta para ser depositado a prestaçao do imovel que foi financiado pela a caixa economica que ja completou 3 anos de pretaçoes pagas de dois mes pra ca venho recebendo carta de cobranças, sempre paguei em dias nunca atrazei com as parcelas, fui ate a caixa conversei com o gerente fomos informado que a conta esta devedora do cheque especial como ele nunca utilizou o cheque especial pra nada nunca pegou talâo de cheque.Como posso recorrer me ajude!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/09/2010 - 19:56
    Enviado por: jorlan

    boa noite.. o meu caso e o seguinte com 19 anos arrumei meu primeiro enprego fichado.. a empresa fez eu abrir duas contas e por falta de experiencia nao sabia se era corrente ou nao; acabou que sair de la e nao fui fechar a conta pq nao tinha pegado o cartao e nem tinha desbloqueado nada, por fim o banco [brb] me enviaram uma carta avisando q por falta de movimentaçao a conta foi cançelada , ja o banco do brasil q me enviou uma carta que falava que eu estava em divida com o banco e me deram o praso de 7 dias para pagar o debito o valor nao era tao caro + no momento eu nao tinha de onde tirar esse valor faz ate vergonha + era de 107,00 miseros reais…e se nao pagasse meu nome iria pro spc serasa.. dai resultou q nao paguei meu nome ta sujo da ultima vez faz ja uns dois anos atraz a divida tava de 900,00 reais tentei negociar + o valor das parcelas ficaram muito altas ai desistir…e o pior que eu juntei uma grana + to com raiva de ter que pagar uma coisa que eu nao consumir se pelo menos fosse um enprestimo + uma conta que nao foi fechada e nem tenho a merda do cartao esse cartao numca chegou na minha mao…… gostaria de saber oq faser nessa situaçao .. desculpem os erros e o imcomodo espero q me ajudem…uma boa noite a todos……..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/09/2010 - 20:13
    Enviado por: luciana

    boa noite, eu gastei no catão um valor de 150.000 agora o banco bradesco esta me cobrando um valor de 570,00, é certo este valor?tem um atrazo de 4 meses

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/09/2010 - 18:40
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Nâo temos como responder, não fazemos nenhum tipo de cáluclo. Procure um contador, mas leia o contrato antes.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/09/2010 - 13:27
    Enviado por: Gilberto

    Boa tarde!

    Por favor estou precisando de uma orientação, nunca pedi cartão de crédito ao bradesco, e quando fui fazer um cadastro para comprar uma casa financiada pela caixa o correpondente bancario me informou, que meu nome esta no serasa, por falta de pagamento de uma fatura no valor de 1.058,00, fui até a agencia do bradesco aqui na minha cidade e conversei com o atendente que me informou que não poderia fazer nada, fui na delegacia e fiz uma ocorencia, e retornei a agencia e procurei o gerente de contas que me disse que ia verificar, fiz um pedido por escrito para que o mesmo me apresentasse copia do contrato e dos documentos que foram utilizados para fazer o cartão, ele me pediu 5 dias e quando retornei, novamente me disse que não podia fazer nada pois o cartão tinha sido feito nas casas bahia e o bradesco apenas fianciava as compras, pois a bandeira é bradesco como pode? eles são responsaveis, o proprio gerente me disse que para limpar o meu nome eu deveria entrar na justiça, que absurdo, por favor me ajude, o que devo fazer?

    Gilberto

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/09/2010 - 17:05
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procure um advogado e processe o banco por danos morais. Você foi vítima de fraude. É a única coisa a fazer.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/09/2010 - 17:27
    Enviado por: William

    Boa tarde!

    Por favor preciso de uma dica, pois tive uma conta aberta no inicio de 2008 na Caixa, não lembrava da mesma tanto que em 2009 fui trabalhar em uma empresa e solicitaram uma conta na Caixa, fui e providenciei a abertura e não me falaram nada que tinha outra aberta em 2008. Agora dia 23/09/2010 me enviaram uma carta solicitando uma regularização caso iriam me cobrar juridicamente. Fui ao banco, falei com a gerente e disse que tem um débito no valor de mais de R$ 400,00 só de manutenção da conta, e que eu deveria pagar. Disse se eu não vier a quitar esse débito vai so aumentar mais e posso ser incluso ao SPC e Serasa. Como devo proceder?

    Obrigado.
    William

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/09/2010 - 18:29
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A obrigação de fechar a conta é do cliente, portanto, entendemos que a cobrança é devida. Tente negociar via Procon a redução do valor.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/09/2010 - 17:31
    Enviado por: William

    O que me chateia é que não tirei um real da conta e demoraram praticamente 3 anos pra me cobrar somente taxas!

    Muito obrigado pela atenção.

    William.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/10/2010 - 14:02
    Enviado por: Natalia Silva Rovereti

    Boa tarde!

    Estou com um problema na Caixa Economica Federal. Em 2008 abrir uma conta corrente, mas nunca movimentei a mesma. Havia até me esuqcido dessa conta, achava que nem existia mais. No mês passado, recebi a carta de cobrança dizendo que devido a essa conta (que nunca movimentei) tinha uma dividfa no valor de R$800,00. Fuiu ao banco, o gerente me afirmou que qnd a conta esta aberta tem tarifas sendo cobradas diariamente.
    Gostaria de saber se é correto essa cobrança, o q eu posso fazer? Sou obrigada a pagar? Posso revindicar essa divida?
    Fico no aguardo!

    Atenciosamente,

    Natália S. Rovereti.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/10/2010 - 20:23
    Enviado por: leonardo

    fui socio majoritario em 1% numa firma e o meu socio que era o dono da empresa e possuia 99% das ações,, fez uma divida com o banco itau sem que eu soubesse e nao pagou daí entao quando eu fui tentar financiar um carro pra mim, eu nao pude pois fui negativado pelo banco…o banco me disse que apezar de a divida não ser minha mais sim dele, o meu cpf fica sujo por eu estar vinculado a firma mesmo que seje somente como socio majoritario em 1% agora não sei o que fazer sou estatutario e tudo meu vem do itaú o banco está agindo certo? pois eu nem sabia desta divida!!!!! e quem assumiu o compromisso e nao pagou foi ele quem responde pela firma é ele eu sou apenas socio majoritario m 1%

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/10/2010 - 16:08
    Enviado por: Celso

    Boa Tarde!

    Recebi um cartão de crédito do Banrisul em 2002, e retirei a quantia de R$ 500,00. O problema é que após vários depósitos, quitei o total do cartão no valor de R$ 37,60 em 2006. Acontece que depois desse cartão, outros foram enviados, mas não foram desbloqueados, mesmo assim, estão debitando em minha conta corrente mensalmente o valor mínimo da fatura,e que em consequencia aumentando o valor total da fatura do cartão. Perdi a noção do que já foi descontado de Jul 2006, quando quitei o total da fatura do 1 cartão, até o dia de hoje. Gostaria de saber dos senhores, se posso acionar o judiciário por perdas e danos. Desde já antecipo agradecimentos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/11/2010 - 19:36
    Enviado por: Elaine Cristina Berti Moura

    Boa noite minha carteira foi roubada de minha bolsa dentro do onibus.O ladrão usou meu cartão e sacou o limite, pois eu tinha a senha na carteira eu vou ter que pagar esse limite ao banco ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/11/2010 - 18:29
    Enviado por: Therezinha

    Estou com uma dúvida: Fui retirar minha aposentadoria na conta poupança e a conta esta bloqueada,presumo que, a empresa onde fui sócia com 1% de cotas, esta devendo o cheque especial, o Banco pode bloquear a minha poupança, sem aviso prévio? e porque?, estou sem dinheiro para pagar minhas contas e comprar comida, pois não tenho outros ganhos, será que alguém pode me ajudar por favor?
    Grata
    There

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/11/2010 - 18:11
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Em tese não pode, achamos que é abusivo, mas é bom consultar o banco e verificar se há algum tipo de cláusula que estabeleça essa medida antes de procurar o Procon ou um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/11/2010 - 22:55
    Enviado por: marcos

    estou pasmo pois recebi uma carta convite para encerramento de uma conta onde ja sou cliente a mais de 10 anos ate entao to em dia com meus compromissos bancarios… o banco nao se manifestou o motivo mas sou indiciado ou seja nao sou processado em um crime mesmo assim o banco pode bloquear me desprezar como cliente????

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/11/2010 - 22:59
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Infelizmente pode, desde que não haja constrangimento. Ninguém é obrigado a aceitar quem quer que seja como cliente. No entanto, você merece uma explicação plausível para essa medida, caso contrário é possível dar queixa no Procon contra o banco. Veja apenas se o encerramento da conta não trará prejuízos, como cheques pré-datados, débitos automáticos e empréstimos.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/11/2010 - 19:07
    Enviado por: Vanessa

    Boa noite.
    Tenho uma dúvida: Fiz um DOC de minha conta do BB para o Itaú para ser enviado no mesmo dia. Na mesma data paguei meu cartão de crédito no Itaú (O DOC ainda não havia entrado mas entrou mais tarde). O Itaú me cobrou juros. Isso é correto visto que o dinheiro de meu DOC entrou no mesmo dia? (Tenho como provar pelo extrato bancário)
    Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/01/2011 - 11:38
    Enviado por: mariah

    Gostaria de saber se sou obrigada a pagar anuidade do cartão o qual eu bloqueei e depois pedi cancelamento. eu nao devia mais nada ao cartão, mas fica chegando carta de cobrança em minha outra residência o que faço ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/01/2011 - 00:13
    Enviado por: joão

    Aconteceu o seguinte:
    Recebi meu salário no dia 28 de janeiro e o cartão de crédito que venceria so o dia 05 e, que vinha tendo suas faturas pagas apenas no minimo há alguns meses e o último mês inadimplente, teve sem minha autorização o pagamento do valor mínimo, gerando para mim extrema preocupação, pois tenho outras dívidas e precisava do valor para despesas gerais. O que faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/01/2011 - 11:54
    Enviado por: Mariá

    Tenho uma dúvida. Há 1 ano e 3 meses atras fiz uma conta em um banco, recebi o cartão, mas nunca foi desbloquiado. No meio do ano passado liguei para o SAC do banco pedindo o cancelamento do cartão e tudo e perguntei se era pra eu pagar os juros, o atendente disse que não… Mas até hoje recebo cobranças de juros do banco… Gostaria de saber se é obrigado eu pagar esses juros, mesmo nunca tendo utilizado e nem desbloquiado o cartão??

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/02/2011 - 18:22
    Enviado por: CRISTINA RIBEIRO

    Solicitei ao Banco Bradesco alteração da cobrança do cartão de crédito do débito automatico, por constatar que numa cobrança indevida do banco, obtive a cobraça de juros sobre saldo devedor. Recebi como resposta que quem escolhe a data para mudança é o sistema e que somente após 30 dias essa mudança poderia ser realizada. Isso procede?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/02/2011 - 15:04
    Enviado por: Kátia

    Fiz um cartão ponto frio e é cobrada uma taxa de manutenção de conta no valor de 4,99 em todas as parcelas. Não recebi o cartão e nenhum boleto até o momento, tenho que ir até a loja pagar a fatura. A cobrança dessa tarifa está correta já que não recebi o cartão nem os boletos?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/02/2011 - 16:38
    Enviado por: SUZANA DA SILVA GOMES

    O QUE EU FAÇO SE NÃO CONSEGUIR ABRIR UMA CONTA PORQUE DEVO OUTRO BANCO?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/02/2011 - 17:45
    Enviado por: RICARDO

    BOA TARDE, MINHA IRMÃ ABRIU UMA CONTA NO NOME DE MINHA MÃE SEM AUTORIZAÇÃO E SACOU 6 MIL REAIS E NÃO PAGOU, QUAIS ATITUDES DEVO TOMAR PARA QUE ISSO NÃO SE REPITA.

    GRATO

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/03/2011 - 14:02
    Enviado por: Luciana

    Boa tarde. Como funcionária pública, fui obrigada a abrir conta no banco do brasil, e obrigada também a abrir conta corrente normal pagando taxas. O problema é que não tenho interesse nenhum nos serviços do bb, nem cheque, e nem limites, pois tenho conta no santander há mais de 10 anos. Não há nenhum meio de transformá-la em conta salário? Obrigada!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 14/03/2011 - 17:04
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Depende do acordo que foi realizado entre entre empregador e banco. Procure informações no departamento pessoal de sua repartição.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/03/2011 - 19:06
    Enviado por: Saulo

    Ao ser admito em uma empresa, foi solicitado a abertura de uma conta salario no banco real, agora Santander. No entanto, apos ser demitido continuei mavimentando essa conta. Ocorre q após, 17 meses, o banco me descontou 650,00 do saldo dessa conta, alegando que a conta automaticamente, passou de salário para comum e que no contrato avisa essa clausula contratual. Acontece q o banco não me informou dessa clausula e nunca me mandou nenhuma extrato ou sequer comunicou que seria descontado. Pergunto: a claúsula é abusiva? Pode o banco descontar sem notificação?
    Desde já agradeço

    responder este comentário denunciar abuso

    • 22/03/2011 - 17:00
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não é abusiva e contratos têm de ser lidos. Procure ajuda no Procon para tentar negociar um desconto menor, a cláusula não é abusiva, mas o valor é.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/03/2011 - 18:07
    Enviado por: Rafael

    O banco pode fazer retiradas do realmaster(emprestimo) para pagar uma conta inativa? A conta foi aberta para deposito de salário e nao foi cancelada.Se trata de um cartao de debito e credito. No caso, eu ao abrir a conta na empresa, acreditei no que a gerente disse. Ela disse que nao seria cobrado taxa nenhuma na conta, nem do cartao de credito nem debito. Na fatura do cartao de credito,eu pago a mensalidade. Entao continuei usando o cartao de credito e pagando em dia.Hoje meu nome se encontra no serasa, meu cartao bloqueado e não fui avisado da divida gerada por taxas de manutenção e cobranças do cartao de credito(multiconta). O banco nunca entrou em contato comigo para falar sobre a divida e foi logo tirando desse tal emprestimo sem me consultar. O negocio é que, como na empresa somos orientados a abrir a conta nesse banco e a “gerente” ir ate a empresa, nos deixa à confiar. Assinei um contrato já assinalado (cheque,realmaster,realparcelado…)e confiei tambem quando ela me disse que nao seria cobrado nenhuma tarifa. nao caberia ao banco entrar em contato por telefone para comunicar a conta inativa, ja que ligam para perturbar quando estamos devendo? Sera que o fato de eu nao ter encerrado a conta q era para deposito de salario por não ter sido informado, mas ter utilizado o cartao de credito por todo esse tempo teria me prejudicado,mesmo eu tendo pago as faturas em dia? O banco pode bloquear meu cartao e conta sem me avisar? Passei por constrangimentos por conta do cartao bloqueado. Fui demitido em 05/2009 e so tomei conhecimento dessa divida outubro do ano passado. Entrei em contato com essa gerente e ela me disse q se ela tentasse um acordo, seria de 50% e, mesmo assim, os outros 50% iriam sair do bolso dela. Nao entendi isso.Tenho 2 protocolos de uma atendente do SAC,onde ela mesmo afirma que minha conta esta sem movimento e me orienta a ir em qualquer banco encerrar a conta sem ter q pagar a divida. A atendente ainda me disse para eu levar o numero do protocolo.Mas infelizmente, fui e foi sem sucesso. A gerente disse que desconhecia esse procedimento e ligou para a agencia onde tenho a conta e impediram de cancelar. outro constrangimento, pois me pareceu q a gerente pensou q estivessemos mentindo sobre o tal protocolo…. Enfim, é um bololô danado. nao sei se vai entender… mas se conseguir… pesso q me ajude. Um abraço.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 01/06/2011 - 01:47
      Enviado por: Lorena

      Boa noite Rafael
      E ai como ficou resolvido o problema???

      Passo por uma situação muito parecida mas eu tenho o nª do protocolo onde constam que minha conta esta encerrada e que não tem nehuma divida em meu cpf.
      Obs: nunca cancelei a conta.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 25/03/2011 - 16:37
    Enviado por: Rafael

    Outra coisa, o banco pode me cobrar mensalidade de um cartao bloqueado por eles, no qual não posso desbloquear por ser ligado a conta que informei acima? obrigada amigo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2011 - 14:18
    Enviado por: Rafael

    Preciso de uma resposta urgente, por favor. Desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/04/2011 - 16:57
    Enviado por: Nikaelly

    Sou funcionária publica estadual e tive que abrir uma conta corrente na Caixa Econômica. Por lei, sei que não sou obrigada a pagar taxa de manutenção pois há um “pacote” de serviços essenciais e que é gratuito, correto? Fui ao banco solicitar a mudança e a gerente me informou que isso não existe. O Banco Central foi bem claro em sua resolução quanto a cobrança de tarifas de manutenção, porém a gerente se negou a retirar essa taxa pois disse que esses serviços essenciais gratuitos não existem. O que devo fazer? Desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/04/2011 - 21:25
    Enviado por: edison

    olá!! eu tenho uma conta poupança na caixa economica federal!!! e notei no extrato para declaração do IR, que tenho duas contas vinculadas sem o meu conhecimento e nem minha autorização!! como devo proceder em casos assim??? obrigado, fico no aguardo!!!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/04/2011 - 22:18
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Informe-se no banco sobre essas contas, veja a origem delas, quem as abriu. Dependendo da resposta, faça uma denúncia no Procon e procure um advogado para processar o banco, se for o caso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 11/05/2011 - 10:42
    Enviado por: Jonathas

    Olá, abri uma conta no Santander há uns 3 meses atrás. Depois de algum tempo chegaram os cartões. No entanto, eu não os desbloqueei e agora quero cancelar a conta, já que acabei não tendo renda para movimentá-la (abri a conta por que estava na iminência de ser convocado em um concurso público). Como a convocação não aconteceu ainda e provavelmente demorará um pouco mais quero fechar a conta. Neste caso, o que faço para que eu não pague nenhum juro, tarifa e encargo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/05/2011 - 23:59
    Enviado por: Rafael

    Olá, possuo uma empresa..e a uns 4 ou 5 anos acabei abrindo uma c/c em uma instituição financeira por conta de conhecer (amizade) uma gerente. Acontece que desde que abri esta conta, NUNCA houve uma sequer movimentação nela. A não ser aquelas tarifas e juros sobre juros que os bancos costumam cobrar?? andei pesquisando e vi que uma conta sem movimentaçãop por 6 meses, acaba sendo inativada automaticamente, isto procede? Bom, apos se passar 2 anos (acredite) que a conta foi aberta, foi que eu conheci meu gerente. Expliquei minha situação à ele, e nada. Então resolvi enviar ao meu gerente uma notificação solicitando o encerramento da conta, bem como o estorno de todo montante, já que a conta NUNCA foi utilizada. Enviei a notificação e ele protocolou p/ mim (Colocou o carimbo dele, e escreveu “encaminhado para o departamento juridico. 16/04/2010″.

    Acontece que já se passaram 1 ano e não obtive esta resposta deste juridico, e hoje a divida chega em +/- R$ 15 mil.

    Como devo proceder?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 17/05/2011 - 08:57
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não procede. Contas não são encerradas autmaticamente, o cliente é que precisa encerrá-la. Negocie a dívida ou tente questioná-la na Justiça, com chances mínimas de sucesso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 26/05/2011 - 10:59
    Enviado por: Renata Meire

    olá.

    possuo uma conta no Bradesco do qual não movimentava desde de 2009, ontem me ligaram dizendo que eu tinha estourado o limite do cheque especial, e que estava devendo ao Banco R$ 568,00, sendo que nada tinha sido me avisado até o momento, e eu nunca pedi a eles para utilizar o meu limite do cartão, fui a agencia para fechar a minha conta e a gerente disse que só poderia fechar a conta assim que fosse pago o valor integral. Gostaria de saber se isso é correto da parte deles?? Eu não tenho condições de arcar com essa quantia, e a gerente disse que enquanto eu não fechar a conta, a mesma vai ficar aumentando de valor. por favor me ajude.

    obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/05/2011 - 11:17
      Enviado por: Marcelo Moreira

      É correto. A conta ficou aberta e o limite, porvavelmente, foi consumido por conta de tarifas de manutenção. O máximo a ser contestado é se o banco deveria ou não ter enviado extratos com a situação da conta. Tente negociar.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/05/2011 - 02:51
    Enviado por: Danilo

    Tenho interesse em abrir uma conta universitário no BB, porém ouvi alguém falar que para abrir certos tipos de conta no BB deveria fazer algum investimento em fundo de investimento. Procede tal informação para a modalidade de conta que tenho interesse ou apenas se aplica a outros tipos de conta??
    Agradeço a resposta!!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 30/05/2011 - 15:04
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não podemos responder, cada instituição tem seus critériso e seus produtos, não temos conhecimento de cada um deles.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/05/2011 - 20:01
    Enviado por: Talita

    Ola,qdo entrei na faculdade anhanguera me ofereceram o serviço crédito universitário, onde eu pagaria metade das mensalidades no dobro do tempo, em debito em conta, desde então venho pagando corretamente, mais sempre recebendo cobranças das quais não devo.ja perdi dias de serviço tentando regularizar isso tanto no banco quanto na faculdade e nada se resolve.fora os constrangimento absurdos que passo .Será que ganho uma ação na justiça por isso? não aguento mais essa situação.me ajudem..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/06/2011 - 02:08
    Enviado por: Lorena

    O senhor falou que contas não são encerradas automaticamente mas em relação a cobrança de tarifas/taxas ou algum tipo de movimentação na conta que esta inativa por quase 3 anos.
    * É legal essa cobrança?
    De acordo com a cartilha divulgada pelo procon de sp temos que:
    “Qdo uma conta corrente ficar sem movimentação espontânea o banco deve tomar algumas providências.
    1. Ao verificar que uma conta está sem movimentação espontânea por noventa dias, deverá emitir um aviso sobre essa situação, informando que,independente desse fato, a cobrança de tarifa de manutenção permanece.
    2. No mesmo aviso, deverá informar também que caso a conta permaneça inativa por seis meses, poderá ser encerrada.
    3. Após enviar o comunicado, se a cobrança da tarifa de manutenção for gerar saldo devedor, o banco deve suspendê-la.
    4. As contas sem movimentação espontânea por mais de seis meses podem ser encerradas por opção do banco.
    5. Se o banco optar pelo encerramento da conta, deverá informar o correntista trinta dias antes de completar o sexto mês de inatividade, solicitando providências para a reativação ou formalização do cancelamento.
    6. A partir do sexto mês sem movimentação espontânea, ainda que o banco não opte por encerrar a conta, não deverá cobrar tarifa de manutenção ou de pacotes de tarifas e encargos sobre o saldo devedor.”

    Estou perdida em relação a essa cobrança:
    *Procon-SP é valido para todo o território nacional?
    *Se sim o q fazer quando nada disso (orientações) é respeitado?
    *Após 6 meses essas taxas podem/devem continuar a ser cobradas?
    *Em uma conta universitaria q nao teria nenhuma cobrança de taxa em 6 meses o saldo devedor seria ZERO ?

    Obrigada e aguardo resposta.

    (se o senhor puder indicar algum artigo/Lei/Normativas ou algum texto a esse respeito agradeço)

    responder este comentário denunciar abuso

    • 02/06/2011 - 17:00
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Entendemos que a cobrança é válida. O Procon de São Paulo só atual em São Paulo. As taxas podem ser cobradas enquanto a conata estiver aberta.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 02/06/2011 - 10:25
    Enviado por: Lilia

    Olá!

    Eu encerrei uma C/c no Banco Santander em fevereiro, no contrato de encerramento constava que o valor pendente para com o banco era de R$ 19,90 mas como eu tinha um saldo de R$ 19,90 na minha conta houve a quitação deste valor (taxa de manutenção) deste modo na descrição de pendencias contou que meu saldo e pendencias eram de R$ 0,00. Fui orientada pela gerente a decartar meu cartão e folhas de cheque. Dois meses depois chegou uma fatura na minha casa no valor de 19,90 (no contrato de encerramento é claramente descrito que este valor já foi quitado). Fui até a agencia e pediram para desconsiderar esta fatura, mas agora chego outra fatura no valor de 33,40.

    Por favor como devo agir.

    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/06/2011 - 13:44
    Enviado por: camila

    Boa tarde !!!
    Tenho uma conta no banco bradesco e meu cartao é de debito e credito ..tenho uma fatura do cartao de credito pendente no valor de R$ 325,00 gostaria de tirar essa fatura do debito automatico mas o banco diz que nao é possivel …e nao posso pagar o valor minimo da fatura .. é legal eu nao ter nenhuma dessas opçoes ????
    como devo agir ???
    Obrigado .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/06/2011 - 01:10
    Enviado por: Claudia Pera

    Boa Noite,
    Há muitos anos tinha conta no Itaú. Ocorre que por motivos de doença em família, utilizei os limites da conta, fiz acordos, paguei alguns destes, mas ficaram pendências. Estas pendências ainda não foram quitadas por acreditar que o Banco cobre juros , taxas abusivas. Já procurei o Procon, o site Reclame Aqui, fiz cartas a gerência da conta com proposta para quitação do valor, que por sinal , o referido não concordou.Agora, comecei a trabalhar com registro em carteira, a Empresa quer que eu abra conta no Itaú, provavelmente, ainda que a conta seja salário, eles vincularão as pendências anteriores à conta nova. Sou obrigada a abrir a conta no banco que a Empresa quer? Obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/06/2011 - 18:03
    Enviado por: EDSONINA DA ROCHA RIBEIRO

    Meu nome foi pro SPC,e tenho uma conta poupança há anos no Bradesco,gostaria de saber se o Banco pode descontar o débito do cartão de crédito de minha conta poupaça? Já tentei várias vezes acordo, mas não consegui pois querem que pago um valor muito alto de entrada e não tenho condições, propus pagar parcelas no valor de (CEM) mensal mas não aceitaram minha proposta,sem contar que colocaram juros abusivos, outra dúvida, me cobraram em outro cartão uma compra que não fiz, liguei várias vezes questionando, me falaram que tinha que resolver com a financeira de cobrança.Me cobraram uma compra feita numa ótica em São Paulo sendo que nunca fui em São Paulo, sem contar que não tinha a quantidade de parcelas da compra, todo mês me cobravam indevidamente ai a opção que tive foi parar de bacar os boletos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/06/2011 - 22:42
    Enviado por: Danilo

    Bom dia.
    Olha eu tenho uma conta corrente na Caixa onde efetuava o pagamento habitacional todo mes,acontece que a Caixa encerrou minha conta em 17 de Janeiro de 2011 onde minha noiva continuou depositando a quantia do valor da parcela da casa na mesma conta durante quatro meses..a Caixa não avisou e mandou tudo para protesto no cartório foram 1500 reais depositados na conta mas não consta nada na Caixa,com isso eles foram pegando limite de cheque especial e a divida foi só aumentando,o problema é que minha noiva não consegue encontrar os recibos de depósitos destes 4 meses de depositos..Só queria saber aonde foi parar esse dinheiro em torno de 1500 reais de parcelas habitacionais que foi depositado na conta que foi encerrada sem nos avisar-mos em momento algum,o que devo fazer? Sei que vou ter que pagar o cartorio porq se não perco a casa mas queria pelo menos recuperar o valor depositado,como proceder neste caso? Aguardo retorno estou preocupado….. Grato Danilo

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/06/2011 - 23:34
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Vo`cê precisa de um advogado para tentar resolver na Justiça a questão dos pagamentos da casa e depois processar a Caixa por danosm morais em razão do encerramento indenvido da conta corrente.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 22/06/2011 - 10:47
    Enviado por: Marcos Tavares

    Tenho conta sem movimentação no BB há mais de 6 anos. Foi de uma empresa que fiz estágio enquanto era menor de idade. Quando saí da empresa, achei que a conta seria encerrada por parte deles. Mas, fiquei sabendo que a conta existe e que a mesma está sem movimentação. Irei na agência verificar possíveis tarifas pendentes. Caso esteja devendo ao Banco por isso, sou obrigado a pagar? O banco ou a agência nunca me informou sobre isso, nunca me ligou, mandou carta, enfim… me responda por favor

    responder este comentário denunciar abuso

    • 22/06/2011 - 17:20
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, tem de pagar. Contas não se encerram sozinhas. Têm custos de manutenção que podem ser cobrados pelo banco. você até pode alegar que não recebeu nenhuma informação sobre o assunto do banco e usar isso para tentar diminuir a dívida, mas terá de pagá-la.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 07/07/2011 - 14:57
    Enviado por: Jaqueline

    em 2009, fui abordada na faculdade para abrir uma conta universitária, aderi ao banco na época Banco Real, com o único interesse era o cartão de crédito. Pois bem, desde o momento da abertura da conta em 2009, nunca utilizei a conta bancária. Contudo, utilizo o cartão (visa)mas seus boletos estão todos em dia.

    Há uns meses descobri que meu nome foi negativado pelo Banco, por conta das taxas de manutenção de conta, fui ao Banco e me informaram que a cobrança é devida uma vez que o contrato que assinei lá na faculdade informava que o cartão seria vinculado a conta e as taxas de manutenção… Enfim, não possuo a via do contrato, mas acredito que está cobrança é indevida, uma vez que nunca utilizei a conta.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/07/2011 - 10:23
    Enviado por: EVA

    Bom dia, entreina justiça para passar a receber auxílio doença, a cerca de um ano tive causa ganha e voltei a receber o beneficio, só que neste mês, no dia 21/06 recebi uma carta do INSS, solicitando nova perícia, pois este já estava cessado, só que no dia 16/06, antes de chegar a carta, meu extrato de beneficio que tiro todo mês no site da previdência já estava informando que eu receberia meu pagamento dia 04/07, quando fui ao banco para receber, me informaram que essa parcela estava bloqueada. Pode isso? É legal? Pois eu já tinha extrato para recebimento e bloquearam meu pagamento, se querem que eu faça nova perícia, COMO VOU LEVAR OS EXAMES QUE ME PEDEM SE BLOQUEARAM ME PAGAMENTO?Por favor me oriente, pois não sei o que fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/07/2011 - 19:59
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Essa é uma questão previdenciária, não temos como responder. Você precisa de ajuda especializada. Procure o sindicato de sua categoria profissional ou um advogado especializado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 10/07/2011 - 18:43
    Enviado por: simone

    fui fazer um saque num caixa eletronico dentro da agencia da CAIXA ECONOMICA FEDERAL acabou a luz e o dinheiro não foi sacado mas debitado da conta falei com o gerente ele disse que com 48 horas abririam a maquina e o dinheiro cairia na conta mas nada aconteceu ele falou pra ir na agencia na qual foi aberto a conta salario e pedir uma microfilmgem da conta isso vai me ajudar estou desesperada foi todo o salaria e tenho que pagar minhas contas o que eu faço obrigado aguardo resposta simone

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/07/2011 - 21:59
    Enviado por: EVA

    O senhor sabe um site ou advogado para me indicar?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/07/2011 - 23:06
    Enviado por: celiane

    Prezados, possuo uma conta inativa no bradesco a mais ou menos 10 anos, precisei abrir essa conta porque na época a empresa em que eu trabalhava fazia os depósito salarial por nesse banco. Depois de sair da empresa nunca mais movimentei essa conta pra nada, porém nunca recebi nenhuma comunicação por parte do banco referente a algum débito. Será que possuo algum débito?

    Atc,
    Celiane
    Teresina-PI

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/07/2011 - 18:19
    Enviado por: Dolores Assuncion Barros Leite

    Fui assaltada liguei no 0800 do Banco do Brasil na mesma hora cancelaram tudo referente a minha conta só pediram pra passar na agencia pra assinar os documentos fiz a mesma coisa com a Caixa Economica Federal que na hora nao resolveu informou que eu deveria ir na agencia com o boletim de ocorrencia isso foi a tarde por volta das 16 horas fui no dia seguinte bem cedo na delegacia e quando abriu a agencia fui ao funcionario pra fazer o bloqueio tarde demais fizeram até emprestimo pela internet sem eu nem saber que podia sacaram 400 reais que eu tinha mais o valor de 1.000,00 do emprestimo feito por quem me roubou . A caixa disse que não pode fazer nada que eu terei que arcar com o prejuizo. ë assim mesmo?l

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/07/2011 - 21:30
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Se você demorou para fazer o bloqueio terá dificuldades para ser ressarcida. Procure ajuda no Procon para tentar um acordo.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/07/2011 - 11:45
    Enviado por: Paula Rodrigues

    Gostaria de saber se o RH da minha empresa pode mudar o banco para receber meu salario? E se o banco pode recuperar credito sem a nossa permissão?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/07/2011 - 14:57
    Enviado por: Michelle

    Possuo uma conta inativa no banco santander a mais ou menos um ano,tenho dois cartões mais nunca desbloquiei,agora eles estão me cobrando um taxa de 106,00,e disseram se eu nao pagar esse valor em até 20 dias meu nome vai para o SPC.O que eu faço??

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/08/2011 - 11:49
    Enviado por: Adriano Moreira

    Gostaria de saber se uma empregador pode abrir uma conta corrente em nome do empregado para pagamento de salário? Tenho dois empregos, um paga o salário pelo Santander e o outro que pagava pelo BB, agora abriu uma outra conta corrente no Santander sem sequer me comunicar, ou seja, tenho duas contas correntes diferentes no mesmo banco?

    O que devo fazer? Posso processar o banco por ter aberto uma conta corrente em meu nome sem o meu conhecimento?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/08/2011 - 19:11
    Enviado por: Luiz Roberto G. T. Junior

    tenhop a 25 anos meu itaucard, porem atrasei a fatura em alguns dias, tipo 18/07 paguei em 02/08, pois bem o valor de 10.286,00 pago ja incluso todos os juros, no foi possivel para manter o cartão em ativo.
    cancelaram meu cartão e agora tenho uma divida de mais de 9.000,00 para pagar mas ninguem entrou em contato e nao sei o que eu faço.
    pergunto, poderia ser cancelado meu cartão?
    essa divida posso pagar como ou melhor como devo negociar.
    e meus 25.000 pontos perdi tudo.
    a quem recorro?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 10/08/2011 - 20:22
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não há nada de irregular no procedimento da empresa. O cartão pode ser cancelado diante de problemas de inslvência ou inadimplência. A dívida é lgeal e pode ser cobrada. Tente negociar um parcelamento com a ajuda de um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 10/08/2011 - 19:22
    Enviado por: Luanne

    …Bom desde o começo do período estou tentanto renovar o primeiro semestre,devido a varios problemas que estavam ocorrendo.Os problemas foram o seguinte: sempre paguei meu credito universitario em dia,quando foi um tempo comecei a receber cartasde cobraças do banco que eu nao estava pagando.Descartei a carta pois eu tinha todos os canhotos e tinha minha consciencia super traquila pois como disse estava pagando em dia.Depois comecei a receber mais cartas e então fui ao banco para saber o motivo.Chegando lá falei com um dos funcionarios e ele me disse que eu deveria pagar um valor maior, ele não soube me explicar direito a situação.Decidi procurar a gerente do banco em que eu tenho conta,mas eles me informaram que no banco não tinha nenhum gerente, devido a mudança unibanco para itau.Quando era unibanco eu nunca tive problemas,mas depois dessa mudança esse credito ficou horrivel,muita enrolação.Apos um tempinho fui em outra agencia do itau para saber o que estava acontecendo e ate que enfim nesse banco tinha uma gerente que resolveu a minha situação e me explicou.O que tinha acontecido era que,eu depositava mas o pago não descontava e o dinheiro estava acumulando em minha conta,era como se fosse uma poupança.Apos resolver esse problema,apareceu outro.Quando achei que ja estava tudo resolvido e enfim iria renovar meu credito,liguei para a central de atendimento. O que é uma merda esse atendimento,não resolve praticamente nada.Eles me informaram que eu estava devendo o contrato do semestre passado,fiquei com muita raiva.Pois eu ja tinha entregue a faculdade assinado.Então depois que eles informaram desse contrato pediram meu email e disse que ia enviar,e quem viu.Eles não me mandaram ate hoje.Ah e quando eu liguei pra perguntar qual era o contrato,falaram que nao conseguia visualizar,entao eu esperei.Liguei novamente e uma atendente me falou o valor,pois eu nao aguentava mais esperar esse contrato.Ainda bem que eu tinha,tirei a xerox e entreguei a faculdade.Assim que entreguei a faculdade,liguei para a central para renovar e então me informaram que esperasse 15 dias para da baixar.Mas pensa que ja deram baixar em 15 dias? Ainda liguei para e constava que esse documento estava pendente.Depois disso tudo,agora estou tentanto ligar para renovar e eles disseram para esperar o sistema abrir para então começar a renovação,enquanto isso minha aulas começaram desde o dia 25/07/2011 e nao renovei,meu nome nao consta na lista de chamada e nao tenho como frequentar as aulas.Devido esse credito,pois ja fui na faculdade para renovar e eles nao consegue.Gente vocês que querem fazer esse contrato,por favor não faça.é muita dor de cabeça,não caiam nesta besteira,pois vocês iram se arrepender.Podem ter a certeza,vou abrir um processo contra esse credito.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/08/2011 - 08:56
    Enviado por: Luciana

    Bom dia!

    Estou em atraso com o meu cartão de credito, diante disso o banco está debitando todos os meses em minha conta o valor minimo da fatura, e devolvendo os meus cheques, com faço para suspender este debito automático que está sendo feito na minha conta,vou pagar o cartão, mas gostaria de fazer uma negociação a parte, informo ainda que o meu contrato era com o banco real e eles não faziam isso, depois da fusão com o banco santander está pratica começou a ser adotada, gostaria de uma orientação,obrigado!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/08/2011 - 18:02
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma queixa no Procon e recorra ao Juizado Especial Cível contra o banco exigindo o fim do desconto e indenização por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 11/08/2011 - 15:20
    Enviado por: Gabrielle

    Ola, boa tarde.
    A mais ou menos 2 anos tirei um cartão de rédito universitário no banco real e agora apos a mudança de banco real para banco santander chegou uma notificação falando que eu estou devendo R$600 e pouco referente a uma conta corrente que foi aberta juntamente ao cartão de credito. Mais eu nunca movimentei essa conta, so utilizo o cartão de credito. Fui ate o banco e gerente me falou que esse valor é referente a taxas de manutenção da conta e alguns encargos, que ele iria pedir o historico da minha conta para ver se realmente não havia nenhuma movimentação. Eu tenho que pagar por uma conta que eu nunca usei? Por que ele não me notificaram antes, esperaram 2 anos para me informar.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/08/2011 - 17:05
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Temde pagar sim, a menos que tenha recebido promessa de isenção de tarifas ou qualquer documento que reafirme tal isenção. Tente negociar um desconto.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 11/08/2011 - 23:21
    Enviado por: joyce

    ola, boa noite. A OPERADORA DE CARTAO DE CREDITO ME ENVIOU UM NOVO CARTAO, POIS O ATUAL VENCEU A ANUIDADE, SENDO QUE NAO CHEGOU NAS MINHAS MAOS AO RECLAMAR O MESMO DISSE QUE TINHA SIDO ENVIADO, AI ENTAO SOLICITEI UM NOVO CARTAO E USEI NORMALMENTE AI QUANDO VEIO A MINHA FATURA DESCOBRI QUE COM O PRIMEIRO CARTAO ENVIADO USARAM PARA SAQUE E COMPRAS, QUAL FOI A MINHA SURPRESA, COMO DEVO PROCEDER ESTOU MUITO PREOCUPADA COM ESTA SITUAÇAO ESQUECI DE MENCIONAR O CARTAO E DO SANTANDER POR FAVOR ME DE UMA ESPLICAÇAO.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/08/2011 - 23:54
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Você foi vítima de fraude. Faça um boletim de ocorrência e vá ao Procon denunciar o ocorrido para se livrar da dívida. Se for o caso, procure um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 12/08/2011 - 03:45
    Enviado por: Luanne

    Bom desde o começo do período estou tentanto renovar o primeiro semestre,devido a varios problemas que estavam ocorrendo.Os problemas foram o seguinte: sempre paguei meu credito universitario em dia,quando foi um tempo comecei a receber cartasde cobraças do banco que eu nao estava pagando.Descartei a carta pois eu tinha todos os canhotos e tinha minha consciencia super traquila pois como disse estava pagando em dia.Depois comecei a receber mais cartas e então fui ao banco para saber o motivo.Chegando lá falei com um dos funcionarios e ele me disse que eu deveria pagar um valor maior, ele não soube me explicar direito a situação.Decidi procurar a gerente do banco em que eu tenho conta,mas eles me informaram que no banco não tinha nenhum gerente, devido a mudança unibanco para itau.Quando era unibanco eu nunca tive problemas,mas depois dessa mudança esse credito ficou horrivel,muita enrolação.Apos um tempinho fui em outra agencia do itau para saber o que estava acontecendo e ate que enfim nesse banco tinha uma gerente que resolveu a minha situação e me explicou.O que tinha acontecido era que,eu depositava mas o pago não descontava e o dinheiro estava acumulando em minha conta,era como se fosse uma poupança.Apos resolver esse problema,apareceu outro.Quando achei que ja estava tudo resolvido e enfim iria renovar meu credito,liguei para a central de atendimento. O que é uma merda esse atendimento,não resolve praticamente nada.Eles me informaram que eu estava devendo o contrato do semestre passado,fiquei com muita raiva.Pois eu ja tinha entregue a faculdade assinado.Então depois que eles informaram desse contrato pediram meu email e disse que ia enviar,e quem viu.Eles não me mandaram ate hoje.Ah e quando eu liguei pra perguntar qual era o contrato,falaram que nao conseguia visualizar,entao eu esperei.Liguei novamente e uma atendente me falou o valor,pois eu nao aguentava mais esperar esse contrato.Ainda bem que eu tinha,tirei a xerox e entreguei a faculdade.Assim que entreguei a faculdade,liguei para a central para renovar e então me informaram que esperasse 15 dias para da baixar.Mas pensa que ja deram baixar em 15 dias? Ainda liguei para e constava que esse documento estava pendente.Depois disso tudo,agora estou tentanto ligar para renovar e eles disseram para esperar o sistema abrir para então começar a renovação,enquanto isso minha aulas começaram desde o dia 25/07/2011 e nao renovei,meu nome nao consta na lista de chamada e nao tenho como frequentar as aulas.Devido esse credito,pois ja fui na faculdade para renovar e eles nao consegue.O que eu faço

    ME AJUDA POR FAVOR!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/08/2011 - 20:34
    Enviado por: nayara

    Boa Noite.
    tenho conta no Banco Real( Santader)faz 4 anos que nao movimento a conta corrente com isso o banco esta cobrando um valor absurdo e informou que seria de cheque especial so que eu nunca usei esse “tal” limite! e eles colocaram meu nome no serasa …
    O que faço?

    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/08/2011 - 14:41
    Enviado por: Juliana

    Boa Tarde.

    Tenho uma conta poupança no Banco Bradesco que no qual me concedeu o valor de 1.000,00 de cheuque especial.Porem usei o valor de +-700,00 sendo que ao fazer o deposito meu limite baixou para metade do valor,com isso cresceram juros e taxas desde outubro de 2010.Hj minha conta esta em debito no valor de 1.540,00, o valor a ser pago é 1.305,00,porém quero negociar valor a vista de 1.000,00 e o Banco alega que meu debito é recente por isso não me concende o desconto maior.Tentei de todoas as formas possiveis e o banco nada quer…
    Como devo me proceder diante desta situação ?Posso procurar o Juizado Especial?

    Obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/08/2011 - 16:49
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pague a dívida. O banco não tem obrigação nenhuma de negociar. Se acha que os valores são abusivos ou a cobrança é indevida, procure um advogado e questione na Justiça, com chances remotas de sucesso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 19/08/2011 - 09:47
    Enviado por: Debora

    Meu companheiro estava em coma desde 20/03/2011,os filhos e anora dele mexeram na conta bancaria dele fazendo trasnferencias em seus nomes,meu companheiro faleceu no dia 23/03/2011,e nesse mesmo dia eles fizeram um emprestimo de 50 mil reis usando o nome de meu marido tudo isso pela internet,tenho provas sobre tudo isso.agora eu pergunto isso e crime,e que tipo de crime,e o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/08/2011 - 11:01
    Enviado por: Jucyene Sillva

    quando entrei na faculdade fizeram uma conta para mim universitaria no banco santander,mas eu nunca desbloqueei o cartão ,nunca cheguei a movimentar nada dessa conta,isso foi uns 4 ou 5 anos atras seerá que corro o risco de ter problemas com isso?? hoje em dia em tenho conta bancaria no bradesco e movimento com frequencia.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/08/2011 - 18:14
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim. Provavelmente há uma dívida de taxas sobre a manutenção da conta. Que tal entrar em contato com o Santander e checar isso?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 22/08/2011 - 17:42
    Enviado por: Regiane

    Estou com uma divida do cartão Itaucard onde os juros estão cobrando juros abusivos, já tentei negocias 4 vzs e não consigo pois querem me cobrar juros em cima de juros. o que faço?? minha divida já está em 2300,00 de juros é mais de 1500,00. estou sem saber o que fazer….

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/08/2011 - 15:18
    Enviado por: Michele Ferreira

    Olá, acabei de receber uma mensagem em meu celular me informando que o “meu cartão” ainda está bloqueado e solicitando que eu ligue para dois números para assim desbloquear, mas eu nunca solicitei cartão desta empresa, será que alguém fez isso por mim???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/08/2011 - 17:57
    Enviado por: fabiano elicker vieira

    Boa Tarde gostaria de saber sou vigilante estou spc e serasa abri uma conta no banco do brasil o banco disse que para abrirem a conta eu teria que fazer um seguro que sairia 5 parcelas de 14 reais se não o banco não poderia abrir a conta pois devo em outro banco podem fazer isso!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/08/2011 - 22:46
    Enviado por: Francisleni de souza dias

    Fiz uma compra no cartão de credito e liguei antes do venc. para o fone fácil para antecipar o debito em conta correte no dia 20 a fatura vence dia 10.Quando chegou dia 10 me mandaram uma fatura cobrando novamente o valor,não pude ir resolver venceu 1 mês a fatura de R$120,00 foi p/ R$259,00 e hoje fui ver já esta em R$275,00.Como devo proceder se o banco Bradesco se recusar me isentar da divida já paga? Me ajudem devo recorrer ao advogado o Procon não resolve esse tipo de problemas?.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/08/2011 - 23:10
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma queixa no Procon.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 25/08/2011 - 23:48
      Enviado por: nelci

      meu irmão pediu o encerramento de uma conta corrente no banco sicredi,isso a mais de 2 anos e agora ele recebeu uma cobrança de uma divida que ultrapassa mais de 1500,00 o banco esta alegando que são da manutenção dessa conta, sendo que na época que ele fez o pedido de encerramento uma funcionária falou a ele que se ele não o movimentase por mais de 90 dias ela ia ser encerada automaticamente. Oque ele deve fazer. obrigada

      responder este comentário denunciar abuso
  • 27/08/2011 - 23:51
    Enviado por: Tânia de Oliveira

    Meu sogro é correntista do BANCO ITAÚ, desde 1973, mas de 2 anos pra cá, desde de que pediu o bloqueio de um cartão múltiplo, e para que fosse enviado um simples cartão de débito, tem sentido o desprezo desse banco na pele. Ele tem 79 anos e dificuldade de locomoção… então para que eu pudesse sacar e movimentar a conta dele, ele teve que colocar minha sogra no ano passado em conta conjunta,e assim veio um cartão no nome dela e com ele vinhamos movimentando esta conta, só que em julho/2011 ela faleceu, daí a coisa ficou pior… bloquearam o cartão dela, não conseguimos colocar outra pessoa em conta conjunta e nem encerrar a conta, pois eles querem o inventário pronto e um alvará expedido pelo juiz, para que qualquer coisa seja feita… é uma tremenda falta de respeito, já fui com ele muitas vezes nestes 2 anos ao banco e ninguém resolve absolutamente nada, não conseguem emitir um novo cartão pra ele, pois alegam que existe uma cobrança e que a mesma já está enquadrada, só que quando se liga na cobrança, ninguém acha nada… e nem explicam nada.
    Não conseguimos nem falar com a ouvidoria, pois uma mensagem diz que lá é a última instância… e a ligação é transferida para o SAC, que não resolve nada. Agora pergunto a vcs… O QUÊ DEVO FAZER PARA AJUDAR MEU SOGRO A RESOLVER ESTE PROBLEMA? SERÁ QUE ISSO NÃO SE ENQUADRA EM MALTRATOS A IDOSOS?
    Grata,
    Tânia de Oliveira.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 29/08/2011 - 18:09
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma denúncia no Procon contra o banco.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 31/08/2011 - 13:52
      Enviado por: ana silvia

      ISSO É UM ABISURDO Nõ de moleza ao itau corra atras de todos seus direito.eu tambem estou com muito desgosto do itau por isso vou fechar minha conta corrente.isso é um descaso com essas pessoas de sua familia faça sim uma denuncia.temos valor tanto como eles que se acham melhor do que gente…um abraço.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/08/2011 - 11:57
    Enviado por: Maria de Fatima

    Bom dia!
    Tenho uma conta corrente no Banco do Brasil, pois sou pensionista e automaticamente tive q abrir esta conta para poder receber, porém quando fiz a abertura da conta foi enviado um cartão múltiplo (Débito e Credito), como estava com uma restrição foi bloqueado o cartão credito, há mais ou menos uns 3 anos, com isso passei a utilizar apenas débito, porém faço uso do mesmo apenas para ir ao banco e sacar minha pensão, acontece q desde do mês de fevereiro/2011 estão fazendo algumas cobranças em minha conta corrente sobre fatura de cartão de crédito, estão fazendo a cobrança e extornando, isso todos os dias, fora as cobranças Tarifa Pacote de Serviços, todos os meses e pior, diversas vezes no mês, já enviei um e-mail com todas os extratos e faturas para o BACEN, mas até agora ninguém resolveu nada!!!
    O bando tem o direito de fazer estas cobranças, sendo q nem utilizo o serviços(extratos)???
    Há uma possibilidade de fazer uma abertura em outro banco, sem estas cobranças absurdas????
    Desde já agradeço a colaboração!!!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 31/08/2011 - 19:58
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não vemos nada de errado no procedimento do banco. Se quiser abrir conta em outros bancos, consulte cada um deles para saber sobre taxas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/08/2011 - 10:53
    Enviado por: Alexandre

    Bom Dia Recebo Auxilio Doeça No Banco Itau e toda Vez Que eu Vou Receber eles Esige que Eu Tire Todo o Salario de Uma Ves Só,eu Uso o Cartão do inss que tem o visa eletro nele que uso
    para pagar contas so que quando era do unibanco eu nao tive problema e agora tou tendo eles quer que eu abra uma conta corrente no banco para mim receber o que fazer,e eu nao quero tirar o dinheiro de uma vez por medo de roubo pode me dar uma orientação obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/08/2011 - 13:43
    Enviado por: ana silvia

    ola tenho uma conta corrente a mais de 3 anos.mas não estou mais aguentado tato encargos e juros.dai resolvi cancelar o cheque especial mas menos de 3 meses o banco liberou novante sem minha permissão.isso é correto?? vou fechar a conta mas estou pagando um emprestimo em crediario automatico.posso fechar a conta e pagar este emprestimo com boleto que o banco faria pra mim?? obrigado…por favor mende a resposta para meu E-MAIL ana silvia.uba@hotmail.com…muito agradecida.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 31/08/2011 - 18:13
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não repsondemos por e-mail. Você pdoe fechar a conta, mas a dívida permanece, sendo o banco definirá a forma da cobrança.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/08/2011 - 19:57
    Enviado por: Marcia Morei

    Olá, Boa Noite!

    Meu irmão comprou, por financimanto em nome de minha mãe, um carro depois de alguns meses sem poder continuar a pagar devolveu a finaneira que já estva ameaçando a busca e apreensão. Na época informaram qua estva atudo ok, mas agora eles estão ligando e é sempre uma mesma atendente que aos berros ameça e se montra extremamente grosseira com a minha mãe, que conta com mais de 70 ano. Pergunto e correto eles estarem cobrando, mesmo após terem vendido o carro? Qual seria a forma legal de livrar minha mãe desse tormento? Caberia uma ação por danos morais tendo em vista a forma de cobrança? Muitissímo obrigada desde já!!!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 31/08/2011 - 20:11
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, é correto, pois provavelmente ainda há débitos. Se conseguir provar que houve constrangimento, é possível sim processar a empresa por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/08/2011 - 20:42
    Enviado por: Carlos

    Olá Boa noite. fiz um saque com o cartão itaucard no valor de R$ 120,00 e realizei outras compras. o total d afatura foi de 303.31 e o mínino estão cobrando R$ 170.69..entrei em contato com eles e me informaram q os 15% são cobrados sobre o valor total da fatura e o saque incluido no valor mínino…isso é legal? pq então não são duas faturas separadas? 15% de 303 não é 170 NUNCA. O q devo fazer?

    Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

    • 31/08/2011 - 20:58
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não vemos irregularidade na questão, até porque não fazemos cálculos aqui. Sugerimos que procure o Procon para verificar se há alguma irregularidade.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 01/09/2011 - 07:22
    Enviado por: denise

    Senhor ontem dei entrada na Justiça gratuíta sobre: minha mãe tinha um benefício Lei-6.179/74 código 30 que lhe foi concedido em 25/08/87 e lhe retirada em 1993, assim que ela começou a receber a pensão por morte de meu pai. Sendo que meu pai, falecido, só tem uma pensão de R$545,00 e antes de morrer lhe foi indeferida a aposentadoria por tempo de serviço que na data de sua morte contava 37 anos de trabalho e ele estava encostado no inss motivo doença(mas mesmo encostado por 3 anos o tempo conta, certo?, pois ele estava com a carteira assinada, que até hoje não foi dada baixa. Na época que meu pai morreu eu era adolescentenão entendia de nada, só agora dei uma olhada emtoda a documentação e vi que estava tudo errado, contagem, retirada de pensão…. O senhor acha que tenho chances de conseguir algo? Envie a resposta para meu e-mail. Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/09/2011 - 15:29
    Enviado por: Eliene Fernandes

    Boa tarde!
    Gostaria de saber como proceder referente a uma conta no santander, estão me cobrando 700,00 de uma conta bancaria, aonde eu solicitei o cancelamento em 2010,(tenho o comprovante escrito da solicitação do encerramento de conta),como devo proceder? já informei ao gerente da agencia mais tá dificil falar com ele.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/09/2011 - 21:00
    Enviado por: Jefferson Alves

    Boa Noite.
    Possuo uma conta corrente no banco Bradesco por onde recebo o meu salario, tenho um emprestimo que esta em dia mas o cheque especial esta negativo em R$ 1.500,oo reais, por este motivo todo dia 20 e dia 05 que recebo o salario não consigo sacar um centavo pois so esta cobrindo o cheque especial, tentei negociar a divida com o gerente para que eu possa pelo menos nao ficar sem dinheiro para suprir minha necessidades basicas, mas o mesmo disse que nao poderia fazer nada.
    O Banco pode reter todo o meu salario para saldar esta divida?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/09/2011 - 23:59
    Enviado por: Mirella

    Sou funcionária de um banco e junto à este contraí uma dívida que compõe mais de 75% de minha renda. Há dois anos atrás fiquei doente e fui afastada por acidente de trabalho, como vocês bem devem saber o INSS só paga até 50% de sua renda quando vc é afastado, porém por convenção coletiva do sindicato o banco continuou arcando com os outros 50% restantes o que fez com que eu conseguisse cumprir com a dívida por até maio deste ano, quando o banco cortou o benefício e passei a receber somente o benefício do INSS, porém como a dívida era de 75% de meu salário e passei a receber apenas 50% além de não conseguir mais arcar com a dívida total, passei a ficar sem 1 real do meu salário/beneficio, como o banco possui um convênio com o INSS o meu beneficio é depositado diretamente na conta em que possuo a dívida o que faz com que eu fique realmente sem 1 real do meu beneficio e agora o que me assustou é que o gerente da conta vem debitando as aparcelas que não estou conseguindo pagar sem haver nenhum saldo na minha conta, minha dúvida é: ele pode fazer isso??? Já tentei acordo junto a instituição o que me negou tal…O que faço? Estou desesperada, não tenho dinheiro nem para comer e a dívida só está aumentando pq o gerente vem debitando até o que eu não tenho… por favor me ajudem…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/09/2011 - 15:42
    Enviado por: anderson

    ola boa tarde , gostaria de saber se é crime pessoas pegar e jogar fora correspondência , grato

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/09/2011 - 17:22
    Enviado por: andréa renata

    Boa tarde,tenho uma conta de pensão alimentícia no banco Bradesco em Belém do Pará desde 2003,na época ñ era descontado nenhum tarifa, na minha conta .
    No ano de 2007,recebi do banco uma correspondencia que dizia que eu teria de agora em diante uma cesta fácil,mas ñ informaram o quanto eu teria que pagar e também ñ me perguntaram se eu queria,tentei diversas x tirar essa cesta,pois só uso a conta para retirar a pensão,liguei para a minha agencia em Belém do Pará e me informam a mesma coisa que só posso retirar a tal cesta indo na minha agencia,mesmo eu alegando que moro no rio de janeiro.
    Essa conta eu só movimento no máximo 2 x ao mês,gostaria de saber se posso ir no procon,pois a conta é de pensão alimentícia.
    Obrigado,desde já .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/09/2011 - 20:06
    Enviado por: fabio

    tenho uma divida na caixa, no extrato do hsbc apareceu bloqueio judicial e foi debitado um certo valor. pode ter alguma coisa aver????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/09/2011 - 17:52
    Enviado por: Sergio

    Possuo conta no HSBC desde 96, atualmente tinha limite do cheque especial de R$ 1.280,00 onde da noite para o dia o banco alterou para R$ 650,00, eles dizem que foi realizado uma readequação na conta dos clientes e eu fui um dos escolhidos, fui informado que nada pode ser realizado antes de 6 meses. Eles garantem que mandaram uma carta informando da mudança, porem não recebi nada, a conta estava com divergência de endereço, porem recebo mensalmente as contas dos meus cartões de credito. Tenho cheques e débitos automáticos para cair, como devo proceder? O que eles fizeram é permitido?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 06/09/2011 - 18:39
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não vemos nada de errado na questão. Da mesma forma que o banco dá benefícios, pode tirá-los, desde que avise os clientes com antecipação.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 06/09/2011 - 19:12
      Enviado por: Sergio

      Qual prazo de antecipação pode ser considerado justo uma vez que a anos tal beneficio é utilizado?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 07/09/2011 - 13:33
    Enviado por: Ricardo

    trabalhei, em uma transportadora durante quase 6 meses, e sai porque eles não pagavam a janta só o almoço chegava a ficar mais de uma semana fora de casa, a empresa pagava R$11,00 de almoço e R$19.90 de pernoite, só q nesse tempo eu tomei uma multa de R$ 1.500,00 na divisa do rio pela policia federal. e essa multa chegou na empresa depois que eu não tinha mais vinculo com a empresa, o patrão me ligou, dizendo que eu tinha que pagar senão ele iria jogar um processo contra mim, só que se for ver bem eles não me pagaram a minha janta durante esses tempos todo, que da mais ou menos esse valor ou mais, pode eles me processar por eu recusar pagar essa multa a eles?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/09/2011 - 20:48
    Enviado por: liliane

    o banco santander me ligo oferecedo um cartão de credito no qual aceitei receber mais o cartão não chegou o que recebi foi uma fatura no valor de 630,00 reais para pagar , o que devo fazer pos não usei o cartão nem cheguei a receber.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/09/2011 - 11:01
    Enviado por: Jackson

    Bom dia perdi meus documentos em 2001 e uma pessoa usou indevidamente essa pessoa foi pressa e usou meu nome e foi solta agora o que eu faço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/09/2011 - 23:14
    Enviado por: Neuma

    abrir uma conta no banco do brasil e fiz um emprestimo no e nao conseguir pgar ,posso abrir um a conta salario,pode ser descontado no meu salario?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/09/2011 - 21:48
    Enviado por: Suely Mara Sielemann

    Tinha um débito junto ao Banco Brasil, que devidos aos altos juros não consegui quitar.Deste de 2009 não movimento esta conta, Foi depositado nesta conta o dinheiro do Pasep em 17/07/2011, o banco descontou deste dinheiro tarifas de movimentação de conta e renovação de cadastro de 2009 até junho de 2011, e só hoje que fui ao banco que fiquei sabendo.
    O banco poderia debitar deste deposito do Pasep valor da dídida?
    aguardo resposta,!!!!
    obrigada
    Suely

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/09/2011 - 22:49
    Enviado por: marcos ananias

    minha irmão foi sacar seu dinheiro e não tinha a quantia de sempre pois , havia sido descontado por débito em conta compras em seu cartão. sendo que ela havia feito uma compra e parcelada em 4x. o cartão foi cancelado. como faço para pedir o ressarcimento do valor que foi cobrado ao banco.Sendo que há compras a serem descontada no próximo mês…o que fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/09/2011 - 13:05
    Enviado por: WILLIAN

    SOU APOSENTADO A 11ANOS, CAI EM UMA DIFICULDADE FINANC E USEI MEU CRÉDITO ESPECIAL NA CEF, E NAUM CONSIGO QUITAR ESSA DIVIDA, E REÇEBO MHA APOSENTADORIA NA MESMA AG MAIS NA CT POUPANÇA…ELES PODEM SEGURAR OU BLOQUEAR MINHA APOSENTADORIA ? OBRG DESDE JÁ.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/09/2011 - 10:55
    Enviado por: eliana montrazio

    gostaria de saber porque o seguro do meu sogro nao veio ainda ja faz oito anos que ele faleceu o seguro foi feito no banco banespa foi para justiça ganhamos a primeira estancia so que ate agora nada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/09/2011 - 20:19
    Enviado por: Luciana

    Boa Noite!

    Abrir uma conta corrente ha 1 ano e 6 meses por insistencia do funcionario do banco santander que abordava os alunos na faculdade. M eu interrese era no cartao de credito mas ele insistiu na conta corrente ate que eu abrisse, nunca movimentei esta conta e agora estao me pertubando falando que gerou taxas. Lembrando que utilizo o cartao de credito e pago rigorosamente em dia. O que devo fazer!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/09/2011 - 17:01
    Enviado por: Maria Aparecida

    Boa tarde…estou passando por um problema que já pedi o fechamento de minha C/C a mais de 1 ano. e até hoje não fecharam.já fui na agencia umas 3 vezes. Tinha um saldo devedor,q foi gerado esse ano.achei estranho pq já tinha pedido o cancelamento na agencia até recebi papeis dizendo q no proximo vez depois do meu pedido de cancelamento a conta estaria fechada.Qdo foi esse ano fui retirar um dinheiro no caixa eletronico pra minha supresa a C/C ainda estava aberta já estou cansada de pedir na agencia nos telefones para reclamação e nada oq devo fazer? Me ajudem por favor

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/09/2011 - 23:06
    Enviado por: Maria

    Boa noite,
    Eu abrir uma conta na Caixa Economica Federal a quanse um mês e depositeu um valor de 200,00 (duzentos reais) e desde então nunca tirei e nem depositei mais nada, porém quando fui fazer um saque em um valor de 140,00 (cento e quarenta reais) me informaram que eu não tinha esse limite e quando eu pedir para tirar um extrato só constava que eu tinha 100,00 (cem reais)fui na agencia onde abrir minha conta e o genrente nem almenos achou minha envelope e disse que ia ver o q tinha acontecido e entraria em contato comigo, só q estou precisando deste dinheiro e que deveria esta na minha conta. Nessa situação o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/09/2011 - 00:26
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma reclamação no Procon.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 22/09/2011 - 17:13
      Enviado por: DAIANI

      Eu tinha uma conta no real , que fui em uma agencia mais perto do meu trabalho para fechar , so que o gerente da agencia com um bom atendimento me convenceu de continuar e seria transferida a conta para a agencia dele , enfim continuei com a conta mais começaram a cobrar seguro de vida na conta e uma tarifa absurda R$33,60, valor que eu nunca paguei para outro banco , que me prejudicou com os cheques que caiam na conta sem saldo suficiente, ate que um cheque foi devolvido duas vezes e meu nome foi para o serasa ,como eu não tinha costume de puxar extrato verifiquei que essas cobranças estão sendo cobradas a um ano e 5 meses. O que posso fazer nesse caso trata -se de danos morais ?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/09/2011 - 08:13
    Enviado por: diornes

    eu tenho uma divida na caixa federal que foi feita no ano de 2001, prestações de um financiamento para reforma, depois não consegui mais pagar, a caixa passou a divida para uma empresa de cobrança, que tbm não teve acerto, agora dia 17/09/2011, recebi 4000,00 de uma pessoa para entregar a outra, e quando fui sacar meu cartão estava bloqueado fui informado que tinha que ligar para o gerente da conta onde tinha a divida, ele me falou que tinha um debito em aberto e se eu podia acertar la com ele, disse que não tinha como pq o dinheiro não era meu, eu disse que acertaria outra hora quando me sobrasse um dinheiro meu, ai ele desbloqueou meu cartão, e hj 21/09/2011 fui sacar meu pis e tbm bloqueou meu cartão do cidadão, tá certa essa atitude dele? obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/09/2011 - 23:47
    Enviado por: Reinaldo

    Ação(coletiva) perdida no TST cabe recurso???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/09/2011 - 00:31
    Enviado por: Joice

    Olá,EU E MEU MARIDO nos mudamos de cidaDE….nós trabalhamos como atendentes,….antes de nós virmos morar na nova cidade vendemos um carro…agora temos que fazer transferencia para o novo proprietario…a questão é: tenho direito de me ausentar do trabalho para resolver essa situação?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2011 - 16:59
    Enviado por: marcio

    Boa tarde!
    Meu amigo tinha uma conta na caixa economica, onde a mesma foi encerrada pela propria caixa, desde de janeiro de 2011, agora apareceu 2 cheques que estavão estraviados, a pessoa que esta com ele esta usando de ma fe comigo, pois os dois ja estao pagos, mesmo a minha conta estar encerrada a caixa pode colocar meu nome no serasa por causa deles, ele poderia deixar entrar em minha conta os mesmo.

    Resposta no email:marcio_bertipaglia@hotmail.com

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/09/2011 - 13:08
    Enviado por: Diego

    Boa tarde!
    Ha quase 5 anos sai da empresa, quitei o saldo negativo e pedi o encerramento da conta corrente, somente agora tentei fazer um crediário e descobri que meu nome esta no SPC.
    Não movimento a conta desde que pedi o encerramento.
    Acredito não ter nenhum comprovante, pois essa agencia é na BA, vivo BH, tentei resolver numa agencia daqui e fui informado que só e´possível negociar na minha agencia.
    O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/09/2011 - 15:50
    Enviado por: fui a uma audiencia de conciliação no juizado especial ontem 27/09/2011,onde sou a reclamada. Ficou acertado que vou fazer o depósito na conta da advogada do reclamante. Fui ao banco efetuar o depósito e descobri que foi me passado o número de conta

    fui a uma audiencia de conciliação no juizado especial ontem 27/09/2011,onde sou a reclamada. Ficou acertado que vou fazer o depósito na conta da advogada do reclamante. Fui ao banco efetuar o depósito e descobri que foi me passado o número de conta errada. Oque devo fazer nesse caso?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/09/2011 - 01:36
    Enviado por: Sheron Avelino

    Boa noite.
    Fui notificado hoje com o seguinte documento da Receita Federal: “Termo de Diligência – Procedimento Fiscal Extensivo”, onde o mesmo me cobra recibos de despesas declarados a uma Dentista. Pois bem, não possuo esses recibos, pois não sei como meu contador agiu (não sei se ele comprou os referidos recibos ou simplesmente pegou os dados dessa dentista e incluiu no meu IR – ciente que EU EM MOMENTO ALGUM SABIA DISSO ATÉ O DIA DE HOJE COM TAL NOTIFICAÇÃO).
    Bom a cobrança refere-se ao ano de 2008 e o valor do imposto pago à época foi de R$5.682,45 e o restituido de R$3.707,71. Bom, diante das informações prestadas, quanto irei ter que pagar ao leão, isso será cobrado de que forma e o que terei que responder à justiça?

    Grato pela ajuda.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 29/09/2011 - 16:00
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não podemos repsonder, essa é uma questçao fiscal, e não de defesa do consumidor. Procure ajuda especializada.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/09/2011 - 12:48
    Enviado por: ana

    Eu tinha 12 contratos com o banco Itaú no qual 7 foram pagos, há 4 anos tento negociar os outros e é praticamente impossível, eu devia 20.000,00 e agora fiquei sabendo que devo 235.000,00, fui procurada pelo gerente do banco que disse que gostaria de me ajudar e como a dívida podia caducar era hora de fazer uma negociação que banco aceitaria, fui completamente enganada pelo gerente que só agora me esclareceu que a partir do momento que eu assinei a renegociação a data começou a prevalecer a partir da assinatura.Foi uma jogada abusiva de bancários com uma cliente.Preciso de uma orientação e indicação de um advogado honesto e competente no Rio de Janeiro, e ainda como o banco se recusou a fechar a minha conta que esta inativa há 4 anos anos, fui aborbada pelo mesmo com uma nova dívida no valor de 3.500,00 de saldo negativo na conta que não movimento e não tenho nenhum cartão e produtos na mesma, totalmente inativa.Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/09/2011 - 15:43
    Enviado por: Marcelo

    Não paguei a fatura do cartão de crédito desde março, no total faltava R$400,00, mas perdi o emprego e não consegui pagar, hj estão me cobrando R$737,60 e minha conta corrente está negativa em R$ 437,00 pq estão cobrando DEB AUTOM FATURA CARTAO MASTERCARD FINAL 1350, está certo em cobrar esta fatura do cartão na conta corrente?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/09/2011 - 16:45
    Enviado por: Danilo Costa Lima

    Preciso de Uma explicação.

    Comprei material de uma determinada empresa e ela negocio este titulo com o banco isso e legal pois não fui avisado deste processo.

    Grato
    Danilo

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/10/2011 - 15:50
    Enviado por: Rafaela

    Boa Tarde, tou com uma duvida, gostaria de saber por que eu estou com saldo devedor em minha conta sendo q no mes passado não fiz movimentação alguma exatamente pra cobrir, e hj qdo fui ao caixa eletronico constatei um saldo devedor e não pude sacr nenhum centavo, gostaria de saber como devo proceder pra reolver isso

    responder este comentário denunciar abuso

    • 04/10/2011 - 19:23
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não dá para entender o que você quis dizer. Antes de mais nada procure saber com o gerente o que está acontecendo.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 01/10/2011 - 20:32
    Enviado por: lolitaa

    boa noite, a meses atras comprei roupas do meu conhecido paguei uma parte mas no momento não posso pagar o resto…
    ele disse que se eu não pagasse ia prestar uma queixa. ele pode fazer isso, oq eu faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/10/2011 - 10:15
    Enviado por: Ester

    Preciso receber o meu pagamento como farei se só recebo no caixa do banco e não tenho cartão pra caixa eletrônico.

    obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/10/2011 - 14:23
    Enviado por: Alexandre Martins

    Boa tarde.
    Sou correntista da Caixa Econômica, fiz um empréstimo e não consegui terminar de pagar.
    Estou numa empresa que pede que eu abra uma conta salário na caixa para eu receber. Essa conta pode ser aberta? e se puder, eles podem descontar o valor que estou devendo?

    Obrigado pela atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 05/10/2011 - 16:13
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Só se o banco concocordaer e permitir – e o banco não tem obrigação de abrir essa conta se o coiente tem nome sujo ou restrição.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 06/10/2011 - 16:44
    Enviado por: cristiane

    Boa tarde,fui numa loja tenta fazer uma cartão e quando estava dando as informações para a atendente, percebi q ela anotou o nome e o CPF do meu irmão que esta devendo a loja.Eles podem me negar o credito por eu ser parente de alguém q deve a loja?

    Desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 06/10/2011 - 17:02
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Podem negar crédito por qualquer motivo, ninguém é obrigado a aceitar quem quer que seja como cliente. Se acha que houve constrangimento, então procure um advogado e questioje ou processe a loja na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 06/10/2011 - 16:51
    Enviado por: cristiane

    CONTINUAÇÃO
    Ai depois a atendente me falou q não tinha sido autorizado o cartão pois eu não tinha pontuação no CPF…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/10/2011 - 19:35
    Enviado por: Fabio Ramos

    Boa noite ,

    Tenho uma conta no Santander antiga com limite de R$3.500,00.
    Esse limite está estourado em R$350,00 , totalizando uma dívida de R$ 3.850,00.
    Quero encerrar essa conta imediatamente para que não seja cobrado mais juros sobre juros, porém preciso de uma negociação para o valor devido. Até o momento não consegui nenhum acordo com o banco.
    Posso encerrar a conta e ficar com essa dívida para negociação ?
    Por favor , peço uma orientação.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 06/10/2011 - 20:58
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, pode. Cada banco tem seus próprios procedimentos, mas é bom fazer isso via Procon, para que não haja problemas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 07/10/2011 - 09:42
    Enviado por: Alexandre Martins

    Marcelo, voce respondeu a minha pergunta informando que o banco não tem obrigação de abrir conta para clientes com nome sujo. Mas conta salário não entra nesta situação, correto?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 07/10/2011 - 17:35
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Já respondi a você e a mais de 100 antes de você: não tem obrigação. Leia os textos do site e as repsostas a outros leitores.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 07/10/2011 - 11:53
    Enviado por: cidinha

    Minha amiga foi morar com um cara e esse individuo pegou a cartao de credito dela e sacou dinheiro sem que ela soubesse agora se separaram e ela foi ver a fatura do cartao e descobriu e agora o que fazer ????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/10/2011 - 22:39
    Enviado por: ELSON

    tenho uma conta no itau a 2 anos 8 meses resebo meu salario nesta conta perdi o meu cartao de credito a 5 meses boquiei ao cartao a pedido da gerente mas nao consigo reseber outro cartao o banco resebe o cartao so que vai desbroquear e nao concege e agora com a greve fiquei sem pagamento.uqui faser.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/10/2011 - 09:42
    Enviado por: rodrigues

    ola marcelo. estava em divida com itau mais quitei todas nao tenho mais nada cheques cartao recebi boletos com descontos de ate 96% mas o nao concigo financimento itau alega que dei prejuizo a intituiçao como se recebia proposta para quitaçao fui contenplado em um alvara de taxi preciso de um carro uma ferramenta de trabalho mais nao concigo vejo isso como danos moraeis ate o score tenho o nome limpo

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/10/2011 - 22:03
    Enviado por: Marcelo

    boa noite. Gostaria de saber qual o procedimento a fundamentação a adotar na seguinte situação: Recebimento de bolsa-estagio pelo IPHAN mesmo após encerrado o contrato. Utilizei o dinheiro depositado, contudo, pretendo restituir, haja vista que estou sendo cobrado, etc. Pergunto:Posso requerer o parcelamento dessa dívida? até quantas vezes? Muito Obrigado!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2011 - 11:11
    Enviado por: Ketllyn

    Gostaria de saber o seguinte:
    Possuo conta no banco do brasil, Eles me deram um prazo de 15 dias úteis para receber o cartão e ja faz quase dois meses que abri a conta e ainda não o recebi então não posso realizar saques. E mesmo com os bancos em greve não posso fazer nada na conta, eles podem cobrar a taxa mensal da conta?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2011 - 16:15
    Enviado por: humberto erico molgaro

    bôa tarde.emiti um cheque em 2007 para um mercado e agora fis um acordo no tribunal de conciliação e mediação,onde ficou acordado que vou pagar 14 parcelas…paguei a primeira parcela dia 10/10/2011 e perguntei se meu nome já sairia do spc e serasa,a moça me disse que não, só mediante o pagamento total da divida.então questionei o fato de ser um mercado,sendo que numa loja é assim que acontece.ela disse q ali era diferente,mas falei q o mercado tinha me colocado no spc e eu achava que era por lei q mediante o primeiro pagamento sairia,ela disse que não existe lei para isso e q ele tiraria se quisesse…isso é verdade?? obrigado!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2011 - 18:10
    Enviado por: maria janete machado ferreira

    bôa tarde.fis uma reclamação para minha operadora dia 02/10/2011,sobre um chip com 1 numero movel e outro fixo pré pago,comprei a uns 3 anos mas agora dia 2 fiquei sabendo por eles q não está no meu nome o numero fixo,como pode se os dois são em um chip só. eu uso frequentemente o fixo, e mais paguei por ele,me disseram q entrariam em contato em 48 hs,não aconteceu então liguei novamente e passei o protocolo do dia 2,pra minha surpresa disseram q o protocolo ñ existe q só consta um pedido de informação de promoção no dia 2,nem gravação existe,sendo q fiquei 30 minutos com eles.mas eles não sabem q gravei tudo no cel.o q devo fazer? me ajude!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2011 - 20:10
    Enviado por: maria janete machado ferreira

    bôa noite.vou explicar o que esta acontecendo,tenho um chipe da tim onde a uns 3 anos atraz eles fizerao uma promoçao que voce comprava um numero fixo acoplado ao numero movel no mesmo chipe ou seja um movel e um fixo juntos no mesmo celular trazendo comodidade ao cliente,mas no dia 02.10.2011 acabei descubrindo que esse mesmo numero fixo que era para ser meu esta no nome de outra pessoa que eu nao sei quem seria pois operadora nao quis informar, me passarao um numero de protocolo mandando eu aguardar 48h que eles iriam resolver o meu problema, mas nao aconteceu entao entrei em contato novamente e descubri que tambem nao exitia esse protocolo ou seja a operadora nao solucionou o meu problema e me originou mais um o que eu faço?sendo que tenho gravado em meu celular a conversa do dia 02.10.2011 provando que tentei solucinar o problema e nao tive exito.espero que agora eu tenha conseguido te explicar e desculpa a outra pergunta e que estou nervosa e nao sei o que fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/10/2011 - 20:13
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A operadora errou o tempo todo. Faça uma queixa no Procon e no site da Anatel e exija no Juizado Especial Cível a regularização das linhas telefônicas e indenização por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 11/10/2011 - 22:50
    Enviado por: Sandro

    Boa noite, tenho uma conta no Santander que antes era Banco Real, e abri ela em 2005, ganhei vários tipos de créditos, e um limite de 4.950,00, aí precisei de 8.000,00 e fiz um empréstimo em 24 meses, uns 12 meses paguei tudo certinho, depois me compliquei e atrasei muito, então o banco tirou os valores das parcelas do meu limite e fiquei quase 1 ano pagando só os juros que eram de quase 10%, ou seja, acho que paguei uns 4.000,00 de juros, pra pagar a dívida fiz um acordo com o banco e paguei em 12 meses de 700,00, e além disso o banco era pra ter tirado meu limite e não tirou, então como precisei de dinheiro saquei meu limite e novamente eu quebrado não consegui pagar o limite que saquei, e agora o banco está me cobrando a dívida, só que eu gostaria de saber se tenho como recorrer a um advogado para receber os juros abusivos que paguei da primeira vez.

    desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/10/2011 - 08:00
    Enviado por: Pollyanna

    Bom dia,
    a Oi (telefonia) incluiu meu CPF no SERASA sem me comunicar em janeiro deste ano, e só tomei conhecimento há uma semana por ter sido impossibilitada de realizar uma compra por haver restrição no meu nome. Nunca fui informada de haver algum débito na OI e nem que teria meu nome incluido no SERASA. O que faço?? Posso ter meu nome incluido no SPC sem ter sido comunicada?? Grata, Pollyanna

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/10/2011 - 17:33
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pode sim. Se quiser, pode tentar processar quem enviou o seu nome para os cadastros por danos morais, mas as chances de sucesso são mínimas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/10/2011 - 03:34
    Enviado por: Felipe Centeno

    Trabalho na CEF (CAIXA ECONÔMICA FEDERAL), e faço abertura de contas…Em todo o caso, quando é solicitado para mim ou proponho a abertura de uma conta corrente, digo a respeito das tarifas vigentes da conta (CESTA DE SERVIÇOS) que é cobrada com a utilização dela ou não. e isto esta no CONTRATO ASSINADO PELO CLIENTE, com muita certeza, se os senhores estão sendo debitados, com muita certeza foram com autorização de vocês, ou seja se realizou a abertura de uma conta, e não ira utilizar mais, simplesmente vá a agencia bancaria e peça o encerramento desda mesma,se não VOCE permitiu estes débitos a sua conta, pelo simples costume de muitos de assinar e nao ler o que assinou .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/10/2011 - 17:40
    Enviado por: Michelli

    Boa tarde Marcelo.

    Tenho uma dúvida, fui assaltada no dia 16/09 e levaram minha bolsa com todos documentos e cartões em geral bloqueei todos mas me esqueci de um cartão de credito e chegou uma fatura em casa de 830 reais, queria saber se eu terei que pagar ou tem como evitar só com o B.O em mãos,que havia feito no dia seguinte ao assalto.Ou que providência tomar?
    Desde já Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/10/2011 - 18:09
    Enviado por: Douglas

    Boa noite,
    Fiz uma compra no dia 7 de dezembro de 2010 parcelada em 6 vezes no cartão de credito e somente fui cobrado neste mês de outubro (2011). Liguei para a operadora do cartão e eles me informaram que o problema é da loja por não ter repassado a compra. Gostaria de saber por quanto tempo depois de efetuada a compra a operadora de cartão pode me cobrar, pois no meu caso já se passaram 10 meses e somente agora chegou a primeira parcela?
    P.s: como é em debito automático já foi efetuado o pagamento da primeira parcela.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/10/2011 - 18:28
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não há prazo de estabelecido em lei, a loja tem esse direito de cobrar. Se você percebeu que não tinha sido cobrado tinha de ter verificado qual era o problema. Não há nada de errado na questão, a cobrança é legítima.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/10/2011 - 18:48
    Enviado por: Andreone

    Olá Marcelo!
    Então,eu sou marido da Michelli,que mandou a mensagem acima,gostaria de saber se quando dermos entrada no processo perante o Procon essa dívida fica ”congelada” até o término do processo,ou alguma financeira pode continuar a cobrá-la? Além do mais,com esse cartão ha alguns meses tentamos utilizá-lo na loja do mesmo porém sem sucesso… e agora ladrões conseguem utilizálo por ai a fio,sendo assim podemos processar a loja onde tiramos o cartão por danos morais? Acho isso um absurdo… Muito obrigado,um grande abraço até.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/10/2011 - 20:10
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procon não é Justiça, não tem poder de polícia nem de juiz.. A dívida continua rolando normalmente e pode continuar a ser cobrada, mesmo que haja processo de negociação. Entendemos que a loja não é o objeto da questão, mas é possível tentar um processo contra o estabelecimento.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/10/2011 - 23:04
    Enviado por: Flávia

    Olá, uma operadora de cartão de crédito entrou em contato para me oferecer um cartão em julho deste ano, eu aceitei, o cartão chegou e eu realizei a primeira compra dia 11/08 deste mesmo ano, o vencimento era para o dia 15 e a primeira fatura que recebi foi com vcto para 15/09 ( a primeira fatura do cartao também) no entando eu realizei o pagamento dela dia 03/10 devido a greve dos correios, e recebi dia 13/10 uma notificação do serasa por falta de pagamento, porém ao entrar em contato com a operadora eles me informaram que seria referente a fatura do mes de agosto/2011 e que estaria com mais de 60 dias de atraso, eu expliquei a primeira fatura deste cartao era a com vcto em setembro e a atendente me informou que seria o erro em um dos sistemas, retornei a noite para consultar novamente e o erro havia persistido. o que devo fazer? se foi um erro deles, eu nao deveria estar no serasa, pois nao existem estes 60 dias de atraso.
    aguardo retorno, desde já
    obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 11:32
    Enviado por: Leonor

    Olá Marcelo,
    Gentileza me informar como proceder no seguinte caso: Abri uma conta poupança no Bradesco para depositar um valor a Previdencia, só que fiquei 5 meses sem depositar tal. Fui verificar o valor da divida e descobri que não estou devendo a Previdencia, pois esta foi paga pela banco em uma conta corrente com LIS, a qual não solicitei. Ou seja, estou devendo o banco e está correndo juro sobre juros. Como se não bastasse recebi 2 cartoes de credito do banco que também não desbloquei e recebi fatura destes. Como proceder?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 11:43
    Enviado por: joao carlos barros

    Bom dia
    Por favor preciso de uma informação, a algum tempo atras o banco onde tenho conta sem a minha permissão enviou 2 cartões para a minha casa, em seguida com muito custo apos ligar na agencia e no sac do bradesco consegui cancelar os cartões, porem chegou em minha casa depois de varios meses uma fatura de um dos cartões fazendo uma cobrança no debito automatico da minha conta uma anuidade de R$47,50. Pergunto posso processar o banco e qual o procedimento tendo em vista que tive a maior dor de cabeça para ligar cancelando os mesmos e agora eles retiram dinheiro da minha conta sem mais nem menos.
    obrigado

    joão carlos

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 14:33
    Enviado por: ROSANE

    boa tarde

    paguei uma divida do banco do brasil para uma empresa tercerializada o valor era 1300 fiz uma acordo de 920 o valor originario era de 140.fui até o banco encerrar minha conta e o panco disse que tenho que pagar 900 de taxa por não movimentar a conta está correto isso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 17:17
    Enviado por: alex

    estou devendo pra um banco e queria saber se eles pode tirar meu dinheiro de uma comta corrente q tenho em outro banco?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 18:29
    Enviado por: Jefferson

    Olá, sou aposentado do estado do rj, recebo meu benefício em c/c no itáu que em breve vai para o bradesco, porém tenho uma dívida com o banco e vem decontando mais 65% do meu salário, gostaria de saber que se eu cancelar a minha c/c o meu pagamento vai ser pago de outra forma sem ser depósito em c/, ou se também vão cancelar o meu pagamento?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/10/2011 - 15:58
    Enviado por: Melissa de Cassia P.Rocha

    Tenho uma divida com Banco Bradesco na minha conta corrente,outro dia chegou uma carta C&A modas me informando que meu credito estava suspenso com aquela loja,da Qual o bradesco e a financeira atual Obs:não tenho pendencia com aquela loja efetue algumas compras ja quitadas,quando hj fui ate uma agencia providenciar a abertura de conta salario,fui informada q a mesma estaria condicionada ao pagamento da divida da conta corrente,liguei na minha agencia e fui informado pelo gerente q nao posso abrir outra conta somente posso usar minha conta corrente como forma de receber meu pagamento.e que devo acertar um acordo ao qual não posso fazer no momento,e posso ate perder este emprego,o que fazer?cabe danos morais e materias…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/10/2011 - 16:41
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não vemos nenhuma irregularidade na questão. Pague a dívida e regularize a questão. Se quiser insistir, procure um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 19/10/2011 - 11:29
      Enviado por: Melissa de Cassia P.Rocha

      so q a questão e,não posso pagar no momento,e não vou conseguir o emprego sem a conta,ok

      responder este comentário denunciar abuso
  • 18/10/2011 - 21:13
    Enviado por: Fabio Medeiros

    boa noite…
    passei em um concurso publico do estado de Rondonia…
    estou na fase da academia de formação..o governo ofereçe uma bolsa no valor de R$ XX, só que eles estaõ pedindo para que eu abra uma c/c no Banco do Brasil, até aí tudo bem, mas o problema é que tenha um debito de algums cheque que voltaram pelo banco BRADESCO..e meu nome está CCF.

    A minha pergunta é se posso abrir essa conta no BANCO DO BRASIL, não só para receber a bolsa mas tembem o meu pagamento fururamente..?

    eles são obrigados a abrir essa C/C pra mim

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/10/2011 - 23:03
    Enviado por: sonia de castro

    boa noite
    meu ex marido falesceu em 17 de outubro de 2003,tive uma filha,ele tinha 3 meses de casado,depois acontecimento, a viúva contratou advogado,eu fiquei com mesmo advogado,agora saiu a sentença,danos materiais,mas o cálculo do advogado,não fiquei de acordo,o valor da causa e de R$ 856,659,38,foi depositado,na conta advogado,gostaria de saber, se valor calculo,feito p/advogado a parte da minha filha,está correto,ele calculo no valor R$ 976.000,00,a parte da minha filha ficou R$ 196,761,60 esse cálculo esta correto? o que devo fazer.pois acho que o advogado, está tirando aproveito da situação.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/10/2011 - 21:10
    Enviado por: Deleuza Pavim

    Recebi esta informação (mentirosa) em meu e-mail!

    de Mario Rocha financeiro@motocana.com.br
    responder a financeiro@motocana.com.br
    para deleuzap@gmail.com
    data 17 de outubro de 2011 14:19
    assunto deleuzap@gmail.com boleto Ref. NF(aqui vai o nº)

    Informo que o boleto Ref. NF (aqui o nº) que venceu dia 09/10 no valor de R$1.048,00 não foi pago.

    Estou enviando em anexo 2ª via do boleto atualizado para pagamento.

    ATENÇÃO: Caso a duplicata não seja paga em até 4 dias após o vencimento a mesma irá para cartório.

    (Em destaque, ou seja, em negrito está escrito assim)
    Boleto em anexo: BoletoNF (aqui vai um nº)PDF

    Obrigado.

    Mario Rocha Vieira
    Administração / Financeiro
    Motocana Máquinas Implementos LTDA
    Fone:

    “Gostaria de saber se devo fazer algo e, se devo, a quem recorrer. Este tipo de situação não pode continuar a enganar pessoas inocentes. Não sei se é um caloteiro querendo receber algo que não devo ou, um Hacker querendo invadir meu computador… não acho certo eu simplesmente deletar, me livrando do perigo e, deixando os “caloteiros, ou invasores” a continuar enganando pessoas.
    Agradeço sua atenção,

    Deleuza Pavim

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/10/2011 - 21:52
    Enviado por: Michelle

    Tenho uma dúvida.Tenho uma conta poupança no Bradesco e verifiquei haver um débito recorrente da empresa Visa, pois contratei informalmente os serviços da maquininha de cartão de crédito e débito.Detalhe segundo o vendedor do serviço não seria cobrado nenhuma tarifa.Fui sacar o dinheiro depositado na poupança para comprar um vestido para ir num casamento quando me deparei com o débito.O que devo fazer partindo do principio que não existe contrato de adesão do serviço.Me sinto lesada.Quais os meus direitos…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/10/2011 - 00:40
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Afinal, você contratou ou não o serviço? Defina isso primeiro para depois questionar a operadora de cartão no Procon, se for preciso, além de procurar mais finromações com o banco.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/10/2011 - 08:46
    Enviado por: Sandro

    Bom dia, tenho uma oficina de motocicletas, e tenho 2 casos que gostaria de tirar dúvidas, um deles é que somos autorizada de uma certa marca para prestar serviços e assistência técnica, mas a loja dessa marca fechou aqui na minha cidade e estou me encomodando com clientes que ficam bravos por ser motos chinesas e as peças muito caras, e como não tenho condições de fazer um estoque com essas peças, quando o cliente pede alguma peça tenho que pedir de 15 á 30 dias para entregar as peças, mesmo assim a fábrica não liga pra saber como estamos, se estamos precisando de algo ou não, estamos a ver navios com essa marca, visto que abri a oficina pra atender principalmente esses clientes em garantia, e agora nenhuma moto mais tem garantia porque já passou do tempo, o outro caso é de uma moto dessas chinesas que se envolveu em um acidente causando um óbito, ela está na oficina 2 anos e 8 meses, quando deu 1 ano que estava lá, cobrei a seguradora que levou a moto, por meio de notificação extrajudicial o valor de R$ 923,00 referente a estadia dela, na outra semana eles autorizaram fazer o serviço no valor de R$ 3.428,00. como as peças demoram pra chegar depois de uns 79meses que consegui terminá-la, daí liguei pro dono da moto, liguei pro seguro, tirei as NFS, recebi o valor do seguro, mas o cliente devido a colocar um processo sobre a pessoa que estava no outro veículo que se envolveu no acidente, ainda não foi buscar a moto, gostaria de saber se cobro a estadia dela lá, ou se entro com um processo, ou se entro com uso capião dessa moto.

    desde já agradeço,

    atenciosamente,

    Sandro

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/10/2011 - 11:56
    Enviado por: Larissa

    gostaria de saber se posso processar uma loja
    que aceitou um cheque que assinaram por mim, tenho conta aberta no HSBC por conta de uma empresa que não trabalho mais, e nunca utilizei o cheque ao invés de chegar dois talões só veio um e o outro imagino que tenha sido desviado por alguem, que fez maldade e gastou 2.900 nessa loja,e com isso meu nome ficou sujo eu pedi uma micro filmagem e foi constatado que a assinatura não era minha quero saber o que fazer, pois tenho provas de que não foi utilizado por mim e preciso limpar meu nome, e ser ressarcida com todos os gastos que estou tendo, obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/10/2011 - 13:58
    Enviado por: Waléria

    Boa tarde, minha conta esta bloqueada judicialmente e o pouco de dinheiro que havia nela foi bloqueado. Gostaria de saber se eu receber(uma única vez) em outro banco no qual não possuo conta por ordem de pagamento se corro o risco de chegar p receber e não poder pegar o dinheiro por causa do bloqueio judicial?
    Obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/10/2011 - 11:09
    Enviado por: Rogerio

    ola td bem?
    Meu cpf foi bloqueado pela tim por causa de 30,00 e gostaria de saber o que esta certo e o que esta errado porq nao recebi nenhuma carta de cobrança.

    Obrigado!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/10/2011 - 16:32
    Enviado por: Layanna Bruna

    Boa tarde , gostaria de saber eu ja tenho a mas de um ano cartao C&A só da loja e sem anuidade, e agora me enviaram um cartao sem minha permissão ,e com anuidade e sem minha assinatura, tao me cobrando ate anuidade de um cartao, que eu nao quis e muito menos desbloquei, o que devo fazer ? aguardo a resposta grato..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/10/2011 - 10:19
    Enviado por: Silvia

    Bom dia, minha mãe foi a uma loja retirar sua faturas deu o cartão para moça e ela deu a fatura errada, minha mãe não olhou se a fatura era dela porque ela ja tinha dado o seu cartão e naquele momento so tinha ela para pegar a fatura , ai ela pagou e quando somente em casa foi visto o erro ela voltou a loja e disseram que iam resolver e agora a munher disse que ela e minha mãe vão dividir o valor isso é correto como devemos agir

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/10/2011 - 12:01
    Enviado por: zuleide

    Tenho conta corrente mais meu nome esta sujo no sps serasa.Posso continuar usando meu talão de cheque para compras normalmente?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/10/2011 - 15:23
    Enviado por: suely

    Gostaria de saber se tem alguma possibilidade de uma empresa ser processada, ou advertida, referente a repasse e pensão alimentícia? Acontece que na empresa onde o pai do meu filho trabalha,é descontado do salário dele corretamente, todo dia 05 do mês,eu recebo deposito em cheque em conta estabelecida pela justiça dia 15,17,20, não tem dia certo, não deposita ás vezes o real valor, sempre tenho que ligar no rh da empresa, para saber se foi feito ou não, tenho resposta as vezes de ter esquecido na gaveta, depositou valor errado, sempre pra menos, nunca para mais o erro, todo mês tenho uma suspresa.
    Não posso responsabilizar o pai do meu filho, pois do pagmento dele sai todo mês no dia certo, o que posso fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/10/2011 - 23:01
    Enviado por: Jose clovis

    Tenho uma conta em um banco usei meu cartao multiplo no debito sem querer e nao movimentava minha conta mas fiquei devendo dai começaram aas cobranças de taxas e encargos…Nunca recebi nenhum extrato e so fiquei sabendo quando me ligaram dizendo que tinha estourado meu cheque especial…como devo proceder….

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/10/2011 - 10:32
    Enviado por: joelma

    Marcelo por favor me ajude!!!!! O bradesco desconta da minha conta anuidade 2,3 vezes no mesmo mes,e em vários meses!! e tbm descontou da conta anuidade do cartão American Expres, sendo que eu não tenho esse cartão! e nunca solicitei,,,, nesses casos posso edir indenização por danos?? onde osso ir? muito obrigada….

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/10/2011 - 17:28
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma reclamação no Procon contra o Bradesco e acione o banco no Juizado Especial Cível pedindo indenização por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 26/10/2011 - 23:59
    Enviado por: Juliana

    Abri uma conta no Santander pela empresa que estava trabalhando, estava com restrições no CPF porém 6 meses depois chegou um cartão de credito com limite de R$600,00 em minha residência sem eu pedi-lo porém começei a utiliza-lo e fiquei desempregada e não efetue mais o pagamento, alguns meses depois chegou um correspondência informando que que tinha sido feita uma nova analise e eu tinha um novo limite no valor de R$ 350,00. O que deu a entender que o cartão estava liberado pois em momento algum estava escrito a havia um bloqueio, liguei para central de atendimento eletrônico e informou a mesma coisa que meu limite para compra era de R$350,00 então eu imaginei que o cartão estava liberado para compras, fui eu até a loja para usa-lo o cartão não passou fui na agencia do Santander que informou que eu tenho o limite porém esta bloqueado como que eu tenho um limite que estava disponivel porém bloqueado disponivel´para mim é disponivel, então liguei para central para resgistrar uma reclamação e fui informada que tenho que saldar minha divida para liberar meu crédito, sendo que foi constrangida na loja pois imaginava que o cartão estava liberado. Gostaria de saber se posso processar o banco por constragimento, pois passei por uma situação nada legal e se eles podem fazer esse tipo de envio de correspondência informando que a um limite e o limite não existe.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 27/10/2011 - 00:48
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Poder pode, se vai ganhar é outra questão. Entendemos que será perda de tempo, mas procure um advogado e avalie se é o caso de processar o banco.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 27/10/2011 - 20:40
    Enviado por: Edivan

    Boa noite!
    Gostaria de saber se um sócio majoritário pode desligar-se da empresa e retirar todo o seu capital investido mesmo sabendo que isso poderá fechar a empresa? Tem alguma lei que regulariza esse caso?

    Grato

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/10/2011 - 10:58
    Enviado por: Cleide

    Boa tarde estou com um problema em um banco fiquei desempregada e estou impossibilitada e trabalhar no momento e não pude honrar com uma divida no banco que havia feito emprestimo, o meu saldo esta negativo devido ao nao pagamento do emprestimo, quero encerrar a minha conta tenho direito a isso e como devo proceder se o banco tentar me barrar? Há alguma lei que me proteja?
    Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/10/2011 - 21:57
    Enviado por: Emerson

    fis um cartâo na loja Riachuelo e fiz duas compras uma de 100r$
    e outra de 40r$ dividido em 7 vezes e sem mi avisar nada estâo mi cobrando um seguro de 9r$ e alguns centavos, dizendo que como tenho parcelas a vencer sou obrigado a pagar o seguro;fora que era sem juros, e ja 70r$ na primeira fatura e 39,81 da segunda e estâo me cobrando mais 67 e alguns nâo concordo com isto.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/10/2011 - 11:49
    Enviado por: Ducinéia Maria de Lima

    Contratei um seguro residencial bradesco onde acobertura contra roubo é de 15 mil reias. ocorre que houve um furto na minha casa e meu prejuizo foi de aproximadamente 13 mil. Portanto o banco só quer restituir 4 mil. O que devo fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/10/2011 - 18:24
    Enviado por: Aparecida

    Gostaria de tirar uma dúvida.
    O aluguel residencial, na maioria dos casos, compreende o dia 1º de cada
    mes até 30/31 de cada mes, com tolerancia até o dia 05 do mes seguinte,
    (a data que consta no vencimento da maioria dos boletos de aluguel).
    Se um encargo, exemplo: taxa de água, vence no dia 06 (um dia após o
    ultimo dia do prazo de pagamento desse boleto), a imobiliaria pode
    prender o boleto e só liberar quando tiver esse valor para acrescentar
    no valor do aluguel?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/10/2011 - 14:34
    Enviado por: ANDREA

    Gostaria desaberse eu deve IPVA do carro (3 parcelas), meu nome é incluso ao SPC ?
    Obs.: “Ñ tenho carro”

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/10/2011 - 19:17
    Enviado por: leonardo

    Boa Tarde! Tenho uma conta corrente na CAIXA desde 2007, por causa de um financiamento habitacional: disseram-me que se eu o pagasse com débito em conta teria desconto na prestação. Durante o primeiro ano pagava uma tal taxa de manutenção de conta, mas assim que soube da resolução do Banco Central que determinava a “conta de serviços essenciais”, fui à Agência e falei ao meu gerente que não queria pagar pela manutenção de conta, nem ter nenhuma “cesta de seviços”. Passei vários meses, sem pagar qqer tarifa, até que recebi um telefonema estranho da CAIXA me parabenizando que eu fui “CONTEMPLADO” com um tal limite de cheque especial, eu disse que não queria esse limite e que deixassem minha conta como estava: sem nenhuma cesta de serviços, limite de cheque especial, resumindo uma conta simples sem nada. Não adiantou no mês seguinte apareceu na minha conta uma tal “tarifa de cesta de serviços” R$12,50, sem que eu a tivesse solicitado ou sequer autorizado. Estou sendo cobrado desde SETEMBRO/2011, tentei ir à minha agência 7 vezes, mas dei com “cara na porta” as 7 vezes, pois a agencia ficou fechada por aproximadamente 20 dias por causa da greve dos bancários. Estou muito revoltado com tudo isso e queria um ressarcimento do banco por desrespeitar o meu desejo e direito de não ter “cesta de serviços” e “cheque especial”. O que eu devo ou posso fazer?
    Desde já agradeço a atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/11/2011 - 22:57
    Enviado por: Juscieli

    Boa noite!
    Tentei fazer um financiamento para adquirir uma moto, não tenho restrições, tenho trabalho fixo, porém o bancos Bradesco e Itaú não liberaram, alegando o seguinte: “sem experiência de crédito”. Pedi para a vendedora que atendeu me enviar por e-mail o porquê da não liberação. Fiquei muito frustrada com a situação. Gostaria de saber se eles agiram legalmente, já que não tenho restrições.
    Atenciosamente,
    Juscieli

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/11/2011 - 20:18
    Enviado por: nazareth

    Tenho uma divida como o banco do brasil e fui admitida numa empresa onde o patrao deposita o salario no mesmo,sera que o banco pode pegar meu salario todo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/11/2011 - 01:07
    Enviado por: maria janete machado ferreira

    bôa noite,meu genro comprou uma tv lcd 32 no hipercard em 10x, de 98,00 que estava em promoção no big alvorada rs.no dia 29/10/2011.a tv está com defeito então meu genro tentou fazer a troca na loja dia 01/11/2011 mas não conseguiu pois não tem mais tv cce lcd 32.quiseram dar outra de maior valor e ele teria que pagar a diferença,ele não aceitou então disseram q ele procurasse em outra loja,ele disse q não q a obrigação é do big,então tentaram convence-lo a fazer reembolso,ele falou q não e q comprou uma tv e queria sair dali com a tv,não com reembolso ou ter q desembolsar mais dinheiro,ele teve q trazer a tv estragada de volta e tem q retornar dia 03/11/2011,para tentar solucionar o problema.nosso medo é que passe os 7 dias para fazer a troca na loja e acabar tendo que levar a tv pro concerto sem nem te-la usado.me aconselhe como devemos proceder e qual a lei que nos protege,para estar fundamentada para falar com o gerente…espero sua resposta o mais rápido possivel pois amanhã dia 03,temos que estar na loja as 10:30. obrigado pela atenção…JANETE.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/11/2011 - 14:20
    Enviado por: joelma

    Olá Marcelo,por favor me tire uma dúvida:O bradesco fez cobranças indevidas de várias anuidades na minha conta,e descontos de um cartão que eu nunca solicitei,nem ao menos o recebi…..uma vez que eles estornaram todo o valor descontado indevidamente ‘a minha conta,mesmo assim eu poderia entrar com pedido de indenização?..Pois tive muita dor de cabeça com isso,alguns gastos por estar correndo atráz disso,muita perda de tempo…..por gentileza me tire essa dúvida…..Obrigada..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/11/2011 - 22:39
    Enviado por: Larissa Pires

    Boa noite!

    Fui agora a noite ate uma agencia do banco itau realizar um saque e tentei retirar a quantia de 40,00 reais o saque aparece como efetuado com sucesso na tela porém não saiu dinheiro algum. Tentei falar com alguém mas como está de noite não tinha ninguém no banco, no momento entrei em contato com a central do itau e me mandaram ir falar amanha com o gerente. Fiquei sem dinheiro sem nada para voltar para casa e tive que retornar a pé. O que devo fazer, isso pode se encaixar por danos morais???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/11/2011 - 18:22
    Enviado por: cristiano

    boa tarde,to com um broblema com o banco santander ele me cobra uma divida de cartão de credito que não fiz, é também não tenho cartão de credito somente de debito.
    o problema é que não posso receber meu pagamento pq o banco bloqueou minha conta e não posso sacar nada no caixa eletronico, o banco só vai desbloquear se eu entrar em um acordo e paga a divida que nem é minha.

    como fasso pra processar o banco e levar o casso pro procom.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/11/2011 - 11:53
    Enviado por: Maria Gomes

    Boa tarde, tenho uma divida numa papelaria em outra cidade a 2 anos,estou tentando negociar com eles mais eles estar cobrando juros altíssimo mais da metade do valor devido. o que eu faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2011 - 09:50
    Enviado por: Camila

    Olá Marcelo, por favor me tire uma dúvida: passei q receber um benefício pela previdencia social que me deu como ordem de pagamento a agencia do banco itaú, como não entendia do assunto a funcionária edo banco me fez entender que eu precisaria de uma conta corrente para sacar o dinheiro,assim fiz abri a conta mais daí estava discontando valores no meu benefício, procurei o INSS e eles me disseram que eu não precisaria de uma conta corrente pois receberia apenas pela conta da previdencia e que pensão não podem ser discontados nehum valor. Ai procurei a agencia e fiz o devido encerramento da conta, mais até a data de hoje o dinheiro não caiu na conta da previdencia. Estou deseperada, sem saber o que fazer! Posso ter perdido o meu beneficio após cancelar a conta? O que devo fazer? Por favor me de alguma orientação.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2011 - 10:37
    Enviado por: cris sillva

    tem 05 meses que tento sacar meu dinheiro no banco e não consigo sacar o que faço?já fui na agência e foi-me enviado 02 cartões novos,e nada de conseguir a transação,e outro cartão foi solicitado,o dinheiro era para quitar uma divida e tive que pedir emprestado,não quero fazer esse sac na boca do caixa e sim no caixa eltronico pois é um direito de me cabe como consumidor,o que faço agora?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2011 - 21:02
    Enviado por: carla

    passei um cheque sem previsao de fundos, mas na segunda representacao meu cheques foram compensado, a pessoa que passei o cheque tirou copia da primeira devolucao, e usou em um processo publico de reclamacao para denegrir minha pessoa, posso processa-lo, por danos morais,

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2011 - 23:11
    Enviado por: PAULIA ALVES

    OLA SOU CLIENTE DA CAIXA A 3 ANOS E FOI ABERTA UMA CONTA SALARIO PRA DEPOSITO DA PENSAO DA MINHA FILHA ESSA CONTA QUE FOI TROCADA POR A 023 CONTA FACIL ONDE A EMPRESA NAO ACEITAVA AI FUI FALEI COM O GERENTE E FOI CANCELADA E ELE FEZ UMA CONTA SALARIO HOJE DEPOIS DE ANOS QUE NUMCA SIDO DESCONTADO NADA NO MES DE SETEMBRO COMECOU A SER DEBITADO 12,50 POR MES LIGUEI E FUI ENFORMADA QUE ERA MANUTENÇAO DA CONTA AI FALEI MAS NUMCA DESCONTARAM PORQUE ISSO AGORA O QUE FAÇO MIM AJUDE

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/11/2011 - 13:50
    Enviado por: HellenVs

    Boa tarde, gostaria muito que me ajudasse a esclarecer um assunto: Fiz um acordo com o banco Santander a 2 meses e quando fui consultar o SPC consta ainda 2 dos 5 serviços que eles disseram que estava incluso no valor que paguei. Estou nervosa pois nao tenho como pagar novamente e consegui dinheiro empresatado para pagar aquele valor, nao peguei o protocolo da ligação somente o numero do acordo. Como devo proceder?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2011 - 12:47
    Enviado por: Livea

    Boa tarde.

    O banco do brasl me enviou uma fatura cobrando uma compra no cartão de crédito. Porém, ao abrir a conta, pedí o pacote mínimo e só cartão de débito.
    Fui ao banco hoje para saber sobre esta fatura e o atendente me disse que o meu cartão é de débito e crédito. Ao fazer uma determinada compra, a loja passou o cartão na função de crédito(sem que eu soubesse, até mesmo porque nem sabia que tal coisa pudesse acontecer) e, mediante a minha senha do débito, a função crédito foi ativada e tenho que pagar por esse “serviço prestado”.

    Gostaria de saber se isso é legal e o que devo fazer agora.

    Desde já agradeço muitíssimo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2011 - 16:59
    Enviado por: Sueli

    Olá , eu gostaria de saber se o meu CPF estiver “regular” na receita federal eu poderei fazer compras e abrir crediário ? preciso saber urgente ! desde já agradeço .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/11/2011 - 21:54
    Enviado por: Geovana

    Ola,estou com um problema gostaria de saber se pode me ajudar.Fiz um cartão em uma loja e eles me ofereceram um seguro conta paga caso ficasse desempregada. Informei a eles q sou autonoma e naum queria o seguro. Mesmo assim na primeira fatura o tal seguro veio. Efetuei o pagamento da fatura menos o seguro e cancelei o tal. Mas mes apos mes eles mandam pra mim a cobrança com juros , mora e tudo mais e agora colocaram meu nome no serasa e ficam me ligando fazendo cobranças. Gostaria de saber se posso entrar com um processo contra esta loja por danos? Porque deixei bem claro no dia que fiz o cartao que naum gostaria de ter o seguro. Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/11/2011 - 01:07
    Enviado por: jaqueline

    fui fazer uma compra em um supermercado com meu cartão de credito e ele mesmo tendo limite não passou e fiquei morrendo de vergonha… pois tive que pedir para uma amigo pagar para mim no debito automatico.
    queria saber se posso entrar com uma ação contra a financeira deste cartão, pois horas antes eu liguei e uma atendente me disse meu limite e que tambem poderia usá-lo !
    desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/11/2011 - 10:28
    Enviado por: TONY LIMA

    PAGUEI EM MARÇO DE 2010 UMA PARCELA DE Nº 42 QUE SERIA A ULTIMA PAGUEI TRINTA DIAS ADIANTADO, FALARAM QUE EU NÃO TINHA PAGADO, AI PAGUEI DENOVO MAIS MESMO ASSIM MEU NOME CONTINUA NO SPC O QUE FAÇO ME AJUDA AI….

    BANCO NÃO RESOLVE MEU PROBLEMA:
    ASS: TONY LIMA SÃO PAULO

    TÔ TRISTE COM BANCO J.SAFRA…
    11 7730 9741

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/11/2011 - 19:26
    Enviado por: silmara rocha

    Ola, tire minha duvida: minha filha abriu uma conta jovem ela tem 16 anos no bb , eu estou em uma processo trabalhista minha empresa esta, havera a possibilidade da conta dela ser bloqueada judicialmente se houver buscas de contas em meu nome e em nome da empresa, pois na hora da abertura eu assinei tambem a abertura e oscheques que ela emite eu tenho que assinar em baixo a assinatura principal é dela, a conta nao é conta conjunta mas precisei assinar pois ela é de menor, sera que ela pode ser bloqueada?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/11/2011 - 17:16
    Enviado por: Marcos

    olá,abri uma conta corrente na caixa, e sem que eu tivesse solicitado, me enviaram um cartão de credito com a bandeira master.Será que mesmo sem desbloqueá-lo eu vou pagar anuidade, se for sim, oque fazer? avisar ao banco que eu não quero o cartão?
    obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/11/2011 - 20:35
    Enviado por: Israel

    Bom dia, tenho o seguinte impasse: Tenho uma conta universitária no bb que anteriormente era da nossa caixa. A tarifa antiga era de R$ 3,00. Quando mudou para BB nunca me falaram nada sobre a necessidade de eu ter que levar documento comprovando que eu era universitário. Sempre tiro o dinheiro que meus pais me mandam, e a alguns dias notei que o bb vem cobrando R$ 7,00 de mim todo mês! Fui falar com o gerente, e escutei que é por que não atualizei minha conta nesse ano! Horas eu nem fui avisado disso, e na mudança de nossa caixa para bb não se falou nada! Faz varios meses que eles vem cobrando… o que eu posso fazer? Ir no procon? Por que o gerente falou que o banco não vai devolver nada!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/11/2011 - 18:10
    Enviado por: Roseli

    Fui fazer um saque em meu cartao de credito , so que cancelei o pedido. Chegando em casa vi que o saque tinha cido realizado sem minha autorisaçao . Oque devo fazer , ja entrei em contato com o banco , me pedirao para aquarda 5 dias .
    Oque devo fazer ?
    obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/11/2011 - 14:03
    Enviado por: Edvaldo Pereira vitalino

    minha conta corrente na caixa foi encerrada sem aviso prévio.depois de 15 dias fui informado,por esse motivo não recebi meu salário.procurei a gerência que me informou que foi porque utilizei o limite de 500 reais e não devolvi no prazo de 60 dias,fui obrigado a quitar todo meu débito com a caixa pra abri uma nova conta e receber o pouco que me restou.A minha dúvida é:A caixa agiu corretamente?Me senti injustiçado,mas tenho algum direito nesta questão?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/11/2011 - 14:31
    Enviado por: Alexandre S.

    Ola gostaria de uma informação, abri uma conta corrente na Caixa Econômica Federal em 26/11/2007 para receber meu salário na empresa que trabalhei, saindo dessa empresa não mais movimentei essa conta e não encerrei a mesma, passaram-se 4 anos praticamente, e no dia 13/11/2011 recebi uma carta do SPC e SERASA onde meu nome estava entrando para o cadastro de pessoas inadimplentes por não pagamento de um valor que eu desconhecia que hoje está em R$ 721,00. Liguei para Caixa Econômica Federal que possuo conta hoje e a Gerente me deu todas as informações sobre a conta corrente, agencia e me forneceu o endereço e todo o processo que estaria acontecendo com minha conta corrente inativa, e me orientou a procurar o banco onde abri a aconta para esclarecimentos.
    Fui até o banco onde fui atendido pelo Gerente de atendimento que me esclareceu que a conta estava devedora por uma tarifa cobrada pelo banco ao longo desses anos, onde foi gerado um debito nesse período e ao atingir o limite do cheque especial o banco cobriu esse valor e colocou meu nome no SPC e Serasa por falta de pagamento. Tentei negociar esse valor com o Gerente mais não teve conversa, gostaria de maiores esclarecimentos, pois dentro desses anos nunca recebi nenhum extrato do banco informando cobrança de tarifa nenhuma nem de extrato consolidado do ano anterior com as cobranças relativas ao lançamentos de tarifas bancarias. Como devo proceder neste caso?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/11/2011 - 21:13
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A cobrança é devida. Tente negociar por meio do Procon um desconto ou questione a dívida na Justiça, com chances remotas de sucesso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/11/2011 - 13:06
    Enviado por: ozeias

    OLA ESTOU COM UM PROBLEMA EU FIX UM DEPOSITO NO BB NA BOCA DO CAIXA, O CAIXA TROCOU O NUMERO DA AGENCIA PELO DA CONTA, OU SEJA O DEPOSITO CAIU EM AGENCIA DIFERENTE E CONTA DIFERENTE O QUE POSSO FAZER AGORA , ME AJUDE

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/11/2011 - 15:47
    Enviado por: Ricardo Figueredo

    Boa Tarde! Tenho uma dúvida em relação à cobrança de tarifas bancárias.

    Abri uma conta no Santander em Janeiro, a pedidos da empresa em que estou fazendo estágio. O Santander me disse que a conta não teria cobrança de encargos pois era conta da empresa parceira deles, porém a empresa nunca me pagou pelo Santander, sempre pagou por outra conta.
    Essa conta do Santander que abri gerou uma cobrança de 200 reias sem que eu movimentasse 1 centavo nela. O banco pode cobrar esse valor? Ou posso reclamar a cobrança sem prestação de serviço?
    Já conversei pessoalmente com meu gerente que vai verificar do que se trata essa cobrança.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/11/2011 - 11:00
    Enviado por: 17/11/2011

    Bom dia;

    Tendo uma dúvida e nem sei se alguém poderá me ajudar. Enfim, tenho restituição do imposto de renda para receber, porém está bloqueada por conta de um débito que tenho na receita, já parcelei este débito. Minha pergunta é: após efetivar o pagamento da 1º parcela a receita já libera o pagamento da restituição?

    Desde já agradeço!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/11/2011 - 11:59
    Enviado por: Glendal Pereira

    Minha filha viveu com um homem por 3 anos. Ele passou vários cheques dela para credores dele e não cobriu os cheques que acabaram voltando. Agora os credores estão ameaçando processar minha filha se ela não pagar os cheques. O que ela pode fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/11/2011 - 14:06
    Enviado por: teresa

    Na época do banco BBC, meu marido tinha uma conta com limite para cheque. A mais de 14 anos o banco fechou e não tinha como manter contato. Quase 10 anos atrás me apareceu uma empresa de cobrança em nome do BBc cobrando um absurdo de divida.Fiquei com nome sujo por 3 anos, quando vence o prazo de deixar meu nome no spc eles mudam a empresa e vem com nova mudança.Eles já bloquearam minha conta poupança tudo que tenho no banco. estou desempregado por estar com nome sujo não consigo trabalho,hoje minha esposa foi informada que sei nome não consta nenhuma restrição no spc e serasa mas devido a estar vinculado ao meu cpf ela não consegue credito. A conta não é conjunta. isso pode????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/11/2011 - 14:07
    Enviado por: teresa

    muito bom o site de vcs, foi indicado por uma amiga.
    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/11/2011 - 16:36
    Enviado por: Bruno

    Olá, gostaria de esclarecer algumas dúvidas.

    Minha namorada fez algumas compras no cartão do banco dela e passou um período sem dinheiro e não pôde pagá-las, então os valores iam aumentando por causa dos juros. Quando voltou a trabalhar foi pagando as dívidas de pouco em pouco, pois os juros já estavam tão altos que não dava pra pagar tudo de vez. Só que quando ela paga uma parte do valor num determinado mês, corre os juros sobre juros e o valor aumenta de novo na próxima fatura, sendo assim ela nunca vai conseguir pagar o valor total.

    O que se pode fazer para não correr mais o juros sobre juros? O Banco tem esse direito de sempre aplicar os juros?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/11/2011 - 16:47
    Enviado por: JONAS FARIAS

    Olá, sou bancário (caixa) e um certo dia me pusserão para assumir a tessoraria, sendo que no mesmo dia o caixa eletrônico apresentou problemas, com isso foi convocado um técnico do próprio banco para fazer o concerto, porém o mesmo acabou subtraindo 10 mil reais do caixa o qual concertava. Gostaria de saber o seguinte, mesmo ele tendo sido demitido, por que foi provado que ele que pegou o dinheiro. Sou obrigado a pagar pro Banco todo esse dinheiro?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/11/2011 - 08:34
    Enviado por: Aline

    Olá, eu sou adicional de uma cartão o qual a titular é minha irmã, porém só eu uso o cartão o dela nem é desbloqueado, já possuo o mesmo mais ou menos uns 7 anos e nunca tive problemas. Na quinta-feira (17/11/11) tentei comprar um ingresso de teatro pela internet e não foi aprovada a compra, liguei para o televendas e também não foi possível realizar a compra, entrei em contato com a administradora do cartão e o mesmo não falou mas deu a entender que o cartão estava bloqueado, pois me perguntou se eu havia recebido um cartão com chip. No dia 19/11/11 fui até uma loja de informática comprar uma peça com o cartão e o mesmo foi recusado novamente. O que eu posso fazer para colocar na justiça, que documento eu preciso e como conseguir, uma vez que as faturas estão todas em dia?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/11/2011 - 23:46
    Enviado por: italo batista

    Boa Noite, estou tendo problema com itaucard, pois em 2007 fiz um acordo de pagamento com desconto, porem depois disso fui obrigado a enviar 4 vezes o comprovante de pagamento pois eles colocavam meu nome no SPC, porem agora em novembro fui fechar minha conta no banco itau, e questionei a gerente sobre uma restrição interna,pois sempre que tentei adquirir credito em algo relacionado ao itau eu era impedido por essa tal restrição, foi quando descobri que no itaucard consta que eu nao paguei o acordo, me pediram pra mandar o comprovante de 2007,sorte que eu tenho guardado ainda, mas quero entrar nos pequenas causas, pois pela 5° vez fui obrigado a mandar comprovante, e caso eu nao tivesse como faria isso….me mandaram uma cobrança novamente…posso processar esse banco? ja cansei de ser feito de tonto por esses gigantes inuteis. ainda nao foi resolvido nada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/11/2011 - 23:52
    Enviado por: italo batista

    Fui fechar uma conta do santander, porem a mais de 2 anos não movimento a conta, o antigo gerente cancelou as taxas e eu só pagaria por aquilo que usasse, porem ao tentar fechar o atual gerente me cobra uma divida de 233,00 de tarifas bancarias, e disse que o que o outro gerente fez,não é problema dele, e só fecharia se eu pagasse, entrei em contato com o SAC e me disseram que a cobrança é de tarifas de cheques devolvidos, porem ja devolvi todos os cheques, e paguei a quantia de 55,10 por folha de cheque, sendo 15 no total, eles podem cobrar novamente essas taxas, sendo que ja paguei todas as taxas que foi cobrada?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/11/2011 - 19:37
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Prove que pagou todas as taxas que estão sendo cobradas novamnente e depois procure o Procon para fazer uma denúncia.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/11/2011 - 08:59
    Enviado por: Lica Rara

    Trabalho em uma empresa que tem um CNPJ que não está mais em atividade assi como a conta do banco está cancelada já há alguns meses e hoje trabalhamos com um novo CNPJ. e nova conta no banco.
    O fato é que nosso cliente pagou duas faturas erroneamente para o CNPJ que está inativo e depositou o dinheiro para a conta que não existe mais e nos passou o comprovante.
    O banco informa apenas que não recebeu este dinheiro e o cliente diz que já pagou, e agora, o que faço?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/11/2011 - 20:22
      Enviado por: Marcelo Moreira

      O banco tem de resolver essa questão. O cliente tem de provar que fez o depósito e o banco tem de achar o dinheiro.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/11/2011 - 14:17
    Enviado por: Luiz Carlos

    tenho uma conta no banco bradesco, a mais ou menos dois meses fui roubado e pedir a segunda via do cartão da conta informando o motivo so que faz mas de um mes e o cartão não chegou fui a agencia pra ver se o cartão estaria la e nada eles ainda fica falando pra fazer saques na boca do caixa enquanto o cartão não chega so que trabalho de motorista e preciso do cartão pra fazer abastecimento durante a noite e to perdendo dinheiro pois muitas vezes tenho que fica esperando o banco abrir e o banco não emitir outro cartão; oque faço para que o banco emita outro cartão ja que toda vez que vou na agencia eles falam pra aguarda?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/11/2011 - 18:34
    Enviado por: adriano

    (i) “Período de Teste” é o prazo de 14 (quatorze) dias a partir da “Data de Início” do curso, concedido a
    todos os alunos matriculados pela primeira vez na Englishtown.
    (ii) “Data de Início” é definida pela data de ativação do curso do aluno, sendo o mesmo informado
    através de uma mensagem de correio eletrônico enviada pela equipe da ENGLISHTOWN.
    4.3 O cancelamento de qualquer curso “Private Teacher” será realizado de acordo com a tabela abaixo
    (tabela “Política de Cancelamento”);
    Solicitação de cancelamento Reembolso e quitação Kit do aluno
    até 14 dias depois da
    “Data de Início” do curso.
    100% de reembolso do
    valor pago pelo curso.
    Usuário pagará R$90,00
    referente às despesas
    administrativas de
    manuseio e envio.
    Veja detalhes no item 4.3.2
    do 15° dia ao 90° dia depois
    da “Data de Início” do curso.
    Permitido com a quitação de
    50% do valor total do curso.
    a partir do 91° dia depois da
    “Data de Início” do curso.
    Não é permitido o cancelamento.
    Veja detalhes no item 4.3.1.
    Tabela “Política de Cancelamento”
    4.3.1 Considerando o desconto concedido ao Usuário no valor do curso adquirido, e tendo em vista as
    características do serviço prestado pela internet à distância, os investimentos relacionados à infrastrutura
    tecnológica, licenciamento de software, dimensionamento de capacidade e alocação de professores são
    realizados pela ENGLISHTOWN no momento de matrícula do usuário, e não no decorrer do curso, não
    será permitido o seu cancelamento a partir do 91º dia da data de início de curso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/11/2011 - 21:25
    Enviado por: Fabiane

    MEU NOME FOI PARA O SERASA POR CAUSA DE UM EMPRESTIMO QUE PAGUEI ATRASADO E MEU TALÃO DE CHEQUE DE OUTRO BANCO FOI BLOQUEADO.
    O BANCO PODE FAZER ISSO???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/11/2011 - 09:30
    Enviado por: Claudio

    Bom dia, tenho uma conta na Caixa Economica Federal, a 2 anos e 8 meses, tive uma quantia sacada da minha conta, fui a minha agencia contestar o saque, ele me pediram um prazo pois iria se fazer uma auditoria, a auditoria respondeu que nao houve indicios de irregularidades e por isso nao iriam me ressarcir…..entao disse ao meu gerente, já que els nao iriam me ressarcir, eu tambem nao iria pagar nada, encontrei um amigo que é gerente da mesma instituição e relatei a ele, que me orientou a ligar para ouvidoria da Caixa, a minha agencia, me chamou e me pediu para preencher uns formulario .
    Depois me pediram um prazo, e eu sempre ligando para saber do resultado, depois de 1 m~es, fui informado que nao houve irregularidade, o que fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/11/2011 - 15:16
    Enviado por: PAULO ROBERTO PADUA COSTA

    boa tarde pago um contado mas não esta SEDO gerado notas na empresa so pagaria as contribuição do governo anual eu poderia para de pagas este contador por que esta empresa não esta gerando nenhum lucro não esta prestando nenhum serviço de notas ou funcionário obrigado ..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 00:07
    Enviado por: walquiria

    olá! boa noite meu marido ser chamar leonardo ele trabalhava no hospital e recebia dinheiro pelo banco santander, depois de 9 anos quase 10 anos trabalhoando lá ele foi demitido. antes de ele ser demitido ele recebeu uma proposta de um cartão de credito desse banco e quando ele estava falando com atendente ela lhe imformou que as anuidades dois 2 cartões do titular e do dependente só seria cobrada quando ele desbloquia-se os cartões, mas isso não aconteceu quando os cartões chegou mandaro a fatura cobrando as anuidades cheguei a pagar algumas. ligaram para ele comparecer no banco para fechar sua conta. depois que ele resolveu ele perguntou porque estava chegando cobrança do cartãos de credito ,e disse a atendente do banco que quando ligaram para ele só seria cobradas as anuidades quando ele fize-se o desbloqueio dos cartões. e ele perdiu parar fazer o cancelamento dos cartões pois não tinha feito o desbloqueio e já estavam mandado fatura cobrando as anídades dos cartões. A atendente disse para meu marido que já tinha feito o cancelamento e que ele não iria receber mas fatura de cobrança das anuidades dos cartões pois já tinha sido cancelado. Só que continuan cobrando as anuidades dos cartões já cancelados no próprio banco pelo meu marido. o que ele deve fazer para parar com as cobranças .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 08:53
    Enviado por: Rosana

    Abri uma conta no banco bradesco e esqueci da conta nunca mexi. 6 meses depois recebi uma carta do serasa avisando q meu nome seria sujo se nao pagasse o valor de 235,52 ao banco bradesco, isso foi em 2008 e ja se passaram 3 anos.
    hoje preciso do meu nome limpo.
    oque faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 11:26
    Enviado por: elainec.s.gracioli

    eu estou em transação com o banco itaú, fazendo um consorcio so que eu quero receber um carne com as parcelas para pagar e eles querem que eu todo mes va ate ao banco para retirar o boleto para eu pagar dizem que é porque sou correntista,eles podem fazer isso, oque faço desfaço o negocio eu estou muito chateada com oque esta acontecendo e não sei oque fazer…obrigada elaine

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 11:27
    Enviado por: helena

    bom dia, no dia 26-11-2011 fomos com meu sogro fazer comprar no cartão do supermercado do makro só que o dia de vencimento do cartão é todo dia 01 de cada mês quando terminamos e fomos para o caixa o cartão não passou, mesmo ele pagando antecipado passamos uma vergonha na frente das pessoas só trouxemos porque eu estava com um cartão de débito e passei as compras. gostaria de saber doutor mesmo a pessoa pagando a fatura antes do vencimento o estabelecimento pode não liberar o limite de folta, pois meu sogro tem 80 anos e pagou ante do vencimento sem falar se caso eu não tivesse com o cartão de débito a vergonha que ele passou. gostaria de saber ser pode torma alguma providencia contra isso.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/11/2011 - 18:08
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Anets de mais nada procure saber o motivo da recusa no pagamento no supermercado. Entre em contato com a operadora do cartão. Dependendo da explicação, faça uma queixa no Procon e processe a empresa por danos morais. !!

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/11/2011 - 12:07
    Enviado por: Adriana

    Meu marido tem um cartao de credito que utilizou ate perder a valilidade ,recebeu uma 2 via pagou tudo o que devia e nao desbloqueou o novo no entanto mesmo com o cartao bloqueado ele esta recebendo cobranças de anuidade .li o contrato e nao vi nada a respeito.Ele realmente precisa pagar?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 12:58
    Enviado por: walquiria

    meu maridi recebeu uma proposta de um cartão de credito do banco santander e a atendente disse para ele que ele só comecaria a pagar anuidades quando ele fizesse o desbloqueio dos cartões deo titular e do dependente. só que quando o cartões chegou começaram a chegar as anuidades do cartões de credito do banco santander, ele trabalhava no hospital e como ele recebia pelo próprio banco ligaram oferecendo este cartão. depois que ele foi demitido ligaram para ele comparecer no mesmo banco para ele encerrar sua contar. quando terminou de resolver ele perguntou porque o banco estava cobrando as anuidades dos cartões mesmo ele não ter perdido para desbloqueiar e a atendente perdiu o cartão e quando devolveu desse que o cartão já estava cancelado. mas isso não aconteceu contiuan mandado cobrança relacionada as anuidades de cartões já cancelados pelo banco e meu próprio marido. o que ele deve fazer nesta situação

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 13:03
    Enviado por: helena

    Seu comentário está aguardando moderação.

    28/11/2011 – 11:27
    Enviado por: helena
    bom dia, no dia 26-11-2011 fomos com meu sogro fazer comprar no cartão do supermercado do makro só que o dia de vencimento do cartão é todo dia 01 de cada mês quando terminamos e fomos para o caixa o cartão não passou, mesmo ele pagando antecipado passamos uma vergonha na frente das pessoas só trouxemos porque eu estava com um cartão de débito e passei as compras. gostaria de saber doutor mesmo a pessoa pagando a fatura antes do vencimento o estabelecimento pode não liberar o limite de folta, pois meu sogro tem 80 anos e pagou ante do vencimento sem falar se caso eu não tivesse com o cartão de débito a vergonha que ele passou. gostaria de saber ser pode torma alguma providencia contra isso.

    responder este comentáriodenunciar abuso

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/11/2011 - 18:02
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Anets de mais nada procure saber o motivo da recusa no pagamento no supermercado. Entre em contato com a operadora do cartão. Dependendo da explicação, faça uma queixa no Procon e processe a empresa por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/11/2011 - 13:09
    Enviado por: walquiria

    Seu comentário está aguardando moderação.
    28/11/2011 – 12:58
    Enviado por: walquiria
    meu maridi recebeu uma proposta de um cartão de credito do banco santander e a atendente disse para ele que ele só comecaria a pagar anuidades quando ele fizesse o desbloqueio dos cartões deo titular e do dependente. só que quando o cartões chegou começaram a chegar as anuidades do cartões de credito do banco santander, ele trabalhava no hospital e como ele recebia pelo próprio banco ligaram oferecendo este cartão. depois que ele foi demitido ligaram para ele comparecer no mesmo banco para ele encerrar sua contar. quando terminou de resolver ele perguntou porque o banco estava cobrando as anuidades dos cartões mesmo ele não ter perdido para desbloqueiar e a atendente perdiu o cartão e quando devolveu desse que o cartão já estava cancelado. mas isso não aconteceu contiuan mandado cobrança relacionada as anuidades de cartões já cancelados pelo banco e meu próprio marido. o que ele deve fazer nesta situação
    responder este comentáriodenunciar abuso

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/11/2011 - 13:18
    Enviado por: tatiana

    Meu CPF junto a Receita Federal esta pendente de regularizaçao Gostaria de saber se posso abrir uma conta salário ja fiz todas declaraçoes e nao sai,assumi um cargo pulbico que fiz por concurço e estou correndo risco de ser esonerada por nao conceguir abrir uma conta salario oque devo fazer ja faz 2 meses

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/11/2011 - 17:53
    Enviado por: Fernanda

    Abri uma conta no Santander mas nunca movimentei a conta, só uso os cartões de créditos e pagos todos em dia. Estão me cobrando taxa de manutenção (pacote) num valor de 32,90 mensais, a dívida já está em 300,00. Liguei pro banco e informaram que tem 72 dias em atraso que vão bloquear meus cartões e que era p/ eu tentar fazer um acordo parcelando a dívida e que depois a conta seria encerrada. O que eu faço? Pago a dívida ou procuro o Procon p/ saber se eles podem me cobrar essas taxas?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/11/2011 - 18:00
    Enviado por: Priscila

    Bom dia
    Tenho uma conta universitaria no banco real que abri já fazem 4 anos, movimentei a conta por 2 anos e quitei tudo e vim pro exterior e deixei uma procuração pra que ela pudesse resolver minhas coisas no Brasil. Então Mandaram uma carta quando fez um ano que estava fora do Brasil dizendo que meu nome iria pro Scpc se nao pagasse as taxas, minha irmã foi pagar e levou a procuração pra fazer o cancelamento da conta, mas eles nao aceitaram pq a procuração nao especificava o nome do Banco. Mas quando eu fui fazer minha procuração o atendente me disse que nao precisava especificar os nomes de bancos, então minha irmã nao conseguiu fechar a conta. Portanto agora esta fazendo 2 anos e chegou outra carta Dizendo que meu nome iria pro Scpc pela falta de pagamento de taxas. O que eu faço nesta situação ??? Obrigada se puder me ajudar.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/11/2011 - 20:24
    Enviado por: Liduina oliveira

    É muito importante que esses temas estejam sempre em discussão pois o povo brasileiro é muito maltrarado, por falta de orientação as vezes enfrenta muitas dificuldades.
    Mas, aconteceu algo comigo, alias com a entidade qual represento, uma associação de mulheres do município de Itapipoca ceará. Imagine que precisamos abrir uma conta conjunta no bradesco e depois de muito chá de cadeira e todo tipo de dificuldades, a atendente resolveu após uma semana e depois de ter pago dividas que surgiu em nome da tesoureira, o pessoal do banco resolveu me fornecer o número de uma conta e segundo, ela, eu poderia repassar o tal número para receber os recursos de um projeto qual a associação estava pleiteando e que foi aprovado.Resumindo um mes depois ao tentar fazer o depósito o pessoal do projeto descobriu que a conta não constava no sistema do banco. e ai? o que farei?
    A gerente defendeu a funcionária dizendo que a mesma só usou de boa fé para conosco, já que tinhamos pressa para informar a conta.Estou doente, com pressão alta, chateadíssima, sem rumo e não sei o que farei se a entidade perder o projeto por causa disso. Como poderei entrar na justiça? devo? do que precisarei para isso? O que tenho de provas são: testemunhos da tesoureira , secretária e todo o grupo de mulheres que fazem parte do projeto, email me comunicando com a equipe da coelce que são os praceiros, e a denuncia que fiz a ouvidoria do banco. Tudo isso serve pra alguma coisa?
    Ficarei grata se me der uma orientação sobre o caso.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 30/11/2011 - 17:35
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Aparentemente o banco cometeu uma falha grave. É possível questionar o banco na Justiça e pedir indenização por danos morais. Essas provas devem servir. Procure a ajuda de um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/11/2011 - 12:39
    Enviado por: MICHELLE

    ola senhores gostaria de tira uma duvida tenho o precesso contra uma financeira pois ela colocou meu nome incorretamento no registro de inadiplente.Mais quando teve a audiencia meu advogado deu desistencia do processo sei minha permicão.Ele tem o direito de torma essa decisão sei o meu consentimento.O que eu faço agora?

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário: