Estado.com.br
Sexta-feira, 01 de Agosto de 2014
Advogado de defesa
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Escola particular não pode constranger alunos por conta de dívidas e atrasos em mensalidades

Categoria: Assunto do dia

ELENI TRINDADE – JORNAL DA TARDE

O aluno inadimplente não pode sofrer nenhum tipo de pressão do estabelecimento de ensino para pagar a dívida com a escola. É o que diz a lei 9.870 de 1999, que dispõe sobre as mensalidades escolares.

A instituição não pode impedir que o estudante tenha acesso aos seus direitos acadêmicos, ou seja, não pode suspender provas, reter documentos (entre eles o diploma) ou aplicar qualquer outro tipo de penalidade pedagógica por conta do débito.

“A escola não pode substituir o devido processo legal e judicial de cobrança de débitos por constrangimento e pressões”, explica Josué Rios, advogado especializado em defesa do consumidor, professor de Direito e autor do “Guia dos Seus Direitos”.

Para tentar resolver a questão, como qualquer outro tipo de empresa, a escola poderá usar os meios legais para cobrar os valores devidos, isto é, pode entrar na justiça exigindo a cobrança contra o aluno ou até mesmo colocar seu nome em uma lista de inadimplentes.

Segundo a mesma lei, o aluno inadimplente não poderá renovar a matrícula e poderá perder o vínculo com a instituição de ensino.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), essa é uma garantia dada à instituição para recorrer à Justiça para que o contrato assinado entre as partes seja cumprido exigindo o pagamento das mensalidades.

“Justamente pelo fato de terem meios legais para exigir o cumprimento do contrato, as escolas não podem barrar o aluno o direito de cumprir todas as atividades pedagógicas durante o período letivo, seja ele de seis meses ou um ano”, assinala Carlos Thadeu de Oliveira, gerente de Informação do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec).

O advogado especializado em Direito do Consumidor Antônio André Donato recomenda que o consumidor sempre tente a negociação com a instituição de ensino.

“Depende da situação de cada um, mas esse é o primeiro passo. Se a instituição de ensino se mostrar intransigente e começa a cobrar taxas, juros e multas indevidas, o cliente pode exigir um demonstrativo detalhado da dívida para entender a evolução do saldo devedor. Se persistir a dificuldade, o caminho é a Justiça”, aconselha ele.

COMENTÁRIO DA REDAÇÃO: O entendimento da Justiça em vários casos sobre inadimplência nas escolas particulares e faculdades é claro, como diz o texto acima. Entretanto, cabe algumas considerações.

Permitir que inadimplentes possam livremente trocar de instituição sem quitar os débitos e sem sanções que nem ao menos provoquem algum constrangimento ao devedor é perigoso e abre precedentes graves para a saúde financeira das empresas.

O resultado imediato disso é o crescente número de queixas das escolas contra o que chamam de fraude oculta – o aluno paga a primeira mensalidade, deixa de pagar e ao final do ano letivo solicita a transferência e deixa a dívida para trás.

Quando há algum tipo de acordo e renegociação, repete-se o roteiro: a primeira parcela é paga, e depois a inadimplência volta com força.

Há um desequilíbrio nesses casos. Não se prega aqui a aplicação pura e simples de sanções pedagógicas, o que é proibido por lei, até pelo caráter social da área de educação.

Mas nos parece que é necessário que o ambiente privado necessita de uma segurança jurídica maior para evitar o crescimento da inadimplência – há escolas que operam hoje com índices de até 25% de pagamentos atrasados. É um tema que merece ser discutido com urgência.

Posts Relacionados

  • No Related Post

Tópicos Relacionados

384 Comentários Comente também
  • 29/07/2009 - 21:15
    Enviado por: dario tavares

    boa , noite também estou com um mesmo problema , meu irmão é mutuário da CEF desde 1985, porem não tivemos o beneficio de quitação da anistia onde mesmo com parcelas a vencer a CEF daria quitação total e isso não ocorreu , porque meu tio ja tinha outro imóvel da COHAB ,
    a CEF esta me cobrando um valor aprox. 29.000.00
    para quitação , o qual não disponibiliso deste valor , qual açào devo tomar ?

    grato

    RESPOSTA DO BLOG: O melhor a fazer é contratar um advogado e tentar uma nova negociação.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/07/2009 - 12:20
    Enviado por: Paulo

    boa tarde. tenho uma mensalidade pendente no valor de 420,00 numa universidade não-governamental, referente a dezembro de 2007 pois abandonei o curso para iniciar em outra escola. no inicio de 2008 entrei em contato com secretaria e me informaram que eu poderia pagar o valor a vista sem juros até final de 2009 (prazo de 2 anos da divida) ou parcelado com juros acumulados até data que efetuar o pagmto, mas nao houveram contratos nem assinaturas neste contato. depois deste contato nunca mais houve contato de ambas partes. corro algum risco de meu nome negativar futuramente?

    RESPOSTA DO BLOG: Corre sim. Quite o quanto antes a dívida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/08/2009 - 17:36
    Enviado por: Beatriz Castilho

    Boa Tarde,
    Terminei minha graduação em uma universidade particular, porém, deixei de efetuar o pagamento de diversas mensalidades, sendo que, dentro do descumprimento efetuei dois acordos extrajudiciais para dar continuidade no curso, efetuando para tanto, alguns pagamentos como entrada. Ocorre que, em maio deste ano, a Universidade incluiu meu CPF no SERASA, ocasião em que recebi tais notificações. Já procurei a universidade para pactuar novo acordo, nos moldes da minha possibilidade financeira, porém, eles responderam minha solicitação informando que os valores estão disponivéis no site da universidade, bem como todas as formas possíveis de pagamentos, as quais, neste momento estão inviáveis, vez que não consigo emprego por ter tal registro no SERASA, impossibilitanto desta forma qualquer acordo nos moldes propostos pela faculdade.
    Questiono: Posso ingressar com uma ação no Juizado Especial Cível, para que a universidade pactue acordo nas minhas condições financeiras e cumular tutela para que o meu CPF saí dos cadastros do SERASA ? E, obviamente, que a universidade leve em conta os valores que já foram quitados quando pactuei os acordos os quais foram descumpridos ?
    Att.
    Bia

    RESPOSTA DO BLOG: Não pode. A universidade não é obrigada a aceitar os seus termos de pagamento. Pelo contrário, você, como devedora, é que tem de se adequar as formas de pagamento oferecidas. Em nosso entendimento, não cabe ação por indenização nem por danos morais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/09/2009 - 17:19
    Enviado por: Eddiane

    Olá, me tirem uma dúvida por favor.
    Atrasei por 15 dias a mensalidade da escola de meu filho. Quando fui à secretaria para quitar a diretora me disse que cobraria juros de 10% e mais mora dia de R$ 0,25. Mas, não foi instituido que as multas não poderiam ultrapassar os 2% ao mês? Essa cobrança de 10% está correta?

    Boa Tarde, obrigada!!

    RESPOSTA DO BLOG: A cobrança é abusiva, a menos que o contrato estipule uma multa maior a partir do 10º dia de atraso. DE qualquer forma, tente renegocciar com a diretora. Se não houver acordo, ameace e vá ao Procon fazer uma denúncia.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/09/2009 - 18:30
    Enviado por: luciana dias pimentel

    boa noite, meu filho estuda em colegio particular o livro do colegio custou R$ 325,00 e foi pago tenho o recibo. alem do material escolar a direçao cobrou uma taxa no valor de R$ 150,00 de uma taxa de material e não paguei essa taxa, porem veio um bilhete dizendo que se eu não pagar essa taxa meu filho não receberá os livros os dois livros que faltam que ja foram pagos.

    RESPOSTA DO BLOG: Desculpe, não entendemos direito qual é a taxa cobrada. Qual é a explicação que deram sobre isso?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/09/2009 - 13:33
    Enviado por: vania

    boa tarde…tire uma duvida.
    se eu entrar com um processo contra uma universidade privada, depois eu poderei ingressar em outra instituição?

    RESPOSTA DO BLOG: Claro que sim. Uma coisa nada tem a ver com a outra.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/09/2009 - 19:32
    Enviado por: ROBERTA

    TENHO UM CURSINHO E TENHO VARIOS ALUNOS INADIMPLENTES PODE INGRESSA COM UMA COBRNAÇA EM SEDE DE JUIZADO OU SOMENTE JUSTIÇA COMUM.

    RESPOSTA DO BLOG: Entre com ações na JUstiça comum.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/10/2009 - 02:15
    Enviado por: vivian

    Olá!Procurando uma resposta achei vcs.Hoje me foi negado o direito de conhecer uma professora de minha filha de apenas 7 anos, professora esta que lhe acompanha desde o começo do ano(prof de inglês).Não consigo falar com a diretora,a coordenadora pedagógica me deixou falando sozinha e ainda me afrontou e para completar,a sub diretora riu de mim.Pois é?!Sem disculpas,sem resolver nada e ainda concordou com a seguinte frase da coordenadora—”Quem tem que conhecer a professora é o aluno e não os pais.”Oque devo fazer?Existe alguma lei contra isso? Estou muito chatiada.Sem chão.Agradeço desde já,obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 09/08/2011 - 21:22
      Enviado por: Marilene Santos

      Boa noite
      Sou aluna de uma faculdade particular da qual a mesma me deu o direito de fazer o curso com uma bolsa de estudo de 100%.
      A parti do segundo periodo, começaram contrangimentos por parte da propria faculdade.Hoje me encontro no quinto período a trancos e barracos sofrendo muitos contrangimentos por não poder mais uma vez realizar a minha matricula, não podendo ter acesso a biblioteca, o direito de meio% das passagens de onibus, a onde ja cheguei a ter que sair de sala de aula,não podendo realizar a prova. Eu não pedi nada pra faculdade, me deram está bolsa por livre e espontânia vontade.Eu mereço respeito e quero chegar até o fim do meu curso. Por favor preciso saber se isso é caso de eu entrar na justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/10/2009 - 09:53
    Enviado por: Rafaele Pinto da silva

    Gostaria de saber se está certo o meu irmão que é aluno de uma escola particular ficar fora da escola devido a bicicleta não fixar-se no bicicletário que fica do lado de fora da escola. Ele queria guardar dentro da escola mais a mesma disse que não podia, ele ficou do lado de fora até a chegada dos responsáveis isto está certo ? que meios devo recorrer? desde já agradeço .

    REPSOSTA DO BLOG: Em nosso entendimento a escola está certa.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/11/2009 - 20:43
    Enviado por: Valdira Dantas

    Olá!
    Sou proprietária de uma escola e queria saber se posso colocar os pais ou responsáveis devedores no SERASA.

    RESPOSTA DO BLOG: Pode.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/11/2009 - 01:16
    Enviado por: Maria Eugênia Gonçales

    Prezados senhores, o que eu faço??
    Estudo na UNiban 3º ano farmácia, me licenciei por cirurgia de coluna e retornei em 12/08/2009 fiz as provas semestrais, e desde setembro/2009, estou esperando minhas notas serem digitadas no sistema e até hoje nada. Meus colegas todos já sabem suas notas e eu não sei nada, eles não informam?Já pedi, reclamei e nada, só espera.
    O que eu faço meu direito de nota está sendo negado, meu direito de consumidora também,estou com tudo pago, todos os boletos bancários, nada em atraso, só minhas notas, por favor me orientem???

    RESPOSTA DO BLOG: POr que eles não informam a nota? Dizem o quê? Dependendo da resposta, porcure o Procon.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2009 - 22:12
    Enviado por: suely salles

    O COC de Ribeirão Preto, prende material didático por falta de pagamento de uma prestação entre todas as outras, até agora pagas, e mais o pagamento do material didático. Acabou o ano , a estudante fez as lições com material didático emprestado dos amigos porque o seu apesar de pagos, não lhe foram entregues por falta de um pagamento que será efetuado em dezembro. Como fica isso? A estudante já está,fazendo os vestibulares desse ano.Isso é justo? O que fazer?

    RESPOSTA DO BLOG: As respostas estão no texto onde você colocou a mensagem. Leia com atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/11/2009 - 11:03
    Enviado por: Daina

    Bom dia!
    Trancamos a matrícula do meu filho de 04 anos até quitarmos as parcelas em atraso, a pedido da direção.Porém qdo foi em agosto ela não aceitou ele de volta alegando não ter vagas.meu filho ficou sem escolinha.Sei que tenho que recorrer na justiça não para ele voltar porque ja teve caso de agressão infantil.Porém quem determina o valor da indenização?

    Obrigada.

    RESPOSTA DO BLOG: Quem determina é a JUstiça, por meio de uma decisão de um juiz. É melhor procurar um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/11/2009 - 18:07
    Enviado por: ROSEMERE ALVES

    MINHA FILHA ESTUDA EM UMA ESCOLA PARTICULAR E EM MAIO EU E MEU MARIDO FICAMOS DESEMPREGADOS. FUI A ESCOLA E COLOQUEI A DIREÇÃO CIENTE SO ACONTECIDO. ELES NÃO DEIXARAM EU FAZER A RENOVAÇÃO DE MATRICULA MAIS DEIXOU MINHA FILHA ESTUDAR ATÉ QUE TIVESSEMOS CONDIÇÕES DE QUITAR. EM AGOSTO MEU MARIDO FOI EMPREGADO NOVAMENTE E A ESCOLA CHAMOU O RESPONSAVEL A ESCOLA. MEU MARIDO FALOU QUE JA ESTAVA TRABALHANDO E QUE PAGARIA AS MENSALIDADES EM PARCELAS. A DIREÇÃO DA ESCOLA NÃO ACEITOU E PROIBIU MINHA FILHA DE FREQUENTAR AS AULAS. FUI AO PROCON VER OS DIREITOS DA MINHA FILHA JA QUE ELA É DE MENOR 15 ANOS E CURSA O ENSINO MEDIO. ESTOU AGUARDANDO A RESPOSTA QUE SERÁ DADA AMANHÃ PELO JUIZ. JA SEI QUE ELE DEU FAVORAVEL A MINHA FILHA. AI FICA A MINHA DUVIDA. MINHA FILHA PERDEU TODAS AS MATERIAS DA PROVA E AS PROVAS JA ESTÃO SENDO DADAS.COMO POSSO FAZER PARA MINHA FILHA NÃO SEJA PREJUDICADA EM REPETIR O ANO JA QUE ESTAMOS NO FINAL DO ANO E ELES NÃO VÃO QUERER REPOR AS AULAS COM CERTEZA. ME ENVIE RESPOSTA POR IMAIL POR FAVOR.

    RESPOSTA DO BLOG: Se a dcecisão do juiz for favorável a sua filha, a escola será obrigada a aplicar todas as provas que ela perdeu. POrtanto, sua filha deverá estar preparada para um calendário de provas que a escola determinará.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/11/2009 - 08:59
    Enviado por: valeria cristina miranda

    Bom dia!

    formei no curso de pedagogia licenciatura em julho de 2009 na faculdade da cidade de santa luzia, ( FACSAL) fiquei com um débito na faculdade de 1.500,00 tenho plena consciencia deste débito e meu desejo mais profundo é quitá-lo, pois não pratico a falta de ética, gosto de cumprir todos os meu compromissos. informei para a faculdade que necessitava do meu histórico e uma declaração de conclusao do curso para que eu pudesse participar de processos seletivos como designada e conseguir dar aula para escolas estaduais, a faculdade me informou que nao poderia me dar nenhum tipo de documento que comprovasse minha formação porque eu estou devendo, informou que só me dará algum documento se eu negociar. Pois bem eu preciso que estes documentos sejam liberados para eu conseguir um trabalho e posteriormente quitar meu debito com a instituição, passei por um grande constrangimento, pois fui na designaçao participei do processo seletivo, e perdi a vaga por não poder apresentar documentos que comprovem minha formação. o que devo fazer:

    RESPOSTA DO BLOG: Leia atentamente o texto da reportagem onde você colocou a mensagem. Ali estão os passos que você deve seguir para resolver este problema. Em última instância, contrate um advogado e entre na Justiça contra a faculdade.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/12/2009 - 13:01
    Enviado por: Clidenor Placido

    Oi, minha filha estuda numa escolar particular, qual os materiais escolares foi disponibilidade pela escola. Mas a ultima postila que deveria ser entrege no mes de setembro nao foi, só entregaram no ultima semana de aula (02/12/2009); posso perdi a devolvuçao da multa parcela do material escolar, por nao mais ter utilidade o material escolar, que deveria ser entrege na data prevista para o acompanhamento do aluno na sala de aula.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/12/2009 - 12:11
    Enviado por: Diego Arruda

    Bom Dia..

    Estudo em uma faculdade aqui em Fortaleza, que esta me proibindo de ver minhas notas no portal da mesma, por mensalidades em atraso.. Fui conversar com o coordenador do curso e ele disse que o MEC não proibe nada.. Gostaria de saber se uma instituição de ensino, seja ela qual for.. pode empedir um alugo de ver suas notas / frequências por falta de documentação ou de pagamentos em atraso..

    Obrigado.

    RESPOSTA DO BLOG: Leia atentamente o texto da reportagem onde você colocou a mensagem. Ali estão os passos que você deve seguir para resolver este problema. Em última instância, contrate um advogado e entre na Justiça contra a faculdade.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/12/2009 - 21:52
    Enviado por: Ricardo Motta

    Olá,
    Tenho dois filhos em uma escola particular. O menino de 3 anos acidentou-se na escola em Setembro e levou 4 pontos na testa. Agora foi minha filha de 6 anos, que acidentou-se na escola e mais grave, tive despesas de 2 mil reais em cirurgia plástica. Tenho argumento para abrir um processo contra a escola? Tenho como solicitar à escola o pagamento dos gastos hospitalares? Minha filha ficará com cicatriz no rosto, isto é agravante num eventual processo?
    Obrigado

    RESPOSTA DO BLOG: Pode-se entrar na Justiça por qualquer motivo a qualquer hora. Se você acha que a escola não oferece segurança às crianças, processe-a por meio de um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/12/2009 - 11:43
    Enviado por: raquel de almeida

    Gostaria de saber se a faculdade pode se negar a parcelar minha divida, já nao estudo mais por falta de recursos, e agora com nome no serasa nao consigo nem emprego, pode a faculdade se negar a parcelar, exigindo o pagamento a vista?

    RESPOSTA DO BLOG: Pode. A faculdade não é obrigada a parcelar nem a facilitar o pagamento a quem quer que seja. O devedor é que deve se adequar às ecisgências do credor.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/12/2009 - 20:25
    Enviado por: Paulo

    Boa noite,
    Hoje estive no colegio da minha filha e nos impediram de ver as suas provas, que atitude eu posso tomar, tem alguma lei que nos favoreça?

    RESPOSTA DO BLOG: Não podemos responder com tão poucas informações sobre a questão. Você sequer frevelou a alegação da escola para a proibição.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/01/2010 - 12:41
    Enviado por: Daniel Euripedes do Nascimento

    Boa tarde…
    Meu filho ficou 2 anos na escola particular e nós não vimos nenhum tipo de rendimento neste periodo;inclusive neste tempo meu filho passou de ano através do conselho.
    Gostaria de saber se tem como entrar com uma ação contra a escola,e requerer as mensalidades pagas durante o periodo que ele estudou.

    RESPOSTA DO BLOG: Não é possível. Aliás, essa tese é um grande absurdo e nem se enquadra em direito do consumidor, é uma questão pedagógica.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/01/2010 - 20:38
    Enviado por: andrea

    Meu sobrinho iniciou sua vida estudantil em escola privada, hoje ele esta no 1º ano do ensino médio. Seus pais por motivo financeiro atrasaram a mesalidade durante o ano de 2007 e por esse motivo ele ficou pagando a escola sempre um ano com atraso. Fomos efetivar a matricula e atendente nos disse que não poderiamos fazê-la pois não fariam mais descontos e imediantamente nos disse não poderiamos mate-lo na escola com o valor alto da mensalidade. Posso processar a escola por discriminação!

    RESPOSTA DO BLOG: Até pode processar, mas com poucas chances de sucesso. Medidas pedagógicas contra os inadimplentes são proibidas, mas a escola tem o direito de recusar a matrícula ou rematrícula de quem quer que seja.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/09/2010 - 12:32
      Enviado por: Débora

      Marcelo boa tarde,
      Meu filho estudo no Sesi e devido alguns problemas financeiros estou com alguns meses em aberto.Como está chegando o período da renovação da matrícula a escola informou num comunicado que os pais quitasse até Novembro toda a divida pendente ou a parcelasse.No entanto, a secretaria da escola não aceita o pedido do parcelamento e também informa que se não quitarmos toda a divida até Novembro não poderemos renovar a matrícula, isso está correto?Obrigada.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/01/2010 - 04:15
    Enviado por: Daiany Dantas

    Meu filho na epoca com 5 anos se acidentou na trave de futebol da escola que ao escorregar pela lateral ficou pendurado no guancho e seu pênis quase foi desepado. A coordenação da escola levou para o hospital onde teve que passar por uma cirugia, não entrei na justiça neste periodo porque estava grávida o qual vinha lutando a quatro anos e dibrando um cãncer, depois do parto fiz uma histerectomia. Passando 1 ano e meio penso em colocar na justiça, quero saber o praso para mover uma ação judicial e que direitos ele terá? Pois no futuro quando entrar na adolescencia precisará de exames especificos, cirugia plástica e psicologo?

    RESPOSTA DO BLOG: Procure um advogado especializado o mais rápido possível, pois o prazo para entrar com esse tipo de ação não pode passar de dois anos.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/01/2010 - 22:29
    Enviado por: Luciana

    Pedi o histórico e a tranferência na escola particular em que minha filha estudava, fui informada que devido a inadimplência não seria liberado.A escola atual está cobrando o documento, não sei o que fazer, pois estou desempregada sem condições para quitar o débito nesse momento.O que posso fazer para retirar o histórico? Grata

    RESPOSTA DO BLOG: Leia com atenção a reposrtagem onde você colocou a mensagem e as respostas aos outros comentários.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/01/2010 - 23:07
    Enviado por: eduardo da rocha soares

    Ola, no começo de 2009 eu comecei um tecnico em informática e em agosto eu sai do tecnico porque eu não tinha como pagar, tanto q eu deixei duas atrasadas durante esses 6 meses, e a instituição me cobrou além das duas atrasadas me cobrou mais uma multa de R$ 800,00 porque eu cancelei a matricula, isso pode? se não puder me diga com urgente para eu entrar em contato com o procon e tomar as medidas necessárias…

    Grato!!

    RESPOSTA DO BLOG: A multa é devida.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/01/2010 - 20:21
    Enviado por: rosy

    Os pais cm registros no spc , podem ser proibidos pela escola de matricular filhos em escolas particular?

    RESPOSTA DO BLOG: Proibidos não podem, mas a escola pode recusar a renovação de uma matrícula sob qualquer pretexto, desde que não haja constrangimento.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2010 - 20:37
    Enviado por: Marcos

    Ola,

    prestei vestibular no inicio de janeiro, fui aprovado mas a faculdade recusou minha matricula por eu possuir um registro no Serasa. Mesmo que o registro não seja de uma instituição de ensino, a faculdade pode recusar minha matricula?

    grato

    RESPOSTA DO BLOG: Pode.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2010 - 22:25
    Enviado por: Danniel Montgomery

    Terminei meu curso tecnico em 2007, fiquei desempregado no meio do ano de 2007, terminei o curso mais meu crea nao saiu ate 2009 porque o curso travou meu diploma por uma divida , quando fui em nov/2009 no curso e acompanhado de um advogado, reiterando que perdi varias oportunidades de trabalho por nao comprovar a minha escolaridade. eles alegavam que eu teria que pagar para pegar o diploma.

    em nov/2009, peguei meu diploma, e desde a epoca que conclui o curso eles nao acionaram nenhum orgao contra mim, nem dpc/serasa / justiça etc, nada. so agora que peguei meu diploma eles estao ameaçando a colocar na justiça, enviei uma proposta e eles nao aceitaram. posso processar eles por vincular o pg com a entrega do diploma.

    RESPOSTA DO BLOG: Até pode, mas você será processado por causa da dívida. É melhor pagá-la.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/02/2010 - 09:30
    Enviado por: djane

    bom dia! não renovei a matricula da escola particular da minha filha ate o devido periodo. ela pode ficar sem frenquentar a escola? desde de já obrigada!!

    RESPOSTA DO BLOG: Sim, ela corre esse risco.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/02/2010 - 19:35
    Enviado por: antonio

    boa tarde estou indo para o segundo ano de engenharia em uma faculdade particular estou em debitos com a faculdade, e a empresa responsavel pela cobrança dos debitos, me propos uma negociaçao e eu aceitei, e fiz o pagamento da primeira parcela, mas o prazo da rematricula era ate hoje dia 05/02/2010
    eu liguei para faculdade falando se eu poderia efetuar o pagamento da rematricula segunda feira pois so teria o dinheiro da remaricula segunda feira dia 08/12/2010 mas a responsavel pela rematricula falou eu nao posso fazer a rematricula segunda feira, por que o prazo ja passou, e que infelizmente ela nao pode fazer nada pra mudar isso, por que sao ordens do reitor da faculdade..
    gostaria de saber se a facudade pode fazer isso,nao deixar eu fazer a rematricula por causa de 1 dia de atraso.

    RESPOSTA DO BLOG: Pode.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/02/2010 - 00:38
    Enviado por: Carlos Alberto

    Quero saber se posso entrar na justiça para fazer minha matrícula, fui orientado por um advogado a entrar com uma ação cautelar contra a faculdade. Quais minhas chances de ganhar essa causa e quais são as consequências? Estou devendo mas a dívida não corresponde a minha atual condição financeira e a faculdade não quer saber de renegociação.

    RESPOSTA DO BLOG: As suas chances são as mesmas de ganhar na loteria. É mera adivinhação e não fazemos isso. A faculdade não tem a obrigação de rematricular ninguém, independente do motivo. Rematrícula é um novo contrato e a institução pode recusar quem quiser como cliente. Se resolver insistir em uma ação judicial, contrate um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/02/2010 - 10:59
    Enviado por: Jéssica Fernanda

    Bom dia,
    Adorei o artigo, mas me resta uma dúvida. Ano passado terminei o Ensino Médio, preciso retirar meu histórico para fazer matricula na faculdade, só que eles combram uma taxa de 30 reais. É necessário ser paga essa taxa? Ou te alguma lei que diz que não e necessário?

    obs: escola particular

    Obrigada

    RESPOSTA DO BLOG: A taxa é legal, mas não pode ser abusiva. Não é o seu caso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/02/2010 - 17:31
    Enviado por: fernanda

    qualquer instituição de ensino, publica ou particular pode colocar o aluno inadimplente no serasa? Há algum código de lei referente a isso?

    RESPOSTA DO BLOG: Claro que pode. São empresas como quaisquer outras.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/02/2010 - 17:54
    Enviado por: LuANA GONÇLAVES

    Ola td bem ? Eu estudo em uma escola de aux. de necrópsia , e vence todo dia 10 do mes e esse mes atrasei minha parcela em 3 dias recebi mais de 7 ligaçoes dos responsaveis pela unidade me cobrando chingando e outras pessoas como minha mae e meu namorado tbm sofreram com isso ao atender o telefone , eles me chingou me disse que eu não tinha atitudes e me disse paga o que vc esta devendo ,e me mandou e manda todo mes mensagens no meu celular cobrando de um jeito grosseiro , o que devo fazer posso processar a escola devo ir no procon, obrigada me responde pois estou sem orientaçoes a respeito do caso e quero me desligar e eles dizem que meu nome vai sujar pois se me desligar terei de pagar uma porcentagem por desligamento do curso .

    RESPOSTA DO BLOG: Reclame no Procon e processe a escola por danos morais.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/02/2010 - 01:17
    Enviado por: Lauro corrado de lima

    Mensalidade e inadimplência

    Eu tive problema de saúde e estava com as mensalidades em atraso, resolvi trancar a matricula onde me faltava apenas o ultimo periodo do curso pedagogia. Ja estou no final do periodo de trancamento e fui várias vezes na faculdade que é particular, tentar fazer um acordo e eles não aceitam nenhum acordo. Fui informado que a unica saída pra mim seria quitar ou parcelar com cheques. O problema é que até o final do mes vence o periodo de trancamento e penso que vou perder todo o curso.
    Qual é a saída jurídica para o meu caso, é possivel me enviar um modelo de ação onde posso adequar ao meu caso concreto e levar no forum, ja me informaram que devo encaminhar isso no juizado especial. Ficarei muito grato se puderem me ajudar.

    RESPOSTA DO BLOG: Nâo há o que fazer no seu caso, infelizmente.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/02/2010 - 14:38
    Enviado por: Antonio Ferreira da Nobrega Filho

    Senhor Advogado (a)

    Os meus filhos Filipe Ferreira da Nóbrega e Débora Ferreira da Nóbrega, ambos menores de idade, estudam desde a fundação no Colégio que tem a razão Social, CEV – CENTRO EDUCACIONAL VICENTE ARAGÃO e com o nome fantasia de Colégio e Curso Interativo, situado na Rua Danilo da Penha Paiva nº. 347, Bairro do Cristo Redentor nesta Capital.
    Informo que, devido à precariedade financeira que atingiu a minha pessoa, entre os anos de 2008 e 2009 sou ciente dos processos de cobrança 2002009943022-2, 200220099943024-7 e 2002009943023-9, quer ora promovem com o fito de receber o valor de R$ 5.098,85 (Cinco Mil Noventa e oito Reais e oitenta e cinco centavos), valor este que atualizados monetariamente na data de hoje, equivale a R$ 6.551,93 (Seis Mil Quinhentos e Cinqüenta e Um Reais e Noventa e Três Centavos), Informo que por motivo de força maior não pude me fazer presente,na audiência de conciliação dos processos acima. Mesmo assim, já entrei com uma petição na Justiça, para que eu possa cumprir com a minha obrigação de quitação do debito.
    No início deste ano, fui ao Colégio acima especificado, falei com a Diretora, para fazer as matriculas levando a solução seguinte:
    a) - Parcelamento do debito em prestações mensais de R$ 300,00 (Trezentos Reais)
    b) - Que o ano letivo de 2010 seria pago com uma bolsa de estudos integral e com todas as garantias possíveis.

    A Dietora, informou que iria consultar a Diretoria do Colégio, o que no mesmo dia início da noite, recebi um telefonema do Colégio Interativo dizendo que, se reuniu com a Diretoria e que o meu pedido de matricula foi indeferido.

    COMENTARIO: Sr. Advogado, eu até concordaria com o deferimento, se eu não desse uma solução para o pagamento do débito em palta e se o Colégio não tivesse nenhuma garantia para o pagamento do ano letivo de 2010 através da bolsa de estudos integral. Todos nós estamos sujeitos a passar por momentos altos e baixos em nossa vida.

    Confesso que na mesma hora, eu pensei o seguinte: Já que foi indeferido o pedido de matricula, aproveitarei a bolsa de estudos integral, irei solicitar a transferência e matricular os meus filhos em outra instituição de ensino, o que não foi aceito pelas crianças, porque ao longo desses anos, os meus filhos fizeram muitas amizades com os colegas de classe, estudando juntos disputando até quem teria a melhor nota e fazendo planos, para fazer uma grande festa do grupo na conclusão do segundo grau.
    O que mim comove, é que as aulas já começaram desde o dia 02 de fevereiro do corrente ano, eles não querem estudar em outro colégio e choram bastante quando ver os colegas passar para o Colégio até porque, nós moramos próximo ao colégio ou seja, na mesma rua dizendo, paínho resolva logo esse problema e percebo que eles estão com o seu psicológico atingido até porque eles toda tarde, se dirigem à casa do colega que mora na mesma rua, com o objetivo de ver quais foram os assuntos das aulas com a esperança e a Fé de fazer as primeiras provas do ano juntamente com os seus colegas de classe.

    Conversei com alguns advogados aqui na Paraíba e eles mim disseram que não tenho nenhuma cchance de recorrer na Justiça. Diante do exposto, gostaria de saber qual a solução para os meus filhos menore.
    Atenciosamente,
    Antonio Nobrega

    RESPOSTA DO BLOG: Os advogados estão corretos. Rematrícula é um novo contrato e nenhuma escola é obrigada a aceitar quem quer que seja como cliente ou aluno.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/03/2010 - 09:25
    Enviado por: Simone

    Olá bom dia, não tive codições nenhuma de pagar as mensalidades da escola do meu filho, no mês de Outubro de 2009 meu filho de 12 anos, foi lhe tomada a carteirinha para entrar na escola , pois achei um constragimento em relação ao meu filho, pois ele ficou até com vergonha do colegas e não queria mais ir para escola, foi correto essa atitude da escola; pois essa desisão está correta da escola. Por tudo isso meu filho não está estudando, mais irei está semana na escola renegociar a divia, me esclareça se tenho que pagar as mensalidade do mês em que meu filho não estudou, que foram estes meses Janeiro, Fevereiro e março, tenho que pagar essas mensalidade, aguardo retorno

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/03/2010 - 21:00
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A Justiça entende que não, embora entendamos que a escola precisa tomar uma atitude em relação à inadimplência. Reclmae no Procon e recorra ao Juizado Especial Cível para processar a escola por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/03/2010 - 17:44
    Enviado por: fatima

    gostaria de saber se há alguma lei recente que impeça a renovação de matricula quando o aluno está inadimplente estou no nono semestre de direito e esou com este problema preciso de uma resposta urgente.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 25/03/2010 - 18:02
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Nçao exister lei, mas a escola pode recusar a rematrícula, que nada mais é do que uma nova matrícula, ou um novo contrato.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/03/2010 - 09:46
    Enviado por: Rose

    Vendemos no inicio do ano o material didatico sobre o valor total, porém fornecemos aos pais a possibilidade do parcelamento até 04 vezes.
    O material é entregue por bimestre, qndo o cheque do aluno é devolvido sem fundos posso segurar esta entrega até que o cheque seja pago? Mesmo que os pais aleguem terem quitado 50% do valor do material no cheque anterior? Poi não vendemos a unidade do material e sim o pacote completo, pois a opção de parcelamento é dada para ajudar aos pais…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/04/2010 - 01:12
    Enviado por: barbara

    ola, tenho uma filha que estudou numa escola durante 03 anos, porém quando fiquei sem poder pagar as mensalidades, apartir de abril, estou trabalhando e tenho como pagar, porém o colegio não me oferece nenhuma forma de pagamento, que seja com uma entrada de 1400,00, essa é uma entrada que eu nao posso dar, como posso pagar essa escola? obrigada estou super ansiosa para pagar, ou o setor juridico do colegio entrar em contato comigo, para entrarmos num acordo.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 01/04/2010 - 21:22
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A escola não tem obrigação alguma de facilitar o pagamento. O devedor é que tem de se adequar às exigências do credor. A única opção é continuar tentando renegociar a dívida.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 05/04/2010 - 01:45
    Enviado por: claudia fernanda

    Bom dia, meu filho estuda em um colégio particular, o qual entrega o material didático a cada 3 meses; porém se o aluno estiver em débito com a instituição, a diretoria retém esse material e ainda divulga isso em sala de aula, causando constrangimento ao aluno, alegando que seu material só será entregue mediante ao acerto das parcelas pendentes, gostaria de saber primeiro se esse tipo de procedimento da escola é correto, se não for que medidadas posso tomar?
    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/04/2010 - 23:15
    Enviado por: LOSSIO

    Por descuido atrasei mensalidade na faculdade,entretanto somente depois de 90 dias é que recebi notificação sobre o atraso. Isto é legal ? Se estivessem comunicado antes teria menos prejuizo devido aos encargos cobrado pelo atraso.
    Obrigada!!!!
    oBS. Por favor me responda!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 09/04/2010 - 19:38
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, é legal. Embora a empresa devesse avisar antes, até para não ter mais prejuízo, ela não tem essa obrigação. Mas isso pode ser questionado na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 11/04/2010 - 06:46
    Enviado por: Érica

    Tenho um débito com a faculdade interativa COC Ribeirão Preto desde 2006, são 4 parcelas de valor inicial de R$ 205,00. Na ocasião desses débitos, fui até a secretaria do polo onde estudava e fiz uma carta desistindo do curso por motivos particulares. Essa carta até hoje não apareceu para a secretaria do curso em Ribeirão Preto e com isso tenho esse débito pendende e meu nome inserido no SPC e Serasa. Já tentei negociar por diversas vezes e depois de muito tempo eles me retornam com valores altos e que estão fora das minhas possibilidades, ´na minha última tentativa de acordo (março/2010) eles me passaram um valor maior de 4 mil reais, dividido em 4 parcelas. Não tenho condições de pagar esse valor, estou desempregada e o que também vem me prejudicando na busca de um novo emprego, que mesmo não podendo limitar minha contratação, vem acontecendo. Existe uma taxa de juros já fixada para a cobrança de mensalidades em atraso? Os 2% am pode ser um referencial para calcular essa dívida?
    Preciso de uma resposta e uma orientação urgente… preciso restabelecer meu nome e meu crédito para poder ser empregada novamente.
    Obrigada. Érica

    responder este comentário denunciar abuso

    • 12/04/2010 - 20:54
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Se os juros forem considerados abusivos, podem ser questionados na Justiça, por meio de advogado. E a faculdade não é obrigada a aceitar as suas condições de pagamento. é exatamente o contrário, o devedor é que tem de se adequar às exigências do credor. POrtanto, só resta seguir renegociando.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 12/04/2010 - 21:09
    Enviado por: etiene

    Olá!
    Gostaria de saber se a escola particular pode cobrar uma taxa de ( R$ 20,00 bimestral ), por etiquetas, com os dados do aluno, para esse fazer as provas?
    E enquanto a taxa não for paga o aluno é impedido de fazer as provas!
    Sabendo-se que as mensalidades estão em dia. É correto esse procedimento da escola particular? obrigada. Etiene.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 12/04/2010 - 21:13
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não há lei que impeça essa cobrança, mas que ela é esquisita e estranha, isso é. Faça uma reclamação no Procon. DE qualquer forma, em nenhuma hipótese o aluno pode ser impedido de fazer provas, mesmo se houver inadimplência.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 15/04/2010 - 11:50
    Enviado por: Jossimar Camilo

    Tenho uma escola técnica, um aluno fez uma reserva de vaga para uma turma que
    não houve número suficiente de candidatos, ele foi a secretaria da escola e recebeu o valor pago, entrou na justiça alegando que teve prejuízo, por quê, para fazer o mesmo outra escola, teria uma despesas e tempo superior a utilizada para fazer na minha escola.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/04/2010 - 22:53
    Enviado por: ruth

    Minha filha cursou a segunda série do ensino médio em uma escola cooperativada
    o pai dela deixou uma divida , que hoje não há condições de ser paga. Transferi minha filha para uma escola do estado mas agora um parente se ofereceu para pagar uma nova matrícula na tal escola e colocar o contrato em seu nome. A escola pode se recusar a aceita-la ja que o contrato está no nome de outra pessoa e ela é menor de idade?a divida fica com a menor ou com o pai?
    No caso positiva o que posso alegar para ela ser aceita? e numa negativa , quais as justificativas plausíveis que o colégio pode dar?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/04/2010 - 21:07
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A escola pode recusar a matrícula. A dívida é dos responsáveis pela criança à época do contrato. Nenhuma empresa é obrigada a aceitar quem quer que seja como cliente. Como a criança não estuda mais na escola, não há risco de sanção pedagógica e entendemos que a condição de aceitalção da matrícula ao pagamento da matrícula é legal.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 17/06/2010 - 11:03
    Enviado por: Paula

    Olá! Curso de inglês se encaixa nesta lei lei 9.870 de 1999?

    Trabalho no setor de cobrança de uma escola de inglês, e tenho muitos alunos inadimplentes, que assinam o contrato, pagam algumas parcelas e desaparecem, sem ao menos cancelar o contrato. E quando nós ligamos para fazer a cobrança, muitos alegam que não pagará a dívida porque não estão frequentando às aulas. Enquanto não houver o cancelamento do contrato, eu posso cobrar as dívidas?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/06/2010 - 16:30
    Enviado por: fabiola felix

    olá boa tarde…
    minha filha estuda a tres anos em uma escola particular e nunca fiquei devendo nada,mais esse ano meu marido tem passado por dificuldades financeiras e ainda ñ consegui pagar nenhum mês,mais ja conversei com a diretoria e expliquei q vou pagar a divida assim q puder vou parcelar e pagar mais a diretoria vive chamndo a minha filha atenção na frente dos coleguinhas e mandando recados q minha filha de 11 anos nem consegue entender.hj ela foi fazer prova e meu marido foi lá falar com o diretor mais ele ñ se encontrava na escola e meu marido falou com uma unica professora q se encontrava na escola e disse a ela q voltaria mais tarde para falar com o diretor.depois q a minha filha ja estava na sala de aula ela disse q tinha ordem do diretor pra ela ñ fazer a prova e minha filha ficou num canto da sala separada dos q estavam fazendo a prova apenas uma hr depois ligou para o diretor e ele autorizou q minha filha fizesse a prova.quero saber se eles podem ajir assim constrangendo a minha filha de 11 anos dessa maneira e impedi-la de frequentar a escola e fazer as provas?
    OBG!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/06/2010 - 17:34
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não podem, como está bem claro no texto onde você colocou a mensagem. Se isso se repetir, procure o Procon e faça uma queixa, e analise a hipótese de processar a escola. Mas lembre-se, a dívida precisa ser paga.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/06/2010 - 18:15
    Enviado por: Rogerio

    A situação é a seguinte, 2 alunos estavam fazendo uma prova, um deles acabou a prova e a escola o liberou para ir embora para a casa.
    O aluno ao chegar em casa, como fazia sempre, enviou uma mensagem de celular com as respostas da prova para um amigo, para assim conferir as respostas e saber se foi bem ou mal, segundo as respostas do amigo.
    Porem o aluno que recebeu a mensagem de celular ainda estava dentro da sala de aula e foi pego pelo professor.
    O professor alem de dar zero para o aluno que recebeu a mensagem pelo celular, tambem deu zero para o que enviou a mensagem.

    A escola pode punir um aluno que nem mesmo esta na escola? A escola não deveria proibir o uso de celular na sala de aula?
    A escola pode dar zero para o aluno que enviou a mensagem?

    Adotarei as seguintes medidas:
    * Irei a escola e conversarei com a diretora e os responsaveis pelo acontecimento, caso eles continuarem a se negar a corrigir a prova do aluno que enviou a mensagem, entrarei com um “mandado de segurança” para assegurar os direitos do aluno e para anular esse abuso de poder, pois acredito que a escola não pode punir alunos por atos cometidos fora do ambiente da escola. Nem podem impedir de pessoas usarem seu celular dentro da sua casa da forma que desejarem.

    Gostaria de saber qual é seu entendimento sobre as questões acima.

    Desde já agradeço…
    Rogerio.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/06/2010 - 19:34
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Lamentamos, mas essa é uma questão pedagógica, não é de direito do consumidor. Entendemos que a escola está correta em punir nos dois casos, mas é melhor procurar informação especializada com pedagogos e na Delegacia Regional de Ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 22/06/2010 - 09:33
    Enviado por: Rogerio

    Referente a resposta do Dr. Marcelo Moreira, a mensagem enviada por Rogerio na data 21/06/2010 às 18:15.

    A princípio você argumenta que a questão proposta não se refere a sua area de atuação, que seria direito do consumidor, tudo bem, realmente não é esse o caso.
    Em seguida você expressa a seguinte opinião “Entendemos que a escola está correta em punir nos dois casos” gostaria de saber embasado em que você(s) tem esse entendimento, ou isso seria apenas uma opinião sua?

    Então de acordo com o seu entendimento o aluno que enviou a mensagem deveria ADIVINHAR que os outros alunos ainda estariam fazendo a prova, para assim saber a hora que ele poderia enviar a mensagem? Acredito que apartir da hora que a escola liberou o aluno para ir para a casa, e apartir da hora que ele sai do ambiente da escola e entra na sua resideência, ele tem o direito de fazer o que bem entender, enviar mensagem para quem ele quiser, e a escola não tem poder nenhum para punir alunos fora da escola. É um habito dos estudantes trocarem mensagens com o conteúdo da prova, por curiosidade em saber como foram, não vejo nenhum delito nisso.

    Novamente agradeço seu tempo e paciência,
    Rogerio.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 22/06/2010 - 21:50
      Enviado por: Marcelo Moreira

      O aluno que mandou a mensagem de casa não tem como provar o que diz. Existe um fato: um aluno dentro da sala fazendo prova recebeu as respostas da mesma. Ponto. Punição para os dois. Como responsável pedagógico pela escola, se fosse o caso, teria o dever de desconfiar da historinha contada pelos dois alunos. Ela não é plausível. Três especialistas em educação têm a mesma opinião que eu. Entretanto, é uma situação que pode ser questionada na Justiça, embora sem muita base para tal. Eu, inclusive, expulsaria os dois – nesse tópico, entretanto, é apenas a minha opinião.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/06/2010 - 12:13
    Enviado por: Rogerio

    Referente a resposta do Dr. Marcelo Moreira, a mensagem enviada por Rogerio na data 22/06/2010 – 21:50.

    Com todo o respeito ao Dr. e sem querer causar polémica sobre a questão anteriormente discutida.

    1º) Não é o aluno que tem que provar o que diz e sim a escola que tem que provar que o aluno cometeu um delito para assim puni-lo. Um pedagogo não poderia punir alguem baseado em “achismo”, e nem deixar de dar o direito ao aluno a ampla defesa e contraditório.

    2º) Quanto ao seu comentario pessoal “Eu, inclusive, expulsaria os dois”, eu nunca presenciei, nem ouvi falar de algum caso, em que, por motivo de uma suposta ‘cola’, algum aluno tenha sido expulso da escola. A punição deve ser proporcional ao ato cometido, e com toda certeza a expulsão do aluno, nesse caso, não seria uma opção.

    3º) Se fosse questionada na justiça, eu gostaria de saber como a professora comunicaria ao judicíario, sobre o fato dela ter enfiado a mão dentro da calça de um dos alunos, para pegar o celular a força, e se não bastasse, lêr uma mensagem privada, que ate onde eu sei, quebra de sigilo de correspondencia é um crime federal. Foi essa a forma que ela utilizou para obter o número de telefone do aluno que enviou a mensagem.

    4º) A escola a princípio não comunicou os responsaveis da menor sobre o fato, isso é inadmissível. E se não bastasse esse fato, os dirigentes da escola coagiram e constrangeram a menor. Os pais que tiverem a iniciativa de ligar para a escola e marcar uma reunião. A escola cometeu varios vícios durante todo o processo, e se o aluno fosse expulso alem de ganhar na justiça sua reintegração, entraríamos com uma ação por danos morais e possíveis materiais, no caso se a aluna viesse perder o ano escolar.

    OBS: Nós estamos tratando de menores, pedagogos não são policíais, eles devem orientar/ensinar seus alunos e ajuda-los da melhor forma possível. O que se esta sendo discutido aqui são atitudes tomadas por crianças em formação e não por adultos que respondem integralmente pelos atos.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/06/2010 - 20:47
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Agradeço por mais estas considerações. Ainda assim mantenho as minhas informações, e obrigado por contribuir novamente neste espaço.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/06/2010 - 23:59
    Enviado por: Marcia

    Boa noite,
    Hj liguei no Colegio solicitando o historico e certificado dos meus filhos que concluiram o ensino medio em 2006 e o outro em 2007,e tive uma supresa,disseram que havia 8 mensalidades em aberto,só que,nao encontrei o carne,que estão pagos,e por isso, estao segurando os documentos,como faço?Minha filha passou no concurso do estado e precisa da documentação,como vou provar que paguei?
    Fico grata se puder me responder.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 30/06/2010 - 23:49
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sem o carnê fica difícil provar. Você terá de entrar na Justiça, por meio de advogado, pedindo para que a escola prove que existem as mensalidades em aberto.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/06/2010 - 17:25
    Enviado por: Raquel

    Por favor me ajudem!!!! Estudei em um colégio aonde cursei o segundo ano do ensino médio, sendo que naum terminei …fui desistente por motivos de doença. Então me matriculei em um colegio particular no segundo ano do ensino médio, fiz o segundo e o terceiro ano, terminei agora em junho. Sendo que meu historico ainda não está pronto, tenho somente uma declaração do primeiro colegio dizendo que eu teria que ser matriculada no segundo ano do ensino medio.O curso particular nao quer me dar uma declaração de conclusão,porque ainda nao entreguei meu historico,arrumei um emprego e fa zfiz ate admissional, mais só posso fikar se levar essa declaração, que o curso não quer me dar. Tenho uma filha diabetica, adolescente, tenho muito gastos e nao vou conseguir esse emprego pq não querem me dar essa declaração. Eles podem me negar isso? alguem me responda , me da uma luz por favor, se for meu direito ter vou ao ministerio da educação. Obrigada!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 30/06/2010 - 23:24
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, podem negar, já que sua situação é irregular. A única maneira que vemos para tentar resolver, com chances reduzidas de sucesso, é contratar um advogado e tentar o documento na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 02/07/2010 - 09:35
    Enviado por: Roverson

    Olá Gostaria de saber eu paguei o boleto da faculdade UNIESP, do mes de junho 2x uma no valor certo que e de R$ 269,73 e a outra no valor errado no no valor R$ de 583,00 e ja pedir reembolso do valor e ele me falaram que nao pode devolver quesera descontado nbas mensalidade do proximos meses , mais nao estou estudando mais oque devo fazer isso ja faz 10 dia que estou correndo atraz isso
    grato

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/07/2010 - 20:02
    Enviado por: Giselda

    Boa Noite

    Gostaria de saber se o aluno no mês de julho pega trasferencia para outra escola é obrigado a pagar o mês na atual escola.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/07/2010 - 13:12
    Enviado por: Eudia

    Gostaria de saber se tenho q pagar a mensalidade de julho de escola particular ja q vou tirar pra escola publica.Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/07/2010 - 00:31
    Enviado por: Deyvson

    Olá, estou passando por um problema com a faculdade, pois eu era pensionista do inss pois meus pais morreram, sendo que esse ano o inss cortou meu beneficio e fiquei devendo a mensalidade de junho, agora em julho consegui um estagio e fui conversar com o financeiro da faculdade e contei minh situação pra ele mais ele mandou eu arrumar dinheiro emprestado e pagar, agora estou correndo risco de não continuar na faculdade, pois só posso me matricular quando a pendencia for quitada, o que devo fazer? a faculdade tem obrigação de parcelar ou ñ essa mensalidade? segundo o financeiro ele disse que ñ pois o semestre já passou, e que só podia parcelar as novas mensalidades.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/07/2010 - 00:44
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não há obrigatoriedade de parcelamento. A faculdade pode exigir a forma de pagamento que quiser e a rematrícula pode ser negada por conta do débito.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 26/07/2010 - 06:57
    Enviado por: Denise

    Bom dia, meu filho estudava em escola particular, porem sem condições de continuar pagando matriculei ele em escola pública, nesse ano não conseguir fazer a rematricula, tendo alegação dos documentos: histórico escolar e transferência da instituição particular. Tanto eu e meu filho fomos duas vezes a essa escola particular ver a questão da divída que chega aos 5.000 reais e com reajuste de cada dia chegou até o mês de março a mais de 8.000 reais, a escola propôs que eu tomasse emprestimo em banco e sem mais conversa, e que não poderia dar nem o histórico escolar e nem a transferência do meu filho sem nenhuma negociação primeiro da divída. Por outro lado a escola pública que meu filho estudou no ano de 2009 disse que só poderia fazer a rematrícula com a apresentação dos documentos exigidos. Meu filho está sem estudar até hoje, está passando por constrangimento, fará 18 anos em setembro, e sinto que ele está desmotivado pra tudo, sem esperança. Não tenho condições pra negociar, pois moro sozinha com meu filho, o pai dele não ajuda em nada, o que ganho no momento mal dá pra aluguel e comida, perco o sono e meu filho também, pois algumas pessoas falam que ele completando 18 anos não terá direito a revindicar mais nada. Estou deseperada se saber o que fazer. O que posso fazer antes que meu filho complete 18 anos e como faço pra essa escola particular entregar os documentos e a outra escola pública poder matricular ele de novo?
    Aguardo uma resposta pelo e-mail, por favor… Grata!!!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/07/2010 - 18:42
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma denúncia contra a escola particular na Delegacia Regional de Ensino, no Procon e, se for o caso, contrate um advogado acione na Justiça exigindo os documentos e pedindo indenização por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 03/08/2010 - 09:54
      Enviado por: Jéssica A. Bernardes

      Procure um advogado. Nenhuma escola por reter documentação…

      responder este comentário denunciar abuso
  • 26/07/2010 - 23:19
    Enviado por: Goreth Nogueira

    Oi, gostaria de saber se terei que pagar alguma taxa por não ter renovado a matrícula, mesmo estando com as mensalidades em dia? Sendo que irei sair da Faculdade.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/08/2010 - 13:29
    Enviado por: michelle

    Bom dia, estou no ultimo ano de faculdade paquei 3 anos e meio dideitinho e tive que parar de paga,agora que estou no ultimo ano a faculdade que que eu pague 4.450 e a matricola entao da 5.445 nao tenho como paga so posso paga a metade o que faso tenho que cumpli o estagio obrigatorio mas nao sei o que fazer, posso continuar a fazer o estagio sem paga a matricola.porfafor mim ajuda o que fasso nao posso para agora to no final do curso

    responder este comentário denunciar abuso

    • 02/08/2010 - 17:38
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A faculdade está correta, não tem obrigação de aceitar rematrícula de inadimplentes, já que rematrícula é um novo contrato. Só resta pagar.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 03/08/2010 - 09:47
    Enviado por: Jéssica A. Bernardes

    Tenho uma dívida na faculdade e no meio do mês de julho recebi a ligação da central da minha faculdade para efetuação do acordo. A moça informou que iria somar as parcelas em atraso e dividi-la para dar um valor de entrada de no mínimo 400,00 reais, após a afirmação do acordo efetuado, a moça informou que estaria disponível no site o meu boleto da rematrícula… Alguns dias depois e nada do boleto disponível no site. Então eu fui até a faculdade ontem e me apresentei para retirar o boleto da rematrícula, porém tive uma surpresa. A faculdade me informou que a moça da central errou ao incluir parcelar e deixando de fora a mensalidade de um mês anterior. Quando eu quis resolver na propria faculdade, as funcionárias me informaram que não poderiam fazer “absolutamente nada”. Me disseram pra resolver na central de antendimento. Quando eu disse que o erro era da faculdade, a moça falou em alto e bom tom: “A ERRADA é você, é VOCÊ quem tá devendo.” Me senti humilhada… Eu sai de lá ontem sem a solução, mesmo tendo esperado 2 horas e meia para ser atendida.

    Meu questionamento: Posso processar a faculdade por omissão de ajuda a solucionar o meu caso, afinal eu me matriculei na faculdade e não na central de atendimento. Também posso processo processar por danos morais, afinal fui humilhada na frente de alunos????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/09/2010 - 19:35
    Enviado por: Anna Paula de Almeida

    Boa noite.
    Gostaria de saber que providencias tomar contra a escola do meu filho, fiquei dois meses sem pagar a mensalidade,e eles não entregaram a apostila do bimestre para ele sendo que eu ja paguei a apostila. As provas estão chegando e sem a apostila ele não pode estudar para a prova.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/10/2010 - 19:18
    Enviado por: Washington Luiz

    Olá, tenho um divida na escola pois me responsabilizei por uma sobrinha, o oficial de justiça troxe a petição ou processo e deu prazo de 15 dias para falar com a Advogada da Escola para Fazer acordo..minha dúvida é se caso não houver acordo e for para a justiça, caso eu não consigo arcar com o estipulado pelo juiz o que pode acontercer. não tenho nenhum imóvel no meu nome, moro com minha sogra e não tenho nenhum móvel ou tv somente minhas roupas, trabalho e sou registrado. como a justiça procede nesses casos?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/10/2010 - 15:02
    Enviado por: Daniela Leandro

    Olá,meu filho estuda no Sesi,enviaram por ele alguns documentos para serem preeenchidos,mas não sei se ele perdeu esses papeis e não foram entregues em minhas mãos ,quando liguei no Sesi para saber dos papéis da Rematrícula me avisaram que já tinha passado a data de entrega e que eu poderia perder a vaga,disseram para eu aguardar,e que não posso fazer nada para reverter essa situação somente aguardar.Não me entregaram nem o boleto da Rematricula,por enquanto estou com a vaga indefinida.O que posso fazer?
    Obrigada pela atenção

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/10/2010 - 11:52
    Enviado por: Beatriz

    Boa tarde.Minha filha estuda em um escola particular, todo mes de outubro chega a rematricula,porem tenho uma duvida no papel diz q se eu n pagar a rematricula na data estipulada ela ficara sem vaga.A escola pode recusar uma criança de 7 anos de estudar?? sem nem ter terminado o ano????
    agradeço desde ja

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/10/2010 - 16:01
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Claro que pode. O aluno estudará atpe o fim do ano sem problemas, mas terá de procurar outra escola no ano seguinte.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 18/10/2010 - 15:33
    Enviado por: Ivanilde Nardelli

    Boa Tarde!
    Gostaria de tirar uma duvida, estou com as mensaidades em atrazo, de dois filhos, 4º e 6º ano; hoje foi entrega das apostilas e meus filhos não receberam.Porem o mais velho que ja entende, que quem não recebe é porque os pais estão inadimplentes chegou em casa muito chateado, essa situação na sala de aula é constrangedoura.
    constrangimento não é crime???
    O colegio pode fazer isso com o aluno?
    fico no aguardo… obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/10/2010 - 15:43
      Enviado por: Marcelo Moreira

      O colégio não pode fazer isso pela lei, como diz o texto onde você colocou a mensagem – embora devesse ter essa opção, em nossa opinião. Siga as instruções do texto para reclamar ao Procn e à Delegacia Regional de Ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 03/11/2010 - 14:00
    Enviado por: Jacqueline Moreira

    Estou com 5 mensalidades da universidade em atraso desde 08/2009 tentei fazer um acordo,mais o juros de o valor das prestações que ekes querem cobrar eu não posso pagar…o que devo fazer?Posso entrar com uma ação no juizado especial cilvel para pagar minhas mensalidades e tirar o meu nome do spc/serasa?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 04/11/2010 - 21:39
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não pode. Ou renegocia, ou paga ou fica inadimplente e fica com o nome sujo sujeito a processo. Procure um advogado e tente renegociar ou questionar a dívida na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/11/2010 - 23:50
    Enviado por: ursula

    eu terminei o ensino médio e agora essa escola está me cobrando $150,00 pra que meu nome saia no diário oficial gostaria de saber se é realmente correto eles
    me cobrarem esta taxa…obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/12/2010 - 14:42
    Enviado por: Glauce

    Preciso tirar uma dúvida.Por não estar satisfeita com o colégio dos meus filhos resolvi trocar de colégio e solicitei uma declaração surpresa fiquei qdo ao pegar a declaração constando qual a série que eles estavam cursando, veio também a informação de que éramos inadimplentes,estamos de fato com os meses de novembro e este mes de dezembro em atraso, estando ciente de que iremos pagar nesta semana com o recebimento do 13 salário de meu esposo.Não achei justo, tendo em vista que nunca ficamos mais de um mes atraso e sempre comunicávamos a diretoria qto ao ocorrido.Posso entrar na justiça por constrangimento tendo em vista que mesmo atrasando um pouco temos honrado com o pagamento da escola de nossos filhos por 5 anos?Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/12/2010 - 16:18
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pode-se entrar na Justiça por qualquer coisa e contra qualquer coisa. Não sabemos que declaração é essa. Sendo assim, não podemos dizer se é ou não ilegal constar a informação de inadimplência, coisa que você mesmo admite. Se achar que houve constrangimento, então procure um advogado e e avalie a conveniência de entrar na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
    • 15/12/2010 - 09:29
      Enviado por: Glauce

      Marcelo,a declaração era apenas para constar que minha filha cursou o primeiro ano no colégio, achei totalmente desnecessário e percebi que o interesse era me constranger pq ao comunicar a saída dos meus filhos o tratamento conosco mudou e não sou obrigada a permanecer meus filhos num colégio onde discordo dos métodos aplicados.Como pago juros de mais de 10% de atraso e minha filha estudou lá por 5 anos e não somos pais que pagam a primeira mensalidade e trocamos de escola, acho que ela agiu de má fé tendo em vista o atraso de apenas 1 mes e meio.Enfim hoje acertamos o colégio, mas o constrangimento na outra escola foi inevitável.Glauce

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/12/2010 - 13:06
    Enviado por: Augusto Soeiro

    Faço curso de pós-graduação de 24 meses e só paguei as cinco primeiras. Tenho fiador, mas este não pode mais pagar. O curso termina em fevereiro de 2011 e tenho que ter o diploma para exercer a profissão. A entrega de duas disciplinas e do diploma dependem de um “NADA” CONSTA emitido pelo “financeiro”. O que faço?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/12/2010 - 16:19
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Primeiro, arrume um jeito de pagar. Estudar de graça em escola privada não existe. Se ainda houver parcelas em atraso e a instituição se recusar a dar o diploma, faça uma denúncia na Delegacia Regional de Ensino e procure um adovgado para tentar o documento na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/12/2010 - 16:20
    Enviado por: janaina

    oi boa tarde , quero esclarecer uma duvida escola particular pode deixar de divulgar as notas do simestre porq tem mensalidade atrazada as notas da minha filha é entregue na sala de aula todos os alunos receberão as notas como a mensalidade dela esta em atrazo ela não pegou suas notas isso é certo , pra mim ela foi costrangida ela que tem apenas 10 anos , dai outra coisa fui efetuar os pagamentos em atrazo dai tinhão mandado a divida para um adivogado isso pode ser feito vou ter que pagar os honorarios todos !!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/01/2011 - 01:43
    Enviado por: antonia elisangela

    BOM DIA

    ESTOU SOFRENDO ME PERGUNTANDO PRECISO MUITO TIRAR ESSA DUVIDA UMA ESCOLA PARTICULAR PODE RECUZAR A REMATRICULA DE UM ALUNO DE 9 ANOS , POIS MEU FILHO ESTOU 1 ANO NESSA ESCOLA E NÃO TEVE UM BOM COMPORTAMENTO POSSO EXPLICAR TUDO APOS ESSA DUVIDA SER TIRADA , ESTAMOS COM EMOCIONAL ABALADO JA PERDIR VARIAS NOITES DE SONO ATE ESSE MOMENTO NÃO ENCONTREI ESCOLA PRA ELE , PRECISANDO DE AJUDA COMO RESOLVER ISSO ONDE QUEM PODE ME AJUDAR ;

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/01/2011 - 01:47
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não podemos ajudar. A escola tem todo o direito de recusar a matrícula, não é obrigada a aceitar quem quer que seja como cliente – desde que não haja constrangimento.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/01/2011 - 02:03
    Enviado por: antonia elisangela

    devido o comportamento do meu filho de 9 anos a escola particular não aceitou a rematricula isso e legal , preciso saber , preciso de ajuda estamos comemocional abalado ja varias noites perdir sono

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/01/2011 - 16:44
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Sim, é legal, como já foi repsondido antes. Nenhuma empresa é obrigada a aceitar quem quer que seja como cliente.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/01/2011 - 15:43
    Enviado por: Patrícia Helen

    Frequento um curso EAD em Gestão de Processos Gerenciais, o curso tem duração de 2 anos e meio, concluo meu curso em mai/11, porém tenho R$ 2000,00 em parcelas de mensalidade em aberto. Estou tentando negociar com a Universidade o pagamento dessa dívida desde nov/10 data em que meu esposo conseguiu um novo emprego, nesta época a dívida estava em aprox. R$ 800,00. Mas eles recusam-se a parcelar esta dívida. Não tenho condições de quitá-la em uma única parcela, mas parcelado farei com maior prazer, mas não obtenho êxito, não consigo nem resposta aos meus e-mails. Gostaria de saber que providências posso tomar, não sendo quitar a dívida em parcela única é claro? Posso pagar em juízo? Mas e minha formatura? Não me permitirem rematrícula e já paguei parte da formatura também.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/01/2011 - 16:20
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A faculdade tem o direito de exigir o pagamento da forma como quiser – embora não seja uma atitide das mais inteligentes, mas é direito da empresa. Não há nada de ilegal no procedimento. A única coisa a fazer é tentar, por m eio de advogado, questionar a dívida na Justiça para forçar uma nova negociação. A faculdade não pode impedir a formatura por conta da inadimplência – embora devesse ter esse direito. A escola, no entanto, pode recusar a rematrícula.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 18/01/2011 - 09:14
    Enviado por: Thais Lourenço

    Bom Dia! A Universidade em que estudo está barrando os alunos por quantidade de dp, eles alegam que está registrado em uma resolução interna, mas essa resolução foi feita ano passado. É certo barrar os alunos? Gostaria de saber se está certo, pois tem alunos que tem bolsas ou descontos e se eles param para fazer a dependencias quando voltam é diminuido o valor da bolsa ou do desconto?. O valor de cada dependencia é o mesmo que da mensalidade integral, está correto ser tão cara as dependencias? Os alunos que estudam de manha se forem parar para fazer a dependencia, só poderá fazer no periodo noturno porque de manhã não abre turma. Muitos dos que tem dependencia trabalham e não podem mudar de horário, então vão arrastando suas dps até o final, mas agora a universidade está barrando. O que podemos fazer? Tirando que na universiade tem dp de férias, mas não abre para todos a matérias.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/01/2011 - 17:24
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Lamento, essa não é uma questão de defesa do consumidor, é questão pedagógica e educacional. Procure a Delegacia REgional de Ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/01/2011 - 14:27
    Enviado por: Petála

    Olá,
    tenho ensino superior incompleto na área de educação,mas já leciono.Trabalho numa escola da rede particular com carga horária de 30horas/semanais.Ano passado quando comecei a trabalhar assinei um contrato de prestação de serviço de 1 ano.A escola não me deu nenhuma cópia do contrato e nem dos comprovantes de pagamentos. já questionei, mas nunca foi dado,logo não possuo nenhum desses documentos.O problema é que a escola tem 4 meses sem me pagar, não dá uma justificativa,faz descaso e não tem previsão de pagamento. Diante dessa situação estou com varias dividas, inclusive não tenho dinheiro para pagar a minha matricula desse semestre a qual está pendente.Gostaria de saber que medidas posso tomar para colocar a escola na justiça. Não aguento mais!!!Me ajude.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/01/2011 - 21:01
    Enviado por: Ana Isabel

    olá, queria tirar uma duvida. paguei minha mensalidade de dezembro em uma loterica, e a funcionaria digitou o codigo de barra errado causando um erro enorme!!!com o erro dela foi paga a mensalidade de outra aluna.
    ja fui na faculdade 3 vezes e eles me passam que ja entraram em contatato com a aluna e ela falou que também pagou so que ainda não levou o comprovante dela.
    a instituição se nega a resolver o problema de outra forma. Ja estou cansada de ir na faculdade e não é resolvido nada, me falaram até que não vou ficar na minha sala pois até agora no meu sistema consta a parcela em aberto e detalhe ja ate paguei a rématricula.
    séra que realmente eles não podem ver se foi pago duas vezes a mensalidade da outra aluna e assim resolver tudo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/01/2011 - 18:44
    Enviado por: Raul Petra

    Estive no Clégio dos meus filhos para renovar as matriculas.Pra minha surpresa não quiseram realizar a matrícula de um deles alegando não haver mais vagas para aquela série.Portanto só pude rematricular a mais velha.
    Pergunto:o colégio tem o direito de impedir a matricula de um dos meus filhos mesmo este sendo já aluno do colégio?Posso recorrer a justiça e através de uma Liminar garantir seu ingresso no colégio?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/01/2011 - 23:07
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Claro que tem esse direito. Além de não ser obrigado a aceitar quem quer que seja como cliente, a escola tem o direito de limitar aas vagas de cada classe. Recorrer à Justiça neste é absurdo e inútil, em nossa opinião.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/01/2011 - 16:10
    Enviado por: Maria Regina Pereira

    Preciso de uma orientação, por gentileza. Comecei um curso de Letras EAD, 06 semestres em 25 de abril/08. Paguei a primeira mensalidade em abril/08. Completará 36 mensalidades, já que o curso é em 03 anos, em março/11. A faculdade quer cobrar mensalidades até junho/11, já gerou boleto de janeiro a junho/11 e disponibilizou um requerimento de matrícula, para preenchimento pelos alunos, com o valor de 06 parcelas. O requerimento solicita matrícula para o semestre de 2011.1. Pode se pagar 39 mensalidades em um curso de 06 semestres? Muito grata! Mare

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/01/2011 - 16:31
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não dá para entender a mensagem. Em nenhum momento você menciona as mensalidades adicionais, exceto na última linha. Qual a explicação da faculdade? O que diz a matrícula?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/01/2011 - 07:47
    Enviado por: rosinete lopes

    fiz acordo com a escola do meu filho e não cumpri,perdi o empreogo.hoje ele é maior(19 anos) e quer fazerfaculdade nesta instituição e ele é quem vai pagar pois trabalha.ele pode?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 31/01/2011 - 16:18
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pode, assim como a faculdade pode recusá-lo, já que nenhuma empresa é obrigada a aceitar quem quer que seja como cliente.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 31/01/2011 - 14:00
    Enviado por: LEANDRO DA ROCHA

    GOSTARIA DE ESCLARECER FUI ATE A ESCOLA ONDE TENNHO DOIS FILHOS MATRICULADOS UM JA CURSA 4 ANOS E MEIO E O OUTRO 1 ANO.NA HORA DE REMATRICULAR A ESCOLA NAO QUIS E SE EU TIVESSE INTERESSE SO NO PERIODO DA MANHA.ELES ESTAO ALEGANDO QUE NO ANO DE 2010 NO QUAL MINHA ESPOSA ESTEVE GESTANTE MEUS FILHOS CRIARAM ALGUMAS SITUAÇOES E ACHAVAM QUE POR MELHOR NEM MATRICULAR E NENHUM DOS DOIS PERIODOS E QUE TIVE 3 MESES DE INADIMPLENCIA COM A ESCOLA.ESTA PRATICA ESTA CORRETA?SERA QUE ESCOLA NAO ESTA PRATICANDO O ” BULLYING”?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/01/2011 - 16:16
    Enviado por: William Alvares Pereira

    tenho uma duvida estuda na unilago em rio preto tenho uma divida de duas parcelas com a faculdade eu e minha esposas,mais conversando com a faculdade eles não querem deixar nos fazermos a rematricula desse ano, estou desempregado,mais quero estudar para voltar eles querem os valores dasparcelas atrazadas juntasem parcelas com os valores do proximo semestre oqueposso fazer

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/02/2011 - 19:32
    Enviado por: Sandra Dias

    Boa noite, meu filho estuda em uma escola particular, e a escola esta cobrando uma taxa de xerox no valor de R$30,00 .
    Gostaria de saber se isso é legal, ou é a escola que tem que
    arcar com isso, afinal não pagamos barato a mensalidade.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 01/02/2011 - 23:25
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não existe lei que proíba a cobrança desta taxa. Não achamos que e abusico, mas se quiser insistir, consulte o Procon.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/02/2011 - 11:18
    Enviado por: eliane m

    ola minha filha estuda em um colegio particular e não liberaram os materiais dela,dizendo que não parcelam `só vão liberar com pagamento a vista isto está correto,o que posso fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/02/2011 - 21:45
    Enviado por: Jaqueline Nogueira da Silva

    A faculdade que eu cursei é ead- da Ulbra, fiz todo o curso, passei em todas as matérias,estou esperando apenas a colação de grau, no entanto, eles perderam uma das minhas notas, tenho como provar que fiz as provas, porém, eles se recusam a públicar minha nota. Passei recentemente em um concurso público,porém, não posso assumir o cargo por causa desse erro. Posso processar a faculdade, já que eles se recusam a públicar esta nota.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/02/2011 - 10:41
    Enviado por: Alessandra

    meus filhos estudaram num colegio no interior de SP,como saimos da empresa q trabalhavamos,precisamos mudar de cidade,o colégio que ficou na responsab da empresa, após negociação de transferencia, para pgto não foi quitado, ainda não tive condições de fazer isso, até pq não contava com a divida. Enviei um email para o colégio essa semana pedindo o historico escola, pois não tinha retirdo ainda desde a transferencia deles. Hoje recebi a resposta do colégio dizendo que o hisorico se encontra na mão da advogada, me passaram o endereço e telefone dela mandando resolver com ela e retirar com ela esse documento.
    Como posso resolver isso? Tinha a informação que o colégio não pode reter documentação desse tipo mesmo com divida. O que eu faço para resolver, já que não tenho como fazer essa negociação de pgto imediata pq não terei condições de cumprir enqt estiver sem emprego?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/02/2011 - 23:48
    Enviado por: Gleyson

    Me formei numa faculdade particular no final de 2007. Tive problemas financeiros enão paguei o último semestre. Já fui algumas vezes na faculdade tentar pegar o Diploma de conclusão, porém a faculdade se nega a fornecer. A responsável pelo financeiro da faculdade me informou na ultima segunda-feira que eu so terei meu Diploma se eu pagar a vista na própia faculdade com todas as multas ou so depois de fazer o parcelamento da dívida numa empresa contrada pela faculdade para resolver os problemas de débito. Fui informado que só terei o diploma ao pagar a vista ou no término do parcelamento. Isso é legal prender o Diploma, o que eu posso fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/02/2011 - 01:02
    Enviado por: Luna

    Olá,gostaria de tirar uma dúvida,tenho um filho de 3 anos que estuda no Colégio Sacramentinas em Salvador Bahia onde no qual sua professoa lhe fez passar por um grande constrangimento,estavam todos os seu coleguinhas fazendo uma atividade de desenho na aula,todos com seu caderno de desenho,menos meu filho,a professoa alegou a ele que não daria a ele porque não tinha na escola o dele,sendo que ele possuia sim esse caderno de desenho,mais por falta de atenção da mesma não observou que ele tinha o caderno de desenho.Eu como mãe estou muito indignada,oque devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/02/2011 - 22:45
    Enviado por: Eliane

    minha filha foi matriculada em uma unidade particular exercendo a 5º serie 6º ano pelo padrinho e o mesmo não pagou as 6 utimas parcela, pedi a escola a transferencia dela ,matriculei em uma unidade do estado com a transferencia , a unidade do estado esta me exigindo o historico escolar para comprovar a série da mesma , procurei a escola particular e a mesma mandou eu procurar os meus direitos , mesmo informando o codigo penal , esta me exigindo o pagamento por ser mãe , mesmo que a pessou que se prontificou a pagar as parcelas é o padrinho, o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/03/2011 - 18:48
    Enviado por: rosemeire

    Minha filha tem 09 anos e estuda em uma escola particular no ano de 2010 meu marido ficou desempregado e atrasamos as
    mensalidades e minha filha ficou privada das apostilas do 2º bimestre, mas terminou o ano letivo aprovada. A divida foi transferida para um escritório de cobrança e minha filha está sem estudar até agora, pois não temos condições de cumprir o acordo feito pelo escritório de cobrança . Isto está correto deixar a criança sem estudar? O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/03/2011 - 19:18
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A escola tem o direito de recusar a rematrícula. Só resta tentar renegociar a dívida ou tentar questionar a recusa da escola na Justiça, com chances quase nulas de sucesso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 12/03/2011 - 00:20
    Enviado por: valdenice

    no dia 20/08/2010 coloquei minha filha numa escolinha particular desde então eu tive que pagar os dias que ela ficou antes do dia 20 e o mês fechado,agora dia20/03/2011 a minha filha vai sair da escolinha e a dona da escolinha alego que eu tenho que pagar a mensalidade dia 20,eu quero saber se o que ela disse é verdade eu tenho que pagar novamente ou ja esta pago este mês.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/03/2011 - 16:54
    Enviado por: bianca

    Boa tarde,
    gostaria de saber como devo proceder com e escola do meu irmao que esta cobrando 10% de multa quando atraso a mensalidade.
    Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/03/2011 - 17:03
    Enviado por: ELIZA

    olá,eu fiz a minha matricula na faculdade 1 mes e meio atrasada,pq n tinha condiçoes de pagar no começo do semestre de janeiro,no entanto fiz a minha matricula na terça feira dia 15 de março,fui conversar com o professor e este me deixou falando sozinha e nao quis me ouvir,fui ate a mesa dele p falar sobre um trabalho q eu perdi, e ele disse q n ia kerer meu trabalho,em relaçao a isso tudo bem,nenhum professor precisa fazer isso,so que ele ainda começou a falar das faltas q eu poderia ter,me privou de certa forma deu continuar a estudar,falou que n tinha jeito de estudar pq ja tinha reprovado por faltas,fiquei muito constrangida com isso, porque se eu reprovasse, entao pq aceitaram a minha matricula?,tinha dois colegas que estavao perto ,ele foi ignorante comigo,fui tentar falar com o diretor,eu pedi a ele se poderia falar comigo,e ele disse o seguinte:-”é importante?”falei q era sim,e ele me disse ”porque as vezes pode ser importante pra vc e nao pode ser importante p mim,porque eu to ocupado,fiquei muito mal com isso,comecei a chorar e ele estava com cara de nao estar nem ai pro meu problema,ou seja,ambos me trataram mal,isso pode considerar constrangimento?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2011 - 14:05
    Enviado por: silvia

    ola!!! eu tenho 8 meses ki estou no curso de emfermagen e pela 1º vez atrasei a propietaria disse que nao tinha nem um problema mais kuando eu fui pagar tinha ki ser 100 R$ ela keria mim cobrar 150R$ alegando a ser juros sendo ki eu so atrasei 4 dias ate hj nao paguei e ela disse ke nao ia deixar ki eu fizesse a pova quais sao os meus direitos??sendo que vnceu no dia 16 de março e eu fui pagar no dia 20.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/03/2011 - 18:20
    Enviado por: Ronie Cristhian

    Boa Noite,

    Eu, estudande de arquitetura da faculdade do nordeste (FANOR) no simestre passado (2010.2) cursei 3 cadeiras e paguei o simestri normal, apenas o mês de novembro aconteceram imprevistos e não pude pagar, dezembro paguei normal, Mês de janeiro 2011.1 paguei a matricula normalmente mesmo tendo um debito do ano anterior. Fui a facudade escolher as matérias na qual iria cursar e negociar o mês em atraso (novembro 2010). a facudade informou que como eu tinha um debito do mês de novembro, não poderia me escrever em neuma cadeira sem antes quitar minha divida, fui negiciar a divida, a facudade disse que não tinha negociação pois se tratava apenas de 1 mês, para negociação teria que atrazar 3 mêses.
    fui prejudicado não pude estudar mesmo tendo pague a matricula.
    O QUE FAZER?
    QUAL O MEU DIREITO?
    AGRADEÇO PELA ATENÇÃO.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/03/2011 - 18:32
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A faculdade está com a razão. Rematrícula é uma nova matrícula, portanto pode ser recusada em caso de inadimplência. O que fazer? Pague.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/03/2011 - 20:08
    Enviado por: Ronie Cristhian

    Mas eu paguei a matricula, eu não tenho o direito de estudar? pois fui barrado de escolher as disciplinas e de assistir as aulas.. kd o direito do consumidor?

    eles irão devolver o dinheiro? na qual eu paguei e não pude consumir…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/03/2011 - 10:32
    Enviado por: Tania Cristina

    Bom dia, gostaria de tirar uma duvida, meu filho hj com 5 anos estuda em uma escola particular, no ano de 2009/2010 estive desempregada e não consegui pagar as mensalidades, porem no final de 2010 com novo emprego, consegui um emprestimo e quitei uma boa parte dessa divida,ficou faltando um valor o qual estou tentando pagar,recentemente recebi um comunicado na agenda do meu filho informando que caso não fosse feito o meu comparecimento na escola ele não poderia frequentar mais as aulas,estive em janeiro conversando com a diretora e em fevereiro recebi esse comunicado, aos poucos estou pagando as mensalidades,porem com o desconto do emprestimo estou tentanto honrar esse compromisso, porem para minha surpresa noto que a diretora como me disse não faz questão de ter ele na escola como também me disse, a direção da escola pode proibir ele de frequentar as aulas?mesmo eu tentando pagar aos poucos pode a diretora fazer isso?quanto aos pagamentos feitos até o momento não recebi nenhum recido,deixei um cheque do pagamento de fevereiro e não recebi a devolução desse cheque,quais as medidas que podem ser adotadas para isso?pois não estou fugindo dos pagamentos, porem estou em dificultade mais estou tentando pagar,pois meu filho desde os 2 anos está nessa escola e nunca passei por essa situação de pagamentos em aberto na escola.Fico no aguardo e obrigado.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 29/03/2011 - 17:40
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A escola pode recusar a rematrícula. Se aceitou a renovação da matrícula, não pode impedi-lo de frequentar as aulas. Leia a reportagem onde colocou a mensagem.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/03/2011 - 11:17
    Enviado por: andrea

    Oi! Gostaria de saber se eu matricular meu filho em fevereiro ,tenho que pagar a mensalidade de janeiro?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/03/2011 - 19:05
    Enviado por: marcelo

    boa noite,

    tira duvidas,

    fiz a matricula na facudade de 996,16 reais, paguei sem neum problemas a facudade aceitou. mas na hora de escolher as disciplinas a facudade impedio pois tenho um debito do ano passado.

    a facudade pode aceitar a matricula do aluno inadiplente e depois barrar ele de estudar alegando que ele tem uma divida em atraso do simestre anterior?

    grato

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/03/2011 - 16:37
    Enviado por: Marcos Tavares

    Boa tarde!

    Terminei minha Graduação em uma Faculdade Particular em Junho/2008 e estou fazendo uma Pós Graduação à 1 ano e 3 meses na mesma faculdade, mas infelismente agora a Instituição está negando a entrega do meu Certificado, pois alegam que não consta no sistema o pagamento do último semestre completo (Janeiro/2008 a Junho/2008), infelismente não possuo mais os comprovantes de pagamento do período, mas anteriormente a Faculdade já me forneceu uma Declaração de Conclusão do Curso. Se eu realmente não tivesse pago esse período que estão alegando, eles não teriam me matriculado na Pós Graduação. Qual medida eu devo tomar?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 30/03/2011 - 16:57
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procure um advogado e faça uma reclamação na Delegacia Regional de Ensino. E aproveite para ler o texto da reportagem com atenção.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 30/03/2011 - 19:21
    Enviado por: Terezinha

    Olá tenho uma filha está estudando em um colégio particular mas não estou satisfeita e quero mudar nesse caso eu tenho que pagar o material didático do colégio? ela está estudando há 2 meses nesse colégio.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/04/2011 - 00:24
    Enviado por: Cristian

    Boa Noite,
    Conclui meu 2ª grau há 4 anos e hoje por mudar de emprego venho a necessitar de uma declaração, diploma e ou Histórico Escolar, procurei a secretaria da instituição é é particular e vale resaltar deixei uma dívida de 3 ou 4 parcelas sem pagar. Recebi a informação que para obter os documentos eu teria que quitar a dívida toda e ainda pagar R$200,00 pelo Diploma, gostaria de deixar claro que é do meu interesse quitar sim a dívida mas também gostaria da ajuda de alguém para saber até que ponto isso procede e qual o meu direito em solicitar os documentos já que necessito dos mesmos para emprego.
    Att,
    Cristian

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/04/2011 - 13:16
    Enviado por: Bruno

    Boa tarde

    Eu resolvi fazer trancamento da minha matrícula de uma universidade particular no final de fevereiro desse ano sendo que eu estava com a mensalidade do mesmo mês de fevereiro pendende, e mesmo assim fui informado pela minha instituição que o processo de trancamento não iria fazer cobrança da minha última mensalidade. Agora que se passou quase 2 meses, fui informado essa semana por e-mail que a minha matrícula não pode ser trancada por não ter efetuado o pagamento do mês de fevereiro, e o pior de tudo é que no período se gerou mais duas mensalidades de março e de abril e agora estão me cobrando esses 3 meses sem o direito de minha resposta.

    Como devo recorrer à essa situação ?

    Grato

    responder este comentário denunciar abuso

    • 04/04/2011 - 15:39
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma reclamação no Procon, já que você recebeu informãção errada, não é possível trancar com débitos pendentes.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/04/2011 - 12:58
    Enviado por: Patricia

    minha filha tem 10 anos e estuda em uma escola particular, devido a um difícil período financeiro, atrasamos 3 parcelas da mensalidade da escola de minha filha,ela tem 10 anos e essa semana entregariam o livro didático, pedi a diretora que nao deixasse minha filha sem o livro, pois nao queria que ela passasse por esse constrangimento, fazem 5 anos que ela estuda lá e nunca aconteceu esse problema, hoje entregaram o livro e minha filha ficou sem, passando vergonha perante os amiguinhos, pois todos receberam e ela nao, ficando entao atrasada em suas tarefas que sao feitas pelo livro, estou muito chateada, nao queria que ela passasse por esse constrangimento, oq faço, quais meus direitos?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/04/2011 - 17:09
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Leia com atenção o texto onde colocou a mensagem. Depois procure o Procn e denuncie a escola, ou procure um advogado para processar o estabelecimento.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 14/04/2011 - 14:27
    Enviado por: Rocha

    Boa tarde,

    Faço um curso profissionalizante (téc. enfermagem) numa escola particular, porém pelo fato de estar inadimplente, não fui informada de realização de estágio, e agora a escola me informou que perdi o período do estágio e que tenho que contratar um professor extra para realizar tal estágio. Isto pode acontecer? quais meus direitos? o que eu faço?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 14/04/2011 - 16:57
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Em nosso entendimento não há irregularidade alguma, ams essa é uma quetsão pedagógica, e não de direito do consumidor. Procure a Delegacia Regional de Ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 19/04/2011 - 11:47
    Enviado por: Eliana

    Estou com debito no colegio da minha filha de 10 anos
    estou passando por dificuldades finaceiras quero colocala
    no colegio publico
    tenho direito de pegar que documentos?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/04/2011 - 20:57
    Enviado por: Eliana

    Estou com debito no colegio da minha filha de 10 anos
    estou passando por dificuldades finaceiras quero colocala
    no colegio publico
    tenho direito de pegar o historico escolar e tranferincia para matricular ela no colegio publico mesmo estando com debito?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/04/2011 - 17:22
    Enviado por: vanessa

    Ola..
    A faculdade em que estudo não cadastrou meu curso no programa prouni,então a faculdade ofereceu a bolsa pra quem obteve a maior nota no enem ,por obter a maior nota ganhei a bolsa de integral, no entenado depois de cinco meses os papeis precisaram ser renovadoe e foi falado que minha bolsa não teria mais nada a ver com a nota no prouni,ganhei apenas uma bolsa de 50% como não consegui pagar nos meses de outubro, novembri e dezembro quando fui renovar os papeis da minha bolsa obtive a recusa por inadimplencia ,paguei os meses atrasados e entrei com uma carta para revisão de bolsa já que no edital de bolsas não tinha nenhum item falando a respeito de inadimplencia,entrei em contato com a faculdade e eles falaram que eles preferiam dar bolsas a quem fosse pagar corretamente e que eu não teria minha bolsa novamente é correto essa atitude da faculdade?

    obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/04/2011 - 15:47
    Enviado por: Fernanda Barreto

    Boa tarde,
    Sou proprietária de uma Escola particular e queria tirar uma duvida.
    Eu posso ligar para o responsável financeiro do aluno para informar que ele está em debito com a Escola e lembrar que regi no contrato que depois de 90 dias o seu nome pode ser inserido no SERASA/SPC?
    Desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/04/2011 - 14:40
    Enviado por: Renata

    Boa tarde!! gostaria q me ajudassem em uma duvida. tenho uma inadimplencia de 4.000,00 com uma faculdade particular porque fiquei desempregada e nao tive como cumprir. nao frequento mais a faculdade, por esse fato. a faculdade pode mover ação judicial por esse motivo?? pressionando a execução de bens em meu nome?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 29/04/2011 - 16:25
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não só pode como tem que fazer isso e vai fazer isso, já que existe uma dívida. Com certeza vai pedir, com toda a razão, a penhora de bens.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 04/05/2011 - 10:56
    Enviado por: regina

    gostaria de saber se é certo cobrarem uma taxa de cinco reais pela declaração de escola particular.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/05/2011 - 16:37
    Enviado por: Bruno

    Sou eu novamente. Estou com o mesmo problema de antes onde relatei aqui no dia 02/04 e já paguei todas as minhas dívidas pendentes da minha faculdade, mas mesmo assim eles ainda estão me enviando boleto cobrando as mensalidades mais recentes sob ameaças de enviar o meu nome para SERASA e não estão querendo trancar a minha matrícula que foi solicitado em fevereiro, e a péssima administração da minha faculdade e do meu campus não me dão sequer uma comunicação à respeito desse problema.

    Como devo recorrer à essa situação ?

    Grato

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/05/2011 - 15:12
    Enviado por: Raimundo Araújo

    Boa tarde,

    este ano matriculei meu filho em uma escola particular, foi divido o material escolar em 4 prestações de 119,00, paguei a primeira e não paguei a 2 prestação, no mês de maio todos os alunos receberão a apostila do 2º bimestre, meno o meu filho, fui até a escola e os mesmos disseram que ele não receberia por falta de pagamento, no caso a 2º parcela, tentei negociar para uma data e os mesmos não concordaram, então o meu filho ficou duas semanas sem a apostila, inclusive o mesmo estar envergonhado na sala e durante este período faltou, com vergonha pois era o único que não tinha material, 15 dias depois paguei a 2º parcela que estava em atraso com o devido juros e multa, e pague tb logo a 3º parcela que ainda iria vencer, fui até o colégio com os comprovantes de pagamento, agora a escolas diz que não tem material, acabou o material, que ainda vai chegar, ou seja meu filho perderá ainda mais dias, além dos 10 dias que os mesmos passou sem o material por estar com 1(uma) parcela em atraso. Quero processar a escola, posso ???? é cabível, ou a escola tem este direito, ao meu ver é constrangimento.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/05/2011 - 15:16
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pode-se processar qualquer um por qualquer coisa. Se acha que houve constrangimento ao aluno e que a escola está errada, então procure um advogado e vá à Justiça. Seja como for, a escola tem de fornecer material para todos os alunos a qualquer hora, e a qualquer tempo.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/05/2011 - 15:02
    Enviado por: érika

    olá boa tarde, preciso de uma ajuda eu estudei em uma escola particular no rio de janeiro, sendo que vim mora em belo horizonte, esta semana fui buscar um certificado é escola me disse que teria que pagar por 20 reais e paguei o certificado mais sendo que não reparei a data, estava com data deis da época que eu terminei sendo que eu preciso deste documento pra dar entrada no meu coren é outra eles alegam que pra mim tirar meu diploma tenho que pagar 220 reias por ele sendo que não tenho este dinheiro pra ficar pagando estas coisas. me ajuda por favor!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/05/2011 - 12:10
    Enviado por: MVS - CABO FRIO - RJ

    Olá Bom dia, meu filho estuda em escola particular, tenho dois cheques com eles para serem resgatados, do ano de 2010, porém o ano de 2011 está em dia, o meu filho pode ser impedido de entrar na escola para assistir as aulas normalmente, ele tem 9 anos, estou negociando com a escola o resgate dos mesmos.

    Obrigado,
    MVS.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/05/2011 - 17:24
    Enviado por: hugo baldissara

    ola, cancelei minha matricula na faculdade, tenho o papel do cancelamento, mais a faculdade continua a mandar boleto e colocou meu nome no spc. mesmo que eu ja tenha meu nome no spc por outa coisa , posso processar a faculdade? Eles ligaram pra mim e eu ja disse que tenho documento que comprova o cancelamento da matricula, mas eles continuam mandando boeto pra mim. o que posso fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/05/2011 - 15:33
    Enviado por: Deuzane Marques

    Por favor me ajudem. Sou tia e Madrinha de um aluno do 5º ano do ensino fundamental o nome do aluno é Gabriel Marques Anselmo Barbosa, na tarde da quinta-feira, dia 19 de maio de 2011, minha mãe passava, por acaso em frente a escola Centro Educacional Oliveira Sá, onde o meu afilhado estuda e viu o menino juntamente com mais dois colegas no meio da rua em frente á escola, isso era por volta de 15:00 hs e a aula vai até ás 17:00 hs, quando perguntados sobre o que havia ocorrido os meninos afirmaram que a professora havia os colocado para fora da escola e fechado a porta, enfatizo que são crianças pequenas, por volta de oito anos de idade, e que os pais não foram avisados, independente do que essas crianças tenham feito eles estão sob responsabilidade da escola até o momento em que os pais vêm pegá-los. Minha mãe foi conversar com o diretor e perguntou o que havia acontecido, o mesmo munido de muitas grosserias afirmou apenas que já havia colocado os meninos para fora a mais de meia hora e não queria que eles ficassem nas proximidades da escola, quando contestado por um dos meninos ele foi ainda mais vigoroso em seu despreparo discutindo ferozmente com uma criança de nove anos de idade. Diante do relato minha mãe, avó do Gabriel foi conversar com a professora que de maneira insensata afirmou que os garotos haviam criado confusão com os colegas e que ela os pôs para fora porque não os aguentava mais, quando perguntada se ela não se preocupara com o que poderia ocorrer com os meninos, uma vez que se trata de uma rua com intensa movimentação de carros além dos outros riscos eminentes, a professora limitou-se a dizer que a escola não tem obrigação nenhuma com os alunos depois que eles saem da instituição. Ora! De que maneira os pais poderiam saber que seus filhos não estariam dentro da escola se os mesmos não foram sequer avisados? A escola dispõe de espaço físico minúsculo onde as crianças não têm espaço para brincar e o pior professores inabilitados, maior parte deles não são nem graduados Sinto-me indignada com o ocorrido e gostaria de saber o que devo fazer a fim de evitar que outras crianças passem por tal perigo e constrangimento. Obrigada!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 23/05/2011 - 16:01
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não podemos ajudar, essa é uma questão pedagógica, e não de defesa do consumidor.Procure a delegacia regional de ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 24/05/2011 - 12:05
    Enviado por: Roberta Valente

    Bom dia, gostaria de saber, se posso entrar com ação de cobrança, contra os pais que se encontram inadimplentes a mais de seis meses com uma escola particular infantil? existe um contrato e notas promissórias, como devo proceder, ação de cobrança ou execução? Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/05/2011 - 10:30
    Enviado por: Robson Lucas

    Minha filha de 11 anos foi convidada por suas amigas do colégio onde estudava a assistir os jogos internos. Ao chegar, sua entrada foi autorizada por um funcionário. Chegando ao pátio, foi abordada de forma inadequada por um dos inspetores, perante os colegas, ferindo o Estatuto da Criança e do Adolescente, onde foi informada que estaria faltando com o respeito já que trajava uniforme de outro colégio. Foi obrigada a tirar o uniforme e usar uma roupa emprestada de uma colega. Informo que no regimento interno do colégio não consta este tipo de proibição e nenhum tipo de aviso aos visitantes.
    A que instância posso recorrer para que o colégio seja punido
    por esta atitude?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/06/2011 - 11:41
    Enviado por: joilma

    Bom dia!!gostaria q me ajudassem faço faculdade em uma determinada instituiçao na qual estou no 9 semestre,em 2011.2terminaria o meu curso,só que ao cair houve um ligamento no tornozelo me deixando com dificuldades de caminhar devido as dores e inchaço mesmo assim continuei frequentando aulas so que devido as escada eu nao conseguia colocar o pe no chao eu chorava em sala de aula ainda tinha as praticas que ficava afstada do estabelecimento de ensino onde tem varias escadas onde tenho que descer e subi-las varias vezes ao dia nao tendo mas condiçoes de frequentar aulas entrei com um requerimento pois o medico me proibio de descer e subir escadas devido o ligamento, encaminhando a seçoes de fisioterapias.No requerimento apresentei tudo do que era preciso,atestado medico até fotos do pé isso no imicio do semestre 2011.1 fiquei esperando resposta liguei varias vezes ainda nomeei uma pessoa para resolver tudo por mim os meses foram passando e nada fiquei a espera dos exercicios domiciliares ao qual tenho direito por nao ter condiçoes de frequentar aulas.foi quando me foi sabido que tinha indeferido, procurei saber o pq a coordenadora do curso a mesma falou-me claro e de bom tom que o cid nao existe fiquei com vergonha pq ela nao me chamou em sala disse na recepçao tinha marcado para atender ao publico as 18.hs cheguei na instituiçao as 17.00h pois eu queria ser umas das primeiras quando a coordenadora chegou foi as 19.30,entrou em sua sala como a demora era muitae ja era 20.40h procurei a uma das secretaria pela mesma se ela iria nos atender a resposta foi que ela estava e reuniao com um dos professores e que aguardasem quando deu 20.45h ela apareceu na recepçao e me disse que indeferiu pelo cid nao existir que eu quando eu a ameacei de falar com meu medico e dizer que a coordenadoa e uma das donas da instituiçao falou de bom tom que o cid dele nao existia foi quando ela procurou se retratar dizendo que nao tinha entendido a letra,mas que eu retonasse com outro atestado fiz o que a mesma pedira fiz tudo novamente ela levou meses para da-me uma resposta eu ligava e nada foi passando o tempo e numa das minhas ligaçoes falaram que foi indeferido e bateu o tel.foi quando eu disse que iria procurar meus direitos marcaram uma reuniao com o direitor no dia 08/06/2011as 09.00hr e que eu seria a primeira ser atendida ,como dia 08 seria uma quarta-feira o dia da fisioterapia,deixei a fisioterapia de lado,e fui a faculdade resolver esse problema.Chegando as09:10hr. como o mesmo nao havia chegado me deu um certo alívio mas quando ja passava das 10hr eu reclamei disseram que omesmo ja iria me atender quando deu 10:40 me levantei ,foi quando o avistei indo embora passando pela biblioteca e dirigindo ao estacionamento fui atras mas nao podia correr pq estou andando com moletas,e eu pago a faculdade para estudar nao para correr atras de direitor,e implorar que ele me ouça ou devolva meus valores que ja fora pago.retornei a sala de espera e perguntei pelo direitor foi quando me respodeu que ele ja estava vindo me atender eu chamei de mentirosa e ele um mentiroso como eles estavam me fazendo de besta eu exigir todo o meu dinheiro para ir a uma outra instituiçaoso que com essa enrolaçao o semestre acabou e fui prejudicada tendo que repetir o 9 semestre novamente ao inves de terminar em 2011.2 terminarei em 2012.1 sem nenhuma condiçao.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/06/2011 - 16:54
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Lamento, não podemos ajudar, não é uma questão de defesa do consumidor, já se tornou uma questão cível de fundo pedagógico. Procure um advogado especializado.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/06/2011 - 10:36
    Enviado por: Luciana Shiomi

    FUI ATÉ A ESCOLA PARTICULAR DA MINHA FILHA, PEGAR AS AVALIAÇÕES TRIMESTRAIS E OS TRABALHOS, E NESTE MESMO MOMENTO HAVERIA UMA REUNIÃO COM A PROFESSORA, FUI ACOMPANHADA DE MINHA FILHA, LOGO NA ENTRADA, ANTES DO PORTÃO QUE VAI AO SAGUÃO E SALAS DE AULA, ESTAVÃO ENTREGANDO OS BOLETINS, O DA MINHA FILHA, NÃO ESTAVA LÁ, PEDIRÃO QUE AGUARDASSEMOS PARA FALAR COM O FINANCEIRO, ISTO NA FRENTE DE TODOS OS OUTROS PAIS, QUESTIONEI SE PODERIA PASSAR COM MINHA FILHA ATÉ A REUNIÃO E DEPOIS VOLTAR PARA CONVERSAR COM O FINANCEIRO, E FUI IMPEDIDA, MINHA FILHA COMEÇOU A CHORAR, SEM ENTENDER O MOTIVO PELO QUAL OS OUTROS PODERIAM IR PARA SALA E ELA NÃO, FOI UM ENORME CONSTRANGIMENTO PARA ELA, O MOTIVO FOI O ATRASO DE MENSALIDADE, GOSTARIA DE SABER SE A ESCOLA PODE FAZER ISTO?
    SE POSSO PEDIR A TRANSFERÊNCIA DE MINHA FILHA MESMO SEM QUITAR O DÉBITO? POIS O FINANCEIRO ME INFORMOU QUE A ADVOGADA DA ESCOLA IRÁ ME CONTATAR, E ENTÃO QUERIA AGUARDAR PARA FAZER O PAGAMENTO EM JUIZO, O BOLETIM SÓ FOI ENTREGUE PELO RAPAZ DO FINANCEIRO. DESDE JÁ AGRADEÇO.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 13/06/2011 - 16:40
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procure um advogado e processe a escola por danos morais. A transferência é permitida, a escola não pode reter os documentos por causa da dívida.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 20/06/2011 - 14:10
    Enviado por: Leonardo

    Meu filho estuda em uma escola particular, e perdeu uma prova bimestral.
    Ele foi pedir pra fazer outra e informaram a ele que ele deveria pagar 5% da mensalidade que eu pago.
    Isso pode?
    Se pode, qual é o máximo do valor?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/06/2011 - 17:55
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Essa não é uma questáo de defesa do conusmidor, é pedagógica. Procure mais informações na delegacia regional de ensino.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 14/07/2011 - 12:06
    Enviado por: HELOISA HELENA SANTOS TEIXEIRA

    Bom dia!
    Transferi,meu filho para outra escola particular, agora em jun/11.Na 1ª escola, a média para passa direto era 6 e na escola atual é 7. As notas que estão igual ou superior a 6 no 1º bimestre na escola anterior, ou seja, igual ou superior à media, não são aproveitadas na escola atual? A escola me informou que não. Nesse caso, as disciplinas que ele possuia 6, agora ele fica abaixo da média. Já havíamos passado por situação semelhante no ensino fundamental e escola que ele foi matriculado utilizou a “regra de 3″, para enquadrá-lo na escola. Qual o Procedimento correto????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/07/2011 - 22:23
    Enviado por: maria rosa

    boa noite, em 2009 a escola do meu filho entrou com um processo pelas mensalidades não pagas teve uma audiencia de conciliação fui ate audiencia fiz um acordo ,depositei a parcela ,chegando em casa vim que o colegio me cobrou uma mesnsalidade já paga em fim fique desempregada não consegui honra meu compromisso. afinal o que devo fazer , o colegio entrou de novo com uma ação . eles podem entrar com ação de penhora de bem não tenho nada. o que devo fazer, devo procurar o colegio e tentar negocia, hoje meu filho estuda em colegio publico.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/07/2011 - 18:15
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Só resta negociar, pois parece que a dívida é legítima. A ação d epemnhora de bens é legítima neste caso.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/07/2011 - 17:51
    Enviado por: Alessandra

    Estou cursando o ultimo ano da faculdade de Pedagogia. Porem, preciso me rematricular e a faculdade nao esta disponibilizando a rematricula para mim, pois ela é feita toda online. Estou enviando reclamações para que eles me esclareçam oq esta acontecendo desde o dia 19 de julho e ate agora eles nao me deram nenhuma resposta. As aulas começaram ja esta semana, e eles ainda nao me rematricularam e nao dao satisfação. Onde posso exigir meus direitos. Nao estou devendo para a faculdade. Apenas quero o meu direito de terminar o curso q ja frequento a 3 anos e meio. A faculdade é a UNISEB Interativa COC de Ribeirao Preto.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/07/2011 - 22:12
    Enviado por: Carlos Da Silva

    Boa noite?
    Bem gostaria de um anformacao , na faculdade onde estudo todos os dias chego na faculdade por volta das 17:50 18:00 horas pois as aulas tem inicio as 18:30, em uma bela terca feira cheguei as 15:00 para fazer fazer um trabalho do curso, na portaria fui informado que nao poderia entrar na faculdade porque o horario para entrar so seria permitido a partir das 17:00 e que foi informado em todas as salas de aula por um responsavel da faculdade o que nao foi feito, e que naquele dia a biblioteca estava sendo limpa e nao poderia entrar, e eu teria de esperar das 15:00 ate as 17:30 do lado de fora da faculdade e que nao iria entrar mesmo, fui colocado para fora e os portoes da faculdade forao trancados, liguei para a policia e fiz a ocorrencia junto com mais 5 alunos que foram sujeitos ao mesmo constragimento, posso processar a faculdade por algum dano moral etc…

    responder este comentário denunciar abuso

    • 01/08/2011 - 18:45
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Pode-se entrar na Justiça contra qualquer pessoa e por qualquer coisa. Até dá para iniciar um processo contra a faculdade, por meio de advogado, mas achamos que é perda de tempo, porque não vemos nenhuma irregularidade por parte da faculdade, que tem suas regras.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 04/08/2011 - 19:25
    Enviado por: VALERIA

    oi meus filhos estudam em uma escola particular meu marido atrasou a mensalidade e eles não entregaram as apostilas minha filha de 7 anos disse que os coleguinhas ficaram tirando sarro já que foi dito na frente de todos que ela não ia receber a apostila alem de ficarem de cabeça baixa enquanto os demais fazem as tarefas da apostila. meu marido tentou negociar a divida mas a direção informou que só entregará as apostilas depois de quitado o débito totalmente.
    Além disso meu filho mais velho é cadeirante e é cobrado uma mensalidade mais alta dele segundo a escola por que ele necessita de monitora. isso é legal?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 04/08/2011 - 19:36
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A negativa da apostila é proibida e deve ser denunciada ao Procon, assim como o constrangimento da criança é passível de ação judicial por danos morais. Sobre a cobrança extra da mensalidade, não há lei que proíba o procedimento, desde que a escola explique detalhadamente quais são os custos adicionais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 05/08/2011 - 14:52
    Enviado por: Alexandre Monteiro

    Estando-se inadimplente para com a universidade, ao renegociar a divida para que possa efetuar a matricula, qual o máximo valor de entrada que a instituição pode exigir por lei?
    Já me aconteceu de estar a dever entre 3000 a 4000 reais e ter sido pedido uma entrada de 1000 reais para depois começar a pagar as notas promissórias. Existe algum valor máximo por lei?
    Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/08/2011 - 16:00
    Enviado por: Rodrigo Borba

    Devo entrar com ação contra a faculdade? fiz a escrição para presta vestibular em uma faculdade particular,ante de efetuar o pagamento do boleto fui informado por amigos que estudam na faculdade que não iria abrir turma, então não paguei para não correr o risco de perder dinheiro. Um dia apos a faculdade entrar em contato comigo para saber por qual motivo eu não teria feito a prova e eu expliquei o motivo. Diante da minha informação a secretaria consultou os responsaveis da area e confirmou que teria turma e vaga para o curso pretendido e que caso eu fosse fazer a prova não precisava pagar o boleto poderia deixar para pagar na hora. No mesmo dia apos a realização da prova recebo uma ligação da faculdade informando que fui aprovado no processo e que estaria enviando para o meu e-mail a relação dos documentos necessarios para realizar a matricula.Passei um dia inteiro correndo atras das documentações, autenticações, foto,etc… e quando chego para realizar a matricula a secretaria mandou eu pagar o valor da matricula no financeiro onde gerou um numero de matricula e logo apos foi solicitado a entrega dos documentos, nesse momento fui informado que não havia turmas e nem vagas. Paguei para fazer prova, paguei para tirar xerox das documentações, 2 via de ficha 19, foto, autenticações,etc…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/08/2011 - 14:30
    Enviado por: Nieta

    Em 2008 meus filhos estudaram em uma escola particular em Salvador – Ba, consegui pagar algumas poucas mensalidades e logo depois fiquei desempregada. Meu marido tinha uma empresa e entrou em crise financeira, faliu. No final do mesmo ano ele me abandonou a aos meus filhos. Fui embora da capital pra contar com o apoio de minha família. Tentei durante 2009 e 2010 negociar com a escola, só que ele me pede uma série de documentos, confissão de dívida e muitos outros, sem a garantia que eviará as transferências das crianças. Onde moro não tem Defensoria Pública, n posso pagar uma adv e me sinto de mãos atadas, pois meus filhos passaram 2009 inteiro sem estudar por n terem documentação e hj estudam pq a escola é de uma pessoa conhecida q permitiu q as matrículas fossem feitas. O q devo fazer? Como conseguir esses documentos e depois negociar com a escola?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 08/08/2011 - 20:12
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Não tem como ajudarmos no seu caso. Não há o que fazer, você será processada, será cobrada e eventualmente poderá ter bens penhorados. E sem os documentos não hpa o que fazer. Se algum advogado não ajudá-la de graça, fica como está.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 08/08/2011 - 19:15
    Enviado por: JOSE JOFFRE

    Boa Noite,
    Lí em um das respostas comentadas que a instituição pode se recusar a parcelar minha dívida com eles.
    Gostaria de entender alguns pontos:
    Não me recuso a pagar, porém não tenho como arcar de uma só vez o montante da dívida.
    Não posso efetuar minha rematrícula da universidade para fazer apenas mais 2 materias e me formar ( periodo de 6 meses).
    sem a rematrícula não faço as matérias e não me formo, mas gostaria de um acordo para o pagamento.
    A questão é: sem acordo, sem matricula, sem formatura. Quero pagar…mas como posso argumentar dentro da lei?
    A outra opção seria me ausentar desta instituição e completar as matérias me outra?ou seja uma tranferência?
    Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

    • 08/08/2011 - 19:59
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Só indo á Justiça neste caso. E nenhuma empresa ou credor tem obrigação de aceitar parcelar ou mesmo negociar uma dívida.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 08/08/2011 - 22:33
    Enviado por: cleber barbosa

    Boa Noite minha mulher acabou de me ligar chorando dizendo que o professor da faculdade deu um trabalho e pediu que os alunos que nao fizeram a rematricula deveriam sair da sala de aula pois nao poderiam fazer o trabalho valendo nota na media final, eu ja tentei negociar os meses que estao em aberto mas eles estao erredutiveis pois só parcela com cheque da propria aluna, nao pegando cheques de terceiros e minha esposa nao trabalha com cheque….esta certo isso?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 08/08/2011 - 23:35
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Se ela não fez a rematrícula significa que ela não está matriculada, ou seja, não é mais aluna. Então a faculdade está correta. É poribido impedir alunos de fazer provas ou de receber documentos se estiverem inadimplentes, mas a faculdade pode recusar matrícula ou rematrícula de alunos, já que sãop novos contratos.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/08/2011 - 11:52
    Enviado por: cristiano

    BOA TARDE. OLHA SÓ COMECEI UMA FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO EM 2002, FIZ ALGUNS SEMESTRES E NAO CONSEGUI PAGAR MAIS POIS SAI DO EMPREGO. PAREI POR ALGUNS ANOS , DEPOIS VOLTEI DE NOVO UMAS DUAS OU TREZ VEZES. NO SEGUNDO SEMESTRE DO ANO PASSADO CONSEGUI 100 % DE FIES E RETORNEI PARA TERMINAR O CURSO, NO MOMENTO DA MATRICOLA NAO TIVE PROBLEMAS NEM UM POR CAUSA DA DIVIDA ANTERIOR, MAS QUANDO FUI FAZER A MATRICOLA NO PRIMEIRO SEMESTRE DESTE ANO FUI BARRADO, ENTAUM NEGOCIEI UMAS PARCELAS DENTRO DAS MINHAS POSSIBILIDADES COM BOLETOS BANCARIOS ATE O FINAL DESTE ANO. MAS ONTEM QUANDO FUI FAZER A MATRICOLA DESTE SEMESTRE FUI BARRADO NOVAMENTE, E ESTAO EXIGINDO O QUITAMENTO DA DIVIDA PARA PODEREM ME MATRICULAR. PERGUNTO: ELES PODEM ME BARRAR MESMO CIENTES QUE TENHO 100% DE FIES E ETAR HONRANDO COM AS PARCELAS QUE ACORDAMOS NO INICIO DO ANO ? ESSA DIVIDA QUE TENHO DE 2002 ATÉ 2006 NÃO CADUCA? OBS. EM MOMENTO NEM UM EU NEGUEI A DIVIDA, APENAS QUERO NEGOCIÁ-LA DENTRO DAS MINHAS POSSIBILIDADES.
    DESDE JA OBRIGADO.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 09/08/2011 - 18:21
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Dívida não caduca nunca. Entendemos que rematrícula é um novo contrato, então a escola pode recusar a renovação. Se tiver dúvidas ainda, procure a Delegacia Regional de Ensino ou o Procon.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/08/2011 - 13:02
    Enviado por: Lucas Bittenborg Schwab

    Me transferi ano passado para um Colégio Particular, não tive como pagar as mensalidades do ano de 2010, por tanto, estudei apenas 2 meses nesse colégio. Sendo que após as ferias de julho nao retomei as atividades escolares por vergonha, pois o diretor financeiro todos os dias me cobrava. Meus pais estavam sempre trabalhando, sempre ocupados, e então aceitaram que eu ficasse o ano de 2010 sem estudar. Porem, no inicio de 2011, iria retomar as aulas nessa instituição, mais a mesma se recusou em fazer a rematricula, enquanto as mensalidades do ano de 2010 nao estivessem pagas. Resultado, continuo sem estudar ate essas ferias de julho de 2011. Agora gostaria de saber se posso pegar transferencia para outro colegio, mesmo devendo as mensalidades do ano passado. Caso a intituição possa fornecer a transferencia, iriamos tentar uma cordo com a mesma, para pagar o valor do ano letivo de 2010.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/08/2011 - 17:23
    Enviado por: Jéssica Salçoni Custódio

    Boa Tarde!!
    Por gentileza, gostaria de saber se a Institução de Ensino Privada pode sujar o nome do aluno no SPC e SERASA e outros meios de proteção ao crédito??
    Obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/08/2011 - 23:38
    Enviado por: samila

    ola curso psicologia em determinada universidade fiz minha rematricula paguei e pedi a alteração das diciplinas no periodo que eles disponibilizam peguei o comprovante de alteração e quando olho minha grade excluiram as materias que alterei e fiquei com uma materia somente sendo que ja estavam pagas fui atras de esclarecimentos estao me enrolando a uma semana alegando ter ocorrido um erro no sistema somente no meu nome gostaria de saber qual atitude devo tomar em relação a essa situaçao desde ja agradeço

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/08/2011 - 23:53
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Procure ajuda no Procon e na Delegacia Regional de Ensino e denuncie o erro. Se houver demora, procure um advogado e processe a faculdade.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 12/08/2011 - 10:28
    Enviado por: EDINELSON VALES

    Preciso esclarecer uma dúvida.
    A UVA – Universidade Vale do Acaraú – AP informou que haverá aulas normais pelos sábados, ou seja, aulas de segunda à sábado, sendo um (1) professor por dia. Isto está acarretando muito transtorno, pois, afeta no rendimento do próprio aluno o fato de somente ter o domingo disponível para descanso.
    A universidade não aceitou os questionamentos dos alunos. Eles podem fazer isto?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 12/08/2011 - 19:33
    Enviado por: Julia Gabrielle

    Bom sou filha de um professor e ele passou no concurso do estado e da rede municipal eu acho e assin ele tem comprovantes etc , eu tenho direito de estudar no sesi mesmo ele nao dando aula lá ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/08/2011 - 15:31
    Enviado por: Edilamar

    Boa tarde,
    No ano de 2007 paguei o mes de julho na faculdade, mas precisei trancar a matricula. Retornei no mes de julho de 2008 e fui obrigada a pagar novamente. Questionei mas não adiantou e fiquei com dois meses de julho pago. A faculdade está certa? Desde já agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/08/2011 - 15:44
    Enviado por: simone mello

    boa tarde,gostaria de um esclarecimento pois não sei o q fazer.Minha filha estuda em uma escola particular,e hoje foi suspensa das aulas por 3 dias pq estava com o celular no patio d escola na hora do recreio.Fui chamada para pegar o cel.,e fui e falei q como ela ia ficar sem as aulas ja q vai começar as provas de simulado e ela vai perder explicações:a coordenadora disse q não podia fazer nada q ela não poderia estar com o cel.Isso pode acontecer,ser suspensa?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/08/2011 - 16:19
    Enviado por: Ricardo Silveira

    Boa Tarde! Por motivos Financeiros parei de fazer o curso, e estao me cobrando a parcela em atraso! Não me Neguei a Pagar, mas não querem Parcelar e nem Dar Desconto no valor da parcela! eles podem se negar a dar desconto desse valor? Desde ja Agradeço a atenção!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/08/2011 - 07:43
    Enviado por: Luiz Fernando Soares

    Bom dia, tenho um filha em uma escola particular, ela tem o uniforme do ano passado e a escola este ano resolveu trocar o uniforme e esta exigindo que ela use o novo uniforme. Gostaria de saber se eu sou obrigado a comprar este novo uniforme ou se ela pode continuar usando o velho. A respeito da blusa de frio ela deve ser tambem uniforme da escola ou pode ser qualquer blusa de frio. Obrigado e agradeço a atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/08/2011 - 12:21
    Enviado por: belize

    Estou em debito com a escola do meu filho 6meses. entretanto a mensalidade do futsal esta tudo quitada , a escola se negou a aceitar o pagamento da parcela de agosto da escolinha de futsal por esta inadimplente com a escola.Meu filho esta sem frequentar o futsal por estarem exigindo este pagamento da escola. O que posso fazer. saliento q a escola aceita alunos na escolinha de futsal não vinculados a escola.grata

    responder este comentário denunciar abuso

    • 16/08/2011 - 17:37
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A atitude da escola não é ilegal, em nossa opinião, já que o futsal não é atividade obrigatória. Se quiser insistir, procure o Procon.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 16/08/2011 - 20:26
    Enviado por: vania

    Olá..comecei uma faculdade,matriculei-me em março de 2011.agora fui pedir minha transferencia,eles querem que eu pague janeiro e fevereio, sendo que ainda nem estava vinculada a intituição.pode isso?sou obrigada pagar?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/08/2011 - 12:11
    Enviado por: tiago freitas

    Boa Tarde
    Comecei a estudar na Uninove de SP e não foi informado no contrato e muito menos qualquer outro documento que terei aulas aos sabados.
    Posso processar a universidade e pedir indenização se eu for obrigado a estudar aos sabados e isso me prejudicar nas notas?
    Sai de uma empresa justamente por trabalhar aos sabados e pressão por fazer folgas aos domingos, e até na universidade terei essa safadeza.
    Fico grato pelo retorno.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 17/08/2011 - 16:54
      Enviado por: Marcelo Moreira

      A faculdade não está cometendo nenhuma irregularidade. Se não quer ter aulas aos sábados troque de faculdaqde;

      responder este comentário denunciar abuso
  • 19/08/2011 - 13:58
    Enviado por: NATALIA

    Olá… por favor tire uma dpuvida.

    O vencimento da mensalidade do meu curso de veterinária vence dia 05 e quando voltei das férias dia 17/09/11 meu nome não constava na lista de chamadas. Estranhei. Perguntei à professora doq se tratava e ela respondeu que eu teria que ir até a coordenação pois parecia que os alunos que não constavam na lista de chamadas não poderiam permaner em sala de aula. Quer dizer ? Fiquei com muita vergonha, pq todos sabiam que se tratava de atraso de mensalidade. Fui até a coordenação e a coordenadora do curso disse que eu realmente não poderia assistir à aula que teria que ir embora. Muito chato isso. Falei, então quer dizer que tenho que ir até a sala no meio da aula pegar minha bolsa e sair? Que vergonha ! Que constrangimento ! Ela disse apenas, são ordens !! Fora que antes das férias ninguém havia dito que teria taxa de rematrícula nem nada… pra eu voltar e não constar meu nome na lista pq não havia pago a mensalidade de agosto… sendo que ainda estamos em agosto… são apenas 17 dias de atraso…. Enfim, gpstaria de saber se posso entrar com indenização ou algo assim contra a Instituição ? Por favor, aguardo retorno o mais breve possível !! Grata Natália

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/08/2011 - 14:03
    Enviado por: NATALIA

    Sobre o comentário acima, saliento que fiz a rematrícula sim… porém não estavam cobrando taxa nenhuma, pois disseram que era apenas levar os documentos para garantir a vaga do próximo semestre. E foi o que eu fiz antes de sair de férias. Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/08/2011 - 00:32
    Enviado por: Thais de lima

    Boa noite! o meu caso ocorreu devido eu ter atrasado uma mensalidade,e a faculdade me barrou na entrada,eles alegam que para voltar para a faculdade eu tenho que pagar a mensalidade atrasada para liberara a rematricula que não consegui fazer por causa dessa pendencia,porém como consegui bolsa faz um mês e meio, pelo escola da família o governo pagou a minha rematricula,então gostaria de tirar a duvida a faculdade pode me barrar na entrada mesmo a rematricula estando paga e eu tendo uma pendencia só? atenciosamente Thais…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/08/2011 - 18:48
    Enviado por: Marco Antonio

    Boa noite,

    Fiz a rematricula, quanto a 1ª parcela com vencimento em 10/08/2011 se encontra em atraso. Tenho condições de regularizar somente após o dia 07/09/2011, e provavelmente atrasarei a 2ª(venc. 10/09/2011.
    Hoje contatei a tesouraria e fui informado que não poderei assistir aula.
    Esta correto?

    Atenciosamente,

    Marco.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/08/2011 - 20:47
    Enviado por: Marco Antonio

    Obrigado Marcelo e desculpe o incomodo. No desespero por pensar em perder o ano letivo(1º da tão esperada facul) saí na correria para tentar obter informações concretas e não ficar tão atrasado, já perdi 2 semanas, só por peso na consciência e medo de constrangimento.

    “O aluno inadimplente não pode sofrer nenhum tipo de pressão do estabelecimento de ensino para pagar a dívida com a escola. É o que diz a lei 9.870 de 1999, que dispõe sobre as mensalidades escolares.
    A instituição não pode impedir que o estudante tenha acesso aos seus direitos acadêmicos, ou seja, não pode suspender provas, reter documentos (entre eles o diploma) ou aplicar qualquer outro tipo de penalidade pedagógica por conta do débito.
    “A escola não pode substituir o devido processo legal e judicial de cobrança de débitos por constrangimento e pressões”, explica Josué Rios, advogado especializado em defesa do consumidor, professor de Direito e autor do “Guia dos Seus Direitos”.
    Para tentar resolver a questão, como qualquer outro tipo de empresa, a escola poderá usar os meios legais para cobrar os valores devidos, isto é, pode entrar na justiça exigindo a cobrança contra o aluno ou até mesmo colocar seu nome em uma lista de inadimplentes.”

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/08/2011 - 15:59
    Enviado por: Pablo Eduardo Arismendes

    Bõa tarde!meu problema foi que conclui o ensino medio fazendo
    um supletivo rapido, então depois de alguns meses fui me matricular no curso tecnica de eletronica, na escola tecnica Sequencia, conclui o curso com duração de um ano e meio, e fui pegar meu diploma foi quando falaram que meu historico escolar tinha sido casado,mesmo eles estando errado por não verificar o historico no hato da matricula, me matriculei numa escola do estado e fiz supletivo de um ano e meio de novo,terminei e levei o novo hestorico escolar para eles me disseram que tinha que ir na sul2, para que eles montascem um processo, chegando na sul2 falaram para mim que não tinham nada ver com isso o problema e da escola tecnica sequencial,o que posso fazer

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/08/2011 - 12:31
    Enviado por: janete cristina

    eu acho que so os pais inadimplente tem direitos e as escolas particulares como ficam com os prejuízos isso e um absurdo quem nao paga o que deve ter direitos a pegar documentações . são uns caloteiros e eles gostam disse poque sao gente que nao gosta de pagar ad dividas

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/08/2011 - 23:33
    Enviado por: Alessandra

    Gostaria de saber se um aluno pode ser proibido de ter acesso à escola por estar com o uniforme incompleto. Tenho um filho de 2 anos que frequenta uma creche particular. A escola demorou para disponibilizar o uniforme de frio e está cobrando um preço abusivo, então quando está muito frio coloco um casaco por cima do uniforme e às vezes uma calça da mesma cor do uniforme. Mas a diretora falou que se não comprasse o uniforme de frio ele seria proibido de entrar na escola e já colocou até listas no portão da escola com o nome das crianças que não estão indo com o uniforme de frio. Queria saber se ela tem esse direito e se isso não seria constrangimento. Tem alguma lei que nos ampare? Obrigada pela atenção.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/08/2011 - 15:10
    Enviado por: Ingrid

    Boa Tarde, Ontem a faculdade … não me deixou fazer uma prova porque estou com 2 mensalidades atrasadas sendo que uma dessas eh referente a rematricula.
    Gostaria de saber se a faculdade esta certa?
    Desde ja Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/08/2011 - 21:44
    Enviado por: sandra karla

    Boa noite , matriculei minhas 2 filhas em um colégio particular em fevereiro 2010 só que elas estudaram ate o meio do ano , acabei mudando de bairro só que ñ tranquei a matricula delas , e hoje a escola me cobra os meses que elas não estudaram ,gostaria de saber se isso é correto e se eles podem se negar o histórico escolar delas ? Desde já obrigada .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/08/2011 - 21:12
    Enviado por: André

    Por favor um Adolescente de 18 anos foi retirada da sala pela coordenadora na frete de todos os alunos por falta de pagamento, quais os artigos no direito posso me proteger?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/09/2011 - 19:38
    Enviado por: Bruno

    fiz um acordo de assumir uma divida de três parcelas no valor de 1342,00 no total, onde não consegui cumprir o acordo. Entre tanto a Faculdade não libera minha colação de grau afirmando que com não pagamento, não posso participar da colação. Isso está correto da parte da instituição????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/09/2011 - 15:49
    Enviado por: raquel

    olá minha filha estoudou em uma escola particular des do jardim, enfrentei problemas particulares e ñ consegui pagar as nmensalidades mas fui até a secretaria e espliquei tudo para a diretora na época minha filha cursava a terceira série, então como estava dificil. efetuar os pagamento , no meio do ano pedi a diretora para esta tirando a minha filha da escola pois iria trasferi-la para o colégio pubrico. ela se fez de amiga e não permitiu.continuei com minha filha lá e o débito só fou aumentando. ela terminou a terceira série a diretora não aceitou um novo acordo nem ela de volta na escola,
    coloquei minha filha no publico , agora ela esta termionando a quarta e eu ñ consigo o boletim escolar pois ela ñ me libera , sei que ela esta certa e vou em nome de jesus paga-la mas no momento ainda estou muito individada, como isso me pertuba eu nem durmo direito por causa disso acho que até estou com depressão, queria uma ajuda um conselho, o que eu devo fazer, acho que ñ tenho razão de co brar o boletim pelo fato de esta devendo a ela , mas ano que vem minha filha vai para quinta série e vai mudar de escola e vai precisar do boletim escolar , o que eu faço??? me ajude por favor.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/09/2011 - 09:20
    Enviado por: maria Araujo

    meu filho estuda em escola particular, e a escola não deixa o aluno fazer educação física, só porque não comprou o short da farda, só tem a blusa, e por conta disso a criança fica constrangida, pois só participa se tiver o fardamento completo, o que devo fazer? isso é um absurdo.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 05/09/2011 - 17:32
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Essa é uma questã pedagógica, e não de direito do consumidor. A escola está correta, o aluno está infringindo a regra.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/09/2011 - 12:35
    Enviado por: kelly

    A escola que minha filha estudou não quer fornecer as notas dela para levar para outra escola o que faço?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/09/2011 - 12:37
    Enviado por: kelly

    a escola é de um tia e ela de só de mal não quer dá;

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/09/2011 - 23:50
    Enviado por: Luana Costa

    Estou devendo 03 mensalidades, porém paguei a rematrcula e uma mesalidade do 02º semestre e mesmo assim não fui liberada a entrar na instituição, somente quando quitar as parcelas pedentes pelo que li na reportagem é ilegal o que eles fazem correto ?? a outra situação é que eles me cobraram multa e juroz sobre o valor da rematricula, imagino que isso seja abuso, gostaria de saber como posso proceder para que me devolvam o valor que paguei caso seja errado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/09/2011 - 15:53
    Enviado por: Gustavo Fraga

    Boa tarde!

    Entrei em um curso de idiomas, e por motivos de indisponibilidade de horários para continuar precisei trancar a matrícula. Porém, fui impedido de fazê-la! Pois, o curso me cobrou o mês vigente e mais uma taxa de R$50,00.

    Eu estava impossibilitado de fazer tal pagamento naquele mês (07/11) e quando retornei (08/11). Fui cobrado de novo pelo mês vigente! Ou seja, a divida inicial era de 1 parcela mais a taxa. E por não fazer naquele primeiro momento, a divida aumentou para 2 parcelas mais a taxa e hoje quando liguei, a informação é de 3 parcelas mais o diabo da taxa. Isso é permitido? Eu nem compareci as aulas nos meses de Agosto e Setembro. Eles podem me cobrar “sem eu ter consumido o produto” assim mesmo?
    No contrato de prestação de serviços, consta a informação de que pagamentos e freqüência não têm co-relação, e cita a Lei nº9492/97. Existe embasamento? Preciso mesmo pagar? O fato de ter ido presencialmente à escola e manifestar meu desejo de trancar a matrícula não conta? Tenho testemunhas.

    Atenciosamente,

    responder este comentário denunciar abuso

    • 14/09/2011 - 17:24
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Leia o contrato com atenção. Não há nada de errado na cobrança, em nosso entendimento, mas leia o contrato.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 15/09/2011 - 09:07
    Enviado por: vania

    Minha filha estuda numa escola particular, ela tem 5 anos, todos os dias que eu chegava na escola a professora falava que ela conversava demais,o ano todo nesta pisada, está semana ela veio me dizer que minha filha ia ser reprovada, como pode ser se minha filha estar no jardim 2, então eu comecei a falar ela veio com bastante ingnorância e eu e a professora discutimos, no dia seguinte a dona da escola que é parente da professora, pediu para tirar a minha filha da sala do jardim e colocou ela em outra sala que segundo a dona da escola disse que a sala seria jardim tbm, só que não é são as crianças que vão se forma este ano, e minha filha estar sendo prejudicada porque a outra professora não estar passando o assunto que é para ser apricado para minha filha, o que devo fazer, já estar no final do ano é a prejudicada é a minha filha.Você já viu criança com faxa étaria de 4 a 5 anos passar a aula toda calada? o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/09/2011 - 13:09
    Enviado por: luciana ramos

    paguei uma divida de 472,00,em uma determinada faculdade,e a mesma não permitil q eu fizesse a rematricula,mesmo estando agora em dias,alegando que passou o praso de rematricula .o que faço cumpri com minha parte do acordo e eles bloquearam minha rematricula.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/09/2011 - 16:30
    Enviado por: Lais Patricia

    Olá, estudei os dois ultimos anos em uma escola particular(supletivo), em 1 ano conclui o ensino médio.Isso foi em 2010, hoje em dia a escola mudou de nome,mas não de diretoria, fiquei devendo apenas 1 mês e eles estão me negando a entregar o histórico,ja tentei um acordo, não estou me negando a pagar, pago sim, no ato da entrega do meu histórico, estou precisando com urgencia, minha faculdade está exigindo, o que posso fazer?/

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/09/2011 - 22:26
    Enviado por: LEIDIANE MATOS

    Minha filha estuda em uma escola particular, e esta atrasado tres meses, a direçao da escola mandou um bilhete pela crianaça que diz o seguinte:a mensalidade da aluna esta com atraso de tres meses, se nao pagar ate sexta feira , sua filha ficara impedida de assistir aula apartir de segunda-feira dia 26/09/2011 ate a quitaçao total dos debitos . estou com dinheiro pra pagar a escola porem estou indiguinada e constrangida com a situaçao, pois minha filha leu o bilhete que nao veio em envelope e isso afetou o seu psicologico o que devo fazer ….

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2011 - 09:42
    Enviado por: cancelamento de matricula

    bom dia! meu filho fica em uma escola particular , mais pelo motivo de eu nao ter com quem ele ficar, fiquei desempregada e tirei ele da escola, agora a diretora que me cobrar o valor do mes como se voce um aviso previo(pagar o mes seguinte), disse que eu deveria ter avisado que iria tira-lo, mas como vou saber se vou estar desempregada. sou obrigada a pagar esta mensalidade?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2011 - 12:10
    Enviado por: cristina clepf

    boa tarde!tenho duas filhas de 11 e 12 anos que estudam ha 5 anos no mesmo colegio1meus acordos e mensalidades foram quitados sempre com juros tudo dentro do contrato1esse ano atrasei algumas mensalidades e minhas filhas estao sofrendo constrangimento na instituiçao1MINHA FILHA DE 11 ANOS FOI ADVERTIDA NA FRENTE DE UMA AMIGA QUE NAO PODERIA FAZER UMA PROVA SUBSTITUTIVA QUE È PAGA(30,00)pq eu mae nao pagava nada na escola!a escola e catolica e nessa altura minha filha que nao sabia de nada entrou em desespero pois nem sabia dessa divida!so que o constrangimento continua!discriminaçao,a coordenaçao se mostra IMPLACAVEL na questao pedagogica!a proposito minhas filhas sao disciplinadas,nao repetiram nenhum ano<nunca fui chamada para qualquer reclamaçao inclusive sao muito elogiadas pelos professores!pretendo fazer um acordo mas estou muito preocupada com a desorganizaçao da escola!tenho medo que eles a reprovem pois nao tenho acesso a varios trabalhos e provas!qual o procedimento que devo tomar?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2011 - 20:55
    Enviado por: HELOISA OLIVEIRA

    Ola estou com um problema,entrei na faculdade em março 2009 qndo entrei ngm me avisou que eu teria q pagar os boletos referente a Janeiro e fevereiro eu só soube qndo eles chegaram entaum me falaram q eu poderia paga-los no final do semestre um em novembro e o outro em dezembro,até aki ok,mais qundo foi no terceiro semestre meus boletos pararam de chegarmeu profº me chamou de canto e me avisou q eu naum poderia fazer a prova devido meu nome não constar no sistema,eu avisei q naum havia pago a rematricula pq meus boletos ñ estavam chegando sem eles eu naum poderia fazer rematricula ,então fui na secretaria e pedi os dois boletos em atraso mais a rematricula,para pagar no dia seguinte e me deram perguntei por garantia esses são os boletos em atraso e a rematricula a atendente disse:sim são! vc tem que pagar amanha para seu nome ir para o sistema antes da prova .No dia seguinte quando fui efetuar o pagamento na faculdade devido estar com boletos vencidos fui informada que um dos boletos era referente a dezembro de 2009. Entrei em desespero pq eu teria tres boleto para pagar mais a rematricula e mais um que estva para chegar e ngm me informou que eu poderia negociar a divida,eu havia perguntado e agora como faço para pagar qndo os boletos chegarem a acho era cordenadora me disse vc tera que pagar,insistir mais tenho que pagar de uma vez? não tem como ver isso pra mim?,ela falou que eu tinha que pagar,como eu não sabia como funcionava,eu ia trancar a matricula para poder quitar minha divida foi qndo um colega me disse que eles parcelavam, sempre paguei meus boletos em dia,mais devido uma falta de treinamento dos funcionarios da faculdade que cometeram esse erro nos meu boletos hj tenho que renegociar tdos os semestre,mais nunca fui impediada de frequentar a faculdade e nem de fazer minhas provas Eu informei a central da faculdade do problema e lá me falaram que devido eu frequentar a faculdade e de ter esse problema de renegociar que eles não enviariam boletos e nem fariam ligações de combraça, assim tem sido ate o semestre passado,porem esse semestre fui a faculdade fiz trabalhos,e comecei a renegociação com a financeira,mais no dia da prova o professor me barrou dizendo que não poderia fazer a prova que eu teria que ir ate a secretaria resolver meu problema pq meu nome não estava na lista que a diretoria havia passado devido a isso ele só havia impresso 16 provas,irritada pelo constrangimento e pelo fato dos colegas de curso ficarem me olhando desci na secretaria peguei uma fila de 2 horas para ouvir eles dizerem que não poderiam nem me dar uma autorização devido eu não ter efetuado os pagametos e nem feito a rematricula eu disse que estava em negociação com a finaceira,que ele colocaram esse ano essa financeira me ligou para negociar mais como o ultimo cheque não havia caido informei a eles que eu não poderia renegociar pq o sistema da faculdade não abre ate de cair o ultimo cheque que só daria,para eu negociar com eles após o ultimo cheque ser compensado mais entrei em negociação com a financeira desde do dia 02/09 devido minhas condições a financeira ia empurrando a data.dia 19/09 fui a faculdade resolver tentei pedir para ele segurarem um cheque para dia 7/10 eles disseram que não podia pq o sistema não aceita,liguei para a financeira ele ele me pedirama para ligar para eles dia 20/09 depois empurram mais para frete para eu ir la dia 29 mais fui dia 23/09 e efetuei o pagamento, agora a faculdade alega dizendo que eu não posso fazer a AV1 devido ter acabado prazo de negociação que essa prova eu perdir.Preciso de uma orientação o que eu devo fazer?
    Desde já agradeço.
    Atenciosamente.
    Heloisa Oliveira.
    Tente resumir o Maximo que pude.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/09/2011 - 22:05
    Enviado por: Ktelem

    Olá, estou no 8° semestre da faculdade e sempre paguei as mensalidades em dia, mas do 7° semestre pra cá tenho enfrentado dificuldades para efetuar o pagamento. No 7° semestre a faculdade se negou a efetuar a minha rematrícula caso eu não quitasse os 5 meses de atraso e a rematrícula. Não tive saída, fiz um empréstimo e paguei tudo. Agora no 8° tive esse problema novamente, a faculdade em última estância me deu um desconto nas dívidas do 7° que eram de 5 meses e um desconto na rematrícula e parcelou o restante. Só que virou uma bola de neve a dívida toda, pois além de pagar as mensalidades do 7°, tenho que pagar as mensalidades regulares do 8° semestre e possivelmente não conseguirei pagar. Se a faculdade se negar a fazer a minha rematrícula no 9° semestre por falta de pagamento, seria o caso de eu impetrar com uma ação judicial? Ah, o meu curso é de 10 semestres. Obrigado!

    responder este comentário denunciar abuso

    • 26/09/2011 - 22:07
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Você pdoe até tentar, com piucas chances de sucesso. A faculdade pode negar a rematrícula, que é um novo contrato. Ninguém é obrigado a aceitar quem quer que seja como cliente.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 27/09/2011 - 18:39
    Enviado por: Carlos Filho

    Estou estudando em uma escola técnica particular, e estão me impondo a compra e o uso de uniforme. Não consta nada sobre obrigatoriedade de uniforme no contrato e nem a moça que me inscreveu no curso me disse algo assim, apenas ofereceu a blusa pra comprar, no que não comprei no ato.

    Estou temendo ser barrado amanhã, pois recebi um aviso hoje para comprar, e temo não poder entrar na escola por causa disso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/09/2011 - 00:15
    Enviado por: Ellen Stefanie

    Meu nome é Ellen stefanie Souza Santos e estaria no 6º semestre de Design de Moda caso não tivesse acontecido esse problema.
    Bom, infelizmente perdi minha bolsa do Prouni junto com a universidade, pois como uma aluna de bolsa 100% fornecida pelo governo, também tinha algumas obrigações a cumprir com meu desenvolvimento acadêmico, e no 4º semestre ocorreram alguns problemas, considerados como de baixo rendimento, ou seja peguei 3 DP’s nesse semestre e automaticamente perdi meu direito de bolsista. Foi aí que se iniciaram os transtornos, começando com fato da universidade não ter me comunicado o ocorrido nesse semestre e fui automaticamente matriculada como aluna pagante, então eu cursei sem saber da perca da bolsa o 5º semestre e só no final fui comunicada por e-mail. No momento me assutei com a situção e depois fui olhar que exitiam e-mail não lidos de cobrança no e-mail, mas também não havia nenhum informando que a Universidade iria me deixar matriculada como aluno comum (sem bolsa)só mesmo as cobranças, depois me chamaram junto a cordenação do Prouni e me deram a noticia do fechamento da bolsa e a divida de mais ou menos 6.700 mil com a universidade.
    Nesse caso estou pedindo a orientação e ajuda, pois a divida esta em aberto, e a Universidade me informou que se caso eu não poder quitar a divida a faculdade cancela, porem sera cancelado também o semestre que estudei sem saber do ocorrido. Não tenho condições de pagar a faculdade e também estou tentando buscar meus direitos como cidadã a reconsideração do fato. A minha matricula esta praticamente trancada mas a divida esta rendendo juros. Eu não queria perder esse semesre que estudei. Gostaria de saber se tenho como entrar com um processo contra a Universidade para não perder esse semestre que eu estudei como aluno pagante e também por danos morais, pelo fato de não ter sido comunicada quando perdi a Bolsa e nem a minha autorização para me deixarem estudar sem bolsa, sem falar no transtorno que eu passei para me darem respostas obre o caso. Como posso agir nesse caso?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 28/09/2011 - 00:48
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Entendemos que a faculdade tem razão em fazer a cobrança. Procure um advogado e peça que ele analise a possibilidade de renegociar com a faculdade ou de questionar a decisão de cancelar o semestre na Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 28/09/2011 - 10:44
    Enviado por: Carlos Filho

    Por favor Marcelo, responda minha dúvida. Posso ser proibido de entrar na escola técnica por não ter comprado a farda?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/09/2011 - 12:46
    Enviado por: Maria Helena

    Dr. por favor me responda se possível, minha amiga tem 2 (duas) filhas matriculadas em uma Escolinha infantil, ocorre que, minha amiga procurou a Diretora da Escolinha para dar idéias de melhoras em relação as atividades das crianças, porem surpreendentemente a Diretora convidou minha amiga a s retirar-se da Ecolinha com suas filhas. Minha amiga sentiu-se humilhada com a atitude da Diretora, que é, uma Advogada e proprietária da Escolinha. Nesse caso cabe indenização por danos morais e materiais???

    responder este comentário denunciar abuso

    • 29/09/2011 - 15:48
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Só a Justiça pode determinar isso. Se ela se sentiu constrangida, então ela deve procurar um advogado e avaliar apossibilidade de processar a escola por danos morais. Mas ela terpa de provar a acusação com testemunhas.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 29/09/2011 - 19:10
    Enviado por: ANA CLAUDIA PATRICIO

    OLA DR.EU ESTAVA CURSANDO TECNICO EM ENFERMAGEM
    E NAO PUDE PAGAR ALGUMAS MENSALIDADES.
    SENDO ASSIM ME TIRARAM O DIREITO DE ESTAGIAR NA UNIDADE HOSPITALAR, ALEGANDO O MOTIVO QUE MINHAS MENSALIDADES ESTAVAM ATRASADAS.AGORA AO AFETUAR UMA COMPRA DESCOBRI QUE MEU NOME SE ENCONTRA NO SPC.QUAIS SAO OS MEUS DIREITOS?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/10/2011 - 13:06
    Enviado por: ELIANE DE OLIVEIRA RODRIGUES

    EU SOU DIRETORA DE UMA ESCOLA DE PEQUENO PORTE NO RIO DE JANEIRO . ESTOU CHOCADA COM A SITUAÇÃO . PAIS QUE APROVEITAM A SITUAÇÃO PARA FORMAR SEUS FILHOS EM ESCOLAS PARTICULARES . O GOVERNO NADA FAZ PARA ACABAR COM ESSA POUCA VERGONHA . O RESULTADO DISSO É QUE ESTAMOS FICANDO SEM DINHEIRO PARA PAGAR SALÁRIOS , IMPOSTOS , ÁGUA , LUZ …
    ATÉ PARA COLOCAR OS PAIS NA JUSTIÇA A DIREÇÃO TEM QUE PAGAR CUSTAS E ADVOGADO O QUE DIFICULTA , JÁ QUE O DINHEIRO É POUCO PARA ISSO . nA VERDADE VOCÊ AINDA GASTA PARA COBRAR O QUE É SEU DE DIREITO .
    OS DIRETORES , PROFESSORES E TODOS OS FUNCIONÁRIOS DAS ESCOLAS DEVERIAM FAZER UMA PASSEATA , IR ATÉ O GOVERNADOR PARA TENTAR PRESSIONAR ESSA SITUAÇÃO . O QUE SEI É QUE TEM A LEI DO CALOTE PARA SER ASSINADA NA MESA DOS GOVERNANTES E NÃO ACONTECE . DEVIDO AS ELEIÇÕES NINGUEM QUER COLOCAR A MÃO NO VESPEIRO ,POIS A GRANDE MAIORIA DE VOTOS VEM DO POVÃO E NÓS SOMOS A MINORIA . NINGUÉM LEMBRA QUE TEMOS RESPONSABILIDADES COM PROFISSIONAIS QUE PORECISAM LEVAR SEU SALÁRIO PARA CASA . ESTAMOS NOS SENTINDO ABANDONADOS .

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/10/2011 - 16:25
    Enviado por: alex

    olá,estou com um problema..a mensalidade da escola da minha filha esta com 4 meses em atraso.mas todo ano eh assim..e semrpe pago tudo d uma vez.mas agora a escola(ontem) barrou sua entrada e disse q so entrará apos o pagamento d adivida,o q devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/10/2011 - 14:51
    Enviado por: sergio roberto

    Tenho um enteado que ficou desemprego no ultimo ano da faculdade particular. Se por acaso ele ficar desempregado por mais de 06 meses ou até 01 ano poderá procurar o direito de continuar cursando haja visto já ter pago 04 anos da faculdade ?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 00:05
    Enviado por: Valdirene Paiva

    Prezados Senhores,

    Venho através desta formaliza uma denúncia contra a escola POLITEC – Escola Politécnica do Brasil Escola, situada na Avenida Vitória, n.º 2.551 – Horto – Vitória/ES, é uma instituição filiada e mantida pela CIPATEC – Cursos, Planejamentos e Consultoria Técnica, possui os seguintes atos autorizativos: Curso Técnico de Enfermagem Res.CEE nº 846/2003, publicado no D.O 05/11/2003.

    Eu, Valdirene Pereira Paiva matrícula no curso de Técnico de Enfermagem, esta sendo coagida e constrangida por esta inadimplente com a instituição. A referida instituição não esta fazendo a chamada pelo nome dela por ter retirado ela da pauta. Esta impedindo ela de fazer as provas, de entrar na mesma e de freqüentar as aulas. Esta fazendo chamada em sala de aula, para resolver questões financeiras e constrangido ela e envergonhando ela dentro da sala de aula. Esta impedindo ela de entrar na instituição. Venho através desta solicitar mais atenção sobre esta instituição.. Caso não seja o local ou órgão adequando para formalizar esta denuncia. Por favor me informa alguma para fazer a mesma.
    A instituição se nega a fazer qualquer acordo e obriga o aluno a pagar tudo que deve sem negociação, já foi perdido 3 aulas e nada resolvido.
    Procuro meus direitos pela referida LEI. Art. 6o São proibidas a suspensão de provas escolares, a retenção de documentos escolares ou a aplicação de quaisquer outras penalidades pedagógicas por motivo de inadimplemento, sujeitando-se o contratante, no que couber, às sanções legais e administrativas, compatíveis com o Código de Defesa do Consumidor, e com os arts. 177 e 1.092 do Código Civil Brasileiro, caso a inadimplência perdure por mais de noventa dias. § 1o O desligamento do aluno por inadimplência somente poderá ocorrer ao final do ano letivo ou, no ensino superior, ao final do semestre letivo quando a instituição adotar o regime didático semestral. (Incluído pela Medida Provisória nº 2.173-24, 23.8.2001) § 2o Os estabelecimentos de ensino fundamental, médio e superior deverão expedir, a qualquer tempo, os documentos de transferência de seus alunos, independentemente de sua adimplência ou da adoção de procedimentos legais de cobranças judiciais. (Renumerado pela Medida Provisória nº 2.173-24, 23.8.2001) § 3o São asseguradas em estabelecimentos públicos de ensino fundamental e médio as matrículas dos alunos, cujos contratos, celebrados por seus pais ou responsáveis para a prestação de serviços educacionais, tenham sido suspensos em virtude de inadimplemento, nos termos do caput deste artigo. (Renumerado pela Medida Provisória nº 2.173-24, 23.8.2001) § 4o Na hipótese de os alunos a que se refere o § 2o, ou seus pais ou responsáveis, não terem providenciado a sua imediata matrícula em outro estabelecimento de sua livre escolha, as Secretarias de Educação estaduais e municipais deverão providenciá-la em estabelecimento de ensino da rede pública, em curso e série correspondentes aos cursados na escola de origem, de forma a garantir a continuidade de seus estudos no mesmo período letivo e a respeitar o disposto no inciso V do art. 53 do Estatuto da Criança e do Adolescente. (Renumerado pela Medida Provisória nº 2.173-24, 23.8.2001) OBS.

    Não quero deixar de pagar mais a referida instituição não abre brechas para a negociação, e por ser trata do fim do curso estamos sendo pressionados a pagar todo o saldo devedor. Por favor me ajude..

    Sem mais,

    Valdirene Pereira

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/10/2011 - 08:58
    Enviado por: Nazare Protazio

    Oi bom dia, trabalho em uma escola particular, e a inadimplencia esta muito grande, lemos o artigo acima que favorece o aluno, mas e como fica a situacao da escola que precisa do dinhiro para funcionar, pagar professores e outras despesas, quem ampara a escola nessa situacao, já que nao podemos força-los a apagar seus debitos escolares, e ai como ficamos?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/10/2011 - 06:19
    Enviado por: Thiago de Campos

    Olá, sou formado em Tradução e Interpretação e fui dispensado em diversas disciplinas no curso de Letras (segunda graduação) só que sem nenhum desconto na mensalidade. Isso é legal?

    Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/10/2011 - 10:20
    Enviado por: Viviane

    Olá,bom dia!

    Meu filho estuda no Sesi por motivo de desemprego não paguei as mensalidades desse ano,agora quero parcelar o débito e a escola não aceita,dizendo que o prazo passou,quero quitar o meu débito parcelado,eles falam que o meu filho vai perder a vaga,não tenho como pagar o débito á vista,preciso um prazo atá Janeiro,o que faço?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 20/10/2011 - 16:46
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Ou paga ou não há o que fazer. A escola não tem obrigação de parcelar a dívida e pode recusar a rematrícula do aluno.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 21/10/2011 - 10:50
    Enviado por: simone

    no ano de 2010,parei de fazer um curso de administração e informatica,a escola colocou o meu nome no serasa,eles pode fazer isso?e eu posso entrar com um processo contra eles?somente pagando a taxa de inscrição?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 22/10/2011 - 08:31
    Enviado por: Angélica

    Sou aluna de uma univarsidade pública, atrasei 2 pagamentos e eles colocaram minha situação como de abandono, somente após o pagamento destas poderei retornar assistir as aulas isso é correto de se fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 23/10/2011 - 11:31
    Enviado por: Elizabeth

    Meu marido é o responsável financeiro pelo meu filho. Gostaria de saber se a escola a qual estamos tentando fazer a matricula dele este ano que é uma instituição particular pode negar o direito de matriculá-lo por conta de estarmos inadimplentes e por ainda termos uma pendência financeira na escola anterior a que ele esta estudando este ano de 2011 que também é particular.
    O fato é que ainda não podemos efetuar os pagamentos na instituição anterior pois não aceitaram o acordo na forma de pagamento que hoje dispomos para pagar. Aguardo o retorno. Grata.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/10/2011 - 22:44
    Enviado por: Maria do carmo Iglesias

    fUI PEGAR O CERTIFICADO DE CONCLUSÃO DO ENSINO MEDIO DA MINHA FILHA, MAIS A ESCOLA NÃO ENTREGOUPQ EU NÃO PEGUEI A TRANSFERENCIA DO PRIMEIRO GRAU, NO ENTANTANTO PERDÍ O FINANCIAMNETO DO FIES DE 100%, FIZ O PEDIDO NA OUTRA ESCOLA MAIS ELES SÓ ME ENTREGAM COM 45 DIAS, REFIZ O FIES FOI APROVADO E AGORA COMO FAÇO COM A ESCOLA DE SEGUNDO GRAU Q NÃO ME ENTREGA O CERTIFICADO…PELO AMOR DE DEUS ME AJUDEM.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/10/2011 - 06:33
    Enviado por: Marisa

    Bom-dia!
    Por favor estou desesperada, pois perdi o prazo da rematrícula de minha filha que estuda no Sesi e eles disseram que ela perdeu a vaga para 2012. Onde posso recorrer e os direitos onde estão?
    Grata – Marisa

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/10/2011 - 18:03
    Enviado por: Bárbara

    Olá
    Eu estudava em uma escola privada, conclui o Ensino Médio, só que faltando uma matéria (Geografia)dependência, então, eu renovei a minha matricula nessa mesma escola para conclui essa matéria pendente, só que eu paguei só a primeira mensalidade de 6 parcelas(faltando 5 para pagar), e não fui mas ao colégio para conclui a matéria, mas, eu quero pegar meu Histórico Escolar,para estudar em outro colégio (puplico)mas eu quero pegar o Historico primeiro para garantir a minha vaga no colegio puplico,mas, também QUERO PAGAR O QUE EU DEVO, só que eu não tenho como pagar as 5 parcelas a vista.
    E eu estava pesquisando na internet e vi que eles não podem prender meu documento por inadimplencia, só que eles não parcelas os valor.
    O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 26/10/2011 - 18:48
    Enviado por: Valéria

    Meu filho tem 7 anos, estuda em escola particular e vai ser reprovado este ano. posso tira-lo da escola este resto de ano?
    para diminuir minha divida com a escola.
    Ele ja esta matriculado em outra escola para o ano de 2012.

    Grata,
    Valéria

    responder este comentário denunciar abuso

  • 28/10/2011 - 13:21
    Enviado por: célia

    tenho 2 filhas que estudam numa escola particular.No ano passado esta escola cobrou uma taxa de 150 reais por aluno para compra de materiais pedagógicos coletivos,alegando que quando era dada a lista para os pais, alguns não compravam e que a escola não possue espaço adequado para armazenar tantos materiais,mesmo assim duranta este ano alguns materiais foram pedidos para realização de algumas atividades pedagógicas.Para o ano de 2012, está sendo cobrada uma taxa de 210reais por aluno, estando a matrícula ou renovação da matrícula condicionada ao pagamento desta taxa, não dando a opção aos pais de comprarem o material de seu filho, fazendo uma pesquisa de preço e etc.Já fui até a escola para saber se terei a opção de comprar o material ao invés de pagar a taxa e a resposta foi negativa.O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 31/10/2011 - 17:01
    Enviado por: Ellen

    Boa tarde, eu terminei um curso tecnico em segurança do trabalho.Quando eu fui levar minha declaração de estágio, eles me cobraram R$ 180,00 me dizendo que era pra dar entrada no diário oficial.Fiz o curso numa instituição chamada Funcefet em Niterói.Uma amiga minha fez o curso no Senac e eles não cobraram esse valor.O que eu faço?Esse valor é verdadeiro ou não em relação ao diário oficial?Estou com o comprovante do pagamento á Funcefet.

    Desde já muito obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/11/2011 - 10:41
    Enviado por: sonia elizabeth

    Faco curso técnico na escola CEGRAN de CAMPO GRANDE MS,estou com divida no mesmo,como não é só a minha situação preciso saber se eles podem deixar o aluno sem fazer estagio,pois o mesmo não quer libera a pasta de estagio o que posso fazer enquanto a isso
    pois já disse que não estou me negando a pagar,que só posso pagar aos poucos conforme eu puder,e do mesmo jeito eles não liberarão minha pasta,sento que não só eu que estou nessa situação o que devo fazer.Me ajudem

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/11/2011 - 03:19
    Enviado por: Alexandra

    Boa noite meu filho foi suspenso da escola por falta de pagamento ele so tem 05 anos nao entende disse que foi suspenso so porque estava doente, o que devo fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 06/11/2011 - 11:28
    Enviado por: Karynne Ravany

    Faço um curso de Téc. em Enfermagem, porém estou querendo mudar de escola pois não estou gostando do ensino da que estudo,mas estou inadiplente(2 Parcelas em atraso)e a escola só quer dá a transferência se eu quitar essas parcelas.
    O que posso fazer para pegar minha tranferêcia? E se a escola persistir em negar como posso resolver?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/11/2011 - 06:41
    Enviado por: Priscila silva Monteiro

    Bom dia quero explicar a minha historia, minha filha estudava em uma escola particular no mes de abril tirei ela da escola e coloquei em outra tbm particular.a diretora da primeira escola não me deu atransferencia dela ate hoje poque fiquei com debito na escola no valor de 450, só que essa escola que hoje ela estuda me dis que ela esta como ouvinte e que se não tiver a matricula não pode receber. só que minha filha esta sendo constrangida na sala de aula.nao faz prova e naõ esta com presença e a diretra diz que lea não fica com nota no boletim mesmo fazendo as provas. estamos no final do ano minha filha de apenas12 anos emtrou em depressão e simplesmente não que mais ir na escola.tem como eu fazer um acordo de notas com os responsaveis da escola de ambas as partes? me ajuda estou perdida sem saber o que fazer.
    obrigada

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/11/2011 - 16:46
    Enviado por: Dirley Veras

    Boa Tarde!
    Estou com um débito referente ao acordo feito no ano passado com a faculdade que estudo, já paguei mais de 90% do curso me encontro no “8º período” o já terminou praticamente só que eu graduarei somente em julho de 2012 pois sou do segundo semestre( não consegui me rematricular por conta desse débito,mas todo mês venho pagando 2 parcelas do acordo, porem fui impedida de fazer provas e se não bastasse não querem me deixar apresentar o TCC ( Trabalho de Conclusão de Curso). E tem mais querem que eu tranque o curso e só concluir quando a próxima turma chegar nesse período.Qual atitude devo tomar?
    Desde de já Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/11/2011 - 21:18
    Enviado por: Lucas

    Boa tarde, eu faço curso de técnico em enfermagem, no Souza Barros, no mês de agosto (Quando comecei) a média da recuperação era 5 (cinco), agora o curso mudou o método da média, agora o aluno tem que tira uma nota qualquer por exemplo, o aluno tirou 4 (quatro) na prova, na recuperação ele teria que tirar 8 (oito) e depois somar e dividir para tirar 5 (cinco) Ou mais, se fosse no método antigo era só tirar 5 (cinco) na Prova de recuperação independente da nota que o Aluno tirou na Prova anterior. Minha duvida é se isso é válido ou não se pode ter esse tipo de mudança. Valeu muito Grato pela atenção!!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 09/11/2011 - 13:30
    Enviado por: Michela

    Olá boa tarde!
    Fazia um curso de informática, e desisti por dois motivos: 1º o curso não era bom e 2º roubaram meu carro que estava estacionado em frente ao curso, pois não há estacionamento próprio, desisti mas não comuniquei a direção, há poucos dias recebi uma carta do SPC/Serasa dizendo que que incluíram meu nome no órgão por conta desta pendência, minha pergunta: a escola tem o direito de fazer isso? pois nem ao menos me mandaram alguma correpondencias informando-me das pendências.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2011 - 07:47
    Enviado por: Anna Tereza L. Caju

    Para quem não pode ou não quer pagar as mensalidades da escola de seus filhos só há dois caminhos: o 1º, colocar o filho em uma escola pública; o 2º, ser acionado judicialmente. Todavia, todos nós sabemos como os mecanismos jurídicos legislados tornam a Justiça lenta e morosa e as Escolas não possuem nem tempo, nem capital para demandar. Está na hora da Presidente Dilma enxergar este problema. Muitas escolas estão fechando em razão dessa inadimplência. E a educação do Brasil está indo para o ralo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/11/2011 - 16:52
    Enviado por: Adriano

    Minha filha de 7 anos foi expulsa da escola (particular) onde estudava pq não renovei a matrícula da minha filha mais velha q fazia faculdade no mesmo estabelecimento, eu tinha algumas mensalidades pendentes e não consegui nenhum acordo onde fui obrigado a pedir transfencia pra ela não ficar sem estudo, diante disso a diretora expulsou minha filha mais nova q tinha bolsa integral, ou seja, ela não cancelou a bolsa simplesmente disse q se a mais velha não fosse renovar a matrícula a pequena também teria q ir embora, e mandou a secretária fazer a transferência dela naquele momento. Existe alguma ação de indenização nesses casos? Uma vez q se trata de uma criança de 7 anos???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/11/2011 - 09:16
    Enviado por: Edu

    Bom dia!
    Em Abril de 2010 eu fiz uma renegociação de divida junto a faculdade (Para que eu pudesse cursar o ultimo ano da faculdade e formar), sendo que a negociação era de uma confissão de divida, na qual o acordo era de uma entrada de R$3.000,00 + 5 parlcelas de 1966,05.

    Eu paguei a entrada de R$ 3.000,00 e as 05 parcelas não foram pagas.

    Hoje após um ano da renegociação a faculdade sem ter feito nenhum tipo de contato sobre a divida pendente, colocou o meu nome no Serasa e enviou a divida para um departamento juridico, de cobrança (Terceirazdo).

    Eu liguei na agencia de cobrança e eles estão querendo que eu pague o valor de R$14.125.59, sendo que a soma dos 05 boletos pendentes era de R$ 9.980,25.

    A cobrança foi reajustada em 40%, está correto?

    Desde já obrigado pela atenção!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/11/2011 - 01:18
    Enviado por: Edileusa

    No ato da matrícula posso pedir declaração de adimplência, se o aluno vinher de outra.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/11/2011 - 01:24
    Enviado por: Edileusa

    Outr duvida como posso cobrar os pais de alunos inadiplentes?
    por isso que muitas escolas estão abrindo falencia por darem coberturas aos inadiplentes.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/11/2011 - 04:35
    Enviado por: monica

    oiee boa noite…
    me tire uma dúvida estudei em um colegio particular fiz da 1 serie, a 4 serie e minha mãe pagou todas as mesalidades,a pois eu terminar a 4 serie o dono do colegio não quis me dar o historico,alegando q estou devendo so que agente pede provas que estãos devendo e ele ñ nos dar,por tanto o colegio falhiu ate ele não quer me dar o meu historico.
    eu conseguir ir para outro colegio so que não posso pegar esse historico do 2 colegio por não tenho do primeiro o que eu faço?!
    me ajundem por favor não sei mais o que fazer….

    responder este comentário denunciar abuso

  • 13/11/2011 - 18:18
    Enviado por: Amanda

    Boa tarde, fiz o 1º semestre do curso de direito e estou em débito com 5 parcelas, por isso, não renovei matricula.Sei que Serão cobradas as parcelas em atraso com juro e mora, porém, eles querem cobrar mensalidades de semestre que não cursei, por não ter trancado ou cancelado, é legal, esse posicionamento da faculdade, como prestadora de serviços, sem ter utilizado o mesmo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/11/2011 - 17:43
    Enviado por: Adriano

    No final do ano letivo de 2010 solicitei a transferência de minha filha de 7 anos da escola onde ela estudava, me negaram a transferência, tentei por diversas vezes e não me deram a documentação pra fazer a tranferência para outra escola, minha cunhada trabalhava no conselho tutelar e como última tentativa, solicitei q ela me acompanhasse, para servir de testemunha, pois eu estava com dificuldades financeiras e não teria condições de manter minha filha naquela escola (particular). Na tentativa de impedir a transferência pra outra unidade escolar, a escola ofereceu bolsa integral de estudo pra q minha filha continuasse naquele estabelecimento, me deram garantia verbal de q ela teria total garantia de estudos até o final do ano, acontece que no meio do ano minha filha foi expulsa sem infringir qq norma do estabelecimento, minha filha sempre foi bem comportada, muito educada e com média acima de 9.0 em todas as matérias, aluna exemplar. Não cancelaram a bolsa, simplesmente expulsaram. Motivo alegado foi pq solicitei a transferência de outra filha q fazia faculdade. Gostaria de saber se isso é um procedimento correto sabendo q isso pode prejudicar seriamente o desenvolvimento escolar de minha filha pelo fato de ser criança??? Que procedimento devo adotar, cabe alguma ação de indenização nesses casos??? Ou devo me calar e deixar que isso continue acontecendo, podendo inclusive vir a prejudicar outras crianças???

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/11/2011 - 12:39
    Enviado por: denisia carla pereira da silva

    o direto da minha escola em um bar junto com um amigo e uma ex-aluna e uma aluna da escola,falou das minhas notas,assunto que era particular,nesse caso o que eu devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/11/2011 - 18:13
    Enviado por: elizabete

    Meu filho estuda numa creche que é mantida pela igreja e recebe uma ajuda da Prefeitura,no inicio do ano ele pediram uma contribuição mensal VOLUNTARIA… e agora que chegou o periodo de rematricula ele querem que essa contribuição esteja em dia.. ou seja virou obrigatoria para rematricula…. esta correto??? eles podem recusar a rematricula por este motivo.. lembrando que a contribuição era voluntaria?????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/11/2011 - 18:28
    Enviado por: elizabete

    meu filho estuda em uma creche mantida pela igreja e que recebe ajuda da prefeitura, no inicio do ano ele pediam uma contribuiçao VOLUNTARIA mensal… agora que chegou o periodo de rematricula ele estao cobrando essa contribução, exigindo que ela esteja em dia para fazer a rematricula.. isto esta correto???mesmo sendo uma contribuição VOLUNTARIA???? posso perder a vaga do meu filho????

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/11/2011 - 22:29
    Enviado por: Shelly

    Olá,
    Sou propríetária de um berçário e ouvir dizer que essa lei só é permitida a crianças a partir da alfabetização,isso é verdade?
    Acho que essas leis favorecem aos caloteiros,quem não pode pagar que vá para a estado.
    Quando era criança sempre estudei pelo estado e nem por isso deixei de ser uma aluna ruim.
    Meu pai não tinha dinheiro para pagar uma particular,mas tem muito caráter para não dever para nenhuma escola.
    Minha aluna não tem nem 2 anos de idade e a mãe não trabalha,será que isso é justo?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 20/11/2011 - 23:53
    Enviado por: Daniela Cristina Domingos Ribeiro

    Olá!
    Eu fiz um curso de aux. de enfermagem numa instituição de ensino durante um ano e meio, paguei todas as parcelas sem atrasar. Depois por questões financeiras tranquei o curso por seis meses. Terminado o tempo o curso foi destrancado e me mandaram três boletos sem me avisar do destrancamento.
    Disseram que meu Cpf ficará com restrição,mas como assim se não tenho nada em atraso.Isso está certo?
    E quando assinei o contrato não me deram a cópia,disse que tenho q pagar 5 reais.
    Agradeço desde Já.

    responder este comentário denunciar abuso

    • 21/11/2011 - 17:11
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Qualquer curso precisa ter o trancamento renovado. Procure o Procon e faça uma queixa para tentar um acordo com a escola.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 22/11/2011 - 09:12
    Enviado por: Raphael

    Bom dia.

    O pai/responsável ainda com pendência de pagamento do ano de 2010, solicitou da escola uma declaração informando que o aluno cursou tal série, em tal ano naquela instituição, com o intuito de matricula-lo em outra instituição.
    A declaração foi emitida constando as informações pedidas.
    Mas, além dessas informações foi colocada uma observação dizendo o seguinte: Responsável pelo aluno com pendência para com a tesouraria da escola. (em fonte menor, a título de informação).
    A escola pode colocar na declaração esse tipo de informação, até para evitar a inadimplência futura e alertar a outras instituições?!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/11/2011 - 01:29
    Enviado por: Mara

    Boa Noite,minha filha de 5 anos estuda em uma escola particular e no início deste mês sofreu agressão fisica grave de 2 coleguinhas,então resolve tirá-la da escola,e solicitei reembolso da mensalidade já paga desse mês e da taxa de matricula paga do proximo ano,mas a escola só quer me delvolver 60% da taxa de matricula e não o reembolso da mensalidade e nem me insentar da mensalidade do próximo mês.A escola tem esse direito? mesmo tendo inflingido os direitos da criança de proteção a sua integridade física.Nesse caso o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 29/11/2011 - 15:05
    Enviado por: suely ribas

    Enviei uma pergunta ontem, dia 28/11/11 e ñ recebi resposta. Necessito, urgentemente, esclarecer esta dúvida. Quando vcs vão me responder? Vcs enviam a resposta pro meu e-mail?
    Obrigada.

    responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário: