Estado.com.br
Sábado, 25 de Outubro de 2014
Advogado de defesa
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Maioria paga fatura do cartão de crédito em dia

Categoria: Assunto do dia

PAULO DARCIE – JORNAL DA TARDE

Em janeiro, 70% das faturas de cartões de crédito foram pagas em dia, enquanto apenas 30% das dívidas foram atrasadas ou “roladas” para o mês seguinte, para serem pagas com juros.

Os números são da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), que vê o indicador como sinal de amadurecimento do consumidor: dois anos antes, a fração das operações que “fugiram” dos juros era de 50%.

Segundo o diretor de comunicação da entidade, Marcelo Noronha, esses 70% correspondem às compras que foram pagas dentro do prazo de 30 dias sem juros do cartão ou na modalidade a prazo sem juros que as empresas emissoras de cartões de crédito tinham para receber naquele mês. “Essa parcela dos consumidores aprendeu a aproveitar as oportunidades de lidar com o cartão e já evita os juros”, diz ele.

Entre setembro de 2008 e janeiro de 2009, o mercado de cartões de crédito acompanhou a desaceleração do mercado interno brasileiro, e o volume negociado com cartões cresceu menos do que o esperado.

A pisada no freio não chega a preocupar, diz Noronha, para quem o País está em fase de transição do cheque para o dinheiro de plástico. O volume negociado via cartões, nos oito primeiros meses de 2008, chegou a crescer 23% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Já em setembro foram R$ 184 milhões, valor 17% maior do que no mesmo mês de 2007; em outubro foram 197 milhões, 18% a mais; novembro 192 milhões, crescimento de 15%; e em dezembro, 220 milhões, 13% a mais do que em igual período do ano anterior.

Na esteira do crescimento do setor, o número de cartões emitidos mensalmente não diminuiu depois da explosão da crise: foram 2 milhões por mês no último quadrimestre do ano passado e em janeiro de 2009, quando 126 milhões de cartões circulavam no País.

O ritmo de crescimento foi o mesmo entre setembro de 2007 e janeiro de 2008: no período, o número de unidades foi de 98 milhões para 106 milhões.

Segundo o presidente da Brazilian Business School, John Schulz, a dificuldade de se obter crédito no mercado pode ter incentivado o brasileiro recorrer ao cartão. “Falta crédito vindo de outra fonte. O cartão pode ser uma boa opção para ganhar alguns dias de prazo a custo zero, ou até parcelar as compras”, afirma ele.

Bola de neve

O cartão de crédito pode ser uma boa ferramenta, desde que usado com disciplina. “Não compensa se o usuário atrasar a fatura e cair nos juros”, afirma o professor da Faculdade Trevisan Alcides Leite.

Segundo ele, é importante que o usuário esteja ciente de que o preço da fatura deve caber no orçamento mensal. “Se atrasar e tiver que pagar juros, pode entrar em uma bola de neve. O cartão não pode servir para dar a impressão de crédito a mais”, alerta.

O médico Gustavo Campanholi prefere não correr o risco de ser vítima da desorganização, e criou uma regra para o uso do cartão. “Só uso para comprar bens extras e encher o tanque do carro.”

As faturas de seus dois cartões, de bandeiras diferentes, vencem no mesmo dia para, diz ele, tomar uma só “pancada” por mês. A prazo, nem pensar. “Dá desespero quando a fatura mostra que está na terceira de 12 parcelas.” [

Posts Relacionados

  • No Related Post

Tópicos Relacionados

71 Comentários Comente também
  • 28/04/2009 - 11:25
    Enviado por: Thaís Scott

    Olá, durante dois meses não me enviaram minha fatura de cartão de credito, sendo que assim eu não realizei o pagamento, pois ligando para o bano eles não queriam me enviar a segunda via. Será que tem algum dispositivo legal que trate sobre o assunto do não envio das faturas?

    No aguardo

    responder este comentário denunciar abuso

    • 22/08/2011 - 19:28
      Enviado por: marcos

      tenho uma divída com o banco santander referente ao ano de 2006
      nesse ano de 2011 a divída completa 5 anos e pela lei deverá ser excluída do SERVIÇO DE PROTEÇÃO AO CREDITO.
      para minha surpresa incluiram a divida no ano 2010 isso seria um procedimento legal? é possivel incluir uma divida no SERASA e SPC 4 anos depois?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/05/2009 - 13:59
    Enviado por: Carla

    Boa tarde!

    Meu ex-marido não pagou a conta do cartão de crédito há 3 meses, e eu tenho o cartão adicional. Minha pergunta é se como dependente meu nome também pode ir parar no Serasa ou SPC?

    Agradeço a resposta.

    Carla

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/06/2009 - 17:00
    Enviado por: ioly

    Boa tarde!
    Desde quando usei meu cartão de crédito pela primeira vez em (março /2009) nunca recebir as faturas. Todos os meses tenho q/ ir na minha agencia enfrentar duas filas enormes p/ tirar a cópia da mesma. Já reclamei inumeras vezes por telefone tenho os nrs dos protocolos dizem que não vai se repetir e nunca resolvem meu problema. A MINHA PERGUNTA É: DEVO ENTRAR NO JUIZADO ESPECIAL? E QUAL O ARTIGO DO CDC QUE ME AMPARA? PORFAVOR RESPONDA PELO MEU E-MAIL.OBRIGADA

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/07/2009 - 09:18
    Enviado por: vanilda moraes

    Tenho uma fatura de cartão de crédito no valor de R$2.000,00. As coisas apertaram de uma tal forma que não consegui mais esse mês pagar nem o valor mínimo, e não vejo possibilidade de quitar essa fatura. O que pode me acontecer se eu não pagar? Não tenho bens, apenas a casa que moro com meus filhos e um carro que refinanciei e estou pagando as prestações. Minha conta pode ser fechada no banco? Eles podem timar algum bem meu? Preciso arrumar um advogado? Por favor me esclareçam pois estou muito preocupada.

    RESPOSTA DO BLOG: Seu nome será enviado à Serasa, o cadastro dos inadimplentes, e você será cobrada judicialmente. Existe a possibilidade de a Justiça determinar a penhora de algum bem para garantir o pagamento da dívida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/07/2009 - 13:36
    Enviado por: tamires

    Boa tarde!
    Minha mãe é dependente do cartão, e o nome dela foi para o spc, eu sou dependente dela, o meu nome também pode ir para o spc? é certo isso??
    Obrigada.

    RESPOSTA DO BLOG: O seu nome só vai para o SPC se fizer alguma dívida em seu nome e não pagar. Se a sua mãe usa cartão e existe um cartão adicional em seu nome, este cartão também terá restrições de compras.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/08/2009 - 21:30
    Enviado por: gustavo

    to com um problema com meu cartão de credito devo hoje cerca de 3.000 mil reais não consigo mais nem pagar o mínimo já não sei mais o q faço a única solução seria deixa entra no SPC e etc. a pergunta e a seguinte: s for cobrada judicialmente o q acontece? como seria essa cobrança? como proceder para um acordo de parcelamento e revisão de juros? desde já agradeço a atenção

    RESPOSTA DO BLOG: Tente renegociar diretamente com a empresa, mas saiba que não será fácil e que ela tem o direito de não aceitar contrapropostas. Se você não pagar seu nome vai para o SPC e a empresa pode ir à Justiça, que, por sua vez, pode decidir por sequestrar bens ou recursos mantidos em conta corrente.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/08/2009 - 00:18
    Enviado por: ELI

    TENHO UM CARTAO DE CREDITO QUE ESTAO EM TORNO DE 1.000,00 E UM ADICIONAL SE O BANCO COLOCAR MEU NOME NO SPC O NOME DO ADICIONAL POR LEI IRÁ TAMBÉM?

    RESPOSTA DO BLOG: Desculpe, não entendemos qual é o problema.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/08/2009 - 12:05
    Enviado por: sebastiao jarge dois santos

    eu pago .minha fatura ..sem atraso……
    e sempre estou recebendo telefonemas de falta de pagamento…vou prossesar

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/09/2009 - 20:13
    Enviado por: clarice

    Por causa de uma dívida, peguei emprestimo num banco mas não conseguindo pagar, peguei em outro e agora não tenho mais como quitar minhas contas. Ficar com o nome sujo é o de menos nesse pesadelo todo. Eu queria saber exatamente o que pode acontecer já que não tenho bens. Nem casa nem carro.
    O que significa uma cobrança judicial neste caso? Isso tudo acaba em cinco anos? Pra eu ter um pouquinho de paz?

    RESPOSTA DO BLOG: Cobrança judicial significa que você será processada e que terá restrições de crédito por um bom tempo. E as dívidas não acabam em cinco anos, você será permanentemente cobrada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2009 - 18:33
    Enviado por: Magda

    Meu pai solicitou um cartão de credito do banco bradesco com 2 dependentes, não realizou o pagamento da fatura, somente o nome dele será incluso nos órgãos de proteção ao crédito ou dos dependentes também?
    Tem alguma lei que defina isto?

    Grata,

    Magda.

    RESPOSTA DO BLOG: Só o nome do titular irá para o SPC.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/10/2009 - 11:32
    Enviado por: Leandro

    Ola meu nome foi incluso no SPC, se eu efetuar o pagamento minimo da minha fatura o nome saira do SPC?

    Grato.

    RESPOSTA DO BLOG: NÃO NECESSARIAMENTE. é PRECISO AVISAR E TENTAR RENEGOCIAR O DÉBITO.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/10/2009 - 12:47
    Enviado por: Marcos

    Temos um cartão de crédito que está com mais de 3300 de dívidas. A parcela mínima fica em torno de 380 por mês. Existe a possibilidade da empresa tentar um acerto e reduzir a dívida apenas para o que foi gasto, sem os juros, pois é impossível de pagar esta dívida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/10/2009 - 16:28
    Enviado por: andre

    oi gostaria de saber como faço aceitei um acordoehoje eles me mando hum valor que nao foi acordado oque tenho que fazer para de pagar e vou para justiça mais falaram que meu nome vai pra spc mais que de fes acordo foi eles oque devo fazer espero uma resposta ………..

    RESPOSTA DO BLOG: Procure um advogado e entre na Justiça.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/10/2009 - 22:03
    Enviado por: ANDRE

    ola sou eu de novo gostaria qual pedido devo entra na justiça agradeço sua atençao ………

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/10/2009 - 01:27
    Enviado por: Guilherme

    Olá. Estou com restrições junto ao Serasa/SPC por conta de um cheque devolvido e que não consigo recuperar. Vou viajar no fim do ano e precisarei de um cartão de crédito. Meu pai vai me incluir no dele. Há algum impedimento legal para isso? Mesmo eu não sendo o titular, o cartão será recusado? Desde já agradeço e no aguardo.

    RESPOSTA DO BLOG: A empresa do cartão do seu pai tem o direito de recusar a fornecer o cartão a você por conta da dívida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/10/2009 - 15:45
    Enviado por: katia

    Estou numa grande enrrascada tenho 03 cartoes de credito e´por motivos maiores de saúde fui pagando o minimo. Nunca atrasei nehuma fatura, mas só foi piorando pois qto mas pagava mais ficava devendo,ai deixei de pagar e liguei para a empresa para fazer um parcelamento só que eles me cobraram um juro altissimo que não tenho condições de pagar.Já tentei fazer acordo ,mas fracasso geral pois só o valor da parcela cobrado por eles é maior que meu salario de 465,00. não sei o que fazer…..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/11/2009 - 18:20
    Enviado por: Érika Viegas

    Não efetuei o pagamento do meu cartão de crédito e agora me ligaram dizendo que um oficial da justiça virá até minha casa! Não tenho dinheiro para efetuar os pagamentos, o que devo fazer?

    RESPOSTA DO BLOG: Pagar a dívida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/11/2009 - 21:57
    Enviado por: rosilene

    Tenho uma fatura de cartão de crédito no valor 960,00 As coisas apertaram de uma tal forma que não consegui mais esse mês pagar nem o valor mínimo, e a losango nao quer parcelar,pois disse que pelo menos a fatura tem que estar atrasada uns 60 dias para fazer o parcelamento,mas nao quero que meu nome suje e sou cliente uns vinte anos o que eu faço?

    RESPOSTA DO BLOG: Pague a dívida. Não há outro jeito. A empresa não é obrigada a parcelar ou renegociar.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/08/2010 - 09:46
      Enviado por: anderson

      Penso que vc esta dizendo algo sem muita logística.Pagar a dívida é obrigação de quem a fez,porém as coisas mudaram,hoje até um sanduiche que se come pode ser parcelado.tudo é questão de um pouco de insistência..

      responder este comentário denunciar abuso
  • 12/11/2009 - 17:50
    Enviado por: ILda

    Olá, meu marido fez via internet um cartão em meu nome, pois, ele possuia todos os meu dados, inclusive ele é técnico em informática e sabe como fazer qualquer coisa pela internet. Ent~~ao ele colocou o nome dele como adicional, 30 dias depois foi embora com outra mulher e continuou usando o cartão e não pagou, consegui fazer com q ele me devolvesse o cartão, mas como faço, será q terei q pagar uma dívida q eu nao fiz?
    Acho q ele fez de caso pensado, fez o cartão e se mandou, mas no cartão não tem nenhuma compra q apareça meu nome, apenas o dele, está em 1.2000,00. isso fazem dois meses, por favor me ajudem!!!

    RESPOSTA DO BLOG: Lamento, isso não é uma questão de direito do consumidor. Procure um advogado em processe seu ex-marido.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/11/2009 - 12:01
    Enviado por: Rafael da Silva

    tenho uma divida no cartão de credito de 4.000,00 reais, e não quero mais pagar esse juro alto, oque pode acontecer , posso entrar com uma ação contra a cobrança dos juros, tenho um amigo que a esposa devia 3.000,00 ele entrou com uma ação e pagou 7.00,00 , o que isso pode me acontecer.

    RESPOSTA DO BLOG: O máximo a ser feito é entrar na Justiça questionando os valores, mas as chances de vitória não são grandes.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/11/2009 - 14:59
    Enviado por: Josi

    Oii minha mae fez um cartao adicianal pra mim
    so que parei de pagar… quando eu fizer 18 anos meu nome vai pro SPC por causa disso?

    RESPOSTA DO BLOG: Dependendo do caso sim, principalmente se você tiver CPF.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/12/2009 - 21:37
    Enviado por: zuleide chacon

    Tenho um cartão da porto seguro- visa.Tenho pago o minimo que é mais de 50% da fatura.
    Consultei a minha fatura com vencimentyo 20/12/09 e tomei um susto, pois o total do pagamento R$ 730,45 e o valor MINIMO é de
    R$ 723,54. Que mínmo é esse???? Eles podem cobrar
    o que quizerem???
    obrigada
    Zuleide

    RESPOSTA DO BLOG: Podem. O pagamento mínimo é uma concessão da operadora para facilitar o pagamento, mas com a cobrança de juros. A empresa pode cancelar ou restringir a opção de oferecer o pagamento mínimo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/12/2009 - 16:44
    Enviado por: eliete

    tenho uma divida de cartao de 3.000.00 reais fiz um acordo mas nao tenho condiçoes de pagar esse acordo pois os juros e muoto alto o que devo fazer

    RESPOSTA DO BRASIL: Não há nada a fazer. Pague a dívida. Se acha que os juros estão abusivos, contrate um advogado e questione na Justiça.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/12/2009 - 08:22
    Enviado por: samarone

    fiz um acordo fatura.mas so que a divida era uns 950,00 reais.so que o acordo fatura ficou 22 parcelas de 82,50.e a entrada de 108,00 reais..isso e um abisurdo de juros.e no tempo que eu fis o acordo fatura não tinha parcelas atrazadas…o que faço?

    RESPOSTA DO BLOG: No seu caso, pague sem reclamar, não há irregularidade nenhuma.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/01/2010 - 15:00
    Enviado por: maria emilia

    sou casada em comunhao de bens meu marido tem varios cartoes de credito em nome dele sera da responsabilidade dele, ou se ele nao pagar, o que me acontece, nunca tive conta conjunta com ele, gostaria de saber o que devo fazer.

    RESPOSTA DO BLOG: Despesas de cartão de crédito são de responsabilidade do titular do cartão, e somente dele.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/01/2010 - 15:33
    Enviado por: marttha oliveira

    gostaria de saber como posso receber uma fatura do cartão credicard, para efeito de pensão, provar que eu era depente de meu companheiro falecido a 11 anos. Não tenho mais o numero do cartão, tenho somente o cpf, identidade do falecido. Desde aguardo resposta

    RESPOSTA DO BLOG: Desculpe-nos, não entendemos qual é o problema.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/01/2010 - 10:22
    Enviado por: Daniella

    Bom dia,
    a Amex não me enviou a primeira fatura que deveria ter recebido quando contratei o serviço, e como não tinha muitas informações sobre o serviço acabei sabendo do vencimento quando chegou a segunda fatura. Esta segunda fatura chegou com R$ 100,00 de juros da primeira fatura, sendo que a Amex não me enviou este documento. É legal esta cobrança?

    RESPOSTA DO BLOG: Não. Faça uma reclamação no Procon.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2010 - 16:11
    Enviado por: Lucas

    Olá, quando meu pai fez o Cartão de Crédito do Bardesco-VISA me colocou como adicional. (Eu tenho 17 anos.) Meu pai parou de pagar as faturas e além de colocarem o nome dele no SPC, colocaram o meu também? Eles podem fazer isso? Eu sou menor de idade… todo mês me mandam correspondencias dizendo que meu nome foi incluido no SPC. O que posso fazer????

    RESPOSTA DO BLOG: Podem colocar no SPC sim. Procure um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/02/2010 - 14:32
    Enviado por: Lucas

    As dívidas de um cartão de crédito não são de total responsabilidade do Titular? A empresa pode colocar o nome do ADICIONAL no SPC? Mesmo o adicional sendo MENOR DE IDADE? O que posso fazer? Vou ao PROCON?

    RESPOSTA DO BLOG: Os cartões têm números e podem ser bloqueados se não houver pagamento. Quando se coloca o nome do titular no SPC, é possível que haja a inclusão dos dependentes, já que estes usam também o cartão. Não encontramos irregularidades neste procedimento. Se não concordar, procure um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/02/2010 - 12:15
    Enviado por: vinicius

    Olá, tenho conta no Banco do Brasil e sempre pago as faturas do cartão de crédito antes do vencimento. Percebi então que alguns dias antes do vencimento (antes de pagar a fatura), e alguns dias depois, mesmo com a fatura paga, meu cartão é recusado quando tento efetuar alguma compra. O problema já dura aproximadamente 2 meses. Na última vez tentei realizar uma compra on-line em 06/02/2010 no valor de míseros R$6,00 que foi recusada no mesmo dia. A fatura com vencimento em 04/02/2010 foi paga em 02/02/2010. Em contato com o banco nunca tenho uma resposta satisfatória sendo que não excedi meu limite. Quero saber por quanto tempo o banco pode me impedir de comprar a crédito; se para a liberação é preciso haver a confirmação do pagamento mesmo antes do vencimento e qual o prazo. Então todos os meses durante algum período próximo e posterior ao vencimento da fatura meu cartão ficará bloqueado??? Por favor me ajudem, quero saber se devo entrar com alguma ação contra o banco até porque estão me cobrando a anuidade sendo que há quase 2 meses estou impedido de usar o cartão. Enviem a resposta para o meu e-mail. Obrigado!!!

    RESPOSTA DO BLOG: Faça uma denúncia no Procon e entre com ação por danos morais no Juizado Especial Cível.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/02/2010 - 19:31
    Enviado por: Luiz M

    Ola, sou correntista do banco Real e utilizo cartão de crédito visa há mais de 1 ano. As faturas para pagamento sempre vieram em dia para minha residência. Porém nesse último mês, ao invés de receber a fatura para pagamento, recebi um demonstrativo para simples conferência de débito automático. Achei estranho e entrei em contato com a central de atendimento. O atendente através dos registros me falou que o gerente de minha agência um mês antes teria cadastrado pagamento por débito automático, isso sem nenhuma autorização de minha parte. Para evitar transtornos, pedi para que o atendente da central de atendimento fizesse o descadastramento de débito automático. Tudo isso faltando cinco dias para a fatura vencer. Tenho receio que a fatura não chegue em minha casa a tempo. Como devo proceder caso a fatura não chegue em dia ou na pior das hipóteses ocorrer o débito automático sem a minha autorização?

    Obrigado.

    RESPOSTA DO BLOG: Fale pessoalmente com o seu gerente sobre o que está acontecendo e registre mais um pedido no atendimento telefônico pedindo o descadastramento do débito automático. Se não receber a fatura, cobre novamente o banco no dia seguinte ao vencimento.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/02/2010 - 14:26
    Enviado por: Léo

    Boa Tarde!

    Tenho um cartão de crédito e estou tendo problemas com a administradora. No mês de dez2009 minha fatura foi de 3.000 e pouco e no mesmo mês liguei para fazer acordo. Disseram que eu teria que pagar o mínimo para efetuar o acordo. Paguei R$ 190,00. Liguei novamente para acodar e a parcela seria de 12 x 316,00 com vencimento em janeiro, mas veio uma fatura no valor total, como se eu não tivesse feito acordo. Liguei novamente, disseram que estava no sistema mas não estava validado. Não entendi. Mas continuei a solicitar acordo para pagar todo o débito. Fizeram e o valor ajustado seria de 12 x 346,00 com vencimento em 28 de fev 2010. No dia 10.02.2010, ligaram cobrando dizendo que eu estava com fatura em aberto; o que é verdade. Mas não havia nenhum acordo registrado no sistema deles. Liguei hoje 11.02.2010 novamente, pediram para que eu pagasse o mínimo de R$ 380,00 e a parcela ficaria 12 x 460,00, sei lá. Fiquei chateado com a falta de respeito para com o consumidor. Sei que estou devendo e quero pagar. Só não aceito essa palhaçada que a administradora de cartão faz. Faz a gente de idiota. Como devo proceder? O que acontece se eu não pagar mais fatura nenhuma?

    No aguardo.

    Desde já obrigada pela orientação.

    Léo

    RESPOSTA DO BLOG: Và ao Procon e registre uma reclamçaõ e tente negociar com a ajuda deles, para que finalmente eles façam direito o registro do acordo no sistema.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/02/2010 - 09:51
    Enviado por: Luana

    A fatura do meu cartão de credito é em debito automatico, este mes nao tenho todo o dinheiro para pagar! Se eu pagar o minimo o restante vem na proxima fatura ou permaneci na minha conta?

    RESPOSTA DO BLOG: Pergunte para a sua administradora de crédito. Eles podem informar.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/02/2010 - 14:07
    Enviado por: Marily Jullis

    Boa tarde!

    por ter saido do meu emprego não pude arcar com minhas obrigações e esta vem desde 2008, dentre tantas as negociações que me foram apresentadas não pude prestar com nenhuma delas. Agora quase 2 anos depois , chegou para mim um notificação extrajudicial, com um proposta e no descumprimento de tal acordo, seria penalizada de acordo com o código civil no qual: de acordo com o Art.652. teria 3 dias para pagar a minha conta depois de citação, não havendo o pagamento o oficial de justiça procederia a penhora dos bens, e ao despachar a inicial, o juiz fixará os honorários a serem pagos ao advogado por minha pessoa.

    Gostaria de saber se tenho como recorer dessa situação?
    Estou de mãos atadas sem ter o que fazer. pois, não gostaria de passar por tal situação.

    RESPOSTA DO BLOG: Só lhe resta procurar um advogado e tentar nova negociação. Aliás, já deveria ter feito isso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/02/2010 - 19:58
    Enviado por: Alessandro B. de Sousa

    Boa tarde!
    Pago meu cartão em débito em conta, porém no mês de janeiro fui comprar uma passagem aerea e foi recusado o cartão, depois fui fazer outra compra e foi recusado novamente,liguei na prestadora e eles falaram que estava devedor.Fui no banco pra ver o que era, e eles não deram conta de explicar o porque que não cobrou no débito, então debitaram a fatura na mesma hora e ressarciu os juros…depois de 15 dias o banco cobrou novamente a fatura e deixou minha conta no vermelho.
    Entro na justiça? Pois tenho 80 anos e não dou conta de ir no banco sozinho, sempre tenho que chamar alguém e fora a dor de cabeça que isso ocasiona.

    RESPOSTA DO BLOG: É caso de ir à Justiça sim por danos morais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/02/2010 - 20:30
    Enviado por: Caio

    Ola pessoal.
    Não pude pagar o valor integral do meu cartão de crédito que ja foi excluso pela falta de pagamento.
    A fatura venceu hoje, e assim era o último dia para realizar pagamento…
    Me informaram caso não pague no caso até hoje sera enviado para judiciário.
    O que devo proceder, pois so terei o valor amanha? quais as consequencias? abços

    RESPOSTA DO BLOG: Você será processado, cobrando judicialmente e pode ter bens penhorados.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/02/2010 - 09:51
    Enviado por: Sandro Ribeiro

    MEU NOME FICOU SUGEITO A INCLUSÃO NO SPC E SERASA DEVIDO A FALTA DE PAGAMENTO DE UMA DIVIDA JUNTO AO BANCO QUE FORNECIA SERVIÇO DE CARTÃO DE CREDITO JUNTO AO CARTÃO DE CONTA CORRENTE. PROCUREI INFORMAÇÕES SOBRE A ORIGEM DA DIVIDA JA QUE DESCONHECIA A FUNÇÃO CREDITO DO MEU CARTÃO E UMA VEZ QUE NUNCA FORA ENVIADA CORRESPONDENCIA/FATURA PARA A MINHA RESIDENCIA REFERENTE A DIVIDA, SE TRATAVA DE UM PAGAMENTO DE BOLETO BANCARIO, REALIZADO EM JANEIRO E FEVEREIRO DE 2009. NO EXTRATO CONSTA DEBITOS MINIMOS REALIZADOS PELO BANCO REFERENTE AS FATURAS MENSAIS E ISSO SE DEU DURANTE 8 MESES….EM ALGUNS MESES NÃO OCORRIA POIS NAO EXISTIA SALDO…EM OUTROS SIM…E A DIVIDA CRESCENDO COM OS JUROS….EM OUTUBRO FUI NOTIFICADOP PELO BANCO SOB A POSSIBILIDADE DE INCLUSÃO NO SPC-SERASA…DETALHE….HOUVE DEBITO MINIMO NESTE MES, OUTRA INFORMAÇÃO E QUE NUNCA AUTORIZEI DEBITAREM AUTOMATICAMENTE EM MINHA CONTA QUALQUER VALOR….EM 23 DEZEMBRO FUI NOTIFICADO PELO SPC-SERASA QUE SE NAO PAGASSE R$:408,00 DA DIVIDA EM 10 DIAS MEU NOME SERIA INCLUIDO NO CADASTRO, FIZ O PAGAMENTO EM 08/01/2010 POIS SOMENTE NESTE INSTANTE TOMEI CONHECIMENTO DA DIVIDA.ENTREI NAS PEQUENAS CAUSAS PEDINDO INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS…ESTOU CORRETO?????SE EU PAGAVA O MINIMO ELES PODEM INCLUIR????? O LIMITE DO CARTÃO ERA DE 1150,00 E A DIVIDA 410,00….AGRADEÇO A AJUDA…AUDIENCIA DIA 11/03/2010.OBRIGADO

    RESPOSTA DO BLOG: Fez o certo ao recorrer ao Juizado Especial Cível, mas não podemos dizer se os valores são os corretos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/02/2010 - 15:44
    Enviado por: Hilda

    minha fatura de cartão de crédito está vindo no nome do meu filho, que não é meu dependente, já comuniquei a prestadora de cartão de crédito e nada fez. Posso entrar na Justiça

    RESPOSTA DO BLOG: Pode, mas não é caso para tanto.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/08/2010 - 20:17
    Enviado por: vivi silva

    boa noite, o meu problema é , tenho 4 cartoes itau, sendo dois americanas e dois extras itaucard,moro em alagoas, perdi quse tudo nas cheias que teve aqui em junho, agora estou com uma divida de quase 7 mil reais, agora nao vejo como pagar, se eu nao pagar essa divida, um oficial de justiça pode vir na minha casa e obrigar a pagar ou tomar alguns bens que tenho. obs: nao tenho nada de valor no meu nome, nem casa e nem carro.
    agradeço se puderem me ajudar.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 04/08/2010 - 20:19
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Você será processada, terá o nome sujo e corre o risco de ter bens penhorados. Procure renegociar as dívidas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 15/09/2010 - 17:30
    Enviado por: Maria Jose de Morais

    Tinha um cartao adicional em nome da minha irma (titular) e não pude pagar toda a divida e agora ela quer me processar. Isto é legal? Como devo proceder ja que neste momento n tenho condicoes de pagar a divida?
    Obrigada por me ajudarem

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/09/2010 - 18:38
    Enviado por: Marcelo Moreira

    Sim, pode.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/09/2010 - 15:38
    Enviado por: Valdir Tomaz de Oliveira

    estou com uma divida no cartao que no meu entendimento ja paguei isto e muito mais pois os juros sao absurdos 14 a 16% ja parcelei outras vezes não consigo mais pagar, se eu parar de pagar tem a possibilidade de no futuro me cobrarem so o capital ou talves juros bem mais axessiveis

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/10/2010 - 23:08
    Enviado por: Marcelo Moreira

    Devia ter analisado essa possibilidade no momento em que decidiu postar um comentário em qualquer site ou fóruns. Analisaremos a questão para ver se é o caso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2010 - 05:39
    Enviado por: Sonia Paz

    Muito obrigada!!Tanto pela resposta à minha dúvida, quanto pela presteza no atendimento à minha solicitação, o que só mostra a seriedade e aumenta a confiança no trabalho de vocês, no blog e neste grande jornal.
    Grande abraço e pode publicar o elogio.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/10/2010 - 05:55
    Enviado por: sonia mdb

    Senhores, dá para saber quanto tempo a informação aparecerá “em cache” (memória do google)? Lá diz que fica um espelho até que o dono peça prá retirar. Agradeço mais uma vez e tomarei mais cuidado em não me expor colocando meu nome completo.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/10/2010 - 18:55
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Já foram deletados os comentários. Não deveria aparecer mais. Se aprece, então o problema deve estar nos servidores dos buscadores.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 07/11/2010 - 17:26
    Enviado por: marcos moreira macedo

    olha minha esposa reçebeu uma proposta de um cartao ai ela aceitou e cancelou outro cartoes dela confiando nesti cartao que chegou pra ela ai eu o marido tenho nome surjo mais sou depedente dela e ela ofereceu tb o cartao par depedente mais pelo nosso altos gastos e come meu marido tem nome surjo ja no jugaro e bloquearo o cartao sendo que o nome da minha esposa que e titular esta linpo a pagamos tudo em dias o que devor fazer nesta forma um cartao desconfio pelo foto do depedente te nome linda e blorquearo antis msm da gente paga as faturas tudo em dia espero responde deus abencoe

    responder este comentário denunciar abuso

    • 07/11/2010 - 18:28
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Muito difícil entender o que você escreveu. Até ond deu, vemos que não há irrgularidades no procedimento da operadora do cartão.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/04/2011 - 11:39
    Enviado por: Antonio

    Minha ex-mulher está respondendo um processo por uma divída que não pagou. Estou desde 1983, separado de fato da mesma. Moro em PE e ela no RS, não tenho contato com a mesma desde então. Também não tenho conhecimento se eu realmente estou divórciado. Tomei conhecimento dessa dívida pelo site do tjrs. A alguma possibilidade de eu ser responsabilizado também por essa divida. Pago pensão alimenticia há 28 anos, religiosamente debitado do meu salário mensalmente, e não tenho filhos com ela. Antecipadamente, agradeço a atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/05/2011 - 23:56
    Enviado por: Neyl

    Sou cliente Itau a 20 anos tenho dois cartoes de credito Itau visa e mastercard. Uso muito cartão para trabalho e sempre pago em dia. Quando viajo eles fazem questao que avise. Quando faco uma compra maior eles ligam para confirmar. Como viajei este mes atrasei em 15 dias a fatura, mas por esquecimento pois sempre pago em dia e tenho um bom perfil junto ao cartao.
    Domingo comprei no site 4 passagens em promoçao e passei este cartão. 24 depois a empresa me enviou um e-mail que o cartao tinha sido recusado. Quando voltei a ligar para utilizar o ourto cartao já havia perdido as passagens em promocao. Agora vou ter que viajar pagando mais que o dobro. O valor da compra nao nem 20% do valor que costumo gastar.
    Nao faltou bon senso do Cartão. O que posso fazer???? além de reclamar? ou trocar de cartao?
    Obrigado!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 03/05/2011 - 00:25
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Se você foi prejudicada pelo procedimento do banco, avalie se é o caso de reclamar no Procon para exigir uma indenização por danos morais. É o máximo a fazer.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/06/2011 - 23:32
    Enviado por: juliana tambasco

    minha tia faleceu e tinha um cartao de credito que ela nunca usou,porem a filha tinha um adicional e usou a divida ja soma mais de 5000 e agora oque ela deve fazer .obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

    • 17/06/2011 - 23:56
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pagar a dívida e depois cancelar o cartão, sob o risco de sofrer um processo por estelionato Ela tem de procurar a ajuda de um advogado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/06/2011 - 21:51
    Enviado por: marcia

    sou correntista do itau a 4 anos a fatura do meu cartao vence todo dia dois paguei minha fatura que vence no dia 2/6 no dia 31/5 e dia 1/6 hoje ja me ligaram cobrando a fatura que ja paguei,eles alegam que nao esta no sistema e ja descontaram o minimo na minha conta corrente como posso proceder nesse caso,e ja chegou a fatura que vence no mes 7 cobrando as duas fatura desde ja obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/06/2011 - 21:37
    Enviado por: Manu

    Olá boa noite ! Eu era dependênte de um cartão de crédito da minha vó ( titular ) , sendo que eu utilizei e no dia do vencimento não pude pagar. Fiz um acordo com ela ( minha vó ), sendo que ela tem uma nora que tudo que ela fala minha vó faz. Ela mandou minha vó entrar na justiça contra mim. O que acontecera comigo se minha vó entrar na justiça?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/06/2011 - 20:30
    Enviado por: Manu

    Mais eu não tenho nenhum tipo de bens ! Processada mas de chegar ao ponto de ser presa ? E se eu alegar e mostrar o acordo que fiz com ela ( minha vó ) ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/08/2011 - 19:53
    Enviado por: marcos TULIO

    tenho uma divida com o banco santander REFERENTE Á 2011 que està completando 5 anos agora em 2011,

    para minha surpresa descobri que essa divida foi incluída em 2010 no SERVIÇO DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO,

    E CONSIDERADO LEGAL INCLUIR ESSA DIVIDA AGORA DEPOSI DE 4 ANOS??

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário: