Estado.com.br
Quinta-feira, 17 de Abril de 2014
Advogado de defesa
Seções
Arquivos
Tamanho do Texto

Envelope de depósito feito no caixa eletrônico foi violado. Responsabilidade é do banco

Categoria: Assunto do dia, Coluna Josué Rios

JOSUÉ RIOS – COLUNISTA DO JORNAL DA TARDE

Nenhuma empresa pode transformar a relação de consumo em um terreno minado. Assim, quando os bancos “convidam” o senhor Furtado, o Consumidor, para realizar depósitos e transferências rápidas nos seus caixas eletrônicos, essa prática não pode virar uma “pegadinha.”

Muitas vezes, em caso de depósito ou remessa de dinheiro, a quantia que o consumidor coloca no envelope após preenchê-lo e inseri-lo no caixa eletrônico do banco não é a mesma que chega ao destino indicado pelo usuário do serviço.

Por exemplo: são comuns os casos em que o consumidor deposita um determinado valor em dinheiro, destinado a sua conta corrente, e acaba constatando depois que o valor lançado na conta é inferior ao colocado no envelope e “entregue” à máquina, que emitiu o competente recibo do valor correto que foi depositado no caixa eletrônico.

Assim como há casos em que o consumidor remete um cheque para ser depositado numa determinada conta, mas o documento é desviado para conta de terceiro – algum “sortudo”.

E por que me referi antes a terreno minado para o consumidor? Porque em todos os casos em que o usuário do serviço é vítima das citadas perdas. Ao que se sabe, nenhum banco assume a responsabilidade por reparar o prejuízo e o consumidor lesado tem de penar meses ou anos na Justiça para obter a ressarcimento do dano.

Mas, felizmente, quase todos os juizados de pequenas causas e tribunais têm dado ganho de causa aos consumidores e obrigado os bancos a ressarcir as perdas econômicas dos consumidores que tiveram lançamentos em suas contas correntes de valores menores do que aqueles efetivamente depositados.

E a vitória dos consumidores tem ocorrido nesses casos mais uma vez graças à aplicação do Código de Defesa do Consumidor (CDC), utilizado para derrubar o repetido argumento dos bancos. Qual? As instituições financeiras alegam que o consumidor que sofreu a perda é quem deve comprovar o efetivo valor depositado, sem o que não há como reparar o prejuízo.

Só que, para os magistrados, o correto é o inverso do que alegam os bancos. Segundo juízes e tribunais que julgam casos do gênero, não é do consumidor, mas das instituições financeiras o dever de provar o que dizem, ou seja, cabe a estas comprovarem que o valor efetivamente depositado pelo usuário do serviço não foi aquele que consta do recibo emitido pelo caixa eletrônico, mas um valor menor do que o alegado pelo consumidor.

Vale dizer que, com base no CDC, os juízes aplicam a chamada inversão do ônus da prova, transferindo aos bancos a obrigação de comprovar o valor que efetivamente foi depositado nos caixas eletrônicos e chegou ao destino indicado pelo consumidor.

Assim, a inversão do ônus da prova protege a parte mais fraca da relação de consumo. Do contrário, o consumidor nunca teria como ganhar uma causa dessa natureza, caso fosse obrigado a comprovar o valor depositado (e constante do recibo emitido pelo caixa eletrônico) e ainda acompanhar o trajeto do envelope com o dinheiro – desde o momento em que foi “engolido” pela máquina até a hora em que foi aberto pelos funcionários da casa bancária.

Com efeito, atribuir ao consumidor a prova de tais fatos seria converter a relação de consumo num jogo de cartas marcas – cenário de malandragem explícita para beneficiar e manter o poder econômico opressor. E isso o CDC e a boa atuação da Justiça neste caso não permitem.

Quem sofre as lesões citadas não apenas tem o direito ao ressarcimento do prejuízo econômico, como também tem direito à reparação por dano moral em razão dos sérios transtornos sofridos.

Posts Relacionados

  • No Related Post

Tópicos Relacionados

57 Comentários Comente também
  • 18/09/2008 - 17:46
    Enviado por: Walter

    Sexta-feira 12/09/2008 por volta das 10h30min me dirigi até uma agencia da caixa econômica federal no bairro da caxanga, cidade Recife estado Pernambuco, chegando lá perguntei a atendente que procedimento deveria tomar para depositar R$1.000,00 (Hum mil reais ) em dinheiro, sou cliente assíduo da caixa econômica costumo realizar depósitos quase toda semana tendo em vista que tenho um pequeno comercio na região e esta conta e onde realizo as movimentações, perguntei a atendente por se tratar de um valor mais alto do que o de costume, a mesma me informou que eu deveria me dirigir a qualquer caixa eletrônico para realizar o deposito, assim o fiz preenchi o envelope, fui até um terminal e depositei o montante, guardei o comprovante e fui para o meu trabalho normalmente. Por volta das 15h00min do mesmo dia recebo uma ligação dizendo que é uma funcionária da agência querendo confirmar o valor que tinha sido depositado, informei a mesma que o tinha sido depositado o valor de 1.000,00 (Hum mil reais) a mesma me informou que eu estava equivocado e que no envelope só havia R$ 100,00 ( cem reais ) , duas notas de R$50, 00( cinqüenta reais ), que seu eu quisesse fosse até a agencia procurar o gerente ou entrasse na justiça, assim que desliguei me dirigi até a agencia onde havia realizado o deposito, chegando lá fui direcionado até uma gerente de atendimento que preencheu um questionário e me deu o prazo de 15 dias para ser realizado uma investigação interna afim de apurar o que havia acontecido, ao sair da agencia fui até a delegacia de polícia mais próxima e prestei queixa, ao sair de lá liguei para ouvidoria da caixa econômica e informei o acontecido, logo depois liguei para ouvidoria do banco central e também contei o ocorrido, todos eles me deram números de protocolos que foram devidamente registrados. Na segunda feira dia 15/09/08 por volta das 17h30min recebi um telefonema do gerente geral da agencia o mesmo queria saber o que tinha acontecido, pois tinha recebido uma notificação da ouvidoria da caixa econômica e não sabia do que se tratava, contei o fato que havia acontecido e o mesmo me informou que o banco entraria novamente em contato comigo, Terça-Feira dia 16/09/08 recebo uma ligação da gerente geral da agencia Verônica a mesma que me recebeu no primeiro dia e me fez preencher um questionário, me informou que já tinham o resultado do processo e que eu poderia passar da agencia assim que preferisse para ser esclarecido o ocorrido. Quarta Feira dia 17/09/08 por volta das 10h30minmin fui ate a agencia chegando lá a gerente me mostrou uma gravação onde havia pessoas abrindo vários envelopes e contando dinheiro, depois me mostrou outra gravação onde eu estava preenchendo o envelope, eu pedi a mesma a gravação onde eu estava no cash contando o dinheiro e inserindo no envelope ela fez uma ligação mandando procurar a gravação e falou que entrava em contato comigo, diante mão disse que tinha sido apurado que não havia nenhum erro e que eu procura-se meus direitos. Aqui estou R$ 900,00 (Novecentos reais) mais pobre e ainda levando nome de ladrão e doido. O que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 11/07/2011 - 16:23
      Enviado por: Joaquim Ferreira

      Olha caro amigo Walter, passei por este mesmo problema, minha mãe depositou R$ 400,00 quatro notas de cem e me apresentaram um envelope com uma letra que nada tinha a ver com a da minha mãe e creditaram na minha conta um valor de R$ l0,00, pedi informações e a resposta é que eu teria que provar que havia quatro nota de R$ 100,00.
      Provar como? Entrei na justiça pedi gravação, nunca mandam algo que possa comprometer a eles, o processo segue des de abril de 2009 já tive genho de causa o resarcimento do valor faltoso corriguido mais uma indenização por danos morais de R$ 5.000,00 recorreram. ganhei de novo~não pagaram pedi execução de sentença no mes de abril de 2011, estou aguardando mas uma hora sai.
      O certo é entrar na justiça o PROCON é um órgão sério eu não pedi indenização mas vc. pode pedir até 40 salário minimos de indenização.
      OBS. Só cuidado com os advogados, as vezes chuta contra o patrimonio.
      Abraço e boa sorte.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 08/10/2008 - 08:47
    Enviado por: Beatriz

    Walter, ñ sou especialista no assunto mas estou passando por um problema parecido com o seu, só q o meu é ainda mas polemico pois o meu depósito, ñ gerou comprovante provisório de depósito em dinheiro,passei pelas mesmas humilhações q vc e agora tenho provar q ñ sou uma ladra nem doida.Tive q abrir um processo na justiça federal e digo para vc faser o mesmo só serve justiça federl pois a caixa só compete a esse orgão jugalo, ñ desista va a luta dos seu direitos.Entra no sit do TRF q lá tem o endereço da onde vc deve ir.A minha audiência está marcada para 11/08 em nome de Jesus sairei vitoriosa dessa luta e vc tb.Boa Sorte fique com Deus.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/03/2009 - 11:32
    Enviado por: andreia

    Oi meu nome é andreia e aconteceu um fato desagradavel comigo,porem no sei se tem solução,eu depositei 700 reais na conta de uma pessoa que eu estava pagando para relizar um serviço para mim,na quinta feira pela manha as 11:15 no banco do Brasil no caixa eletrônico,e esse dinheiro não caiu na conta dessa pessoa ela me informou,fui até o banco pedir explicação e eles me pediram para pegar e levar o extrato dela ,mas eu falei com ela e ela disse que não podia me dar extrato sem o mandato judicial do juiz,ou seja tem medo de roubo da conta,mas me disse que com o mandato ela me daria,agora o que faço,ser`que o banco não tem que arcar com a minha perda já que eu estou reclamando e ver a conta dela já que é a mesma agencia?ou seja o mesmo banco?eles tem acesso a odas contas por que eu tenho que levar extrato?achei humilhação,só gostaria de saber a verdade,e se poder me ajudar ,gostaria de saber o que poderia fazer ,o valor,e que eu devo fazer,obrigado andréia de pinhais

    responder este comentário denunciar abuso

    • 15/08/2011 - 21:26
      Enviado por: janaina

      Não, não tem como o banco te dar informações de uma conta que não é a sua, se alguém pode ver este extrato somente a dona da conta, e pra lhe mostrar SÓ com autorização judicial.
      Se o banco fizer isso a dona da conta pode abrir processo por quebra de sigilo bancário, vc já ouviu falar nisso?

      responder este comentário denunciar abuso
  • 19/05/2009 - 19:50
    Enviado por: karine

    NO dia 02 de maio de 2009, realizei um depósito de 574,00 no Unibanco, mas só me dei conta de que havia digitado o valor errado dois dias depois quando minha prima tirou o extrato e viu o valor de 374.00, digitei o valor errado e nem me dei conta. Imediatamente fui ao banco eles me disseram que a contagem dos envelopes era tercerizada e que demoraria uns 12 dias pra ver se tinha dado alguma diferença, retornando ao banco me disseram que não tinha nenhuma diferença e que eu deveria pedir a microfilmagem da abertura dos nvelopes quedemoraria mais 30 dias. No meu caso há algum recurso se eles baterem o pé e disserem que não achou nada?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 03/07/2009 - 20:58
    Enviado por: Marcos

    Estou passando por um problema. Efetuei o deposito no valor de R$3.000,00 no caixa eletronico do banco do brasil onde foi estornado e creditado somente o valor de R$2.000,00 em conta. Apos o corrido, liguei ao banco onde me atendeu um dos funcionarios, que fez questão de perguntar para a pessoa que fazia a conferencia sobre o respectivo valor depositado, e a mesma alegou ter sido R$2.000,00. Esse deposito foi feito no dia 26-06, e este tefefonema foi feito no dia 03-07, porque somente neste dia fui me dar conta do ocorrido, e fiquei pasmo com a resposta tão rápida da pessoa, alegando eu estar errado. Muito boa a memoria do rapaz e tenho certeza que foi ali que ele provou estar disposto a fazer qualquer tipo de resalva para livrar a sua cara. Ainda estou
    verificando quais medidas a tomar. Se alguem puder me dar uma luz eu agradeço

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/07/2009 - 01:20
    Enviado por: sonia helena

    EU ESTOU ABORRECIDA POIS NA PRESSA FUI EFETUAR UM DEPOSITO EM MINHA CONTA SO QUE AO DIGITAR NO CASO A CONTA SERIA EX 34045 DIGITEI 3445-MESMA AGENCIA E EM SEGUIDA FIZ UM AGENDAMENTO DE PAGAMENTO E TIREI UM EXTRATO E NÃO CONFERI O RECIBO DO ENVELOPE POSTADO SO NO FINAL DO MES VERIFIQUEI QUE EU ESTAVA COM SALDO NEGATIVO E HOJE PEDI UM NOVO EXTARO E NÃO HAVIA ENTRADO O DEPOSITO E PARA MINHA SURPRESA EU HAVIA DEPOSITADO EM CONTA ERRADA E ATEH CONSTA O NOME DO QUE RECEBEU MEU DEPOSITO SENDO QUE NÃO O CONHEÇO O QUE FAZER…QDO FAZ DEPOSITO NO ENVELOPE VC ANOTA O NOME DE QUEM DEPOSITA E NUMERO DE CONTA QUE VAI RECEBR DEPOSITO E TB O VALOR…SERÁ QUE FICAREI NO PREJUIZO SERAH QUE A PESSOA VAI ME DEVOLVER O MEU DIRINHEIRO JAH QUE NÃO LHE PERTECENCE.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 08/07/2009 - 17:47
    Enviado por: Fernando

    Eu queria saber o que fazer, pois minha mae de 70anos estava tomando um remedios entregue errado de uma farmacia em Recife, e estava dando efeitos colaterais,o remedioa que entregaram a ela era pra uma pessoa que estivesse um depressao muito forte, queria saber a que orgao devo decorrer, pois se ela tivesse morrindo, tomando um medicamento dado por um farmaceutico.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/08/2009 - 19:36
    Enviado por: IRIS (visitante)

    Eu gostaria de saber o seguinte,vendi o meu carro e o rapaz ficou de fazer o deposito em minha conta,só que ele fez dois depositos ambos no valor de 1.500,00 e pegou dois comprovantes isso no banco real no dia 13/07 dai fiquei verificando no meu extrato e vi que só tinha entrado um valor de 1.500,00 e faltava o outro valor de 1.500,00 liguei pro banco e eles me disseram que iria verificar o que estava acontecendo e para eu não ter nem um tipo de problema eles fizeram um extorno pra minha conta no mesmo valor.só que hoje dia 04/08 eles me ligaram e disseram que não havia nenhum valor no envelope mas que eu esperasse mais dois dias para eu ver a filmagem,gostaria de saber se posso confiar nesta filmagem pois o rapaz jura que depositou o dinheiro e eu realmente não sei o que fazer e se na filmagem o envelope estiver vazio e o rapaz continuar dizendo que fez o deposito o que eu faço por favor me ajudem estou muito angustiada com tudo isso e se eles retirarem este valor de 1.500,00 na minha conta estarei perdida.

    RESPOSTA DO BLOG: O comprador tem de apresentar os dois comprovantes de depósito. Se isso ocorrer, houve falha do banco. Se ele não conseguir mostrar os dois comprovantes, então você tem problemas.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 04/08/2009 - 19:55
    Enviado por: IRIS

    Os comprovantes estão comigo só que eles alegam que pode-se efetuar deposito de qualquer valor no caixa eletronico no envelope. agora o negocio é ! têm dinheiro no envelope?a maquina reconhece se teve dinheiro no envelope ou não? olha só um depósito foi feito em uma maquina e o outro deposito foi feito em uma outra maquina vizinha fico até meio de grilo porque ele não fes os depositos na mesma maquina?o banco pode retirar este valor da minha conta mesmo eu tendo os comprovantes? agradeço pela resposta.um grande abraço.

    RESPOSTA DO BLOG: Se o banco oferece o serviço de depósito em caixas eletrônicos, tem de ter meios de garantir a autenticidade dos mesmos, ou seja, tem de ter meios de verificar se houve ou não o depósito, se havia ou não dinheiro no envelope. Se o dinheiro não aparecer, é o caso de fazer o boletim de ocorrência e responsabilizar o banco pelo sumiço do dinheiro ou o comprador por fraude ou mesmo roubo.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/09/2009 - 17:23
    Enviado por: Sergio Mafort

    Depositei um valor na conta de uma empresa que havia desativado o contrato de seu representante responsável pelas premiações que eu pagava aos meus funcionários.

    Eles não me devolveram o dinheiro e não dão respostas o que devo fazer?

    RESPOSTA DO BLOG: Contrate um advogado e processe os responsáveis.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/09/2009 - 21:37
    Enviado por: Thiago

    O cliente fez um deposito em cheque na boca do caixa(Unibanco), mais o caixa na hora do deposito digitou o valor a maior e quando o cheque foi para o banco de origem(Banco do Brasil) , o banco acatou o cheque.
    Neste caso de quem e a responsabilidade , do caixa que digitou errado ou do banco do cliente que acatou o cheque.

    RESPOSTA DO BLOG: A responsabilidade pelo problema é do banco, não importa quem tenha cometido o erro.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 21/09/2009 - 22:44
    Enviado por: Raquel Cesar de Oliveira

    Fiz um saque na “boca”do caixa do banco do Brasil
    A funcionaria contou o dinheiro rapidamente o qual tentei aconpanhar com os olhos a contagem,julguei ser o valor sacado.Ela me perguntou se queria que colocasse no envelope visto que era mil e quinhentos reais que seriam depositado em outro banco.Disse que sim então colocu no envelope e grampeou.Não abri o envelope ate chegar na outra agencia onde seria depositado o dinheiro.Ao abrir qual não foi minha surpressa haviam apenas mil reais.
    Não depositei e voltei imediatamente ao Banco do Brasil para relatar meu problema.Tive que esperar ao fechamento dos caixas e quando terminaram falaram que não havia sobrado tal importancia.Fiz uma carta que foi protocolada pelo banco mas de forma estou mentindo porque esse dinheiro não sobrou nos caixas.Fquei lesada,fiquei com a conta do banco que não depositei estourado até cheque voltou,e fiquei como mentirosa e acusada de querer bancar a espertinha e roubar o banco em quinhentos reais.Em todos os lugares que fou todos foram unanimes em dizer que´eu sou culpada!Que horrivel a gente ser roubada e não ter direito a nada!Os lesadores estão com tudo e não estão prosa.Lamentavel!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/09/2009 - 12:40
    Enviado por: Adriano barboza

    Bom dia, gostaria de uma informação, fiz um deposito no caixa eletronico do bradesco em cheque no valor de 2330,00, e estão alegando que o envelope estava vazio, e o pior de tudo que o deposito era para meu patrão, e estou passando por constrangimentos, o que devo fazer, pois eu sei que coloquei os cheques no envelope, obrigado

    RESPOSTA DO BLOG: Vai ter de ir à Justiça provar que fez o depósito, reúna os documentos e as provas e contrate um advogado.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 05/10/2009 - 15:54
    Enviado por: Alexandre

    Olá Adriano, eu sou advogado em Maringá no Paraná e estou fazendo uma ação de uma cliente que teve uma situação idêntica a sua. Ela fez um depósito no caixa eletrônico de um grande banco privado e o gerente do mesmo afirma categoricamente que o envelope estava vazio.
    Todavia, em casos assim, o Código de Defesa do Consumidor diz que o banco é quem deve provar que o envelope estava vazio, através de filmagens ou outro meio lícito.
    Vale dizer que o simples depoimento dos funcionários do banco de que na abertura o envelope estava vazio não prova que você não colocou dinheiro no envelope e não tem muito valor jurídico porque se sabe que o maior compromisso do empregado é com seu emprego e não 100% com a verdade.
    Dessa forma, não podemos deixar que os bancos, as empresas de telefonia, etc., enriqueçam ilicitamente sobre nós consumidores.
    Aconselho que você procure um advogado de confiança e entre com uma ação, a qual, dependendo do valor (até 40 salários mínimos) pode ser impetrada no Juizado Especial Cível – pequenas causas, sem custas iniciais).
    No caso da minha cliente, ela depositou os valores para cobrir débito com o próprio banco, então, além do dano moral pela inscrição da mesma no SCPC, estamos pedindo a devolução em dobro de foi duplamente cobrado dela.
    Espero ter esclarecido um pouco.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 14/10/2009 - 21:25
    Enviado por: wilson

    boa noite. Fiz um depósito no banco Bradesco no dia 10/10/09 no valor de R$ 1.000,00 no caixa rápido pois era no sábado. Ao tentar na primeira máquina veio a mensagem de “terminal em manutenção. Dirija-se ao caixa ao lado” e assim fiz logo que um usuário desocupou-o. Digitei número da agência, conta e valor, apareceu a tela para confirmar com os dados corretos e confirmei, porém não conferi o ticket de comprovante de depósito. Hoje, 14/10/09 para minha surpresa, nada de dinheiro na conta e conferindo o ticket, estava o nome de outra pessoa com o número da conta totalmente diferente. Não era nada de número próximo, era totalmente diferente mesmo!!! E aí, recorrendo ao Bradesco, não fizeram absolutamente nada, não informaram dados do sujeito da conta para que entrasse em contato e o Bradesco diz “ter tentado” contato com o mesmo e não obteve sucesso. Diz que se o sujeito quiser devolver, ele devolve. Se não quiser, não é obrigado a devolver. Tenho o comprovante, e aí, o quê posso fazer? já registrei um BO na polícia civil, perdi um dia inteiro e o banco NÃO QUIZ DEIXAR-ME CONVERSAR COM O GERENTE, e perdi um dia inteiro no banco. Vvou ao procon amanhã e ao ministério de pequenas causas. Senhores, alguém tem alguma idéia do que eu ainda posso fazer para que eu seja ressarcido? Acho que fui vítima de um golpe tipo aqueles que hackeiam o caixa, talvez tivesse algo plugado ao caixa pelo suposto usuário anterior… sujeri isto à atendente do banco e ela disse de forma arrogante “você tem como provar isto?” bem cárspica e irônica. Agradeço se tiverem algo que possa ajudar-me. Paz em Jesus Cristo!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 17/11/2009 - 15:38
    Enviado por: Felipe

    nossa e eu aki fazendu deposito de altos valores caixa eletronico, nunca mais!! e eu perdi um recibo de deposito, no caixa eletronico, e tava pensando em fazer outro deposito, porem com o envelope vazio kkkkkkkkkkkk nem mortinhoO…

    foi de muita avalia todas as duvidas…
    e esclarecimentoOs..

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/12/2009 - 17:28
    Enviado por: Antonio Reginaldo dos Santos

    No dia 18.12.2009 efetuei um deposito no Banco do Brasil da Avenida Tancredo Neves, em Salavador-Bahia no valor de R$ 1.125,00, retirei o comprovante com o valor correto. Porém, o destinatário constatou que foi creditado na sua conta apenas R$ 625,00. Visto que a situação que passo agora é igual a todas as outras citadas no blog, gostaria que mim orientasem como proceder para restituir os R$ 500,00 restantes. Tenho em mãos o comprovante e o fornecedor pode sim ceder o extrato bancário como provas. Se houver algum advogado que venha a se interessar pela causa mim procure no e-mail, logo a questão não é apenas a quantia, mas também a dignidade e a moral do cidadão que esta sendo lesado…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 30/12/2009 - 17:31
    Enviado por: DORIVALMIRANDA DE JESUS

    BOA TARDE.
    A EMPRESA AONDE EU TRABALHO TEM UMA CONTA NO BANCO DO BRASIL AONDE ELA DEPOSITA OS SALARIO DE FUNCIONARIO,E EU CANCELEI A CONTA QUE A EMPRESA TEM MAIS ABRI UMA OUTRA NO BANCO DO BRASIL MAIS COM O MESMO NUMERO DE AG.
    SO QUE A EMPRESA ME DISSE QUE NÃO PODE SER DEPOSITADO EM OUTRA CONTA A NÃO SER SE FOR AQUELA QUE ELES DEPOSITAM.
    SEM MAIS P/O MOMENTO
    DORIVAL

    responder este comentário denunciar abuso

  • 02/01/2010 - 10:48
    Enviado por: MARCOS ALVES DE PAULA

    Bom dia!
    No dia 29/12/2009, ao solicitar um extrato na CEF agência Madureira-RJ, para confirmação de saldo credor e posterior saque, para compra de rémedios para minha hipertensão e jogar na mega-sena da virada, fui supreendido, pois o caixa eletrônico, não finalizou a operação me liberando a quantia que eu solicitei, mui embora a quantia seja de R$24,00, o valor conforme orientação de uma atendente foi debitado em minha conta de poupança, reclamei então com ela dizendo que não tinha nenhum comprovante que prova-se o ocorrido, ela me pediu para e após alguns minutos me entregou um comprovante assinado pelo gerente do ocorrido, me assegurando que o direito estaria liberado, após 24 horas, o que eu protestei, mais se efeito algum, acontece que hoje dia 02/01//2010, me dirigi a uma outra agência da CEF no Meier-RJ, e ainda não depositaram meu valor, me sinto constragindo por tudo isto, inclusive porque fiquei esperando até que atendente volta-se com uma resposta do gerente por favor que fazer.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/01/2010 - 11:09
    Enviado por: Simone Araujo

    No dia 11/01/10 fiz um depósito na Agência do Banco do Brasil da Rua Joaquim Floriano para minha irmã, no dia 16/01/10 ela tirou o extrato e disse que nenhum valor foi creditado em sua conta, fui ao Banco que efetuei o depósito no dia 18/01/10 e expliquei a situação, o funcionário puxou o número do envelope e na tela apareceu “ENVELOPE MIGRADO”, ele disse que não sabia o que era, e pediu para sua estagiária verificar com a “Dani” o que era aquilo, e estagiária com “muita vontade” foi e me informou que segundo a “Dani” o valor foi creditado, mas eu tenho extrato que comprova que não, ele me falou que havia duas possibilidades caiu na conta o dinheiro ou o envelope estava vazio, até onde tenho conhecimento, porque sou leiga neste assunto o banco tem que me informar se o envelope estava vazio, por isso eles pedem o telefone e nome do depositário.
    Depois deste feito, me sinto impotente de mãos atadas, funcionários sem o mínimo de interresse de ajudar..e o pior duvidar que o envelope estava vazio, mas o banco possui uma camera de segurança e se eles analisarem a filamgem do dia, eles vão me ver contando as notas colocando dentro do envelope e efetuando o depósito.
    Diante o relatado o que devo fazer?

    RESPOSTA DO BLOG: Faça um boletim de ocorrência e denuncie ao Procon.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 25/01/2010 - 14:49
    Enviado por: Aldinei

    o banco do brasil se recusa a receber deposito na boca do caixa, diz que eu tenho que fazer no envelope, dai se nao tenho o dinheiro trocado a moça tem que ir la no caixa trocar e me trazer para eu depositar, nao é estranho? dai liguei no procon aqui de Indaiatuba e me disseram que é isso mesmo, tem que depositar no envelope.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/01/2010 - 17:07
    Enviado por: Raquel Soares

    Saquei a quantia de 2.500,00 em uma agência do BB, o caixa contou o dinheiro 2 vezes e eu confiei, ele colocou num envelope e eu fui até uma agência da Caixa, que fica enfrente lá o caixa conferiu e só tinha 2.480,00. Quando retornei ao BB para falar que estava faltando 20,00 o caixa que me atendeu disse que no fechamento ia ver se tinha diferença e que no dia seguinte eu passasse lá pra conferi, só que a caixa do lado já foi logo se metendo e dizendo que só podia aceitar reclamação se fosse nua hora.
    Gostaria de saber se tenho direito em relação á isso.
    Me senti desrespeitada e a lição maior que aprendi foi que devemos conferi sempre e mais de uma vez.

    Aguardo resposta breve.

    RESPOSTA DO BLOG: Você pode até reclamar, mas como não conferiu na hora, terá poucas chances de sucesso.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 11/07/2010 - 16:30
    Enviado por: Olá

    Olá,tenho uma conta corrente no barnco do Bradesco e eles depositaram um valor para cheque especial em minha conta sem que eu pedisse , e agora todod mes eles debitam desse dinheiro o valor da minha fatura do cartão de credito . Posso abrir um processo contra ele. Grata pela atenção

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/07/2010 - 11:16
    Enviado por: edsmilson

    Bom dia:
    Gostaria de saber se existe uma lei que proiba um cliente fazer um deposito na boca do caixa, pois aquelas maquinas eletronicas são simples equipamentos manuseados por pessoas que são falhos e de segunda intensões, gostaria de obter esta resposta. Obrigado

    responder este comentário denunciar abuso

  • 16/08/2010 - 21:15
    Enviado por: pedro

    boa noite!eu depositei r$1000 reais num caixa ,o envelope entrou praticamente inteiro (nao tinha como resgatar)logo em seguida apareceu operaçao nao pode ser completada e depois operaçao cancelada,e nao saiu nenhum comprovante
    o que devo fazer?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/08/2010 - 09:19
    Enviado por: Lilian

    Boa tarde. Uma conhecida foi ao BB para fazer depósito de R$1500,00. Após preencher os dados do envelope com o dinheiro percebeu que o envelope havia desaparecido no balcão onde são preenchidos os dados de depósito. O que devo fazer? Faço B.O.? O Banco pode ver as câmeras de segurança e ajudar-me a achar o culpado do desaparecimento do meu dinheiro? O BB pode resarcir a perda?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 24/08/2010 - 14:21
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça um boletim de ocorrência, mas vai ser uma luta para tentar fazer com que o banco faça o ressarcimento. Em nosso entendimento, a pessoa foi vítima de furto pela própria desatenção, então o banco não tem culpa. Entretanto, há advogados que pensam o contrário. Entre em contato com o banco e tente negociar, senão só resta o Procon e a Justiça.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 13/10/2010 - 19:29
    Enviado por: jose

    Aconteceu comigo algo semelhante ao do amigo Pedro logo acima, no dia 09/10 realizei um saque de e logo após fui fazer o deposito na conta de minha esposa no valor de 300,00, logo que a maquina “puxou o envelope” deu uma mensagem de erro e não saiu o comprovante. Ao chegar em casa minha esposa acessou o internet banking e la estava o numero de identificação e o numero da operação realizada, mas ainda assim não constou como vinculado, o que seria o normal. Hoje dia 13/10 tiramos um extrato e o dinheiro não foi lançado na conta e os numeros de identificação simplesmente sumiram, foi como se tivessem apagado qualquer ação realizada no dia 09. O que fazer nesse caso??? Será que tenho alguma chanse se entrar na justiça?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 18/10/2010 - 14:46
    Enviado por: Glauber

    Boa Tarde,
    Fui depositar uma quantia no caixa eletronico e quando estava preenchendo um cidadão deixou cair umas moedas ao meu lado para distração, enquanto o mesmo fazia troca dos envelopes. Depois descobrir que havia depositado um valor muito menos do que eu tinha colocado. O banco tem obrigação de ressarcimento nesse caso???
    Desde ja agradeço,

    responder este comentário denunciar abuso

    • 18/10/2010 - 15:46
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Em nossa opinião, não, porque você foi ludibriado, não prestou a atenção. O banco não poderia ser responsabilizado. Entretanto, há juízes que entendem o contrário, pois acreditam que, se o estelionatário age dentro do espaço do banco, mesmo que externo, na área dos caixas eletrônicos, então o banco tem responsabilidade. Não entendemos desta forma. Portanto, procure um advogado de confiança e veja a conveniência de acionar o banco por conta de seu prejuízo.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 25/10/2010 - 10:58
    Enviado por: Andréa

    olá,bom dia
    fiz um depósito de R$200,00 no caixa eletrônico na sexta feira antes das 16hs,pois, precisava que esse dinheiro estivesse na minha conta para eu poder pagar umas passagens de viagem .A atendente on line da gol falou que eu só poderia efetuar esse pagamento através do tel no crédito ou no aeroporto no débito e até o sábado 18hs e qual foi minah surpresa : antes de ir ao aeroporto descobrir que o valor ainda não havia compensado,liguei para o itaú e eles falaram que não podiam fazer nada,só segunda foi uma “indisponibilidade da agÊncia” fiquei muito nervosa ,pois, perderia o prazo para efetuar o pagamento e garantir as passagens,fui atrás de algumas pessoas que pudessem me emprestrar o dinheiro realizando uma trasnferÊncia para minha conta, até que meu irmão pode fazer isso por mim e eu pude garantiur minhas passagens após muito estresse. Gostaria de saber se isso pode gerar um processo no juizado de pequenas causas por todo transtorno causado ou não vale a pena. Detalhe: já são 10:57 da segunda e o dinheiro ainda não foi compensado. Por favor, aguardo ansiosa por orientação. Grata, Andréa

    responder este comentário denunciar abuso

    • 25/10/2010 - 16:59
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Faça uma reclamação no Procon e acione op banco no Juizado Especial Cível pedindo indenização por danos morais.

      responder este comentário denunciar abuso
  • 09/11/2010 - 09:44
    Enviado por: elaine albuquerque

    olá bom dia fiz um deposito ontem na caixa de 50,00 reais mais o comprovante nao saiu entao estou sem saber o que fazer alguem poderia me ajudar obg!!!!!!!!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/11/2010 - 15:42
    Enviado por: Marcia

    Olá boa tarde. Fui fazer um deposito no Banco do Brasil e como de costume dirigi-me ao caixa interno da agencia. Cehgando no guiche o funcionário informou que os depósitos só poderiam ser efetuados pelo caixa eletronico. Pelo que li em outra postagem nao existe lei que autorize esse tipo de procedimento de impedir a pessoa de fazer o depósito direto no caixa, nesse caso como fazer valer o meu direito? É o procon que deve notificar o banco a respeito de tal pratica “ilegal”?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/01/2011 - 21:13
    Enviado por: Roniele dias

    Ola boa noite. Fui fazer um deposito no banco do bradesco, coloquei no envelope a quantia de R$ 270.00 reais, mas no
    envelope descrevi a quantia so de R$ 170 reais, quando me dei conta ja tinha depositado, voltei ao banco e informei o erro a moça que trabalha no banco, ela me disse q não tinha problema algum eles iriam corrigir e colocar o valor exato do envelope
    o que seria os R$ 270.00 reasi, mas quando fui ver no outro dia meu extrato a surpresa so tinha caido nas conta os R$ 170,00 reias, esperei uma semana para ter a resposta deles para averiguar o acontecido, mas ao voltar no banco eles me disseram q no envelope so tinha esta quantia de de R$ 170,00
    e mais nada, uma dura mentira por parte deles.
    oq eu devo fazer por favor me ajudem isto ja virou uma questão moral por minha parte. desde ja agradeço.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 10/02/2011 - 00:25
    Enviado por: samuel andeson

    OI BOA NOITE…
    FIZ UM DEPOSITO EM DINHEIRO NO DIA 05/02 E HOJE,09/02 FUI VERIFICAR MEU SALDO E PRA MINHA SURPRESA NÃO CONSTAVA O DEPOSITO QUE FIZ, MESMO TENDO SE PASSADO VÁRIOS DIAS…
    GOSTARIA DE SABER COMO DEVO PROCEDER PARA SER RESSARCIDO, E SEM EM CASO DO BANCO ( CXA.ECONOMICA) NÃO ME RESSARCIR, QUE ÓRGÃOS POSSO RECORRER E TAMBEM QUERIA SABER O PRAZO LEGAL EM QUE EU DEVERIA SER RESSARCIDO PELO DANO…

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/02/2011 - 15:07
    Enviado por: Janaina

    Olá!
    No dia 14/02/2011 fizeram um depósito em cheque na minha conta, por envelope. A pessoa me mandou uma cópia do comprovante, onde constam os dados do banco (agência e número) e o meu nome, tudo certinho.
    Acontece que hoje já é 19/02 e o dinheiro não foi para a minha conta nem no extrato consta o depósito.
    No dia em que foi feito o depósito, o número da agência mudou. Pensei que pudesse ser esse o problema, mas outra pessoa me depositou um cheque também por envelope e foi compensado.
    O que pode ter acontecido? O que devo fazer?
    Grata
    Janaina

    responder este comentário denunciar abuso

  • 24/05/2011 - 01:31
    Enviado por: LEVI FALCAO MACEDO

    BEM OBRIGADO POR ESSA OPORTUNIDADE.

    VEJA FIZ UM DEPÓSITO NO BRADESCO EM 23.05 AS 15:30 HORAS, PRECISAVA BAGAR UM BOLETO NO MESMO DIA, MAIS COMO NÃO TIVE TEMPO DURANTE O DIA RESOLVI PAGAR A NOITE PELA INTERNET.
    JÁ ERA 20:58 E O DINHEIRO AINDA ESTAVA BLOQUEADO, LIGUEI PARA INSTITUIÇÃO BANCO BRADESCO, MAIS SÓ ESCUTEI DESCULPAS E QUE O BANCO TERIA ATÉ AS 24:00 DO MESMO DIA PARA EFETUAR A LIBERAÇÃO, SÓ CONCEGUI FAZER O PAGAMENTO AS 23:39 COM ADVERTENCIAS AMEAÇADORAS DO BANCO ATRAVÉS DE UM FUNCIONARIO QUE PARECIA NERVOSINHO, COMO SE ESTIVESSE ME FAZENDO UM FAVOR.

    REFLITA: REIVIDIQUE SEUS DIREITOS RECLAME DIVULGUE, CONFIRA TUDO NA SUA CONTA, NÃO FAÇA DEPÓSITO EM CAIXA ELETRÔNICOS. E MAIS VOCÊ VAI QUERER UM BANCO ASSIM PARA TRABALHAR COM O SEU DINHEIRO?
    ACHO QUE NO FUTURO BEM PRÓXIMO FAREI UM CANAL SOMENTE PARA RECLAMAÇÕES E NEGATIVAÇÃO POPULAR DE INSTITUIÇOES PRESTADORAS DE SERVIÇOS QUE NÃO RESPEITAM SEUS CLIENTES.
    OBRIGADO

    responder este comentário denunciar abuso

  • 07/06/2011 - 11:16
    Enviado por: jose carlos da silva

    Os bancos precisam redobrar os cuidados. Existem muitos “Clientes” desonestos, vagabundos e que querem se aproveitar do Código do Consumidor para dar golpes em instituições financeiras. Depositam o envelopes vazios e declaram uma determinada quantia, pegam o comprovante e correm para a Justiça se o banco não acatar o depósito. Coisa de jeitinho brasileiro. Se colar, colou.

    responder este comentário denunciar abuso

  • 15/08/2011 - 17:32
    Enviado por: Fabricio

    Boa tarde,

    Fiz um depósito no caixa eletrônico do Banco do Brasil no dia 10/08/11 e até hoje não caiu na minha conta, conferir o comprovante que constavam todas as informações corretas(conta,Ag, nome e valor),fui até a Ag onde fiz o depósito no dia seguinte(11/08) e a gerente AG mim garantiu que o depósito seria feito no mesmo dia, é isso não aconteceu,ligue inumeras vezes e nada, ficam mim jogando de um pro outro e garantindo que vão faz o depósito até que a gerente disse que deu um erro na empresa respónsavel pela operação(erro esse que eu desconheço), em fim, gostaria de saber se posso abrir uma ação judicial por danos morais causados?

    Obrigado!

    responder este comentário denunciar abuso

  • 01/09/2011 - 13:35
    Enviado por: Monique

    Boa Tarde,

    Fiz um depósito de 300 reais em dinheiro no Banco do Brasil e se passaram umas duas semanas até que a pessoa favorecida me ligou dizendo que o dinheiro não havia entrado na conta.Fui ao BB saber o que havia ocorrido.A moça verificou no computador e nada encontrou e então anotou meu telefone e disse que no dia seguinte me ligaria para me dar a resposta.No dia seguinte fui informada que meu envelope estava vazio.Sendo que eu mesma fiz o depósito e posso garantir que não estava.Escutei ate dos próprios funcionários que isso não daria em nada.O que devo fazer??

    responder este comentário denunciar abuso

  • 19/10/2011 - 10:57
    Enviado por: GILMARA OLIVEIRA

    No dia 11/10/2011 fui ao caixa eletrônico sacar uma quantia, e o meu cartão do banco foi engolido pelo caixa eletrônico, o banco estava em greve, mas existia funcionários lá dentro, comuniquei com o segurança do banco no qual ele chamou um funcionário para falar comigo através do vidro que separava, isto depois de 40min, 1º pelo vidro um funcionário me perguntou aonde eu havia colocado o cartão na maquina, me senti constrangida, mas mostrei o local, ele retornou para dentro do banco e lá fiquei aguardando um bom tempo acionei o guarda novamente para que alguém me atendesse, depois veio uma funcionária dizendo ser caixa do banco e que nada poderia fazer por mim e que olharam atrás da maquina onde eu estava e não tinha cartão nenhum, ela disse pra mim que a máquina havia danificado meu cartão ou então que eu inseri o cartão errado na máquina, a disse que isto era impossível pois eu já era cliente do banco há anos e estou acostumada a lhe dar com cartões de banco, ela mandou eu ligar para o fone Itaú para cancelar o meu cartão, mais uma vez me senti constrangida pelo o que ela falou para mim, como se eu fosse leiga, sai do banco fui a delegacia fazer um BO e o policial se omitiu em fazer o BO, dizendo que o meu caso era eu procurar um advogado e entrar com danos civis se eu quisesse, enfim fiquei sem o meu cartão. Consegui depois de horas cancelar o meu cartão pelo fone Itaú no qual com muito custo eu consegui falar. Gostaria por gentileza o que devo fazer, vale apena procurar um advogado e entrar na justiça?

    responder este comentário denunciar abuso

  • 27/10/2011 - 22:21
    Enviado por: Ana Cristina

    O meu problema é o seguinte, fui até uma agencia do bano itau pela manha eram umas 8:40, após colocar 1550,00 na envelope dei conta de q havia digitada 1.500,00 no comprovante, entao peguei e fiz um mesmo deposito cm 1 envelope vazio e digitei o valor correto, ( como a agencia estava fechada ainda nao tinha como pedir ajuda a algum atendente) achei q ia dar tudo certo, mas 1 dia depois ligou a pessoa favorecida perguntando pq foi estornado 1550,00 de sua conta e dizendo q entrou na conta apenas 1500,00. oq faço???? coloquei o valor de 1550,00 no envelope simmm. alguem sabe como posso proceder? oq fazer neste caso?

    responder este comentário denunciar abuso

    • 27/10/2011 - 23:44
      Enviado por: Marcelo Moreira

      Peça informações ao banco. Se não houver resposta, faça uma denúncia no Procon. E aproveite e leia o texto da reportagem.

      responder este comentário denunciar abuso

Deixe um comentário:

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo