Estado.com.br
Domingo, 14 de Fevereiro de 2016
Advogado de defesa
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Nome no CCF do BC traz limitações ao crédito

Categoria: Especiais

Para não ter o nome incluído no Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundos
(CCF) do Banco Central, o consumidor deve ficar atento para que seu cheque
não seja devolvido duas vezes por insuficiência de fundos (alínea 12), não
emita cheque de conta encerrada (alínea 13), e não apresente mais de três
cheques sem fundos da mesma conta de depósito no mesmo dia – prática espúria
(alínea 14).

Posts Relacionados

  • No Related Post

Tópicos Relacionados

636 Comentários Comente também
  • 20/10/2006 - 12:09
    Enviado por: lucio santos

    Não localizo o portador do cheque.
    Pelas minhas anotações, identifico determinada pessoa jurídica (loja). Porém, o representante da empresa me diz que não receberam o tal cheque.
    Qual seria a sugestão?

    Lucio,
    Você pode consultar pelo site da Receita Federal, com o número do CPF do dono do cheque, como está a situação financeira do portador. Outra solução seria ir até um PoupaTempo e pedir uma certidão chamada de “nada consta” do portador. Com esses dados você consegue o endereço e pode acionar civilmente o devedor, exigindo que pague na Justiça o que lhe deve.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/10/2006 - 11:46
    Enviado por: Luiz

    É sempre muito ruim ter o nome incluído no CCF! Causa muitos transtornos na nossa vida financeira.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/09/2007 - 17:24
    Enviado por: Carlos Henrique

    Boa tarde,

    Tenho uma conta corrente no Banco do Brasil e foram devolvidos 07 cheques com o código (12). Gostaria de saber se o banco vai cobrar a taxa de cada folha de cheque devolvido ou apenas uma tacha para que meu nome saia do CCF.

    Qual o prazo estabelecido em lei para que o estabelecimento “Loja” encontre meus cheques para que eu possa efetuar o pagamente e ter a posse dos cheques para dar baixa no meu Banco.

    Obrigado

    Carlos.

    Advogado de Defesa:

    O banco pode cobrar taxa de cada cheque devolvido (e normalmente é assim que fazem). Além disso, o consumidor também terá depagar outra taxa para limpar o nome. Os valores das taxas variam de banco para banco.
    Não há prazo estabelecido por lei para o resgate dos cheques. Caso há dificuldades para resgatá-los é possível pagá-los à loja, mendiante um recibo e carta da loja mencionando os números dos cheques que foram quitados e encaminhá-la ao banco.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/10/2007 - 16:22
    Enviado por: katia A

    Olá, por favor me ajude passei por uma situação difícil em 2002, enviei um chq 199,05, o qual tenho recibo q consta q foi em uma determinada Inst. de Ensino, esta mesma Instituição diz não constar o cheque nem q foi pagamento, nem q foi devolvido, ouseja não há dados do cheque, o mesmofoi reapresentado pela ultima vez em Jan/2003,pedi microfilmagem q consta q foi apresentado em um laboratório no Paraguai,não tenho notícias do cheque,consultei não há protestos em meu nome com relação a esse cheque,fui informada q se eu pagar o cheque na Associação a qual acredito já ter pago, esse valor não entrará no financeiro da Instituição, pois não consta débitos,por favor me ajude pois o cheque consta em Serasa não sei o q fazer. Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/10/2007 - 18:02
    Enviado por: katia A

    Por favor responda minha dúvida ,obrigadakatia

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/10/2007 - 19:26
    Enviado por: Ednilson

    boa noite, em 01 de outubro de 2007, paguei uma conta com cheque pré datado para o dia 18/10/2007, no dia 17/10/2007 houve uma fraude de internet na minha conta e furtaram todo o meu dinheiro, por conta disso, o cheque que passei foi apresentado e devolvido por duas vezes no verso do cheque apresentou o código 12 insuficiência de saldo, o banco não pagou o cheque e tambem não me informou da devolução do cheque, só fiquei sabendo quando o rapaz me ligou informando do ocorrido, gostaria de saber se houve falha do banco em não ter me avisado da devolução do cheque? Com relação ao sumiço de meu saldo da minha conta, o banco só irá me ressarcir caso eu assine uma declaração dando ao banco autorização para que investiguem o meu sigilo bancário e dando prenos poderes judicial para agir em caso de localizarem o vigarista, não concordo em assinar tal declaração, em consequencia, o banco nossa caixa não me devolve o meu dinheiro que sumiu, deixei de honrar compromisso agendado no banco, o gerente diz que não pode fazer nada sem que eu assine a declaração, o que posso fazer para resolver esse impasse? No aguardo de uma sugestão obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/10/2007 - 14:51
    Enviado por: Célia

    Boa tarde, tenho 5 cheques devolvidos no Bradesco pela 2ª vez, qdo. foi devolvido na 1ª vez já foi cobrada uma taxa de 17,20 para cada cheque, agora para cada cheque que foi devolvido duas vezes o banco quer cobrar mais 30,82 a ser pago na hora que eu apresentar o cheque devolvido para dar baixa, o banco diz que esta taxa é do banco central que cobra, isso é correto? Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2007 - 13:38
    Enviado por: Eriagna

    Eu tenho quatro cheques q voltaram sem fundos, mas nao tenho como contactar as pessoas. Como posso fazer para Resolver essa situação?

    obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/11/2007 - 21:16
    Enviado por: maria aparecida de jesus

    Passei um cheque pré datado, que foi repassado para uma terceira pessoa , encerrei a conta bancária e já localizei a pessoa que que se encontra em posse do mesmo. Como devo agir? Meu nome será negativado?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/11/2007 - 22:48
    Enviado por: jose jorge

    oi boa noite

    Comprei um carro com motor ruim e a loja me fez assinar vários documentos se protegendo de uma futura ação. Só que quando fui fazer o conserto do motor ele não tinha conserto e havia vários outros defeitos ocultos. Não consigo fazer o carro andar e assim já se vão 3 anos (36 meses) com o carro em oficina e garagem, oficina e garagem… Como posso sair deste nó?
    por favor me responda OBRIGADO

    Advogado de Defesa:

    Você deve procurar o Juizado Especial Cível e entrar com uma ação na justiça contra a loja que lhe vendeu o carro. O Juizado aceita causas até 40 salários mínimos. Até 20 salários mínimos não há necessidade de advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/12/2007 - 12:52
    Enviado por: Gabriel Sena Gomes

    Tive um problema no bb e tive um cheque devolvido 2 vezes. resgatei o cheque e antes de apresentar ao banco tive a carteira furtada com o cheque apara apresentar ao banco. Pedi a microfilmagem, tirei 3 certidões negativas e peguei os dados da pessoa que o cheque estava nominal. Preciso elaborar uma declaração com os dados da pessoa inf que o cheque está pago para que meu nome seja retirado do ccf. Vcs tem algum modelo dessa declaração?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/12/2007 - 10:38
    Enviado por: renata silva

    Tenho um cheque sem fundos com uma instituição que faliu a faculdade unicesp em brasilia, porem tudo fechou, e nunca entraram em contato comigo ja tentei entrar em contato indo ate a instituiçao e ligando nao tem mais funcionarios esta tudo fechado quero resgatar meu cheque mas não sei como , o que faço neste caso??

    responder este comentário denunciar abuso

    • 05/10/2010 - 20:04
      Enviado por: Mario Cesar Lisboa

      Deverá ser feito depósito em juizo por meio de advogado, Caso não tenha condições de contratar um deverá procurar a Defensoria publica da sua cidade. Lembrando que este tipo de ação é demorada.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/12/2007 - 14:09
    Enviado por: ROMUALDO

    tinha uma aplicação no banco,por precaussão foi jogado no fundo,isso ocorreu em 92. agara chegou uma carta da justiça liberando o pagamento.com numero da conta e nome do beneficiario.fui ao banco eles falaram q essa conta é inexistente oq eu faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/12/2007 - 17:29
    Enviado por: JOSUE

    olá meu amigo..

    existe alguma forma de eu resolver uma questâo de cheques sem fundos?

    pois no ano de 2003 estive em uma grtande crise financeira..onde vim de mg e fui mora em uma cidade (andr) sp proximo de ms ;;

    tive 18 cheques voltados..hoje moro em campinas sp .

    estou com minha vida financeira completamente presa.

    nâo posso ter crediario..etc…

    nâo posso ir la em andr.. sp pois esta a mais de 800 km daqui..e nâo tenho condiçôes…de fazer iso contrata uma empresa pioror..ainda..

    existe algum tipo de formulario(tipo estes anuciado no mercado,livre que possa resolver meu problema..?

    Advogado de Defesa:

    Para limpar seu nome você tem de resgatar esses cheques, pagando as dívidas.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/12/2007 - 14:20
    Enviado por: Eloiza

    Gostaria de saber se há limite de juros para a cobrança de cheque protestado. Sei que além da correção monetária existe um valor de juros anual. Gostaria de saber se há um limite para esse juros e alguma lei que regulamente isso.

    Advogado de Defesa:

    A taxa média de juros cobrada no cartão está em torno de 10%. O do empréstimo pessoal é de 5,6% ao mês. Não há específico para cheque.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/12/2007 - 18:42
    Enviado por: Aparecida F S Monteiro

    passei um cheque de R$ 231,00 para um fornecedor a ser descontado no dia 19/12/2007( como o cheque viria pela compensação, ele só chegaria no final do expediente do dia 20/12/2007), fiz então, no dia 20/12/2007, ás 12h:00 um depósito de 80 reais em dinheiro e de R$ 160,20 em cheque da própria agência(tinha saldo, então entra como dinheiro também), totalizando R$ 240,20. No dia 21/12/2007
    para minha surpresa, embora tendo saldo, o cheque foi devolvido.
    eles não souberam explicar o motivo do cheque da prórpia agência, depositado de R$ 160,20 não ter sido creditado no mesmo dia(20/12/2007), já que tinha saldo, fizeram então um crédito desse valor no dia 21/12/2007, porém era tarde, o meu cheque já tinha sido devolvido.

    alegaram erro no sistema. Cobraram as tax